Ifes aula 6-agentes-morfofógicos_internos_e_externos
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Ifes aula 6-agentes-morfofógicos_internos_e_externos

on

  • 3,324 views

 

Statistics

Views

Total Views
3,324
Views on SlideShare
3,181
Embed Views
143

Actions

Likes
0
Downloads
102
Comments
0

5 Embeds 143

http://pkeliton.blogspot.com 75
http://pkeliton.blogspot.com.br 63
http://feeds.feedburner.com 2
http://pkeliton.blogspot.pt 2
http://www.pkeliton.blogspot.com.br 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Ifes aula 6-agentes-morfofógicos_internos_e_externos Ifes aula 6-agentes-morfofógicos_internos_e_externos Presentation Transcript

  • AGENTES MORFOLÓGICOS INTERNOS E EXTERNOS
    “A Terra é um ser vivo, com sua dinâmica evolutiva própria. Montanhas e oceanos nascem, crescem e desaparecem, num processo dinâmico. Enquanto os vulcões e os processos orogênicos trazem novas rochas à superfície, os materiais são intemperizados pela ação dos ventos, das águas e das geleiras. Os rios mudam seus cursos, e fenômenos climáticos alteram periodicamente as condições de vida e o balanço entre as espécies”
    Umberto G. Cordani e Fábio Taioli. Oficina de Textos.
    AULA 6
    Prof. Kéliton Oliveira Ferreira
  • DINÂMICA INTERNA
    • Os movimentos das placas tectônicas são responsáveis pelos agentes modificadores do relevo originados no interior da Terra.
    • O calor e a pressão do interior da Terra geram movimentos que causam:
    - Tectonismo
    - Vulcanismo
    - Abalos Sísmicos.
    • Os movimentos são mais intensos nas bordas das placas tectônicas.
  • TECTONISMO
    • Compreende todos os movimentos que deslocam e deformam as rochas que constituem a crosta terrestre.
    • Movimentos Epirogênicos: São verticais e provocam abaixamento ou soerguimento da Crosta Terrestre de forma lenta em áreas mais estáveis. Consequências da Isostasia.
    • Movimentos Orogênicos: Tem pequena duração no tempo geológico, mas transformam profundamente a área atingida. Os principais são: Dobramentos e Falhamentos.
  • MOVIMENTOS EPIROGÊNICOS
  • MOVIMENTOS OROGÊNICOS
    • Falhamentos: Rochas MAIS rígidas se quebram.
    • Dobramentos: Rochas MENOS rígidas se deformam.
  • VULCANISMO
    • Fenômenos geográficos relacionados a atividades vulcânicas através dos quais o magma do interior da Terra chega a superfície.
    • A maior parte dos vulcões localizam-se ao longo ou próximo dos limites das placas tectônicas.
  • CÍRCULO DE FOGO
    • Principal região do Planeta Terra com vulcões ativos.
  • TERREMOTOS
    • Causados pela ruptura das rochas provocadas por acomodações geológicas de camadas internas da crosta ou pela movimentação das placas tectônicas, produzindo ondas vibratórias que se espalham em várias direções.
    • Nos oceanos podem provocar tsunamis.
    • Centro ou foco: Ponto onde o terremoto se origina.
    • Epicentro: Ponto na superfície situado exatamente acima do centro.
    • Sismógrafo: Mede a intensidade do tremor na escala Richter.
  • TERREMORTOS
    - 2011 – Japão – 25.000 mortos.
    - 2010 – Haiti – 270.000 mortos.
    - 2009 – Indonésia – 1.800 mortos.
    - 2008 – China – 88.000 mortos.
    - 2007 – Peru – 800 mortos.
    - 2006 – Indonésia – 6.700 mortos.
    - 2005 – Paquistão – 83.000 mortos.
    - 2004 – Indonésia – 300.000 mortos.
    - 2003 – Irã – 34.000 mortos.
    - 2002 – Afeganistão – 1.700 mortos.
    - 2001 – Índia – 22.000 mortos.
    - 2000 – Indonésia – 250 mortos.
  • DINÂMICA EXTERNA
    • Os agentes externos desgastam, destroem e constroem as formas de relevo, modelando a superfície terrestre.
    • A ação dos agentes externos é denominada erosão. Os principais são:
    - Chuva, Erosão Pluvial.
    - Rio, Erosão Fluvial.
    - Mar, Erosão Marinha.
    - Neve, Erosão Glacial.
    - Vento, Erosão Eólica.
    - Intemperismo Físico, Químico e Biológico.
  • EROSÃO PLUVIAL
    • É um dos mais ativos, pois a chuva ao cair abre desde pequenos buracos até enormes rachaduras no solo.
    - Superficial: Leva partículas do solo, principalmente em áreas sem cobertura vegetal.
    - Laminar: Desgasta mais que a superficial.
    - Sulcos: Buracos abertos pelas enxurradas.
    - Ravinas: Maiores que os sulcos.
    - Voçorocas: São as maiores.
    • Encharca as encostas e provocam deslizamentos dependendo do solo e da cobertura vegetal.
  • EROSÃO PLUVIAL
  • EROSÃO FLUVIAL
    • Provocada pela ação das águas dos rios na superfície terrestre.
    • Mais intensa em áreas de planaltos.
    • Desgaste em áreas mais íngremes e deposição em áreas mais planas.
    • Formam Aluviões e Canyons
  • EROSÃO FLUVIAL
  • EROSÃO MARINHA
    • Provocada pelo trabalho do mar sobre os litorais, que pode ser construtivo ou destrutivo.
    • Construtivas: Provocados pela acumulação marinha como Praias, Restingas, Tômbolos e Recifes.
    • Destrutivas: Provocados pela abrasão marinha como as falésias.
  • EROSÃO MARINHA
  • EROSÃO GLACIAL
    • O gelo modela o relevo através das geleiras.
    • Dois tipos principais de geleiras:
    - Continentais, localizadas em regiões de altas latitudes. O desprendimento de um pedaço pode formar icebergs.
    - Alpinas, encontradas em altas montanhas. O degelo em períodos mais quentes ocasionam enxurradas que carregam sedimentos rochosos chamados morainas.
  • EROSÃO GLACIAL
  • EROSÃO EÓLICA
    • A ação do vendo é mais perceptível em desertos e praias.
    • Transporta sedimentos de um lugar e deposita em outro.
  • OUTROS AGENTES EXTERNOS
    • Intemperismo:
    - Físico
    - Químico
    - Biológico
    - Ação Antrópica.
  • ATIVIDADES
    Página: 49
    - Questões para Reflexão: 1, 2 e 8.
  • FIM
    Prof. Kéliton Oliveira Ferreira
    • Mestrando em Geografia pela Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória-ES.
    • Especialista em Docência do Ensino Superior pela Faculdades Integradas de Jacarepaguá, Jacarepaguá-RJ.
    • Graduado em Geografia pela Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória-ES.
    • Técnico em Administração pela EEEM “Clóvis Borges Miguel”, Serra-ES.
    keliton@gmail.com