Ordem de trabalhos1. Horário de trabalho do professor bibliotecário2. Processo de avaliação da BE: principais.alterações p...
HORÁRIO DE TRABALHO DOPROFESSOR BIBLIOTECÁRIO
Horário de trabalho doprofessor bibliotecárioProfessores do 1.º ciclo9 horas para apoios educativos3 horas de componentein...
Horário de trabalho doprofessor bibliotecárioProfessores do 2.º/3.ºciclos e secundárioa) Componente letiva (x horas)b) Com...
PROCESSO DE AVALIAÇÃODA BE
Processo de avaliação da BE3 fases distintas• 1.ª fase – 24 de outubro a 15 de janeiro;• 2.ª fase – de 16 de janeiro a 15 ...
Processo de avaliação da BE1) Escolha do domínio a avaliar; registo do   domínio selecionado na aplicação   informática e ...
Processo de avaliação da BE3) Identificação de todas as fontes de evidências   a que deve recorrer-se para poder avaliar a...
Processo de avaliação da BE5) Estabelecimento de um calendário e   metodologia para a aplicação de   questionários e lista...
Processo de avaliação da BE7) Registo na aplicação dos dados e   informações relevantes que forem sendo   recolhidos e col...
SERVIÇO DE BIBLIOTECANOS AGRUPAMENTOS DEESCOLAS
Serviço de biblioteca nosagrupamentos de escolas• Ao(s) professor(es) bibliotecário(s) cabe gerir as  bibliotecas escolare...
Serviço de biblioteca nosagrupamentos de escolasA gestão e liderança assentam:• na definição das competências específicas ...
Serviço de biblioteca nosagrupamentos de escolas• Equipa da biblioteca escolar do agrupamento:  – PB  – docentes designado...
O PB NOS AGRUPAMENTOSDE ESCOLAS
O PB nos agrupamentos deescolas• Mapear a coleção e inventariar  equipamentos e materiais, com vista a  uma gestão partilh...
O PB nos agrupamentos deescolas• Trabalhar articuladamente com departamentos e  docentes.• Garantir a partilha de materiai...
O PB nos agrupamentos deescolas• Implementar o empréstimo domiciliário em articulação  com o docente da turma.• Assegurar,...
PLANO DE FORMAÇÃO DE PBE FUNCIONÁRIOS PARA 2012
Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação – «Gestão integrada da  BE no agrupamen...
Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação – «Biblioteca escolar:  desafios no con...
Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Oficina de formação - «Biblioteca escolar  2.0»• Nº de ho...
Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação - «Avaliação da  Biblioteca escolar: um...
Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação - «Redes concelhias de  bibliotecas: co...
Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal não docente:• 1. Organização e funcionamento da BE. Recursos e   Se...
OUTROS ASSUNTOS
Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares
Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares                        1                               2   O...
Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares
Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares          2 1
Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares
Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares
Reunião de de professores bibliotecários de Cascais
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Reunião de de professores bibliotecários de Cascais

894 views
814 views

Published on

0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
894
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Reunião de de professores bibliotecários de Cascais

  1. 1. Ordem de trabalhos1. Horário de trabalho do professor bibliotecário2. Processo de avaliação da BE: principais.alterações para o ano letivo de 2011-12.3. Serviço de biblioteca nos agrupamentos deescolas.4. Plano de formação de professores bibliotecáriose funcionários para 2012.5. Outros assuntos.
  2. 2. HORÁRIO DE TRABALHO DOPROFESSOR BIBLIOTECÁRIO
  3. 3. Horário de trabalho doprofessor bibliotecárioProfessores do 1.º ciclo9 horas para apoios educativos3 horas de componenteindividual23 horas na biblioteca
  4. 4. Horário de trabalho doprofessor bibliotecárioProfessores do 2.º/3.ºciclos e secundárioa) Componente letiva (x horas)b) Componente individual (xhoras)c) Componente de biblioteca(horas restantes até 35) • Trabalho direto com alunos • Preparação de atividades • Trabalho de gestão • Participação em reuniões
  5. 5. PROCESSO DE AVALIAÇÃODA BE
  6. 6. Processo de avaliação da BE3 fases distintas• 1.ª fase – 24 de outubro a 15 de janeiro;• 2.ª fase – de 16 de janeiro a 15 de abril• 3.ª fase – de 16 de abril a 15 de agostoPossibilidade de visualizar e descarregar dados egráficos de forma independente em cada uma dasfases.Comparação e análise da evolução de resultados emdiferentes momentos de observação de alunos
  7. 7. Processo de avaliação da BE1) Escolha do domínio a avaliar; registo do domínio selecionado na aplicação informática e parametrização dos instrumentos que o compõem2) Análise dos Indicadores, Fatores Críticos e Níveis de Desempenho que indicam e servem de base de referência dos aspetos a avaliar no âmbito do domínio selecionado, para saber o que está em causa nesta avaliação específica;
  8. 8. Processo de avaliação da BE3) Identificação de todas as fontes de evidências a que deve recorrer-se para poder avaliar a BE naqueles aspetos (documentação, instrumentos, dados estatísticos, outros;4) Verificação nas diferentes fontes, das questões ou tópicos que irão contribuir para a obtenção de evidências e resposta a cada aspeto em avaliação no domínio dado;
  9. 9. Processo de avaliação da BE5) Estabelecimento de um calendário e metodologia para a aplicação de questionários e listas de verificação (domínio D) uma ou duas vezes, consoante opção de cada escola;6) Definição dos contextos e calendarização da aplicação de grelhas de observação e de análise de trabalhos (domínios A, B e C), de forma a poder estabelecer-se um ponto de partida que sirva de base de comparação para as observações posteriores e permita medir os progressos realizados através do contributo da BE;
  10. 10. Processo de avaliação da BE7) Registo na aplicação dos dados e informações relevantes que forem sendo recolhidos e coligidos, de modo a facilitar o balanço intercalar do trabalho desenvolvido pela BE em cada período letivo.
  11. 11. SERVIÇO DE BIBLIOTECANOS AGRUPAMENTOS DEESCOLAS
  12. 12. Serviço de biblioteca nosagrupamentos de escolas• Ao(s) professor(es) bibliotecário(s) cabe gerir as bibliotecas escolares e serviço de biblioteca dirigidos a toda a população escolar do agrupamento.• Nos agrupamentos com mais do que um PB devem ser definidas as responsabilidades individuais e a partilha de tarefas de uma forma equilibrada, prevendo o trabalho colaborativo entre todos os professores bibliotecários, independentemente do nível de ensino. Os professores bibliotecários são co- responsáveis pela liderança e gestão das bibliotecas e serviço de biblioteca no agrupamento.
  13. 13. Serviço de biblioteca nosagrupamentos de escolasA gestão e liderança assentam:• na definição das competências específicas de cada professor bibliotecário;• no cumprimento de um plano de ação comum às bibliotecas do agrupamento;• na organização e gestão integrada de recursos humanos e materiais;• na conceção de documentos reguladores uniformizados;• no desenvolvimento de trabalho em rede – cooperação/ parcerias a nível interno (escola e agrupamento) e externo (comunidade, biblioteca municipal).
  14. 14. Serviço de biblioteca nosagrupamentos de escolas• Equipa da biblioteca escolar do agrupamento: – PB – docentes designados de acordo com o ponto 2 do art.º 4.º da portaria 756/2009; – coordenador de estabelecimento do 1.º CEB/JI ou outro docente do agrupamento, para cada uma das escolas do 1.º CEB com BE; – assistente(s) operacional(is), com perfil adequado à função Esta equipa é coordenada por um dos professores bibliotecários, designado pelo diretor, o qual deverá, representar a BE no Conselho Pedagógico.
  15. 15. O PB NOS AGRUPAMENTOSDE ESCOLAS
  16. 16. O PB nos agrupamentos deescolas• Mapear a coleção e inventariar equipamentos e materiais, com vista a uma gestão partilhada dos recursos do agrupamento.• Identificar, em consonância com o diretor, as responsabilidades individuais e as tarefas a desenvolver por cada um dos professores bibliotecários.• Atribuir tarefas aos membros da equipa.
  17. 17. O PB nos agrupamentos deescolas• Trabalhar articuladamente com departamentos e docentes.• Garantir a partilha de materiais produzidos e de atividades entre as diferentes escolas do agrupamento.• Disponibilizar serviços de circulação de fundos (incluir PNL) e/ou equipamentos às escolas do 1.º ciclo que não possuem um espaço físico de BE, proporcionando condições de igualdade de acesso a recursos acrescidos e condições de trabalho.• Implementar estratégias de trabalho com as escolas do 1.º ciclo, ainda que sem espaço físico para o serviço de biblioteca, e a BE.
  18. 18. O PB nos agrupamentos deescolas• Implementar o empréstimo domiciliário em articulação com o docente da turma.• Assegurar, tanto quanto possível, em regime de rotatividade, a presença de um docente nas BE do 1.º ciclo nos intervalos com maior duração.• Procurar soluções entre os parceiros locais (associação de pais, autarquias, outros).
  19. 19. PLANO DE FORMAÇÃO DE PBE FUNCIONÁRIOS PARA 2012
  20. 20. Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação – «Gestão integrada da BE no agrupamento»• N.º de horas: 15h• Público alvo: PB a trabalhar no e com o 1.º ciclo• Nota: Esta ação vai ser disponibilizada na plataforma RBE em formato livre.
  21. 21. Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação – «Biblioteca escolar: desafios no contexto da escola atual»• N.º de horas: 25 h• Público alvo: PB novos/equipas/direção…
  22. 22. Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Oficina de formação - «Biblioteca escolar 2.0»• Nº de horas: 25 h + 25 h• Público alvo: PB/equipas
  23. 23. Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação - «Avaliação da Biblioteca escolar: uma estratégia para a melhoria»• N.º de horas: 25 h• Público alvo: PB a definir pelo GRBE
  24. 24. Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal docente:• Curso de formação - «Redes concelhias de bibliotecas: construção de parcerias»• Público alvo: PB• N.º de horas: 25 h
  25. 25. Plano de formação de PB efuncionários para 2012Pessoal não docente:• 1. Organização e funcionamento da BE. Recursos e Serviços• 2. Tecnologias de Informação e Comunicação. Apoio aos utilizadores• 3. Gestão e tratamento de documentação/informação• 4. A biblioteca escolar na sociedade em redeCursos de formaçãoN.º de horas: 25 hPúblico alvo: assistentes operacionais a trabalhar na BE/técnicos eoutros funcionários
  26. 26. OUTROS ASSUNTOS
  27. 27. Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares
  28. 28. Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares 1 2 Os dados de login são os usados no PNL e na plataforma de avaliação
  29. 29. Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares
  30. 30. Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares 2 1
  31. 31. Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares
  32. 32. Outros assuntosSistema de informação das BibliotecasEscolares

×