Teresa A Flor De Jesus

  • 688 views
Uploaded on

A MAIS JOVEM DE TODAS AS SANTAS

A MAIS JOVEM DE TODAS AS SANTAS

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
688
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
2
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Teresa de Jesus nasceu na França, a 2 de Janeiro de 1873. Com 15 anos, em 1888, entrou no Carmelo de Lisieux. Aos 17 anos fez a profissão como carmelita, durante a festa da Natividade de Nossa Senhora. O nome que recebeu como religiosa foi Teresa do Menino Jesus da Sagrada Face .
  • 2. Em sua célebre obra, a "História de uma alma", que arrebatou cristãos do mundo inteiro, compara-se com uma pequena flor colhida por Jesus, não um lilás ou uma rosa, mas uma simples margarida do campo ou uma violeta, pois Teresa percebeu que as flores convivem harmoniosamente nos jardins do mundo inteiro. Não há disputa entre elas . Cada uma perfuma e enfeita a vida das pessoas, os vasos e as casas, com os atributos que o Senhor lhes concedeu. que todas as flores são belas, que o brilho da rosa e a alvura do lírio não impedem o perfume da pequena violeta ou a simplicidade encantadora da margarida".
  • 3. Teresa, nunca quis ser, nos jardins do Senhor, uma flor altaneira. Para ela, a suntuosidade da rosa, sempre procurada e admirada, não oprimia as flores menores, que salpicam os campos de alegria. “Ainda bem que as humildes violetas e margaridas não almejam ser rosas. Contentam-se, como as almas pequenas, em viver "aos pés do Senhor", no cumprimento de sua vontade: Na realidade, a humildade é própria do amor ". TENDO ADOTADO A “PEQUENA VIA”, UM CAMINHO SIMPLES E RETO PARA CRISTO, ELA DISSE “POSSO, APESAR DA MINHA PEQUENEZ, ASPIRAR À SANTIDADE”
  • 4. Anos mais tarde foi atingida pela tuberculose pulmonar. Debilitada nas forças, não rejeitava trabalho algum e continuava a “jogar para Jesus as flores de pequenos sacrifícios” . A 30 de setembro de 1897, faleceu com apenas 24 anos de idade.
  • 5. Suas últimas palavras foram: “ NÃO ME ARREPENDO DE ME TER ABANDONADO AO AMOR.”
  • 6. Apesar do curto período de 7 anos como religiosa, foi canonizada por Pio XI em 17 de maio de 1925. O mesmo Papa em 14 de dezembro de 1927, a proclamou Padroeira Universal das Missões, junto com São Francisco Xavier.Por ocasião do Centenário de sua morte, o Papa João Paulo II a declarou Doutora da Igreja, pela solidez de sua sabedoria espiritual inspirada no Evangelho, pela originalidade de suas intuições teológicas, nas quais resplandece sua luminosa doutrina , e pela acolhida em todo o mundo de sua mensagem espiritual, difundida através da tradução de suas obras em mais de cinqüenta línguas diversas.
  • 7. FORMATAÇÃO: CLAUDIA MADEIRA CLAUDIA’SLIDES: http://www.corepoesia.com IMAGENS E TEXTO: GOOGLE SOM: “AVE-MARIA” DE GOUNOD