Narrativas
NarrativasAlunos do 1º AdministraçãoEEEPAvelino MagalhãesTabuleiro do NorteJunho de 2013
“ O saber a gente aprende com os mestres e os livros. A sabedoria se aprende é com a vida e oshumildes.”Cora Coralina
Colaboradores1º AdministraçãoProfessora Loângela MartinsProfessora Natália PaulaNTE – CREDE 10Centro de MultimeiosNúcleo G...
PrefácioEste livro narra várias histórias criadas pelos alunos do 1º administração , nas aulas deredação. Ele tem o intuit...
UMA NOITE INESQUECIVELEra uma noite muito linda o céu estrelado e Fernanda tava com as amigas na festa de aniversario da s...
Os três anos dentro daquele reformatório se passaram rapidamente, eles terminaram o 2º grau e osdois entraram na universid...
crianças e foi ate seu pai e disse que queria estudar ele disse que era bobagem, então ela falou com a mãe,ela disse a mes...
asseitou.Aos dezessete anos Rejane engravidou e Francisco teve que para de estudar e trabalhar com seupai de ajudante de p...
César Carlos– 1º AdministraçãoA PRIMEIRA NAMORADA DE CARLOSCarlos era um menino muito legal,ele tem 15 anos ,mas tem uma c...
Lucas fica triste e se sente culpado pelo acontecimento e pede desculpas por ter convidado Joãopara entrar no mar. Os dois...
morreu de câncer ,com o passar do tempo ,eles e a mãe deles estiveram em uma situação muito ruim eteve que se separarem ,u...
- Há! Minha existência não tem sentido. Tenho um amor que nunca vi, mais sei que existe e que me amatambém, disse um dos p...
-Por que não o envenenamos? DISSE A COBRAE todos gostaram da última sugestão, e duas semanas depois, o rei morreu envenena...
UMA HISTORIA DE AMORUma bela menina que se apaixonou por um menino que se chamava Marcelo, mais esse amor veiocom varias c...
– Elliot. –Disse em voz baixa, passando a mão no rosto para tirar a água da chuva.Elliot envolveu as mãos na de Lane. O ca...
o dia não sai de casa e trabalhava a noite. No anoitecer de domingo Jonas escutou vozes vindas da casa deCarlos, começou a...
conseguia um simples ee humilde emprego pois não aguentava mais ver seus pais sofrendo e nãoconseguia ver seus irmãos pass...
Larisse – 1º AdministraçãoGABRIELLYEra uma vez uma menina chamada Gabrielly, ela morava com sua irmã mais nova, que secham...
Depois que se conheceram, o sinal toca, e os dois vão para a sala de aula, e percebem que vãoestudar juntos. Depois da esc...
no caminho certo.conheci uma pessoa que goste de mim e que eu também goste.abri espaços para quenovas pessoas entrassem na...
Logo eles chegaram lá na casa, essa casa não era igual às outras ela tinha uma vibração tenebrosas,más ele não se importou...
apaixonou perdidamente e aconteceu o mesmo com Beatriz, ao longo do tempo eles foram seaproximando e começaram a namorar, ...
todo canto e não encontaram ninguém a casa estava do jeito que as meninas tinha deixado o som ligandoa porta aberta estava...
que fazer uma única escolha salvar a seu filho e deixar que todos morram... ou deixar que seu filho morrapara salvar a tod...
que ela era,Os dias foram se passando e seus irmãos começaram a usar droga, roubavam e davam muito trabalhopara dona Rosa,...
Tálysson - 1º AdministraçãoTUDO ERRADOEra tudo confuso, ela já não conseguia entender mais nada, não estava mais suportand...
O MENINO QUE JUNTAVA LATINHAEra uma vez um menino que juntava latinha e ia todos as manhãs vender latinha e um dia umasenh...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Livro de admnistração

684 views

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
684
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
144
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Livro de admnistração

  1. 1. Narrativas
  2. 2. NarrativasAlunos do 1º AdministraçãoEEEPAvelino MagalhãesTabuleiro do NorteJunho de 2013
  3. 3. “ O saber a gente aprende com os mestres e os livros. A sabedoria se aprende é com a vida e oshumildes.”Cora Coralina
  4. 4. Colaboradores1º AdministraçãoProfessora Loângela MartinsProfessora Natália PaulaNTE – CREDE 10Centro de MultimeiosNúcleo Gestor da EEEP Avelino Magalhães
  5. 5. PrefácioEste livro narra várias histórias criadas pelos alunos do 1º administração , nas aulas deredação. Ele tem o intuito de que todos possam conhecer como funciona nossas aulas deredação através das produções dos nossos alunos. Mesmo que ainda com pequenos passos,mas com o objetivo de aprimorar estas produções.
  6. 6. UMA NOITE INESQUECIVELEra uma noite muito linda o céu estrelado e Fernanda tava com as amigas na festa de aniversario da suaprima Márcia, quando chegou um rapaz te chamando pra dançar e ela foi, dançou durante umas duasmúsicas quando parou que voltou para onde tavão suas amigas sentou um pouco para descansar ao selevantar chama as meninas para irem comprar churrasco e na volta ela se encontra com seu primo Marcosque ela considerava como seu irmão com seus colegas no meio desses colegas tinha um que lhe chamoumais atenção só que ela não comentava isso com ninguém .E Fernanda junto com as meninas voltam praseu canto as meninas terminaram de comer,chegar novamente o mesmo rapaz chamando, Fernanda pradançar de novo. Fernanda estava um pouco cansada mais não quis dizer um não e aceitou dançar e aoretornar a mesa suas amigas percebem que Fernanda tá um pouco diferente mais não comentam nada eficam só observando. Até que chegar alguns colegas de suas amigas e tiram elas pra dançarem eFernanda fica só de olho no amigo do seu primo, ai no dia seguinte o menino liga pra ela e elesconversam, e marca um dia pra se encontrarem, quando chega o dia Fernanda Gustavo ficam muitosnervosos quase não conseguem conversar mais graças a deus deu tudo certo e até hoje eles namoram esão muito feliz.Aline – 1º AdministraçãoO RUIM PODE FAZER BEMUma garota de 16 anos chamada Jaqueline apelidada de Jack que apesar de tão pouca idade játinha feito tantas loucuras em sua vida mais sua ultima loucura um ato de vandalismo muito serio fez seuspais Lucia e José decidirem mandar ela para um reformatório.Ao chegar lar, um lugar que sô em olhar já dava medo o que Jack faria naquele local, sem amigos,namorado, seus pais e principalmente sem tecnologia. Logo ao entrar naquele local arrepiante, ela não seagradou de ninguém, mas seria ali que ela ficaria ate o fim do seu 2º grau. Todos os dias de segunda asábado ela teria nove aulas, na sua imaginação passava turbilhões de pensamentos, pois antes das cincoaulas que tinha gazeava três, odiava leitura, e discutia com colegas e professores.Aos poucos, ao passar de cada aula ela foi conhecendo os alunos e professores, mais continuavaodiando aquele local de aparência tão ruim mais enfim conheceu um garoto que fez seus olhos brilharcomo nunca havia acontecido antes, será que ela começava a se apaixonar por Davi o garoto oposto a ela.Certo domingo, por um encontro casual na biblioteca, eles conversaram e Davi aconselhou queJack começa se a ler livros, pois os livros mudariam seu modo de pensar e ele seria a companhia perfeitapara ela. Como o passar dos dias ela começou a gostar dele e da literatura mais ainda. Mais Davi sofriacalado, pois também gostava dela mais não tinha coragem de dizer. Mais em certa manhã de sol, em umlugar reservado e escondido eles acabaram se beijando e os dois viram que se amavam e queriam ficarjuntos.
  7. 7. Os três anos dentro daquele reformatório se passaram rapidamente, eles terminaram o 2º grau e osdois entraram na universidade de literatura. Já estavam noivos, ela escreveu um livro sobre o seu passadoque lhe rendeu grandes prêmios e fãs, ali começava sua linda carreira de escritora, tudo em sua vidamudou radicalmente e eles foram felizes para sempre.Alana Tersya– 1º AdministraçãoSERÁ QUE A VIDA É MESMO JUSTA?A vida é resumida em nascer, crescer, se reproduzir e morrer. Mais nem todos conseguem que o ciclo desua vida seja assim. Por que os bons morrem cedo? – algumas pessoas dizem que é por que sua missão naterra acabou. Fico me perguntando se isso é verdade. – será que todos nos temos realmente uma missão?Vários amigos que já se foram, que não tiveram nem se quer a chance de vencer na vida, algunspor descuido, outros por fazerem coisas erradas, e outras por que Deus quis leva-los.Um caso real, Valton Junior aos 18 anos desenvolveu uma doença, a leucemia durante quase 4messes em um hospital ele passa por uma seção de quimioterapia, logo em seguida ele retorna a sua casa.Mais ele continua fazendo retorno regulamente para o tratamento. Mais depois de um tempo ele tem umarecaída, após mais um mês em um hospital, ele entra para a segunda seção do tratamento. Mais uma vezele volta pra casa, após 4 messes em casa mais uma recaída, e retorna novamente ao hospital, para aterceira seção do tratamento, após a aplicação ele é dirigido ate a UTI, na qual não conseguiu sair de lácom vida.Ele se foi aos 19 anos, deixando pai, mãe, irmãs, primos, tios, tias e avos; deixando também todosos seus sonhos de ter uma família, um bom emprego e uma vida melhor para seus pais.E então, existe tanta maldade no mundo, e os bons morrem cedo. Será que a vida é mesmo justa?Amanda– 1º AdministraçãoISABELLAEra uma vez uma garotinha que vivia com sua família numa casa feia e muito acabada pelo tempo,ela sofria muito por que seus pais não há deixava estudar, por isso ela começou a estudar a estudarsozinha quando o seu irmão ia para escola e seus pais iam para o trabalho, então Isabela pegava livros quetinha no quarto do irmão e tentava ler, começou a conhecer as letras sem nenhuma ajuda, e com o tempoela aprendeu, um dia depois que todos saíram ela foi até a biblioteca fez um cartão com passe livre parapegar qualquer livro, ela pegava de variados tipos, e o final da semana devolvia e paga muitos outros, eassim foi amor a primeira vista pela leitura, assim a menina quis frequentar a escola, mas como? Se seusPIS não a deixavam ir, então ela buscou e foi atrás leu livros que continha as leis que se referiam as
  8. 8. crianças e foi ate seu pai e disse que queria estudar ele disse que era bobagem, então ela falou com a mãe,ela disse a mesma coisa, então mostrou no livro que tinha uma lei que dizia que todas as crianças teriamque o direito de estudar, então eles a matricularam em uma escola que era municipal, na escola conheceuuma garota chamada clara, ema menina negra e muito bonita, ela contou tudo o que Isabela tinha quesaber sobre a escola, os aluno, professores e o diretor Wilson que detestava crianças ele achava que aspobres crianças eram muito nojentas que só comiam besteiras e que eram dependentes dos adultos porisso que elas eram grudentas e irritantes pois gritavam e corriam por todos os lados ele achava que elaspoderiam causar acidentes gravíssimos, por tanto tudo o que as crianças faziam ele as colocavam numquarto escuro e traçava com a chave que pendurava no pescoço,e todos os dias ele fazia uma Vistoria paraver se as crianças traziam brinquedos, e reza a Lenda que quem trazia Brinquedos ele o quebrava nafrente de toda a classe, a classe que ela estudava era muito bonita e enfeita assim que o senhor Wilsonchegava todos escondiam os enfeites da sala e colocavam globo e mapas então ele chegava olhava e iaembora e todos faziam a festa, certa vez o diretor pegou Isabela e Clara brincando de boneca, então ele asprendeu lá no quarto escuro, onde tinha ratos, baratas e aranhas, as duas ficaram abraçadas o tempo todomorrendo de medo do que poderia acontecer com elas, algum tempo depois a professora Cristiane aprofessora mais educada e doce da escola, ela havia pegado a chave com o diretor depois de tanto pedirele a deu, depois de abrir a porta as meninas saíram correndo e abraçaram a professora com tanta forçaque quase acaba o fôlego da queria professora Cristiane, depois as levou para suas casas pois já tinhapassado do horário de ir para casa, as mães das meninas ficaram muito bravas mas a professora explicoutudo, então Isabela e Clara com todos os colegas da escola bolaram um plano para dar uma lição nodiretor, e deram mesmo, fizeram ele sair correndo da escola e nunca mais voltou, mas a historia não aindanão terminou Isabela ainda não se sentia feliz, ela teve uma grande ideia de ser adotada por sua professorapreferida, então como ela tinha lindo livros daqueles que os advogados estudam as leis, ela fez umdocumento para que ela fosse adotada, um dia ela estava na casa de Cristiane quando chegou seus pais eseu irmão querendo leva-la embora da cidade por motivos de trabalho de seu pai, então ela fez seus paisassinar o documento, e Isabela agora é feliz com sua nova e amada mãe.Ana Rísia – 1º AdministraçãoO MENINO BATALHADOR.Na pacata cidade de Tabuleiro do Norte, nasceu um menino chamado Francisco José AndradeTeófilo filho de Terezinha Andrade e Nabor Teófilo. Ele aos dez anos já trabalhava para ajudar sua mãe,ele trabalhava de verdureiro e criava uns porcos no sitio da família, ele era o mais velho dos tês irmãos,Francinildo Teófilo e Carlina Andrade, Francisco estudava e trabalhava mais ele não era muito bom naescola, ele só tirava notas baixas.Sua diversão era criar pássaros e caçar pois era pobre e não tinha dinheiro para comprarbrinquedos. Aos quinze anos se apaixonou por uma menina que se chamava Rejane, mais o pai dela eramuito bruto e não queria asseitar o namoro, mais ele lutou e conseguiu conquistá-lo e finalmente seu pai
  9. 9. asseitou.Aos dezessete anos Rejane engravidou e Francisco teve que para de estudar e trabalhar com seupai de ajudante de pedreiro ele passou por muitas dificuldades até se torna mecânico de uma oficina,Rejane engravidou outra vez e Francisco teve que viajar para trabalhar fora da cidade, melhorou muito ascondições financeiras, compraram a casa própria e Francisco estava muito feliz em ser batalhador e serum exemplo para seus dois filhos pois ele nunca estudou mais sempre foi um homem bom e honesto quesempre pratica o bem.Bruno– 1º AdministraçãoA CORRIDANo dia 15 de Abril de 2003 minha família se mudou para uma cidade chamada Tabuleiro do Norte,quando chegamos lá eu tive que me adaptar com a nova casa e a nova escola e etc.Um dia eu estavasentado na janela e sempre via um monte de meninos andando de bicicleta, naquela época eu ainda nãosabia andar, foi então que eu decidi tomar uma decisão e pedi uma bicicleta de presente a minha mãe,quando a bicicleta chegou eu quase não acreditei, aquela era a minha primeira bicicleta, ela era linda melembro como se fosse hoje. No começo quando tentei andar eu sempre caía, não conseguia andar nemum metro, não conseguia compreender.Como os outros conseguiam e eu não, mas com um tempo eu consegui aprender, dai para frentefoi bem fácil.Alguns dias depois, aqueles mesmos meninos passaram em frente lá de casa, eu parei eperguntei o que eles estavam fazendo, eles disseram que estavam treinando para a corrida, que aconteciauma vez a cada mês atrás da escola, perguntei se podia participar e eles disseram que sim, só que euprecisava ajudar na reconstrução da pistinha para a corrida, porque na corrida passada os meninos maisvelhos tinham destruído a pista.Logo de cara concordei com a ideia e juntos fomos para a pistinha,quando chegamos tivemos bastante trabalho para reconstruí-la, tivemos que fazer novas rampinhas,também limpamos todo o percurso da pistinha curva por curva.Quando as aulas começaram eu estava ansioso pois aquele era meu primeiro dia na escola etambém na corrida, os treinos sempre aconteciam após as aulas. Quando foi no primeiro dia de treino paraa corrida, eu já não estava muito bem, logo que começou eu levei um tombo bem grande e cheguei emcasa com o joelho todo ralado minha mãe ficou muito brava e disse que eu não podia mãos correr.No diaseguinte eu nem liguei para o que ela tinha dito e voltei a treinar para a corrida sem minha mãe saber, nofinal do mês finalmente chegava o grande dia, minha primeira corrida no campeonato da escola, quando acorrida começou tinha uma rampa muito perigosa e um monte de corredores caíram, eu fui esperto econsegui desviar deles chegando em segundo lugar logo atrás de um aluno grande, não foi tão ruim euconseguir o segundo lugar, mas quando cheguei em casa e minha mãe viu a medalha, ela pegou o sinto domeu pai, bem acho que vocês já sabem o que aconteceu.
  10. 10. César Carlos– 1º AdministraçãoA PRIMEIRA NAMORADA DE CARLOSCarlos era um menino muito legal,ele tem 15 anos ,mas tem uma coisa que Carlos não gosta,por nãoter uma namorada ai os amigos dele ficavam tudo zoando dele.Carlos tenha um problema muito grande poriso não arranjava uma namorada,porque ele era muitotímido e não tinha coragem de chegar em nenhuma menina,mas um dia ele chamou o seu pai paraconversa sobre isso, seu pai ficou muito feliz por Carlos pedir ajuda a ele , seu pai vários conselhos a ele,e Carlos disse que ia ter coragem e ia chegar nas meninas.Na escola de Carlos ia haver uma festa e alguns amigos dele chamou Carlos,e ele aceitou o convite efoi,quando chegou la deu umas voltinhas e quando sentou na mesma avistou uma linda menina queparecia ser tímida,ele pensou muito e foi ate onde ela tava começaram a conversa o nome dela e clara ,Carlos chamou clarapra dança e dançaram a festa quase todos e se divertiram muito ,e no final da festa a coisa mas esperadade Carlos, o beijo que estava para acontecer, e Carlos beijou clara e pediu ela em namora e ate hoje sãomuito felizes.Chaiane– 1º AdministraçãoPASSEIO DE FERIASUm certo dia um menino chamado João foi convidado para um passeio de férias na praia, aochegar lá conheceu um amigo que se chamava Lucas, os dois passaram por muitas aventuras comopasseio de barco, pescaria e etc. Numa manha ensolarada eles andavam na beira da praia, der repenteLucas chamou João para tomar banho, os dois se impressionaram com as ondas e resolveram olhar maisde perto.Certa hora Lucas sentiu falta de seu amigo e começou a gritar pelo seu nome, desesperado sai aprocurar e encontra um velho pescador que ali morava, e contou toda a historia que havia acontecido. Ovelho diz que onde eles estavam era uma área muito perigosa, assim os dois saem a procurar. Horas sepassam e nenhuma noticia, e saem novamente. Der repente o velho pescador ouviu gritos de desespero ese direcionam a eles. Ao olhar para frente Lucas ver João se afogando e tenta ajuda-lo, mais não conseguedevido não saber nadar, sai correndo em direção ao pescador que estava em sua cabana e diz queencontrou João, o pescador pega seu barco e sae em busca de João no meio do mar, mais as maresestavam muito alta e dificultou a chegada, ao conseguirem resgatar João já se encontrava desmaiado, maiscomo o pescador já tinha um pouco de conhecimento levou para a beira e fez movimentos para suamelhora. Com muito tempo depois João abre os olhos e se assusta ao ver o velho, e pergunta onde ele estáe Lucas explica tudo e João agradece ao pescador por ter salvado sua vida.
  11. 11. Lucas fica triste e se sente culpado pelo acontecimento e pede desculpas por ter convidado Joãopara entrar no mar. Os dois saem para casa, ao chegar la sua mãe pergunta como foi seu dia na praia eJoão conta todo o acontecimento. Sua mãe fica preocupada mais também diz obrigada a Lucas por ter idoatrás do pescador que salvou a vida de seu filho.Cleirton– 1º AdministraçãoAMOR PRA VIDA INTEIRA!Era uma vez duas crianças que estudava na mesmo escola, mas morava em lugares diferentes, elessó tinha mais afinidade na escola e as classe de vida deles eram bem diferentes.Mariana e Benicio era o nome deles, Mariana era uma menina que sua família não tinha condiçõese ela era rica em beleza, ela era uma menina muito esforçada nos estudos e sua mãe trabalhava numafábrica de roupa e fazia de tudo para dar os estudos para ela, fazia hora extra e chegava em casa altashoras da noite, e Mariana em casa aguardando a chegada da mãe com muita pena dela, avistava ela delonge e ficava muito Pensativa, a mãe se aproximava e ela foi encontra e abraçou a mãe e disse ; - Mãeum dia agente vai sair dessa vida, acredite em mim! Sim filha enquanto eu estiver viva estarei do seulado! Ta bom! Filha, vamos entrar que amanhã você tem que ir pra aula. Me conte como foi sua aula hojee seu amigo como ta? Mãe ela é muito legal comigo, não sei o que ele vê em mim, a vida dele é bemdiferente da minha o estio de vida dele é muito social a família dele é muito rica! Filha pare com issovocê não tem dinheiro mais tem honestidade, ta bom vamos dormir.Amanheceu o dia sua mãe muito feliz aprontou o café da manhã e acordou mariana pra irmerendar e ir pra aula, ela levantou e merendou e logo em seguida foi pra escola lá encontrou Benicio, aieles começaram a conversar. Ele disse para ela que a admirava por sua honestidade, sua inteligência e porsua beleza. Passou alguns meses e eles continuaram bem amigos, até que um dia ele disse que a amava,ela ficou muitos surpresa pois achava que não tinha capacidade de conquistá-lo por que ele era rico e elaera pobre, depois disso tudo eles começaram a namorar e eram bem felizes, depois de anos que elesnamoravam os dois terminaram os estudos, mariana terminou a faculdade de administração e Benicio deengenhara civil, os dois se casaram, fizeram uma linda e a mãe dela ficou bem feliz pelos dois, Marianatirou a mãe daquela vida agora só mariana que trabalhava para dar tudo de bom a mãe, depois de três anoseles dois tiveram um filho e foram bem felizes até o fim da vida.Daiara– 1º AdministraçãoUM ENCONTRO DE DOIS IRMÃOA historia que eu vou contar são dois irmãos que depois de muito tempo encontraram. Elesmoraram juntos ate 12 anos de idade ,eles moravam a mãe e o pai quando eles tinham 4 anos o pai deles
  12. 12. morreu de câncer ,com o passar do tempo ,eles e a mãe deles estiveram em uma situação muito ruim eteve que se separarem ,um foi morar com os avós paternos que morava em uma cidade vizinha ,e o outrofoi morar com a mãe na casa dos avos maternos ,e todo final de semana eles passavam juntos com passardo tempo ,a avó paterna se mudou de cidade mas longe ,então não tinha como eles se verem por que assituações que eles estavam não tinha como eles se verem,mas sempre eles mantinham contatos porcartas e por telefone ,depois de 6 anos eles poderão se ver ,por que a avó voltou para a cidade que estava,e tabem eles voltaram a morar junto ,porque a situação que eles estavam melhorou e dai em diante elesnunca se separou.Diego – 1º AdministraçãoUMA GRANDE AMIZADEMinha vida sempre foi rodeada de alegrias,brincadeiras,amores e tudo que uma criança gosta. Eunão era de sair muito pois tudo que eu precisava estava perto de mim como os meus pais,amigos e escola.Quando completei onze anos, fui estudar em outra escola bastante diferente do meu antigo colégio,não por ficar em outra localidade mas por ter uma grande quantidade de alunos, e por terem umaintimidade que eu não entendia.Nunca imaginei que garotos e garotas poderiam ser amigos ou mesmo melhores amigos mas meenganei, pois estava começando uma amizade muito bonita com um garoto e nem imaginava que seriameu melhor amigo.O tempo foi passando e nossa amizade foi ficando cada vez mais forte pois Luan era muito especial,pensei que estava me apaixonando por ele, mais foi ao contrario ele que estava me olhado com outrosolhos.Nossa amizade estava ficando estranha eu o sentia mais distante de mim, não queria magoá-lo entãoresolvi dar uma chance a ele, mais não deu muito certo, continuamos com nossa amizade mais é claroestávamos mais distantes.No meio do ano eu me aproximei mais dele não era como no começo da nossa amizade mais as coisastinham melhorado, ate que um dia resolvi participar das quadrilhas e em um dos ensaios que aconteceuna escola por uma bobagem nós discutimos e nossa amizade tão bonita acabou.Elane – 1º AdministraçãoO AMOR IMPOSSIVELNem todo amor tem jeito, nem todo amor é possível. Vou contar a minha história do amor impossivel.
  13. 13. - Há! Minha existência não tem sentido. Tenho um amor que nunca vi, mais sei que existe e que me amatambém, disse um dos personagens que não posso identificar agora.Então o outro personagem falou: Há! Minha amada queria que você pudesse escutar minhas palavras, mais só quem podeescutar sou eu.Queria que soubesse que assim como você falou eu também te amo.Esse casal não podia se ver, pois o encontro deles era impossivel, e os dois rodava, um atrás do outrocomo se fosse uma sombra, por isso, o encontro era quase impossível.Mas um dia em uma de suas voltas ele o personagem homem, se encontrou com o senhor das cartase deixou uma carta para sua amada falando: Sei que não posso te encontrar e nem te tocar porém saiba que “ não há distância para o amor”e não perderei as esperanças do destino fazer com nós nos encontremos um dia.Ele falou ao senhor que achava que a dama que amava ele era uma dama de cabelos longos e negroscomo a noite.Com um tempo ele foi embora. A dama, a senhorita de quem falei passou pelo senhor das cartas eele a entregou, logo em seguida ela começou a ler. Ela falou ao senhor das cartas que amava ele também eque eles ainda iriam se encontrar. Ela falou: Eu imagino que ele seja um lindo rapaz, e que brilhe como o dia.O tempo passou e o mesmo desencontro deles acontecia sempre. Mas em um belo dia eles doispuderam se ver, passaram um pelo outro e se reconheceram. Os dois se olharam por um tempo e como eufalei só poderia ficar junto “ por um tempo” um pequeno tempo e logo foram embora. E dai em diantepassaram a se encontra uma vez por ano. Se você não percebeu ainda quem são esses personagens, elessão o SOL e a LUA e que se encontram sempre quando há um eclipse.Emilly– 1º AdministraçãoERA UMA VEZ …Toda floresta tem um rei certo? Então essa não poderia ser diferente, o leão era o rei,quem comandavatudo e todos na redondeza ,mas todos os outros animais tinham inveja e queriam o lugar que pertencia aoleão. Sabendo disso, o rei convocou uma reunião para testar seus “amigos”.Ao chegarem na reunião,os animais se depararam com o rei muito bravo e feroz,que falou todas ascoisas que queria falar há muito tempo atras, para que os animais ficassem com raiva dele. Logo,seuplano deu certo,e todos tentaram um plano para matar o leão:-Eu acho que nós deveríamos sequestrá-lo . DISSE A GAIVOTA-Pois eu acho que deveríamos matá-lo ,isso sim .DISSE O JACARÉ
  14. 14. -Por que não o envenenamos? DISSE A COBRAE todos gostaram da última sugestão, e duas semanas depois, o rei morreu envenenado.Porém,depois disso,nenhum outro animal permaneceu no trono,todos morriam com um certo tempo, oueram sequestrados, ou envenenados, ou simplesmente morriam, sem motivo algum, diz a lenda que essaé a maldição que foi lançada pelo rei leão para que nunca mais ninguém fosse o rei.E a coruja que desde o início ouvia tudo calada e quieta,no final de tudo disse: Não desejem para os outros, oque não quer para você!Eva Lara– 1º AdministraçãoO MEDOEm um belo dia, Kiko, um menino muito simpático e legal, foi para a casa de seus avós, com suafamília, chegando lá ele ficou maravilhado com a casa, achou belíssima e adorou a companhia de seusavós. Tudo corria bem, até que Kiko descobriu um porão, o porão mais assustador que ele já viu, o medotomava conta dele toda vez que ele olhava pra lá.Passaram-se vários dias, ele voltou para a casa de seus avós, como era de costume. Ficouentediado, pois não havia nada pra fazer, e ao mesmo tempo não parava de pensar no porão, então decidiudescer até lá. Entrou lentamente e morrendo de medo ao ver aquela escuridão toda, quando de repente eleouvi-o uma pancada e voltou correndo lá pra cima, nunca havia corrido tanto em sua vida, sua avó viuaquela correria toda e perguntou o que estava acontecendo, ele disse que estava em um porão ao abaixoda casa, sua avó disse, Kiko, não va naquele local, há um fantasma lá, ele ficou surpreso pois, fantasmasnão existem, sem pensar q ela havia dito aquilo para lhe assustar.Esta noticia assustou muito Kiko, “nunca mais vou pisar lá” disse ele. Voltou para a casa de seuspaís, e ficou pensando, inquieto por muitos dias:-Será q desço lá ou não, já chega, vou descer, pois sou muito corajoso.O grande dia chega e Kiko retorna a casa de seus avós, ao chegar lá pediu a benção, como já era decostume e foi pro seu quarto, voltou a pensar em ir ao porão, no que poderia acontecer com ele, foi ai queele criou coragem e foi. Ao descer a escada suas pernas tremiam e seu corpo suava. Viu toda aquelaescuridão, aqueles barulhos, mas uma vez quis voltar, mas tropeçou nos degraus da escada e caio lá embaixo, se levantou desorientado, sem saber o que fazer, quando apertou em uma tomada e as luzes seacenderam e vio que aquilo que ele mais temia, não passava de um monte de livros velhos, estantes emuitos troços. E foi assim que Kiko descobriu que, „aquilo que se pensa nem sempre é aquilo que é‟.Gabriel Lima – 1º Administração
  15. 15. UMA HISTORIA DE AMORUma bela menina que se apaixonou por um menino que se chamava Marcelo, mais esse amor veiocom varias consequências da vida, teve muito sofrimento devido o amor ser proibido, por ele ser diferentee ela ser totalmente oposta dele, ele era bem diferente dela pois ele queria as coisas de um modo como sóele existisse no mundo, se tornou uma pessoa ignorante, direto bebendo, mais sim ele era um amor depessoa, parece que tava vivendo um amor a primeira vista totalmente diferente, passou a ser amor pra lá,amor pra cá, mais sim ele queria apenas algo mais, ele queria só fazer amor com ela, por ela ser diferentedele ela não quis, ele queria viver um amor verdeiro, com todos direitos a contos de fadas, sair com osamigos, passear, se divertir, namorar na praça, sair de mãos dadas, Mais a vida é um termo que temos queaceitar, como diz o velho dito as pessoas só gostão do que não tem, mais um certo dia ela parou e pensou:“ Afinal, eu que estou errada em mim preocupar com el”, sou linda tenho como arrumar alguém que mimame de verdade, já coloquei isso na minha cabeça falta apenas meu coração entender, mais a vida é assim,cheio de altos e baixos, amanha é outro dia.Janiele – 1º AdministraçãoANJO CAÍDOAs margens do rio Loire quando a tempestade se aproximou a chuva já quase desabava peloscampos cada vez mais escuros nos arredores do Châteu. Mesmo na neblina ele conseguia achar o caminhoate a casa de Lane.O garoto de calças abaixo da cintura, braços fortes, pernas torneadas, corpo quase escultural...Com seus olhos claros e cabelos negros encharcados pela chuva pingando. Ele desceu, procurando ajanela de Lane. O rapaz aproximou-se da arvore, subindo-a. Quando logo a frente avista, sua queridaLane, foi ate a janela ficando ali ate que ela percebesse sua presença por lá.– Quem está ai? – disse Lane.A boca do jovem logo abriu um belo sorriso. Repetindo a pergunta com mera curiosidade.– Quem é você? Perguntou de novo.Questionou perguntando – Oque achas de mim?A jovem faz cara de quem não esta entendendo nada.– Sou aquele que te quer mais que tudo no momento.– O que acabaste de dizer? Pergunta ela.–Sou um anjo caído. – Disse o jovem com um meio sorriso.– Caído? Perguntou.O rapaz, anjo seja lá quem fosse se virou. Lane não precisava de uma afirmação.– Come se chama? Guardaria na memoria o nome do rapaz.
  16. 16. – Elliot. –Disse em voz baixa, passando a mão no rosto para tirar a água da chuva.Elliot envolveu as mãos na de Lane. O calor era constante. Começou a beija-la.A noite já tinha saído de cena, o sol já estava saindo, e depois de uma noite de amor, o sorriso esta no ar,Elliot estava totalmente apaixonado por Lane.– Lane, quero você mais que tudo. – Disse ele com muita certeza.Então Lane falou – Eu também – Eu também te quero mais que tudo. – Ela estava simplesmenteencantada.Elliot sentiu uma dor muito forte. – Você estar bem?– Minha ora, ela estar acabando, preciso voltar de onde vim, e você, você Lane, volta comigo, não volta?– Como assim? Pra onde?– Não me pergunte, só siga-me que vai.– Eu... – Falou Lane ainda pensativa.– Vamos Lane, lá iremos viver juntos e nada ira nos separar. Falou Elliot.Então ele pegou a mão dela e a levou ate a sua varanda, Elliot tirou sua blusa e esbanjou suas assasbrancas e imensas. Lane olhou para ele com espanto e admiração, pois era verdade quando a disse que eraum anjo.Depois perguntou Elliot. – Preparada? Você ira se encantar com a viagem.Responde Lane. – Sim acho que estou.Elliot fala. – Perfeito, então iremos.Eles voaram e por belas paisagens passaram lá estavam eles, no céu, apaixonados. Por lá elesviveram felizes, é na terra nunca mais se ouviu falar de “ Lane” a menina linda e solitária, mas queencontrou seu anjo e viveu o resto dos seus dias com ele.Jessica– 1º AdministraçãoO MEU VIZINHO É UM VAMPIROJonas é rapazinho de dezesseis anos. Ele mora com sua mãe. Ele estava na frente de sua casa seuvizinho tinha vendido a casa e estava retirando à placa de “vende-se”. Jonas foi até, seu vizinho e falou:- por que está indo embora? Não gosta daqui?O homem respondeu: - eu gosto daqui sim, más consegui um bom emprego em outra cidade eagora estou indo morar lá. Jonas respondeu: - beleza. Logo chegou a noite e Jonas foi dormir. No diaseguinte o cara que tinha comprado a casa do ex-vizinho se mudou durante a noite e nem Jonas e nem suamãe sabiam disso. Logo naquela noite o novo vizinho foi se apresentar. Bateu na porta, quando a mãe deJonas abriu a porta ele já foi falando: - olá meu nome é Carlos me mudei ontem para cá. – o meu éMariana, você se mudou para cá a noite. -Sim: disse Carlos. Depois Mariana apresentou Carlos a seu filhoJonas.Passando alguns dias, cada vez Jonas desconfiava de Carlos por que ele é muito estranho, durante
  17. 17. o dia não sai de casa e trabalhava a noite. No anoitecer de domingo Jonas escutou vozes vindas da casa deCarlos, começou a olhar pela janela de seu quarto e viu Carlos com vessando com uma mulher. Jonas nemsuspeitava do que estava para acontecer. Logo a noite Jonas acordou com um grito de mulher, que vinhada casa de Carlos. Jonas estava apavorado. No dia seguinte, Jonas ia saindo de casa e depois de dar algunspassos deu de, cara com Carlos:Carlos falou: - OI. Jonas respondeu: - Oi. Com uma voz vibrante e de medo. A tarde quando Jonas chegouda escola e entrou em casa, Jonas bateu na porta. Carlos começou a com vessar. Chamava Mariana parasair, mas ela nunca ia.No dia seguinte outro grito vindo da casa de Carlos. Jonas não se aguentou de curiosidade etambém queria salvar aquela pobre mulher das mãos daquele homem, foi até lá, entrou na casa. Sorte queCarlos estava no banheiro, Jonas começou a vasculhar a casa, quando chegou em um quarto, a portaestava trancada. Quando Jonas abriu a porta, lá estava a mesma mulher que Carlos estava com vessando,noites atrás. Ela estava com uma mordida no pescoço, rapidamente Jonas à pegou e saiu correndo da casa.Quando ela entrou na luz do sol, simplesmente virou cinzas e sumiu. A noite Carlos derrubou a porta dacasa de Jonas, e ele rapidamente pegou sua mãe e fugiu. Carlos perseguiu eles anoite toda. Jonasescondido disse para sua mãe: - mãe nos livros que eu lie sobre vampiros que, o que pode ferir umvampiro é fogo, prata e luz do sol. Voltaram para casa e Jonas com ajuda de sua mãe bolou umaarmadilha. Na frente de sua casa fez uma roda grande com gasolina, com pouco tempo Carlos chegou,com uma tocha, Jonas acendeu o circulou, feito de gasolina e com isso Carlos não tinha como sair então,quando o dia amanheceu e a luz do sol o atingiu ele virou cinzas e o vento levou.Joalisson – 1º AdministraçãoA VOLTA POR CIMANo seculo XXI, existia uma minina que se chamava Sophia, ela morava com seus pais que sechamava João e Maria , com seus três irmãos , Ravi , Icáro e Iasmim.Eles moravam numa humilde casa que se localizava no interior de Russas-CE , de família muito humildeseus pais não tinham empregos fixos e por isso todos os dias pela manhã eles saiam em busca de umemprego e só chegavam a noite , e como sempre ainda não conseguiam empregos , mais eles nuncaperdia a esperança .Sophia que era a filha mais velha ficou muito indignada com a situação dos pais , e resolveuprocurar um emprego sem seus pais saberem, pois se eles soubessem eles não iria aceitar . Mas comosempre levava um não pois pra variar as pessoas olham primeiro a aparencia , e como ela era de famíliamuito pobre não se vistia muito bem . E na verdade não era pra ser assim,mas hoje em dia o mundo émuito preconceituoso.mas ela não dessistiu. Pois é de tropeços que se vence na vida e continuou aprocurar.Sophia chegou em uma certa empresa que lhe chamou a atenção e resolveu entrar , pra ver se
  18. 18. conseguia um simples ee humilde emprego pois não aguentava mais ver seus pais sofrendo e nãoconseguia ver seus irmãos passando necessidades. O dono da empresa ficou muito comovido eemocionado com a historia de vida da minina, e ele disse; O emprego e teu minina Sophia , mais tem que prometer que não vai parar de estudar e ainda temmais , pode chamar teus pais que apartir de hoje eles tambem estão empregado na minha empresa.Com o passar dos anos Sophia crescia cada vez mais na empresa, agora ela estava fazendo faculdade deadministração , então de um cargo simples que ela tinha começado , ela agora esta podendo administrar aempresa. E a família já naao passava mais dificuldades .Karolyne – 1º AdministraçãoSERA QUE FOI O DESTINO?Em um certo dia em quem que tudo parece dar certo em sua vida Eliza que era aquele tipo degarota que preferia ficar sozinha escutando suas musicas preferia apenas e somente fazendo planos paraseu futuro ,Sabe aqueles planos que toda garota faz quando esta na flor da idade quando os pensamentosestão a mil,e são aqueles de que o nosso principe encantado vira montado em seu cavalo branco so nosbuscar para irmos juntos para um castelo e ser feliz para sempre e pois e são esse planos.A historia começa quando ela conhece Luke "o grande amor de sua vida".Luke era aquele tipo degaroto que todas as garotas desejavam,pois era muito bonito e rico,mais que pena que ele tinha tudo isso enão tinha o´principal ,o Carater,esse e o tipo de coisa que todos dão valor mais poucos tem.Em uma manha normal de aula andando pelos corredores da escola Eliza acaba esbarrando comLuke PRONTO dai tudo acontece seus olhares se cruzam ela sente seu coração acelera e sua mão começaa tramerem, um OI sai da boca de Luke e logo em seguida um pedido de desculpas por sem quere teresbarado nela.Os dias se passam e eles se encontraram varias vezes mas nunca se falaram novamente apenastrocaram olhares como no primeiro encontro.Depois daquele dia que eles se esbarraram ,alguma coisaaconteceu e luke e Eliza sabiam, mais nem um se tocava,aquele esbarão não foi um acaso e sim o destinobotando assim a prova o que eles estavam sentido.Então eles começam a se falar a um tentar conhecer o outro e em uma bela manha quando elesestavam no jardim da escola convesando sobre Matematica , Luke acaba pesebendo o que esta sentindopor eliza e acabara se perdendo no movimento dos labios de eliza aquando ela falar sobre o teorema depitagoras e acaba beijando-na fazendo com que ela esqueça de tudo.
  19. 19. Larisse – 1º AdministraçãoGABRIELLYEra uma vez uma menina chamada Gabrielly, ela morava com sua irmã mais nova, que sechamava Yasmim, com sua mãe que se chamava Ângela e com seu pai que se chamava Antônio. MaisGabrielly também tinha outra irmã que se chamava Sophia, que morava em Fortaleza. A mãe deGabrielly, Ângela era dona de casa, seu pai Antônio era caminhoneiro, Sophia estudava e trabalhava emFortaleza, Gabrielly e Yasmim eram bastante unidas, porem só estudavam. Quando Gabrielly tinha 13anos perdeu sua mãe. Ângela morreu por que sofreu dois AVC (Acidente Vascular Cerebral). Logo após atragédia, as duas irmãs foram morar com sua tia chamada Fernanda, a tia de Gabrielly tinha um casal defilhos; Emanuel e Victória.Emanuel era mais velho que Victória e tinha a mesma idade de Gabrielly, e Victória tinha 4 anos.Gabrielly e Yasmim gostavam da tia Fernanda, mas nada se comparava a viver com sua mãe. Todas asférias Gabrielly e Yasmim iam para a casa de Sophia, e elas se divertiam muito, pois elas saiam paravários lugares. Gabrielly sentia muita falta mãe porém ela tinha que ser forte, então ela se apegou mais aDeus e foi dele que ela tirou forças para ajudar e apoiar sua irmã mais nova, pois Gabrielly sabia que elairia precisar. Gabrielly terminou os estudos e entrou numa ótima faculdade.Seguindo o exemplo de Gabrielly, Yasmim também se formou e começou uma boa faculdade. Airmã de Gabrielly, Sophia se casou e vive bem porem sente muita falta da mãe. Hoje Gabrielly mora comsua irmã Yasmim em Fortaleza. Seu pai também mora em Fortaleza e sempre visitava as filhas. Todosmoram perto e isso deixa Gabrielly feliz, pois ela sabe que não está sozinha no mundo.Luana – 1º AdministraçãoAMOR DE INFÂNCIAEm um dia de Domingo, um garoto chamado Ruan, brincava com seus amigos na frente de suacasa. Enquanto brincava, ele viu o carro de uma família bem sucedida que mudara para a casa ao lado dadele. Os pais que se mudaram para a casa ao lado, tinham só uma filha, que sempre se dedicava aosestudos e sonhava ser uma médica, além disso, era uma menina muito bonita.A noite foi caindo e a mãe de Ruan o chamou para ir jantar. Depois de jantar, foi para seu quarto eviu pela janela, a filha do casal. Ele se encantou com a garota e depois foi dormir. No dia seguinte searrumou e foi para escola. Chegando lá encontrou a garota que agora era sua vizinha, e viu que ela nãoconhecia ninguém, então ele tomou atitude e foi até ela e perguntou:- Como é seu nome?A menina surpresa, mas também, encantada com o menino lhe respondeu:- Meu nome é Júlia, e o seu?- Me chamo Ruan.
  20. 20. Depois que se conheceram, o sinal toca, e os dois vão para a sala de aula, e percebem que vãoestudar juntos. Depois da escola, foram para casa juntos e a partir dali, nascia uma amizade muito bonitaentre eles.Quando chegaram em casa, Ruan chamou Júlia para brincar na pracinha:- Júlia, vamos brincar na pracinha depois do almoço?Júlia surpresa e alegre respondeu:- Claro! Agente se ver mais tarde, tchau.Ruan foi para casa muito alegre, pois agora era amiga de uma menina muito bonita e dedicada aosestudos. Depois do almoço, ele foi até a pracinha se encontrar com Júlia, que já estava a espera dele.Brincaram muito e por muitos anos, passaram a se encontrar naquela pracinha.Quando completaram 15 anos, o sentimento de amizade foi mudando para um sentimento de amor,ate que um dia Ruan decide abrir o seu coração para Júlia:-Júlia, faz muito tempo que nos se conhecemos, e desde o primeiro dia que eu te vi, te achei umamenina muito bonita, e sempre pensei em ter você como namorada, mas isso só depende de você. Quernamorar comigo?Júlia muito alegre lhe respondeu:- Claro, é o que eu mais quero, só estava esperando você tomar atitude.Os dois se beijam e selam seu namoro.Os dias foram passando, e viram que a cada dia que passava, eles se amavam muito mais do queantes. Quando completaram 25 anos, Ruan recebe a notícia de que vai ser pai da pequena Juliana e sempensar duas vezes, faz um pedido a Julia:- Julia, muito tempo já se passou, e a cada dia nos amamos mais, e com a chegada desse bebê, nossoamor será eterno. Vou deixar de conversa e vou logo ao ponto. Você quer casar comigo?Júlia começa a chorar e diz:-Irei responder igual ao dia que você me pediu em namoro: Claro, é o que eu mais quero, só estavaesperando você tomar atitude.Os dois dão um pequeno sorriso e se beijam.Anos depois, a pequena Juliana nasce para a alegria de seus pais, que agora estavam com seussonhos realizados. Júlia se tornara uma médica muito conhecida, e Ruan um empresário bem sucedido.Lucas Renan– 1º AdministraçãoMEU CONTOEm minha vida vivi momentos que mudaram pra sempre os meus sentidos,os meus caminhos, o meudesino.ja passei por varias coisas difíceis,como a morte do meu pai.sofri muito,essa dor vai meacompanhar pra sempre. já passei por coisas muito complicadas,mas nem porisso eu baixo a cabeça enem desisto facilmente das coisas.não posso dizer que sou realizada até por que não sou.mas estou indo
  21. 21. no caminho certo.conheci uma pessoa que goste de mim e que eu também goste.abri espaços para quenovas pessoas entrassem na minha vida.hoje estou feliz, apesar da ausência de pessoas importantes quesinto muita falta.mas sim estou feliz pois tenho minha familia que me apoia sempre.eu sousimples,humilde.apesar da pouca idade tenho uma cabeça muito boa.pois penso bastante nas coisas quefaço.enfim meu conto pode não ser muito interessante, mas é um pouquinho da minha vida, da minhahistoria,e que eu espero que ainda venham capitulos melhores que possam dar um conto com diversão eênfase naquilo que mis desejo e busco na minha vida.Luciana – 1º AdministraçãoO MENINO QUE SONHAVAEra uma vez um menino de 7 anos, chamado Marcio e seu apelido era pixota. Era uma pessoa quesonhava muito no seu futuro, queria ser policial rodoviário e gostava muito de estudar, sua vida não eradessas melhores, porem ele fazia de tudo para ser o melhor do mundo.Aos 10 anos, ele percebeu que a vida não ia ser assim como ele pensava, precisou abandonar os estudos,para trabalhar, para se alimentar e alimentar a sua família. Depois a situação de sua família melhorou, elevoltou a estudar e ficou muito feliz, ele estava mais dedicado do que nunca.Todo dinheiro que sobrava depois que ele alimentava sua família, comprava bilhetes de loteria, todo diarezava para ser o ganhador. Quando já era de maior e tinha terminado os seus estudos, prometeu a Deusque seria seu ultimo bilhete comprado, no outro dia seu irmão achou o bilhete e foi conferir e Marciohavia ganhado na loteria, Mariano, seu irmão só fez tirar um extrato da conta do ganhador, e foi para casae entregou a Marcio o extrato com o valor escrito de 1000,000,000, e ficou mais do que feliz.Com o dinheiro ele ajudou sua família, se casou, fez todas as faculdades que ele queria e criou umainstituição que patrocinava jovens carentes que queria ser alguém na vida e assim tornou-se a melhorpessoa do mundo.Moral: Quem sempre corre atrás dos seus sonhos, e batalha com unhas e dentes com certeza será vitoriosoum dia.Matheus- 1° AdministraçãoA MULHER FANTASMAPela tarde de um belo dia, um homem chamado Paulo passeava pela praça de sua cidade,quando encontrou uma linda mulher ,logo perguntou seu nome e ela o respondeu:-Me chamo Maria e o seu? :-Paulo.Paulo feliz, pois tinha conhecida uma linda mulher, saiu com ela até um banco mais próximodeles, lá ficaram conversando por um tempo, até Maria pedir a Paulo para que fosse deixar em casa.
  22. 22. Logo eles chegaram lá na casa, essa casa não era igual às outras ela tinha uma vibração tenebrosas,más ele não se importou muito e a deixou lá, e foi embora para sua casa que era a três quarteirõesdali. Ao chegar em casa foi dormir pensando na linda mulher que naquele dia tinha conhecido.Pela manha do outro dia Paulo acordou depressa mente, tomou seu café, vestiu-se e foi para apraça que tria conhecida Maria, chegou lá se sentou no banco da praça esperando se viu a mulher dodia passado, lá ficou ele esperando ela vim para poder pedi-la em namoro, porém já dera quatrohoras da tarde e Maria nada de aparecer.Paulo sabia onde ficava a casa de Maria, logo ela foi lá atrás dela. Ao chegar a casa, bateupalma e a chamou pelo nome, mais ele teve uma surpresa quem saiu da casa foi uma velhinha, logoPaulo perguntou:-minha senhora, cadê Maria uma moça bonita e bem feita.A velhinha respondeu:-Maria! Não Maria já morreu há 35 anos.Paulo responde:- Não mais eu vim deixar ela ontem aqui.A velhinha responde:-não ela já morreu, vamos ali.A velhinha levou o homem para o cemitério, ao chegar lá mostrou a ele o tumulo dela, Pauloficou muito assustado, e ao olhar para traz a velha senhora tinha desaparecido como alma, logo elesaiu correndo para sua casa, chegou lá muito depressa e foi dormir assustado.No outro dia havia boatos que Paulo tinha morrido incendiado, a partir disso pessoascomeçaram a ver casais pela praça em formar de alma, e com isso assombrações surgiram na cidadetocando o terror para toda população.Gilmario - 1° AdministraçãoO PREÇO DO AMOREra uma vez uma mulher chamada Jane, ela tinha duas filhas a Ana e Beatriz, ela cuidava de suasduas filhas sozinha, pois seu marido havia fugido desde que a engravidara, Jane vivia uma vida muitosofrida pois não tinha boa renda e as vezes ate passavam fome comprava fiado nos comércios da cidadede Nevada, e sustentava suas filhas com a pouca ajuda de amigos, suas filhas eram bem diferentes Beatrizera uma linda moça esforçada e que queria dar uma boa vida para sua mãe, já Ana irmã mas velha, erauma garota muito arrogante e que morria de inveja de sua irmã, as duas estudavam no mesmo colégiomais Beatriz tinha melhores notas que Ana, Ana era perdidamente apaixonada por Rodrigo moço rico defamília tradicional da cidade, Ana tentava cada vez mais se aproximar de Rodrigo, mais ele nem percebia,Rodrigo era um moço gentil, educado diferente de Edgar menino pobre que negava suas origens e quegostava muito de Ana e percebeu que ela estava gostando pra valer do Rodrigo e, um dia peloscorredores da escola Rodrigo se esbarrou em Beatriz e ficou encantado com seu belo sorrido e se
  23. 23. apaixonou perdidamente e aconteceu o mesmo com Beatriz, ao longo do tempo eles foram seaproximando e começaram a namorar, mas a mãe de Rodrigo não aceitava , ela queria que ele namora-seuma menina de sua mesma classe social, Beatriz e Rodrigo passaram a se encontra escondidos e o amoraumentava, para a fúria de Ana que sentia cada vez mais raiva, então os dois combinará de sair a noite asolução que acharam foi o casamento, no dia seguinte Rodrigo foi conversar com o padre que não aceitouo seu pedido, a casa de Jane vivia de brigas entre as duas irmãs por causa de Rodrigo, então para acabarcom isso Jane já com um emprego melhor conseguiu Juntar dinheiro e mandou Beatriz estudar fora doeriamuito mais era a única solução, Ana que também já tinha arrumado um emprego ficou muito feliz comisso diferente de Rodrigo que focou arrasado mas decidiu que iria esperar sua amada, Beatriz muito tristepartiu para Boston e lá ficou e estudou direito por cinco anos e passou dois anos trabalhando por lá aolongo desses anos ela escreveu muitas cartas para Rodrigo nunca respondidas, chegou o grande dia de suavolta para Nevada, Beatriz estava muito ansiosa e bem diferente da menina franzina que sete anos atrás,Rodrigo também mudou ao longo desse tempo ficou mais forte e dependente, mas Beatriz nuca saiu desua cabeça, Beatriz retornou a sua cidade e logo encontrou Rodrigo e sua família, ele lhe falou que suascartas nunca tinha chegado a ele, Ana já casada com Edgar pediu perdão a sua irmã Beatriz aceitou efinalmente se casou com Rodrigo que se amaram para sempre.Natália - 1° AdministraçãoO GRANDE MEDONo dia 25 de março de 2005 um grade fato aconteceu, esmeralda e paula sairam de manha cedopara brincar na casa de mara onde todo dia elas ia para lá pois mara era sua grade amiga. Nesse dia a mãedas meninas ia para o cercado pois seus pais era agricutores e plantava longe de casa.Quando a mãe das meninas ia para o cercado passou na casa de mara e disse que as duas meninasfosse embora porque a casa estva toda por arruma, as meninas diseram tá certo mãe vamos já para casa,mas as meninas desrespeitaram a mãe e não foram embora, quando deu 10horas esmeralda disse, paulavamos embora porque mãe esta perto de vir e a casa esta toda por arruma, tá certo vamos quando ameninas ia embora mara falou não vá agora não ,nós temos que ir mara quando mae chegar nós voltamospara cá mara disse tá certo mas venha mesmo estarei esperado voces duas, as meninas foram para casachegando em casa a porta da sala estava fechada,foram para a porta da cozinha e etava aberta entraramdentro de casa e fecharam a porta porque estava só elas duas em casaquando as meninas fecharam a porta ligaram o som, e de repete ouviram uma voz estanha dentro de casaessa menina abriram a janela e começaram a pula paula ainda caiu para dentro de casa, e esmeraldaajudou a paula.as meninas deixaram tudo aberto e correram paracasa de mara, essa duas meninaschegaram na casa de mara palída e branca de tanto medo a mãe de mara deu um copo de agua comacuçar as duas meninas, e perguntou o que tinha acontecido, elas diseram que tinha um homem dentro decasa, a mãe de mara não acreditou muito nas meninas não, e disse e conversa de vocês duas, mais vamoslá para ver, vamos a mãe de mara pergou um cabo de vassoura e foram até lá chegando lá olharam em
  24. 24. todo canto e não encontaram ninguém a casa estava do jeito que as meninas tinha deixado o som ligandoa porta aberta estava tudo do mesmo jeito,e como as meninas era criança ninguém acreditou nelas duas, eo que elas tinha escutando foi apenas era o som que ela tinha ligando, e tudo não teria passando daimaginaçao dela duas,mas para aquela duas meninas tinha realmente um homem dentro de casa, E ficoupor isso ninguém acreditou nela duas.Daiane – 1º AdministraçãoA GAROTA CEGAHavia uma garota que se chamava Rosa ela se odiava pelo fato de ser cega. ela também não gostava deseus pais.ela tinha um namorado que se chamava Davi e ela também o odiava. Num certo dia ela disseque se pudesse ver o mundo, ela se casaria com ele. Ele muito surpreso com o que ela tinha faladopensou em seu maior desejo que era se casar com ela. e seu pai era medico então ele foi ao hospital econversou com seu pai para doar seus olhos pediu ao seu pai para realizar a cirurgia mais seu pai não oaceitou e ele ficou muito triste e logo foi para casa. No outro dia ele se levantou bem cedo e foi ate aoutro hospital de outra cidade. E então chegou a noticia que teriam doado um par de olhos para ela e elafoi para o hospital e Rosa já estava muito preocupada pois havia dois dias que não conseguia entrar emcontato com seu namorado e estava louca pra dar a boa noticia. Quando terminou toda a cirurgia aprimeira coisa que ela viu foi ele com um buque de flores e lhe falou: agora você pode ver agora vocêcasa comigo? Rosa estava chocada por que Davi era cego. Ela disse: eu sinto muito mais não posso mecasar com você porque você e cego. Davi se afastando-se em lagrimas falou: Pro favor, apenas cuide bemdos meus olhos ele era muito importantes para mim...e ele foi embora com seu amigo e Rosa ficou emprantos. E quando seu pai soube de tudo ficou muito bravo mais depois o entendeu.Lindenusa - 1° AdministraçãoVAI VALER A PENA!!!Havia um homem... tinha apenas um filho... seu trabalho era controlar a via ferría... seu filhoadorava observar os trens e as pessoas que nele viajava... eram pessoas solitárias... cheias de orgulho...viciadas em droga...mais algo está para acontecer...Um dia esse homem que se chamava Henrry, levou seu filho para o trabalho, já que seu filhoadmirava tanto os trens, Henrry deixou seu filho brincando perto doe um lago, e foi para seu posto. Seufilho percebeu que o trem estava vindo, mais viu que seu pai não estava distraído , tento chamar a suaatenção mais vendo que não adiantaria, resolveu puxar a alavanca de emergência. seu pai agora viu otrem vindo, mais quando olhou para onde deveria esta seu filho viu que ele não estava mais lá, ele passouos olhos nervosos ao derredor e viu seu filho ser puxado. A alavanca era muito baixa para ele alcançarele ficou desesperado, porque sabia que ali embaixo era onde ficava as ferragens da ponte. Agora ele tinha
  25. 25. que fazer uma única escolha salvar a seu filho e deixar que todos morram... ou deixar que seu filho morrapara salvar a todos... passaram-se alguns segundos... Henrry de uma só vez puxou a alavanca... Erapreciso? Será que todos mereciam a salvação?No outro dia saiu em todos os jornais o feito de Henrry...Meses depois ele viu uma moça com um bebe nocolo muito feliz ela se aproximou e lhe disse que estava naquele trem que ele salvou matando seu própriofilho, e lhe disse que por causa disso mudou sua vida e agora era feliz.Henrry então percebeu que tudo valeu a pena.Rayanni- 1º AdministraçãoBULIMIAMariana é uma moça rica, popular, inteligente. Sua melhor amiga é Luana uma menina muitointeligente, educada, extrovertida, simpática, elas duas estudam na mesma escola.Na sala de Mariana estuda Victor o garoto mais bonito paquerado do colégio, olhos verdes pelebranca, cabelos lisos e pretos.Já era abril quando uma nova garota entrou na turma de Mariana, o nome dela era clara uma meninasimples e carinhosa chamou atenção de todos e logo ela fez novas amizade.A aula terminou e todos foram para casa, quando Mariana achegou em casa nem almoçou e logosubiu para o seu quarto, ela tirou o uniforme do colégio e foi tomar banho. Após acabar o banho ficouolhando seu corpo no espelho e começou a reclamar que estava muito gorda e disse que precisava fazeruma dieta urgente. Com um tempo depois chegou sua amiga para conversar, depois de conversaremMariana falou para Luana que precisa fazer uma dieta urgente, pois estava se achando muito gorda. Luanafalou para a amiga que ela não precisa fazer dieta coisa nenhuma, pois já esta muito magra.No outro dia na aula de química Mariana e Luana foram falar com Clara para conhecer melhor aaluna nova, elas se deram super bem e ficaram amigas. No intervalo após o lanche Clara foi ao banheirochagando La encontra Mariana desmaiada no chão e leva ela para a enfermaria do colégio. Mariana tinhapassado mau pois já estava sem comer nada a muito tempo. Depois do susto Mariana se tratou e não ficoue nunca mais ficou sem comer por muito tempo, e parou com uma ideia boa de emagrecer, pois o seucorpo já estava ótimo.Regiane – 1º AdministraçãoCONFIEM EM VOCÊ MESMOEm uma manha ensolarada estava Beatriz a pensar como tudo em sua vida dava errado, ela tinha 2irmãos :Danilo, e Gabriel, e sua mãe Rosa nem ligava pra ela, mas mesmo assim ela acreditava no seupotencial , e sua mãe só acreditava nos meninos afinal nunca quis ter filha mulher. os anos foram sepassando ate que ela engrossou em uma faculdade onde era a menina mas bonita de la, isso por incrívelque pareça a deixava muito mal porque todos os garotos se aproximava dela só por sua beleza e não pelo
  26. 26. que ela era,Os dias foram se passando e seus irmãos começaram a usar droga, roubavam e davam muito trabalhopara dona Rosa,mas mesmo assim sua mãe não acreditava nela, e ela ficava muito triste mas mesmoassim acreditava em seu potencia e sabia que ainda ia dar a volta por cima. Terminando sua faculdadedepois de muita dificuldade conseguiu um emprego de vendedora e como vendia muito e dava muitolucro passou a ser a gerente da empresa, e a dona gostava muito dela . Quando a dona morreu deu toda aempresa de carros a ela, e ela ficou muito rica.Seus irmão já estava no mundo da droga, e prostituição. Sua mãe sem nada ,foi pedir a sua ajuda e leacom um coração muito bom ajudou sua mãe e seus irmão colocando eles em uma clinica de recuperação,e sua mãe lhe pediu muitas desculpas e ela a perdou e assim passarm a relamente ser feliz.Sonaria - 1° AdministraçãoO CASAMENTO INESPERADOUma vez tinha dois amigos que eles já tinha sido colegas a alguns tempos atrás, que tinha um quese chamava Yuri que era o mais besta, e o outro era Davi. No tempo em que eles voltaram a ser amigosDavi estava ficando com uma menina que se chamava Hanna, que era bem amiga da irmã de Yuri. Certavez a irmã de Yuri o chama para ir para praça onde Hanna e Davi ficavam, chegando lá Yuri pega amizadecom Hanna e eles com poucos dias já se tornam amigos.O amor de Yuri por Hanna cada dia crescia mais e davi percebendo, ai certa noite Hanna não vaipara praça ai passa uma amiga de Yuri que o chama para ir comprar sua janta, ai Davi fica de olho nessamenina, depois de Yuri ter ido deixar a amiga dele em casa, ela volta para praça, quando chega lá Davipergunta por que ele não trouxe a menina para praça, yuri responde dizendo que ele não vacilasse que amenina era namorada dele, ai Davi diz que não tem nada não que Yuri dividia ela com ele, ai Yuripergunta: Você divide Hanna comigo? Ai Davi responde se ela quiser ficar com você pode ficar. Davi jáfica de olho no jeito que Yuri olha para Hanna, nas conversas, e em tudo.Numa noite na praça Davi não vai e Yuri e Hanna vão, Yuri não quiz nem saber ficou com Hanna.No outro dia Davi sabe que eles ficaram ai Davi diz que não quer mais Hanna, que eles dois tava ficando,que não era pra Hanna ter feito isso, ai depois de uns dias Davi volta com Hanna só pra Yuri não ficarmais com Hanna.Depois de uns dias a relação entre Davi e Hanna vai se desgastando, vai acabando, emfim elesterminam ai Yuri vai atrás de Hanna ai ela conversa com ele, fica dando uma de dificil mais até que fimeles fica um dia, dois, três, um mês ai Yuri toma iniciativa e pede Hanna em namoro e ela aceita, ele ficamuito feliz pois ele amava ela.Eles namoram um ano, depois de Yuri terminar os estudos ele vai trabalhar ai pede Hanna emcasamento e ela aceita, ai eles se casam e tem uma festa de casamento linda e vão para a lua-de-mel ondeHanna engravida de um menino, que Yuri fica muito feliz pois ele era doido para ter um filho, depois denove meses Hanna tem Ravi que eles ficam muito felizes e são feliz assim até o fim da vida.
  27. 27. Tálysson - 1º AdministraçãoTUDO ERRADOEra tudo confuso, ela já não conseguia entender mais nada, não estava mais suportando aquelasituação, Melline era uma garota de 15 anos, uma jovem de poucos amigos, mais sabia que os poucoseram os verdadeiros. Uma menina que ao lado dos amigos era super brincalhona, gostava de fazer osoutros rirem, mais na verdade ela usava esse lado brincalhão, como uma máscara para esconder por trásde um sorriso tudo o que ela realmente sentia. Como todo mundo, ela também tinha dias ruins, nos quaisela se estressava facilmente com as pessoas, por mais que os outros não tivessem nada a ver com omotivo pelo qual ela estava daquele jeito. Ás vezes ela discutia com sua amiga Karina, o que a deixavacada vez pior, Karina era uma menina muito na dela, mais quando tinha raiva, falava até o que não queria,ás vezes ela falava umas verdades para Melline e isso a deixa triste e pensativa, mais como Melline sabiaque estava errada, ela pedia desculpas a Karina, pois sabia que não adiantava ficar com raiva dela, comotoda amiga era normal essas briguinhas, até porque o pensamento e a opinião delas eram muito diferentes.Com um tempo Melline foi mudando, ficando fria, quieta, na dela, mais ninguém sabia o porquê epoucos percebiam mais ela sim, sentia algo que ela não conseguia explicar, uma coisa que a deixavasufocada e triste. Isso tudo por causa de um garoto chamado Ryan, um otário pelo qual ela se apaixonou,na verdade ela sempre se apaixonava pelas pessoas erradas e acabava sempre sofrendo. Mais com Ryanfoi diferente, pois no começo ele parecia está realmente gostando dela, era super carinhoso, o que adeixava encantada, as coisas para eles não era muito fácil, por conta da distância era difícil se verem, sefalavam apenas por mensagem. O tempo foi passando e Melline ficava cada vez mais apegada a Ryan, atéque um dia eles combinaram de se ver e ficarem. Dias antes ele falava pra ela que estava ansioso para quechegasse logo o dia e que tudo desse certo, Melline ficava muito feliz por saber que Ryan estava daquelejeito, ela também falava pra ele que não via a hora. Em fim eles ficaram e combinaram de ficar maisvezes, continuaram se falando por mensagem e ficavam quando dava certo. Ryan falava tantas coisasbonitas pra Melline e mal sabia ela que aquilo tudo era mentira, ele só estava iludindo-a.Daí com o passar dos dias Ryan foi ficando estranho, demorava responder as mensagens deMelline, parecia está evitando-a, ela percebeu mais mesmo assim não queria aceitar que ele já não seimportava mais com ela. Melline continuava insistindo, mandava mensagens mesmo sabendo que ele nãoia responder, ficava correndo atrás, se humilhando e Ryan simplesmente, já não estava nem aí praMelline. Então ela se cansou, viu que não adiantava sofrer por ele, ergueu a cabeça e tai atrás de encontrarum alguém que realmente vala a pena e que goste dela de verdade. “Durante algum tempo eu sofri muito,sofria calada, poucos percebiam que eu não estava bem, mais eu disfarçava, mesmo sofrendo eu estavasempre com um sorriso no rosto”Thaynná Kelly- 1º Administração
  28. 28. O MENINO QUE JUNTAVA LATINHAEra uma vez um menino que juntava latinha e ia todos as manhãs vender latinha e um dia umasenhora chamada Mazé convidou o menino que se chamava Bruno para morar com ela. E ele aceitou eparou de vender latinhas e foi estudar e conseguiu um curso de administração. E ele conseguiu umtrabalho de administração e parou de morar com ela e comprou uma casa para ele morar e depois dequatro anos ele montou uma empresa de administração para as crianças pobre da vila e eles são muitosqueridos por isso que não consegue cobra deles.Um dia Bruno fez uma festa na administração, tinha bolo, pastel, salgadinho, refri e etc...No outro dia ele pediu para todo mundo que recontribuisse com um real para outra festa, e a festa foimuito legal. E outro dia ele precisava de um monitor e o menino Carlos foi o monitor e ficava aguardandobem.Bruno que nunca faltava na administração um dia assaltaram a administração, mas um meninochamado Guilherme chamou os amigos e agarraram os ladrões e chamaram a polícia para prender osladrões, e no outro dia eles foram jogar futebol no campinho e chegou mais gente para jogar. E todosviveram felizes para sempre.Weslley – 1º Administração

×