Your SlideShare is downloading. ×
0
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
LSL workshop
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

LSL workshop

860

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
860
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
6
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Workshop de Second Life Katia Fabiola Cánepa Vega katia.canepa@gmail.com Avatar: Kfcito Capalini
  • 2. Agenda • Explorando Second Life na PUC-Rio – Time2Play – TREG – Novos avances • Workshop de Linden Scripting Language (LSL) – LSL: Conceitos Básicos – Exercício
  • 3. Explorando Second Life: Posibilidades educacionales com juegos Katia Fabiola Cánepa Vega katia.canepa@gmail.com Avatar: Kfcito Capalini
  • 4. Motivação 80% dos usuários ativos de Internet terão uma “segunda vida” em algum mundo virtual até 2011. [Gartner] São mais de 100 as instituições educacionais em mais de 18 países com presença no Second Life. [Linden Labs]
  • 5. Second Life • Mundo virtual criado por Linden Labs em 2003. • Os usuários (residentes) representados por avatares interagem, criam conteúdo e fazem negócios. • O conteúdo é criado pelos residentes com editores de terreno, objetos e scripts. http://www.youtube.com/watch?v=z3gHCupXSMs
  • 6. Ambientes Imersivos
  • 7. Visualização de información
  • 8. Simulaçoes
  • 9. Ferramientas de Construção
  • 10. Interação social
  • 11. Discuçoes / Palestras
  • 12. Espacios colaborativos video en YouTube
  • 13. Genome Island Play2Train Jogos em Second Life Simse
  • 14. PUC-Rio no Second Life Second Life como um ambiente de experimentação. 3 ilhas Experiências: • Aulas de Second Life no Real Life • Simulação de uma aula nos MBA´s do IAG • Simulações medicas • Streaming SBSC 08 • Gincanas • Jogos educacionais: – Time2Play – TREG
  • 15. Jogos Educacionais da PUC-Rio TREG Time2Play Jogo de treinamento em Jogo para storytelling engenharia de requisitos Analisis do modelo 3C Exploraçao da criaçao do jogo
  • 16. Time2Play - Storytelling  As histórias divertem, educam e dão identidade cultural aos aprendizes, criando assim o desejo de continuar aprendendo.  Storytelling como um jogo traz para o aprendiz a possibilidade de liberar sua capacidade de criar e de reinventar o mundo e de ter suas fantasias aceitas e exercitadas.
  • 17. Time2Play no Aprendizagem Colaborativa   Colaboração pode ser entendida a partir de suas 3 dimensões - comunicação, coordenação e cooperação. Comunicação gera compromissos demanda Percepção gerenciados pela Cooperação Coordenação organiza as tarefas para Modelo 3C de Colaboração
  • 18. Time2Play – Um Jogo no Second Life   Time2Play é um jogo desenvolvido em Second Life, que possibilita a criação e encenação de histórias colaborativamente.
  • 19. TREG “Training in Requirements Engineering Game” • Interação com NPCs, Machinima • Interação com objetos 3D, tempo • Metáfora da cozinha
  • 20. TREG. Second Life • Criação de objetos com editores de construção e scripting: – 3 ambientes: recepção, cozinha, sala de simulação – NPCs: Miss Workshop, conversa com jogadores – Head-Up Display (HUD) – Painel de Simulação
  • 21. Right People Shared Purpose Ingredientes da técnica de Workshops livro de Gottesdiener “Requirements by Collaboration” Pre-work Shared Space
  • 22. TREG.Iterações From High-coded prototype to Deployment. Iteração 5 From Low-coded to High- coded Prototype Iteração 4 From Wireframe to Low-coded Prototype Iteração 3 From Quick Wireframe to Wireframe Iteração 2 From Idea to Quick Wireframe Iteração 1 Arnowitz, J., M. Arent and N. Berger, 2007. Effective Prototyping for Software Makers
  • 23. TREG Design Branching Stories Escenarios Diagramas
  • 24. Concluçoes  Time2Play e TREG fueron desenvolvidos no Second Life usando suas características de construção e codificação.  Jogos com diferente audiencia e objetivos.  Second Life facilita o proceso de prototipação, mostrando o “look and feel” do jogo.
  • 25. Nuevos avances: Realego 0 x
  • 26. Nuevos avances: Realego 0 x Objetivo: Pesquisar tecnologias que posibilitem a interacaçao de ambientes virtuais e reais.
  • 27. Publicações • VEGA, K. • TREG: Un juego de entrenamiento en Ingeniería de Requisitos. Tesis de Maestría, Departamento de Informática, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), 26 de febrero del 2010. • VEGA, K., ROBICHEZ, G. & FUKS, H. Training in Requirements by Collaboration:Branching Stories in Second Life . SBSC 2009, VI Simpósio Brasileiro de Sistemas Colaborativos, Fortaleza, outubro 2009. ISBN: 978-0-7695- 3918-8, Ed. IEEE-CS, pp. 116-122. • VEGA, K., PEREIRA, A., ROBICHEZ, G., RAPOSO, A. & FUKS, H. Prototyping games for training and education in Second Life: Time2Play and TREG. SBGames 2009, VIII Brazilian Symposium on Digital Games and Entertainment, pp. 167-175. • PEREIRA, A., VEGA, K., DAVID, V., FILIPPO, D., RAPOSO, A. & FUKS, H. Storytelling Imersivo Colaborativo: Time2Play no Second Life. SBSC 2009, VI Simpósio Brasileiro de Sistemas Colaborativos, Fortaleza, outubro 2009. ISBN: 978-0-7695-3918-8, Ed. IEEE-CS, pp. 99-105. • PEREIRA, A., VEGA, K., FILIPPO, D., DAVID, V., RAPOSO, A. & FUKS, H. Enacting Collaboration via Storytelling in Second Life. CRIWG 2009, 15th Collaboration Researchers’ International Workshop on Groupware, Portugal, September 2009. Lecture Notes on Computer Science LNCS 5784, Springer-Verlag, ISSN 0302-9743, pp. 319-327.
  • 28. LSL Workshop Katia Fabiola Cánepa Vega katia.canepa@gmail.com Avatar: Kfcito Capalini
  • 29. No Workshop... LSL - Conceitos llCommands Comunicação entre objetos Canal de comunicação Linked objects Estados Eventos
  • 30. O que é LSL Linden Scripting Lenguage (LSL) é uma linguagem de programação orientada a eventos e baseada em estados, utilizada no simulador Second Life. Scripts controlam o comportamento dos objetos do mundo.
  • 31. O qué é um script? Activa os objetos no Second Life. Scripts são compostos de funcões, eventos e constates. Scripts podem definir posição, tamanho e rotação do objeto. 31
  • 32. Tipos de Variáveis Podem ser locais ou globais Float = floating point or real number Integer = positive whole number String = a text word or phrase Vector = a set of three floats rgb color, xyz pos, xyz vel, xyz accel Key = uuid - object identity Rotation = x,y,z,s - hard! List = rough database
  • 33. Hello World
  • 34. Exercicio Você receve um objeto (2 prims). Cada prim (paê e filho) tem um script que você tem que modificar. Cada vez que um membro do seu time toca seu objeto, o prim child troca suas propiedades. Touched
  • 35. Exercício – Script inicial Comunicação em objetos linked Função: llMessageLinked( integer linknum, integer num, string str, key id ); Evento: link_message(integer sender_num, integer num, string msg, key id)
  • 36. Exercicio - llCommands Adicione funções do SL em kf_child. Cada função é distinta e depende do avatar do time que fez clic. llSetPos(llGetLocalPos() + <0, 0, 1>); llSetLinkTexture(2, texture, ALL_SIDES); llSetLinkColor(2, <0.0, 1.0, 0.0>, ALL_SIDES); llSetLinkPrimitiveParams(2,[PRIM_FULLBRIGHT, ALL_SIDES,TRUE], [ PRIM_GLOW, ALL_SIDES ]); llSetLinkPrimitiveParams(2,[PRIM_TYPE, PRIM_TYPE_SPHERE, PRIM_HOLE_DEFAULT, <0.0, 1.0, 0.0>, 0.5,<0.0, 0.0, 0.0>,<0.0, 1.0, 0.0> ]); llSetLinkPrimitiveParams(2,[PRIM_FULLBRIGHT, ALL_SIDES,TRUE, PRIM_GLOW, ALL_SIDES ]); http://wiki.secondlife.com/wiki/Category:LSL_Functions
  • 37. Exercício - Estados Os scripts definem o compartamento segundo estados. O estado por defeito é: default Podem se definir estados: state MeuEstado { .... } Podem cambiar para outro estado: state MeuEstado Defina um estado diferente para cada membro do time.
  • 38. Exercício - Estados
  • 39. Exercicio - Eventos Adicione o evento listen no local chat. Quando Kfcito Capalini fale: up o local prim subira 1 metro. Use: Função: llListen( integer channel, string name, key id, string msg ); Evento: listen( integer channel, string name, key id, string message ) { ....}
  • 40. Workshop de Second Life Perguntas??? Katia Fabiola Cánepa Vega katia.canepa@gmail.com Avatar: Kfcito Capalini

×