IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          Nº RF-E&P27.6-DIC-2255                                ...
Panorama das ferramentas computacionais  mais usadas pelos e o grau de domínio sobre  essas ferramentas dos Gestores de Pr...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                     REV.                                                       ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                 REV.                                                    Nº RF-E...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                REV.                                                Nº RF-E&P27....
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                    REV.                                                    Nº R...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                        REV.                                                    ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                            REV.                                                ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                         REV.                                                   ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                             REV.                                               ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                           REV.                                                 ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                                  REV.                                          ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                          REV.                                                  ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                                REV.                                            ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                              REV.                                              ...
IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO                                               REV.                                             ...
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Ferramentas computacionais
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Ferramentas computacionais

1,835

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,835
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Ferramentas computacionais

  1. 1. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO Nº RF-E&P27.6-DIC-2255 COMITÊ SETORIAL FOLHA 1 of 121 Comitê Setorial de E&P COORDENADOR DO COMITÊ SETORIAL ENTIDADE José Antonio de Figueiredo PETROBRAS COORDENADOR DO PROJETO ENTIDADE José Rodrigues de Farias Filho UFFCÓDIGO DO PROJETO TÍTULO DO DOCUMENTO E&P 27.6 Relatório FinalNOME DO PROJETO Panorama das ferramentas computacionais mais usadas pelos e o grau de domínio sobre essas ferramentas dos Gestores de Projetos. ÍNDICE DE REVISÕES REV DESCRIÇÃO E/OU FOLHAS ATINGIDAS 0 EMISSÃO ORIGINAL REV 0 REV A REV B REV C CONTROLE DATA ASSINATURA DATA ASSINATURA DATA ASSINATURA DATA ASSINATURAEMISSÃO (Coordenador doProjeto)APROVAÇÃO(Coordenadordo comitê setorial) As aprovações abaixo serão aplicáveis quando da emissão dos produtos finaisAPROVAÇÃO(CoordenadorExecutivo)APROVAÇÃO(Coordenadordo Comitê Executivol)
  2. 2. Panorama das ferramentas computacionais mais usadas pelos e o grau de domínio sobre essas ferramentas dos Gestores de Projetos. José Rodrigues de Farias FilhoResumo ExecutivoA Pesquisa sobre Ferramentas Computacionais e Gerenciaistem como objetivo principal identificar alguns fatores-chaveque contribuem para o sucesso da utilização de software deapoio a gestão de projetos adotados pelas principaisEPCistas atuantes no Brasil.
  3. 3. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 3 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6SumárioIntrodução .............................................................................. 4Metodologia ............................................................................ 4Principais Resultados .............................................................. 5 Informações gerais .............................................................. 6 Desempenho e impactos ...................................................... 8 Extensão de Uso ................................................................. 25 Funcionalidade ................................................................... 43 Integração ......................................................................... 48 Qualidade nos Resultados do Trabalho ............................... 62 Facilidades de Uso .............................................................. 76 Auto eficácia ...................................................................... 82 Características de Trabalho ................................................ 92 Estímulo da Gestão........................................................... 101 Característica do Usuário ................................................. 108Conclusão ........................................................................... 119
  4. 4. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 4 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6IntroduçãoObjetivo Geral do Questionário Este estudo investiga a percepção de profissionais que agem nas organizações atuantes em atividades de gerenciamento de projetos e organizações que operam em EPC (Engineering, Procurement and Construction) no Brasil, a respeito de fatores associados ao uso de softwares de suporte ao gerenciamento de projetos. Objetivos Específicos O objetivo central deste estudo foi desenvolver, especificamente, um modelo para captação das percepções quanto aos resultados oriundos da aceitação do software de apoio à gestão de projetos.MetodologiaCom base na revisão da literatura, a pesquisa analisou o uso de softwares emquatro dimensões principais: aceitação, satisfação do usuário, sistemas dequalidade e tecnologia adequada. Estas dimensões foram desdobradas em:  Aceitação: utilidade e facilidade de uso e seus efeitos sobre o usuário;  Satisfação do usuário: precisão, conteúdo, periodicidade, formato e facilidade de uso;  Sistemas de qualidade: tangibilidade, confiabilidade, prontidão de reação às sugestões, garantia de qualidade para avaliar sistemas e serviços, e seus efeitos sobre os sistemas eficácia e desempenho do usuário.  Tecnologia adequada: qualidade, segurança, compatibilidade, fiabilidade e facilidade de utilização.Universo e Amostra Como universo de pesquisa foram considerados ex-profissionais indicados pelas empresas participantes do Centro de Excelência em EPC (CE- EPC, http://www.ce-epc.org.br/cms/).
  5. 5. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 5 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Pela natureza da coleta de dados, pode-se dizer que a amostra não é probabilística, ou seja, os resultados valem somente para a amostra pesquisada, e não podem ser generalizados para o universo da pesquisa. Através deste processo, foi alcançado o número de 103 (cento e três) questionários preenchidos, no período.Instrumento e Coleta de Dados Os questionários foram preenchidos via acesso web, através do portal do E&P 27.6 <http://www.labceo.uff.br/ep276>, no período de Abril até Julho de 2009, sendo o convite feito por e-mail aos profissionais que compuseram o Universo da pesquisa. O Apêndice 1 (um) apresenta o conteúdo do questionário aplicado, sendo importante ressaltar que as questões nele inseridas foram oriundas da pesquisa bibliográfica realizada durante o projeto. O questionário era composto por três grupos de perguntas:  O grupo 1 (um), composto pela questão I, buscou captar os dados de identificação da organização;  O grupo 2 (dois), composto pelas questões II a XI, buscou captar a aderência da organização à adoção de sistemas de informação;  O grupo 3 (três), composto pela questão XII, buscou captar as características do respondente.Procedimentos Estatísticos Os dados coletados foram tratados por estatística descritiva, fundamentada principalmente na análise de gráficos. O emprego desta estratégia permitiu descrever e sumarizar o conjunto de dados dessa amostra.Principais Resultados Nesta seção são apresentadas as respostas dos respondentes às questões que compunham os grupos II e III. As respostas às questões do grupo I, por aspectos de confidencialidade, não serão divulgadas neste relatório. Tendo em vista que o objetivo das mesmas era ter os dados dos respondentes para elucidar eventuais dúvidas que poderiam surgir quanto às respostas obtidas.
  6. 6. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 6 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6Informações gerais Nesta questão buscou-se captar informações referentes ao emprego de softwares de gerenciamento mais utilizados pelo respondente, procurou-se saber também, o tempo consumido no uso diário desse software e a frequência semanal de uso do mesmo. Tomando por base as repostas obtidas, pode-se depreender que, para a amostra pesquisada, o tempo diário consumido no uso do software de gerenciamento é baixo, porém a frequência semanal de uso deste é alta. A seguir apresenta-se o detalhamento da análise elaborada para as repostas referentes à questão “informações gerais”.Software mais usado Conforme pode ser observado no gráfico 1 (um), foi verificado, dentre os respondentes, o maior uso do software MS Project (52,4%), inclusive, com observações de uso do software de apoio ao gerenciamento de projetos Primavera (21,4%), SAP (5,8%), próprio (3,0%), entre outros (17,4%). Software mais usado Próprio; 3 Outros; 23 MS Project; 54 SAP; 6 Primavera; 22 Gráfico 1 – Software mais usado, pela amostra consultada, em atividades de gerenciamento de projetos.
  7. 7. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 7 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6Tempo de uso O gráfico 2 (dois) indica a distribuição das respostas dos usuários quanto ao tempo gasto por dia no uso do software de gerenciamento. Observa-se que apenas 33% dos respondentes indicaram que usam o software de gerenciamento por um período superior a duas horas por dia. Uso do Software 35 33 31 30 27 25 Frequência 20 15 11 10 5 0 1 2 4 8 horas por dia Gráfico 2 – Tempo de uso do software de gerenciamento de projetos por dia.Periodicidade de uso O gráfico 3 (três) ilustra a distribuição das respostas dos usuários quanto à freqüência semanal de uso do software de gerenciamento mais adotado. Observa-se que a maioria dos respondentes (58%) disseram que usam a ferramenta computacional 4 (quatro) vezes por semana, o que é superior à metade desses dias. Este fato indica uma alta frequência no uso do software.
  8. 8. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 8 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso do Software 70 59 60 50 Frequência 40 30 20 13 15 13 10 0 1 2 3 4 dias por semana Dias por semana Gráfico 3 – Periodicidade de uso do software de gerenciamento de projetos.Desempenho e impactos Nesta questão buscou-se captar informações às percepções dos respondentes quanto ao: desempenho do software mais utilizado por eles e quanto ao impacto do uso destes softwares sobre as atividades desempenhadas pelos respondentes. Esta questão contemplou as perguntas fechadas, permitindo que o respondente emitisse sua opinião usando uma escala de 1 (um) a 7 (sete), onde o numeral 1 (um) correspondia a resposta “concordância pequena“ e o numeral 7 (sete) correspondente a “concordância alta”. O questionário também permitia que o respondente optasse por não responder a alguma questão específica, optando por marcar a opção “N”. Dentre as principais informações extraídas, destaca-se que, a maior concordância foi quanto a “Melhorar o controle do projeto” e “Aumentar a minha produtividade”, Por outro lado, as maiores discordâncias ocorreram com relação às afirmações de que o uso do software de gerenciamento de projetos resulta no: “Aumento da confiança na execução do trabalho”; “Melhorar na estimativa de custo”, “Melhoria na coordenação da equipe”, “Aumentar a capacidade para resolução de problemas” e “Na melhoria na identificação e controle de riscos”.
  9. 9. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 9 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6Redução do prazo de cumprimento da missão O gráfico 4 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que “O uso do software permite que eu cumpra a minha missão mais rapidamente“. Observa-se que 12 dentre 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 11 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 80 concordam com esta asseveração. Este gráfico indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão. O uso do software me habilita a cumprir minha missão mais rapidamente 35 31 30 30 25 Frequência 19 20 15 11 10 6 5 5 1 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 4 – Nível de concordância sobre o uso do software que habilita a redução do tempo para cumprimento da missão.Melhoria no desempenho do trabalho O gráfico 5 ilustra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar o meu desempenho no trabalho“. Analisando este gráfico é possível depreender que 10 dentre os 103 respondentes também discordaram desta afirmação, que na percepção de 14 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 79 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  10. 10. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 10 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora meu desempenho no 35 trabalho 29 30 26 24 25 Frequência 20 14 15 10 5 5 3 2 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 5 – Nível de concordância sobre o software que melhora o desempenho no trabalho.Aumento da produtividade O gráfico 6 esboça a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Aumentar a minha produtividade“. Avaliando este gráfico é possível depreender que 9 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 11 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 83 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  11. 11. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 11 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software aumenta minha produtividade 40 no trabalho 36 35 30 30 25 Frequência 20 17 15 11 10 4 4 5 1 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 6 – Nível de concordância sobre o software que aumenta a produtividade do trabalho.Melhoria na eficácia do trabalho O gráfico 7 esboça a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar a eficácia sobre o meu trabalho“. Avaliando este gráfico é possível depreender que 7 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 12 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 84 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  12. 12. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 12 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a eficácia sobre o meu 50 trabalho 45 45 40 35 Frequência 30 27 25 20 15 12 12 10 5 3 3 1 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 7 – Nível de concordância sobre o software que melhora a eficácia do trabalho.Facilidade para a realização do trabalho O gráfico 8 mostra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Proporcionar mais facilidade na realização do meu trabalho“. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 7 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 5 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 91 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  13. 13. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 13 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software facilita a realização do meu trabalho 50 45 40 35 Frequência 30 25 20 15 10 5 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 8 – Nível de concordância sobre o software que facilita a realização do trabalho.Melhoria na qualidade do trabalho O gráfico 9 mostra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar a qualidade do meu trabalho”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 6 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 11 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 86 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  14. 14. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 14 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a qualidade do meu trabalho 40 33 34 35 30 Frequência 25 19 20 15 11 10 5 3 3 0 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 9 – Nível de concordância sobre o software que melhora a qualidade do trabalho.Aumento do controle sobre os processos de trabalho O gráfico 10 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Ter um maior controle sobre o meu trabalho”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que apenas dos 20 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 11 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 83 concordam com esta afirmação. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a asseveração apresentada na questão. É também possível observar que 3 respondentes não manifestaram a sua opinião neste aspecto
  15. 15. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 15 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 pesquisado. O uso do software dá-me melhor controle sobre o 45 meu trabalho 42 40 35 33 30 Frequência 25 20 18 15 10 5 5 3 2 0 0 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 10 – Nível de concordância sobre o software que aumenta o controle sobre o trabalho.Melhoria da qualidade das decisões O gráfico 11 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar a qualidade das decisões”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 11 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 6 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 86 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  16. 16. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 16 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a qualidade das minhas 40 decisões 38 35 31 30 25 Frequência 20 16 15 10 7 6 5 3 1 1 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordãncia Gráfico 11 – Nível de concordância sobre o software que melhora a qualidade das decisões.Aumento da confiança na execução do trabalho O gráfico 12 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Aumento da confiança na execução do trabalho”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 15 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, sendo que, dentre estes, 7 discordaram plenamente. Observa-se ainda que, na percepção de 11 respondentes, não há influência do software no aspecto pesquisado e que 86 respondentes concordam com esta asseveração. Apesar deste gráfico indicar uma predominância de concordância forte com a afirmação apresentada na questão, houve um grande índice de rejeição a esta afirmativa.
  17. 17. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 17 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora minha confiança para 35 realizar o meu trabalho 29 30 24 24 25 Frequência 20 15 11 10 7 7 5 1 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 12 – Nível de concordância sobre o software que aumenta a confiança na execução do trabalho.Aumento da capacidade para resolução de problemas O gráfico 13 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Aumentar a capacidade para resolução de problemas”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 17 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, sendo que, dentre estes, 7 discordaram plenamente. Observa-se também que na percepção de 15 respondentes não há influência do software no aspecto pesquisado e que 69 concordam com esta asseveração. Apesar deste gráfico indicar uma predominância de concordância com a afirmação apresentada na questão, houve um grande índice de rejeição a esta afirmativa.
  18. 18. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 18 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora minha capacidade de 30 resolução de problemas 24 24 25 21 20 Frequência 15 15 10 7 7 5 3 2 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordãncia Gráfico 13 – Nível de concordância sobre o software que aumenta a capacidade de resolução de problemas.Melhoria na programação de projetos O gráfico 14 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar a programação de projetos”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 10, dentre os 103 respondentes, discordaram desta afirmação, que na percepção de 8 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 85 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  19. 19. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 19 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a programação de 50 projetos 44 45 40 35 Frequência 30 25 23 20 17 15 10 7 8 5 1 1 2 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordãncia Gráfico 14 – Nível de concordância sobre o software que melhora a programação dos projetos.Melhoria na estimativa de custos O gráfico 15 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar na estimativa de custo”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 11 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 6 respondentes não há influência do software no aspecto pesquisado e que 85 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  20. 20. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 20 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a estimativa de custos 30 25 25 24 25 20 Frequência 15 11 10 7 5 5 5 1 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 15 – Nível de concordância sobre o software que melhora a estimativa de custos dos projetos.Melhoria na identificação e controle de riscos O gráfico 16 ilustra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar na identificação e controle de riscos”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 6 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 6 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 85 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  21. 21. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 21 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a identificação e 30 controle de risco 25 25 23 22 20 Frequência 15 11 9 10 7 6 5 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 16 – Nível de concordância sobre o software que melhora a identificação e controle de riscos nos projetos.Melhoria no compartilhamento de informações O gráfico 17 ilustra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar o compartilhamento de informações”. Avaliando este gráfico é possível interpretar que 13 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 10 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 78 respondentes concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  22. 22. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 22 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a partilha de 35 informação 33 30 25 23 22 Frequência 20 15 10 10 6 5 5 2 2 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 17 – Nível de concordância sobre o software que melhora a partilha de informação entre a equipe de projetos.Melhoria na coordenação da equipe O gráfico 18 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar a coordenação da equipe”. Avaliando este gráfico é possível depreender que 14 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 11 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 78 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  23. 23. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 23 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora a coordenação entre os 30 membros da equipe do projeto 27 25 24 25 20 Frequência 15 11 10 7 5 5 2 2 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 18 – Nível de concordância sobre o software que melhora a coordenação da equipe de projetos.Melhoria no acompanhamento e controle do projeto O gráfico 19 ilustra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar o acompanhamento e controle do projeto”. Avaliando este gráfico é possível depreender que 6 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 7 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 90 respondentes concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  24. 24. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 24 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora o acompanhamento e 60 controle do projeto. 50 50 40 Frequência 30 28 20 12 10 7 5 0 1 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 19 – Nível de concordância sobre o software que melhora o acompanhamento e o controle de projetos.Melhoria no reporte sobre o progresso do projeto O gráfico 20 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação de que o uso do software contribui para “Melhorar o reporte sobre o progresso do controle do projeto”. Avaliando este gráfico é possível depreender que 12 dentre os 103 respondentes discordaram desta afirmação, que na percepção de 7 deles não há influência do software no aspecto pesquisado e que 84 concordam com esta asseveração. Este gráfico também indica uma predominância de concordância forte com a afirmativa apresentada na questão.
  25. 25. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 25 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O uso do software melhora o reporte do progresso 60 de projeto 48 50 40 Frequência 30 23 20 13 10 7 7 3 2 0 1 2 3 4 5 6 7 Grau de Concordância Gráfico 20 – Nível de concordância sobre o software que melhora o reporte do progresso do projeto.Extensão de Uso Nesta seção apresenta-se o resultado da pesquisa quanto à abrangência e extensão do uso do software de gerenciamento de projetos pelos respondentes da pesquisa. Da análise destas questões, destaca-se que:  O uso do software é mais intenso em atividades de gerenciamento de projetos, relacionadas a grandes empreendimentos, do que a pequenos. (Ver gráficos 23 e 24);  O uso do software é mais intenso em atividades de gerenciamento de projetos, em empreendimentos complexos, do que nos simples. (Ver gráficos 23 e 24);  A maioria dos respondentes manifestou a concordância quanto ao uso do software em todas as fases investigadas do projeto: início, planejamento, execução, controle e encerramento. Conforme pode ser observado na análise conjunta deste aspecto, o maior uso é percebido nas fases de execução, controle e planejamento. Um número significativo de respondentes indicou discordância quanto ao uso do
  26. 26. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 26 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 software na fase de início e, principalmente, na fase de encerramento do projeto. Ver gráficos 27, 28, 29, 31 e 31;  Há um número importante de respondentes que usam o software em atividades para gestão do tempo de projeto e, em menor número, para a gestão dos custos dos projetos. Porém, observa-se que há uma discordância importante quanto ao uso do software para as atividades de projeto ligadas à gestão da comunicação, de recursos humanos, do risco, do escopo, da integração e de suprimentos.Uso em todos os processos de gestão O gráfico 21 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação “Uso em todos os processos de gestão do projeto”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 24 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação, que apenas 58 deles concordaram com esta asseveração, havendo 18 que não concordaram nem discordaram desta afirmativa e três que não manifestaram a sua opinião. Uso o software em todos os processos de gestão de projetos 25 22 20 20 18 16 Frequência 15 12 10 9 5 3 3 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 21 – Nível de concordância sobre uso do software em todos os processos de gestão do projeto.
  27. 27. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 27 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6Uso em todas as fases do projeto O gráfico 22 ilustra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação “Uso o software em todas as fases do projeto”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 16 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação, que 69 deles concordaram com esta asseveração, havendo 16 que não concordaram nem discordaram desta afirmativa e 2 que não manifestaram a sua opinião. Uso o software em todas as fases do projeto 30 26 25 24 19 20 Frequência 16 15 10 10 5 3 3 2 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 22 – Nível de concordância sobre uso do software em todas as fases do projeto.Uso na gestão de pequenos projetos O gráfico 23 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação “Uso o software na gestão de pequenos projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 10 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação, que apenas 59 deles concordaram com esta asseveração, havendo 15 que não concordaram nem discordaram desta afirmativa e 6 respondentes que não manifestaram a sua opinião.
  28. 28. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 28 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software na gestão de pequenos projetos 25 23 23 20 16 15 Frequência 15 10 9 8 6 5 3 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 23 – Nível de concordância sobre uso do software em pequenos projetos.Uso na gestão de grandes projetos O gráfico 24 indica a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação “Uso o software na gestão de grandes projetos”. Analisando este gráfico, observa-se que 8 dos 103 respondentes discordaram fortemente desta afirmação. No entanto, 88 deles concordaram com esta asseveração, indicando uma predominância importante de respostas afirmativas a esta questão.
  29. 29. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 29 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software na gestão de grandes projetos 60 57 50 40 Frequência 30 23 20 8 8 10 6 1 0 0 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 24 – Nível de concordância sobre uso do software em grandes projetos.Uso na gestão de projetos complexos O gráfico 25 ilustra a distribuição das respostas dos usuários no que diz respeito ao grau de concordância com a afirmação “Uso o software na gestão de projetos complexos”. Da análise deste gráfico, observou-se que 10 dos 103 respondentes discordaram fortemente desta afirmação. No entanto, 87 respondentes concordaram com ela; isso que indica uma predominância importante de respostas afirmativas a esta questão. Uso o software na gestão de projetos complexos 60 54 50 40 Frequência 30 24 20 8 9 10 4 2 2 0 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância
  30. 30. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 30 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Gráfico 25 – Nível de concordância sobre uso do software em projetos complexosUso na gestão de projetos simples O gráfico 26 refere-se à distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão de projetos simples”. Da análise deste gráfico, depreendeu-se um número significativo (32 dentre 103) de respondentes que discordaram desta afirmação e apenas 57 respondentes que concordaram, havendo 13 que não concordaram nem discordaram desta afirmação e 1 que não manifestou opinião. Uso o software na gestão de projetos simples 30 24 25 19 20 17 Frequência 16 15 13 10 8 5 5 1 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 26 – Nível de concordância sobre uso do software em projetos complexos.Uso nos processos de início de projeto O gráfico 27 indica a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão dos processos de início de projeto”. Da análise deste gráfico, observou-se que a maioria dos respondentes (66 dentre 103) concordou com esta afirmação. No entanto, 15 respondentes discordaram desta afirmação e 14 responderam que não concordaram, nem discordaram. Observou-se, ainda, que 8 respondentes não manifestaram opinião.
  31. 31. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 31 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em projeto de início de processos 30 25 25 22 19 20 Frequência 14 15 10 8 7 4 4 5 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de cocnordânciaGráfico 27 – Nível de concordância sobre uso do software nos processos de início de projetos.Uso nos processos de planejamento O gráfico 28 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação “Uso o software na gestão dos processos de planejamento”. Da análise deste gráfico, depreende-se que um número importante de respondentes (85 dos 103) concordou com esta afirmação, existindo, dentre estes, 50 respondentes que concordaram fortemente com a própria. Houve apenas 11 respondentes que discordaram desta afirmação e, entre eles, 8 que discordaram fortemente da mesma. Nesta questão, houve, ainda, 7 respondentes que não concordaram nem discordaram desta afirmação e apenas 1 que não manifestou opinião.
  32. 32. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 32 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em processos de planejamento de 60 projetos 50 40 Frequência 30 20 10 0 0 1 2 3 4 5 6 7 Nível de relevânciaGráfico 28 – Nível de concordância sobre uso do software nos processos de planejamento de projetosUso nos processos de execução O gráfico 29 traz a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação “Uso o software em processos de execução de projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que apenas 6 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação, tendo a maioria significativa (89 dentre 103 respondentes) em concordância. Houve 7 respondentes que não concordaram nem discordaram e apenas 1 respondente que não manifestou opinião.
  33. 33. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 33 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em processos de execução de 60 projetos 52 50 40 Frequência 30 24 20 13 10 7 5 1 0 1 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 29 – Nível de concordância sobre uso do software nos processos de execução de projetosUso nos processos de controle O gráfico 30 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação “Uso o software nos processos de controle de projetos”. Da análise deste gráfico, observa-se que apenas 6 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação e uma maioria significativa (90 dentre 103 respondentes) concordou com esta afirmação; sendo que, dentre esta maioria, 51 concordaram plenamente. Há, ainda, 6 respondentes que não concordaram nem discordaram com a afirmativa e apenas 1 respondente que não manifestou opinião.
  34. 34. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 34 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em processos de controle de 60 projetos 51 50 40 Frequência 29 30 20 10 10 5 6 1 1 0 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 30 – Nível de concordância sobre uso do software nos processos de controle de projetosUso nos processos de encerramento de projeto O gráfico 31 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software nos processos de encerramento de projetos”. Analisando este gráfico, é possível depreender que a maioria dos respondentes (70 dentre 103) concordou com esta afirmação. No entanto, 18 discordaram e 12 responderam que não concordaram nem discordaram. Observa-se, ainda, que 3 respondentes não manifestaram opinião.
  35. 35. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 35 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em processos de encerramento de 30 projetos 25 25 24 21 20 Frequência 15 14 12 10 5 3 2 2 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 31 – Nível de concordância sobre uso do software nos processos de encerramento de projetosUso na gestão do tempo dos projetos O gráfico 32 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão do tempo dos projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 11 dos 103 respondentes discordaram e que apenas 84 concordaram com a afirmação, havendo 7 respondentes que não concordaram nem discordaram e 1 que não manifestou opinião.
  36. 36. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 36 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em gestão do tempo do projetos 50 47 45 40 35 Frequência 30 26 25 20 15 11 10 7 7 5 3 1 1 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 32 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão do tempo dos projetosUso na gestão de custo dos projetos O gráfico 33 esboça a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão de custos de projetos”. Analisando este gráfico, é possível depreender que a maioria dos respondentes (62 dentre 103) concordou com esta afirmação. No entanto, 19 dos que responderam discordaram e 9 contestaram que não concordaram, nem discordaram. Observa-se, ainda, que 3 não manifestaram opinião. Uso o software em gestão de custo de projetos 35 32 30 25 21 Frequência 19 20 15 9 9 10 7 5 3 3 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância
  37. 37. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 37 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Gráfico 33 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão de custo dos projetos.Uso na gestão da comunicação em projetos O gráfico 34 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão da comunicação em projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que houve uma discordância importante em relação a esta afirmativa (28 dos 103 respondentes). Observa-se, também, que 13 respondentes não concordaram nem discordaram e que 6 não manifestaram opinião. Dessa forma, apenas 56 respondentes concordaram com dada afirmação. Uso o software em gestão de comunicações em 30 projetos 26 25 20 17 Frequência 15 13 13 13 10 9 6 6 5 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 34 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão da comunicação dos projetosUso na gestão de recursos humanos dos projetos O gráfico 35 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão de recursos humanos em projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 31 dos 103 que responderam discordaram desta afirmação, havendo 13
  38. 38. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 38 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 respondentes que não concordaram nem discordaram desta afirmação e 8 que não manifestaram opinião. Ou seja, apenas 51 dos respondentes (o que representa menos do que a metade da amostra) concordaram com esta afirmação. Uso o software em gestão de recursos humanos 25 em projetos 21 20 16 14 Frequência 15 13 13 11 10 8 7 5 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 35 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão de recursos humanos dos projetosUso na gestão de risco dos projetos O gráfico 36 ilustra a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão de riscos em projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 30 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação e apenas 59 respondentes concordaram com ela, havendo 11 respondentes que não concordaram nem discordaram e 3 que não manifestaram opinião.
  39. 39. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 39 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em gestão de risco em projetos 25 23 20 20 16 15 14 Frequência 11 10 8 8 5 3 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordância Gráfico 36 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão de risco dos projetos.Uso na gestão do escopo dos projetos O gráfico 37 reporta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão do escopo dos projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 73 dos 103 respondentes concordaram com esta afirmação, sendo que, 20 respondentes discordaram, 8 não concordaram nem discordaram da mesma e 2 não manifestaram opinião.
  40. 40. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 40 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software em gestão do escopo dos projetos 35 30 30 25 22 21 Frequência 20 15 10 8 8 7 5 5 2 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Nível de relevância Gráfico 37 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão do escopo dos projetosUso na gestão da integração dos projetos O gráfico 38 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão da integração de projetos”. Analisando este gráfico, observa-se que 73 respondentes concordaram com esta afirmação, 20 discordaram, 8 não concordaram nem discordaram desta afirmação e 2 não manifestaram opinião.
  41. 41. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 41 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software na gestão de integração dos projetos 35 30 30 25 Frequência 20 18 15 13 12 10 10 8 7 5 5 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Nível de relevância Gráfico 38 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão da integração dos projetos.Uso na gestão de suprimentos dos projetos O gráfico 39 refere-se à distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão de suprimentos dos projetos”. Da análise deste gráfico, depreende-se que 25 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação e que apenas 61 concordaram com a mesma, havendo 12 que não concordaram nem discordaram e 5 respondentes que não manifestaram opinião.
  42. 42. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 42 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software na gestão de suprimentos dos 30 projetos 25 24 24 21 20 Frequência 15 10 10 7 6 6 5 5 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Nível de relevância Gráfico 39 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão de suprimentos dos projetos.Uso na gestão da qualidade dos projetos O gráfico 40 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “Uso o software na gestão da qualidade dos projetos”. A análise deste gráfico permite interpretar que 28 dos 103 respondentes discordaram desta afirmação, havendo 10 respondentes que não concordaram nem discordaram desta afirmação e 6 que não manifestaram opinião. É possível ainda observar que apenas 59 respondentes concordaram com esta afirmação, mesmo assim, dentre estes, a maior parte não concordava plenamente.
  43. 43. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 43 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 Uso o software na gestão da qualidade dos 30 projetos 25 25 20 19 Frequência 15 15 14 10 10 10 6 5 4 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Nível de relevânciaGráfico 40 – Nível de concordância sobre uso do software na gestão da qualidade dos projetosFuncionalidade Nesta seção, apresentam-se os resultados da pesquisa quanto às funcionalidades do software de gerenciamento de projetos utilizado pelos respondentes da pesquisa. Da análise das repostas obtidas, destaca-se que, de uma forma geral, os respondentes indicaram concordância não muito intensiva quanto à aderência das funcionalidades às atividades de gerência do projeto. A seguir, apresenta-se o resultado obtido em cada uma da perguntas referentes a esta questão.Funcionalidades disponíveis O gráfico 41 remete à distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “O software que uso oferece um alto grau de funcionalidades”. Observa-se que 74 respondentes concordaram com esta afirmação, 14 respondentes discordaram desta e 14 não concordaram nem discordaram; sendo que, apenas 1 não manifestou opinião.
  44. 44. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 44 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O software que eu uso oferece um alto grau de fucionalidades 30 26 25 25 23 Frequência 20 14 15 10 7 3 4 5 1 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concordânciaGráfico 41 – Nível de concordância sobre as funcionalidades oferecidas pelo software.Recursos disponíveis O gráfico 42 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “O software que uso oferece todos os recursos que eu preciso nas minhas atividades”. É possível observar que apenas 64 respondentes concordaram com esta afirmação, 22 respondentes discordaram da mesma, havendo 17 respondentes que não concordaram nem discordaram; nenhum deles deixou de manifestar opinião.
  45. 45. IDENTIFICAÇÃO DO DOCUMENTO REV. Nº RF-E&P27.6-DIC.2255 0 CÓDIGO DO PROJETO: FOLHA: E&P 27.6 45 of 121 TÍTULO DO DOCUMENTO: Relatório Final E&P - 27.6 O software que eu uso fornece todos os recursos que eu preciso para o meu trabalho 30 27 25 25 Frequência 20 17 15 12 10 9 10 5 3 0 0 N 1 2 3 4 5 6 7 Grau de concorsância Grau de concordância Gráfico 42 – Nível de concordância sobre os recursos oferecidos pelo software.Atendimento aos requisitos do trabalho O gráfico 43 apresenta a distribuição das respostas dos usuários quanto ao grau de concordância com a afirmação: “O software que uso satisfaz os requisitos exigidos pelo meu trabalho.” Da análise deste gráfico, é possível depreender que apenas 71 respondentes concordaram com esta afirmação; 19 discordaram e 13 não concordaram nem discordaram de tal afirmativa.

×