Sabores da Região - Edição 2

368 views
320 views

Published on

Guia Gourmet com os principais assuntos e estabelecimentos do ramo gastronômico que circula em Tietê, Cerquilho e região - interior do Estado de São Paulo

Published in: Entertainment & Humor
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
368
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Sabores da Região - Edição 2

  1. 1. Empório NerudaVinhosDistribuição:Personalizadae em pontosselecionadosdas cidadesTietê,Cerquilho eregiãoGRATUITOEdição 02Maio/Junho2013tem bons rótulos paraacompanharo outono/invernowww.saboresdaregiao.blogspot.comEm Tietê, Sapore CaffèRistorante tem o melhorda culinária italianaTempero Caseiro, deCerquilho, tem pratospopulares de qualidadePersonalidades lembrampratos que marcam suasvidas afetivasEntrevistaO proprietário daSweet PieGourmet, SandersSoares, fala sobrea doceria e suabusca porqualidade
  2. 2. De onde surgiu a ideia de abrir a doceria Sweet Pie Gourmet?Observei uma deficiência no mercado. Eu tinha que abrir o quefaltava. Percebi que a busca pelo doce é grande. Festas infantis,casamentos, ou mesmo no dia a dia. Cerquilho não tinha isso noramo gastronômico.Quais foram as principais surpresas positivas nesses primeirosmeses de atividade?A procura das pessoas! É interessante ver como elas, e nós,gostamos de doces. É positivo ver as pessoas chegando e pedindo:quero um desse, outro daquele, cinco desse outro. A populaçãode Cerquilho e região já está habituada com nossa programação ecardápio. Fazemos parte do dia a dia de muita gente.Temos desde o doce simples até os maisrequintados. Toda quarta o pessoal vem buscar obolo de cenoura, na quinta o Sonho...Como você conseguiu impor qualidade a seusprodutos?Temos uma linha de insumos que a gente não troca,independente do preço. Na maioria das nossasreceitas, utilizamos Nestlé. O que a Nestlé não tem,a gente compra de uma empresa Belga. A excelênciade nossos doces está diretamente ligada à escolha da matéria-prima. Por exemplo, o CupCake é feito com uma massa Belga erecheado com produtos de primeira linha. No entanto, aplicamospreços populares para venda. Outra coisa muito importante é otempo em que os doces ficam na vitrine. Aqui deixamos apenas 2dias. Em outros lugares sei que ficam até 4 dias. Quero que ocliente experimente e saia com uma ótima impressão.O doce Sweet Ball, aquela casca de chocolate recheada commousse de vários sabores é um dos grandes sucessos da doceria.A que se deve este status?As pessoas comem com os olhos. Os produtos que vão para avitrine tem que estar lindos, mas nos preocupamos demais com osabor. Não adianta apenas ser lindo. Tem que ser lindo esaboroso. O Sweet Ball é uma casca grande e toda semanadamos uma roupagem nova a ele. Está um sucesso. Elesrealmente são bonitos e gostosos. Tem gente que leva para darcomo presente. Vendemos quase 2 mil unidades desde queabrimos a doceria.Além disso, as pessoas tem aqui um ponto de encontro. É umótimo lugar para comemorar aniversários e ter conforto, bomproduto e preço justo.Além dos doces você também oferece outrosatrativos?A nossa doceria foi criada como Sweet Pie, maslogo percebi que eu tinha que oferecer mais.Incluí o Gourmet no nome. As pessoas saem paracomer um lanche, para jantar. Dificilmente saempara comer apenas um doce. Eu tinha que teralternativas. Aí desenvolvemos coisas comunscomo a massa folhada, mas de forma elaborada.Além disso, a maioria das docerias em São Paulonão tem um espaço aconchegante. Temos umlounge. Quero que as pessoas entrem e fiquem.A Sweet Pie Gourmet pode ser considera uma doceria diferente?Com certeza. É diferente pelo atendimento, pela estrutura, pelosprodutos de qualidade e preços justos. Aqui as pessoas podem sedesligar do dia a dia. Temos um lounge muito confortável e umdeck que lembra Campos do Jordão pela sua estrutura.Quais são seus planos para Sweet Pie Gourmet?Acredito que daqui 2 anos vamos abrir filiais. Vamos abrirfranquias. Claro que tudo será muito bem estudado. Em Tietê, porexemplo, não compensa, pois já estamos em Cerquilho. Agora, emSorocaba e Boituva já seria concebível.EntrevistaO homem dosdocesO empresário Sanders Soares abriu as portas do escritório dadoceria Sweet Pie Gourmet, de Cerquilho, e recebeu o GuiaGourmet Sabores da Região para um bate-papo descontraído echeio de simpatia. Ele falou sobre os primeiros meses da doceria,planos, surpresas positivas e pela busca incessante em satisfazeros clientes.2Guia Gourmet Sabores da RegiãoKaká Spessotto - (15) 9804-0892Kétleen Villalba - (15) 9847-6549saboresregiao@gmail.comUtilizamos Nestlé namaioria de nossasreceitas. Se a Nestlénão tem o quenecessitamos,compramos de umaempresa Belga.
  3. 3. Logo que pensamos no almoço dedomingo, somos direcionados àsreuniões familiares ao redor de uma mesarepleta por diversos pratos italianos como atradicional macarronada. Em Tietê, agoraexiste um lugar especializado na culinária deorigem italiana. De portas abertas parareceber e unir as famílias em torno desabores inigualáveis, o Sapore Caffè eRistoranti tem massas e doces diferen-ciados,preparadoscomrequinteecarinho.De entrada, você pode escolher algomais leve, como as insalatas (saladas emItaliano). A Carpaccio di Cipriani dá água naboca. O Lagarto fatiado com mostarda,azeite,cebola,limão,rúculaeparmesãodãoa este prato um sabor inesquecível. Outrasboas opções são a Insalata Del Cuoco, oTartar de Atum ou a Insalata Caprese, quelevaestenomeporserdacidadedeCaprieéfeita com mussarela de búfala, tomates,azeite,emanjericão.No cardápio das pastas, os saboresmais elaborados são revelados. Prove aTortelloni Verdi e aprecie a ricota com limãosiciliano ou então experimente outrasvariações como a Tortelloni de abobora namanteiga e Tortelloni de bacalhau. Direto daregião de Piemonte, saboreie a Agnolotti aomolho de tomate, uma espécie de ravioli.Além desses, ainda tem os tradicionais emais conhecidos dos brasileiros como oGnocchi de batada ao molho bolonhesa,Capelletti de carne ao molho de tomate,Capelletti de cordeiro ao molho de tomate egorgonzola, Rondelli quatro queijos aomolho branco, Lasagne alla bolognese,Rondelli de funghi ao molho branco,Cappelletti de frango ao molho de tomate,Tortelli de mussarela com manjericão aomolho de tomate, Spaghetti ao molhobolonhese, Spaghetti ao molho quatroqueijos.Piatto per tutti giorni (prato paratodos os dias). Para os que preferem comeralgo mais leve durante a semana, no almoçodo trabalho, o ristorante também temótimas alternativas, a começar pelo Contra-filé grelhado que tem acompanhamento dearroz, feijão e batata sauté. O Filet de frangoGrelhado – arroz, feijão e legumes, bemcomo o Piatto Light (Abadejo do dia comlegumes sauté) podem saciar e abastecer asenergiasparaorestantedodiadetrabalho.Panini e bruschette. Variações compão, queijo e condimentos são outras boaspedidas. Lista-se o Croque monsieur,Croque madame, a Bruschetta Tradizionalee a Brusquetta com Funghi (pão italiano,alho, mussarela, funghi, shitake, cham-pignon)Dolce. Na área dos doces, destaquepara a Panna Cotta - uma sobremesa típicada região italiana do Piemonte, elaborada apartir de nata de leite, açúcar, baunilha doMadagascar, Petit gateau, Lampião e Mariabonita (doce de abobora com coco e queijocoalho), Mouse de chocolate e os Gelatos(sorvetes).Sapore Caffè. Entre os cafés estão oEspresso, Macchiato (com leite vaporizado),Café com chantilly, Café Canelinha, TriSapore (um ótima mistura de leitecondensado, café e chantilly). Além dosdeliciosos capuccinos: Tradicionale, Ovo-maltineeGelato.Mangiarebene!Bruschetta TradizionaleContrafilé grelhado Agnolotti ao molho de tomate Petit GateauSpecialeSapore Caffè Ristorante proporciona encontro com cafés, capuccinos, massas e doces italianosIncríveis saboresda Itália
  4. 4. Como preparar:1 - Se possível deixe as uvas passas brancas de molho no vinho branco seco por 30minutos.2 – Derreta a manteiga numa panela em fogo alto. Junte a cebolinha, as nozes, o alho eas especiarias e frite por 4 minutos. Abaixe o fogo, junte o arroz e mexa por 2 minutos.3 – Adicione as passas com metade do vinho do molho e o suco de laranja. Mexa até oarroz absorver todo o líquido. Adicione o vinho restante e mexa até ser absorvido.4 – Acrescente o caldo quente pondo um quarto de cada vez, mexendo a cada adiçãoaté ser absorvido.5 – No último quarto, junte só a metade e deixe absorver. O arroz deve ficar cremoso efirme, mas não duro. Se precisar, junte o caldo restante e mexa até ser absorvido. Otempo total de cozimento é de 20 minutos.6 – Misture a chicória ao arroz e cozinhe por mais 2 ou 3 minutos. Junte o orégano e oparmesão. Pronto! Pode servir!Obs: Ao fazer o risoto é muito importante sempre mexê-lo constantemente, assim iráadquirir uma textura cremosa excelente.Ingredientes- 60g de uvas passas brancas- 200 ml de vinho branco seco- 3 colheres de sopa de manteiga sem sal- 2 cebolinhas verdes grandes picadas- 60g de nozes picadas- 1 dente de alho bem picado- 1 pitada de noz-moscada- 300g de arroz para risoto- Suco coado de uma laranja- 1,2 litros de caldo de legumes quente- 1 pé de chicória em fatias- 1 colher de sopa de orégano fresco picado- 100g de queijo parmesão raladoChef4pasteis sorvetes salgados docesO sabor da ItáliaRua Lara Campos, 459, Centro - TietêRisotode laranja,nozes e passasO chef gourmetDaniel Floresto Batistuzzorevela o sabor exótico daItália direto para sua mesaJantar: quarta à sábadoTel: 15. 3282-6930Receita do Sabores da Região400 g de leite em pó integral230 g de açúcar50 g de café solúvel5 colheres (sopa) de chocolate em pó1 colher (sopa) bicarbonato de sódio1 colher (chá) de canela em póMisture no liquidificador o leite em pó e o café solúvel (paratriturar o café)Coloque a mistura em um recipiente com tampa e acrescente osoutros ingredientesAgite vigorosamente o recipiente até que a mistura estejahomogêneaPreparo:Ferva 180ml de águaColoque a água em um copo alto (vai dobrar de volume)Acrescente 3 colheres(sopa) bem cheias de capuccino e misturebem até ficar cremosoProntoA dica é colocar por cima chantily e cobertura de chocolateIngredientesCapuccinoFácilExtraída de: TudoGostoso.Com.BrImagem Ilustrativa
  5. 5. CapaCom a queda da temperaturaclimática, o outono abre a tempo-rada de vinhos tintos no Brasil, estimulao consumo e o contato com saboresOutra boa opção para acompanhar a alcatra oupicanha é o também argentino Masi PassoDoble Malbec-Corvina. Elaborado por Masi -o rei do Amarone, este tinto utiliza a uvaMalbec, a mais apreciada do país, cortadacom a italiana Corvina, da região do Veneto. Aexcelente acidez o deixa fresco e seco, idealpara acompanhar carnes bovinas.Empório Neruda tem bons rótulos e indica como harmonizar pratos tradicionais do BrasilAproveite o outono/invernocom ótimos vinhosO Uxmal Alto Cabernet-merlot pode ser consideradouma das grandes revelações entre os tintos daArgentina. É um vinho muito marcante, com ótimopaladar de carvalho, o que o enriquece e o tornaintenso. Harmoniza facilmente com comida. A dica édegustá-lo acompanhado de boas carnes dechurrasco.O chilenoé destacado pela combinação entre umCarbernet Sauvignon. Faz lembrar um Merlotpela textura. Entretanto, a grande diferençaestá na sutileza que esconde notasherbáceas, características dos vinhosproduzidos a partir desta casta.Montes Selección Limitada CarmenèreNa mesma linha de harmonização do Montes,está o compatriota Santa Alvara CabernetSuavignon, tem grande influência francesa e éuma das mais famosas adegas do Chile.Para acompanhar as massas ou pastas oitaliano Caldora Sangiovese é umahonesta escolha. O tinto com coloraçãovermelho granada, tem aroma marcante epermanente, além de frutado – morangoe amora.Agora, se você vai preparar um risoto, podeescolher o italiano Vasari MontepulcianodAbruzzo 2010. Um dos destaques dafamosa lista de rótulos Gambero Rosso, elecombina um saboroso frutado com umrequinte terroso, que o deixa em excelentescondições para acompanhar vários pratos,como também as massas.Se está prestes a reunir os amigos para umadeliciosa feijoada, regue suas taças com oportuguês Luis Pato Baga + Touriga. Estetinto tem origem de vinhas próprias,localizadas na cepa Baga. Envelhecido embarris de 650 litros de carvalho francês,tem textura mais macia e harmônica, alémde taninos marcantes, mas envolventes, eé muito aromático e saborosoespeciais se torna um prazer para osamantes da bebida. O Empório Neruda,localizado em Tietê, tem uma carta devinhos repleta de rótulos importados depaíses como Argentina, Chile, Itália,Portugal, entre vários outros. Veja algunsdeles e como harmonizá-los para receberosamigosefazerbonito.12345675Texto produzido baseado em informações de: mistral.com.br
  6. 6. Há dois anos o RestauranteTempero Caseiro estáservindo o que há de melhor daculinária popular preparando pratoscom tempero elaborado com ervasfinas, procurando oferecer aos nossosclientes e amigos uma comidatipicamente caseira, como aquela davovó.Servimos um prato econômicocom acompanhamento de saladas eum buffet de carnes e peixesperfazendo um total de seisvariedades.Servimos também marmitex e kitcom guarnições separadas.Conclamamos aos nossos clientese amigos que visitem a nossa cozinha,onde elaboramos a nossa comida comcarinho, higiene e muito respeito pelasaúde pública.Nosso cardápio é simples, poistrata-se de um restaurante decategoria popular, porém, primamosem tudo na elaboração dos pratos quesão servidos aos nossos clientes eamigos.Atendemos de segunda a sábadodas 11h às 14h.Estamos situados na Av. PrefeitoAntonio Souto, nº 381, (antiga Av. daCaminhada) Jardim Itália -Cerquilho/SP. Telefone: (15) 3384-4536.água na bocaInforme PublicitárioRefeiçãoUm restaurantede darProprietário Zequinha entre colaboradoras do Tempero CaseiroRestaurante tem variedade de pratos populares preparados com carinhoTempero Caseiro é boa alternativa para pratos populares feitos com qualidade e respeitoprato popular c/ saladacarnes e massasmarmitexkit marmitex prato feitoAv. Prefeito Antonio Souto, nº 381, Jardim ItáliaCerquilho I Tel.: (15) 3384-4536.Tempero Caseiro
  7. 7. O sabor das lembrançasRodrigo Pappêtte - Cerquilho(Professor de História, Pedagogo e Psicopedagogo Clínico)"Macarronada de domingo é inesquecível. Não dá outra! Na verdade era oSpaghetti ou Fetuccine. A minha avó Matilde preparava a massa no sábado demanhã para almoçarmos no domingo. Ia a família inteira! Eu era bempequeno, tinha cerca de 7 anos, portanto, em 1971. Eu apreciava e devoravaaquela “façanha culinária”! É claro que uma pergunta ou outra sobre o pratovocê sempre faz à pessoa que o preparou. Mas no meu caso, nada deespecial a ponto de me fazer chegar em casa e tentar repetir a receita. Mas asaudade daquela macarrona, ah, jamais vai passar.”Gê Tock - Tietê(Músico e Professor de Música do Conservatório de Tatuí na área de MPB/Jazz)Hamburgueres especiaisfeitos artesenalmente“Macarronada da minha vó Celina Vidoto Bergamim. Passei minha infânciainteira saboreando aquela delícia, que só ela sabe fazer daquele jeito, e atéhoje adoro! Mas minha lembrança maior é dos anos 90, quando eu eracriança. O segredo para o gosto do macarrão fica no molho, e ela semprefez o molho natural de tomate e cebola. Deixava horas cozinhando nofogo baixo, ia à missa e voltava, e o molho cozinhando. Acredito que osegredo era a calma e o amor com que fazia e ainda faz.”Bruna Bergamim Ruy – TietêProfessora de Educação Infantil na EMEB “Prof. Paulo de Souza Alves”Sentimento“A nona Angela Zanetti Gaiotto fazia Ovos Nevados parareunir a família nos natais dos anos 1960.O segredo é acrescentar vinho tinto caseiro.”Maria Angélica Biagioni Grecchi (bancária aposentada)“Morávamos com minha avó materna, uma espanhola chamada Eulãmpia Aceituno quecarinhosamente respondia por Olímpia. Enquanto ela preparava nosso almoço,tínhamos que lavar as mãos e os rostos para sentarmos à mesa e nessa hora molhávamoso banheiro todo brincando de “Guerra de Chuva”.A Tortilla tinha um gosto inexplicável, saborosíssima e comíamos até ficarmos satisfeitos.Recordo-me que nos dias quentes ela servia uma limonada bem gelada para saciar nossasede e amenizar o calor da criançada.”
  8. 8. odocesabordavidaAv. João Pilon, 271, Centro - Cerquilho(15) 3384-50748Segunda a Prefeitura de Cerquilho, devido a inúmerasreclamações de moradores, as autoridades competentes iniciarama aplicação da Lei Municipal que regula o horário defuncionamento de bares e restaurantes. No final de abril, aspolícias Militar e Civil, bem como Guarda Municipal, ConselhoTutelar, Vigilância Sanitária e Fiscais de Postura se uniram parauma Operação Conjunta na fiscalização.De acordo com a Lei, criada em 2002, o funcionamento dos barese restaurantes deve seguir as seguintes regras em relação aohorário: de segunda a quinta-feira, das 6h às 23h na área centralCerquilho aplica Lei de Horário de Funcionamento deBares e RestaurantesAção causa polêmica; alguns afirmam quepostura freia crescimento no ramogastronômico da cidadeda cidade, nos demais bairros, das 6h às 22h. De sextas-feiras,sábados, domingos, vésperas de feriados e feriados, na áreacentral da cidade, das 6h às 24h e, nos demais bairros, das 6h às23h.Alguns cidadãos estão achando a ação exagerada, pois podedesestimular o atual crescimento do ramo gastronômico dacidade. Outros acreditam que as regras devem ser cumpridas paraevitar danos maiores à sociedade. E há quem defenda uma novaavaliação por parte dos vereadores e Prefeito para que, pelomenos, os horários sejam revistos e estendidos. A lei tambémcoíbe o estabelecimento que utiliza as calçadas como extensãodos salões e instalam, mesmo que de forma móvel, cadeiras emesas. Entretanto esta regra é valida apenas para osestabelecimentos que obstruem as calçadas e colocam em riscoos pedestres.Curta nossa Página no Facebook e fique por dentro do mundo gastronômico da região

×