BELEZAS DO SUL
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

BELEZAS DO SUL

on

  • 3,399 views

BELEZAS DOS ESTADOS DE PR, SC E RS.

BELEZAS DOS ESTADOS DE PR, SC E RS.

Statistics

Views

Total Views
3,399
Views on SlideShare
3,399
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
21
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

BELEZAS DO SUL Presentation Transcript

  • 1. BELEZAS DA REGIÃO SUL
  • 2. O Sul do país é formado por Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, três estados onde o frio costuma aparecer de uma maneira mais acentuada. O território paranaense se destaca com sua capital, Curitiba, essa cidade possui uma infra-estrutura impressionante e cresce cada vez mais. Santa Catarina tem magníficas praias, principalmente a de Comburiu. Já no Rio Grande do Sul temos a rica culinária tradicional e a tranqüilidade oferecida pelos Pampas gaúchos.
  • 3. Paraná uma beleza a ser conhecida
    Ao dirigir se para a primeira capital ao sul do Brasil vindo pelo sudeste podemos encontrar uma cidade aconchegante com estrutura para recepcionar as pessoas. Nesta capital há uma diversidade de oportunidades de conhecer suas belezas.A cidade de Curitiba no estado do Paraná agrega inúmeros hotéis de diversos valores que podem proporcionar descanso para seus turistas ou representantes comerciais. Ao mesmo tempo no centro da cidade há diversos restaurantes, lojas e shopings que oferece lazer e descontração para as pessoas.
  • 4. Para conhecer a cidade com mais profundidade podemos encontrar um ônibus estilo londrino na Praça Tiradentes no centro da cidade, que levam as pessoas para conhecerem os pontos turísticos da capital. Entre essas paradas podemos visitar o Jardim Botânico, a Torre Panorâmica, a Ópera de Arame e os parques espalhados pela região.
  • 5. Retomando a estrada e seguindo para o litoral paranaense encontramos a cidade de Paranaguá. Uma região tranqüila no qual agregam alguns pontos turísticos e o Porto de Paranaguá. A cidade por situar-se sob a beira do Oceano Atlântico oferece barcos para diversas praias próxima a costa litorânea e algumas ilhas da região.A cidade oferece alguns pontos turísticos litúrgicos e a visitação ao porto de Paranaguá. O porto pode ser visitado pela APPA (Administração dos Portos de Paranaguá e Atonina) no qual realiza-se um cadastro dos visitantes em horários agendados.
  • 6. Tratando de um lugar especial vizinha a esta cidade encontramos a Ilha do Mel, região próxima da costa litorânea em que, entre a saída de barco partindo de Paranaguá até a ilha leva em torno de 1 hora. Neste trajeto podemos observar as belezas naturais em percurso tranquilo.A ilha revela uma imagem fantástica. Há um pequeno porto no qual atracam os barcos vindo das regiões próximas. Ao chegar encontramos algumas pousadas, lanchonetes e bazares com produtos artesanais. Do outro lado da ilha, podemos conhecer suas praias e alguns pontos turísticos.
  • 7. Entre eles podemos visitar a Gruta das Encantadas, um ambiente rochoso beira mar. Para chegar neste local há um caminho com indicações desde o porto da ilha no qual atracam os barcos, até o local da gruta. Nas praias da ilha próxima à costa há algumas lanchonetes e algumas bicas d'água para as pessoas se lavarem pós água salgada.
  • 8. SANTA CATARINA
    Lugar reconhecido pelas belezas naturais, a riqueza histórica e a vocação empreendedora, Santa Catarina é um dos estados brasileiros onde se vive mais e melhor. Seu Índice de Desenvolvimento Humano (IDH)1 é de 0,840, considerado elevado, o que o coloca atrás apenas do Distrito Federal.
    As boas condições de desenvolvimento humano desfrutadas por Santa Catarina se refletem, por exemplo, na expectativa de vida de 75,2 anos, acima da média nacional, que é de 72,4.
  • 9. Entre as 33 Regiões Metropolitanas do País, as quatro primeiras no ranking do IDH Municipal ficam em Santa Catarina: Grande Florianópolis, Joinville, Blumenau e Tubarão. Das dez primeiras colocadas, apenas quatro são de outros Estados. Santa Catarina tem 27 cidades colocadas entre as 100 brasileiras com melhor IDH. Dos 573 municípios com nível elevado de desenvolvimento humano, 123 (mais de 20%) são catarinenses. Florianópolis é considerada a capital com a mais alta qualidade de vida e a quarta melhor cidade do País para se viver, de acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU).
  • 10. Florianópolis é também a cidade brasileira que mais enriqueceu nas últimas três décadas. Seu PIB per capita cresceu, em média, 6% por ano e atualmente é R$ 19,6 mil – acima da média brasileira. De acordo com estudo realizado pela Escola Brasileira de Administração Pública, Florianópolis é a oitava melhor cidade do Brasil para um profissional fazer carreira. Além disso, é a primeira capital do Brasil e a terceira cidade do País no ranking da inclusão digital, elaborado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) com uma taxa de 33,29%. Sete municípios catarinenses figuram entre os 50 mais bem colocados nesse índice.
  • 11. Santa Catarina está entre os estados brasileiros com os melhores indicadores de educação, saúde e renda dos jovens, que formam o Índice de Desenvolvimento Juvenil (IDJ), publicado pela Rede de Informação Tecnológica Latino-Americana (Ritla), pelo Instituto Sangari e pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, em 2007. Detém o segundo melhor IDJ no ranking dos estados brasileiros, sendo superado apenas pelo Distrito Federal. O analfabetismo juvenil foi praticamente erradicado em Santa Catarina, que ocupa o primeiro lugar neste quesito.
  • 12. O caminho para que Santa Catarina se mantenha no trilho do desenvolvimento já está traçado: é a educação de seu povo. Uma característica do Estado é a constante preocupação com o ensino, desde o nível básico até o superior, que o transformou em modelo a ser seguido no País. São 92 instituições de ensino superior, das quais 15 se encontram na capital e 77 no interior. Com isso, 15,3% da força catarinense de trabalho já chegaram aos bancos universitários. E 43,5% têm ao menos ensino médio completo. Ao mesmo tempo, os pequenos catarinenses continuam sendo cuidadosamente preparados para o futuro. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Estado detém uma das menores taxas de analfabetismo do país, 4,41%, que é menos da metade da média nacional, de 9,99%.
  • 13. O custo de vida é mais baixo do que em outros estados, as escolas são boas e a capacidade de consumo per capita dos catarinenses está entre as mais altas do País.Mais educação e mais qualidade de vida, associados a um trabalho eficiente de segurança pública, são atributos que refletem diretamente nos índices de violência. Em Santa Catarina, esses índices estão muito abaixo da média nacional. De acordo com ranking elaborado pelo jornal Folha de S. Paulo em abril de 2009, Santa Catarina tem a segunda menor incidência de homicídios entre os 23 estados brasileiros pesquisados, com uma taxa de 13 por 100 mil habitantes em 2008 – menos da metade da taxa média de homicídios no país, que é de 27,4.
  • 14. Segundo o Mapa da Violência dos Municípios Brasileiros de 2008, divulgado pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública, apenas seis municípios catarinenses figuram entre os 556 mais violentos do país: Planalto Alegre, Santa Cecília, Passos Maia, Irati, Vargem e Palmeira, pequenas localidades madeireiras situadas nas regiões Oeste e Meio-Oeste. O que tem maior índice aparece 228a posição.
  • 15. Não por acaso a revista norte-americana Newsweek, em sua edição europeia de 3 de julho de 2006, relacionou a capital catarinense entre as 10 cidades mais dinâmicas do planeta. A publicação destaca que “o círculo virtuoso” de Florianópolis começou quando a cidade proibiu a entrada de indústria pesada na Ilha de Santa Catarina.
  • 16. Os números do turismo catarinense crescem a cada ano – o verão de 2008 foi o melhor dos últimos 10 anos. O movimento de turistas, na alta temporada, alcançou 4,3 milhões, gerando uma receita estimada de US$ 1,5 bilhão e uma taxa de ocupação na rede hoteleira de 66%.
  • 17. O Rio Grande do Sul é o Estado mais hospitaleiro do país. Povo miscigenado por uma diversificada formação étnica é alegre, culto e sabe receber bem seus visitantes, em qualquer uma das regiões do Estado. Possui 496 municípios (IBGE/00), situados em zona urbana ou rural. Entre os principais, com altos índices de densidade demográfica e participação na composição econômica do Estado, estão à capital Porto Alegre; Canoas (na região metropolitana), Caxias do Sul (principal cidade do pólo metal-mecânico na região serrana), Santa Maria (no centro do Estado); Pelotas, Passo Fundo, Rio Grande e Uruguaiana (na fronteira com a Argentina).
  • 18. Os municípios de Canela e Gramado são destaques turísticos. Este Estado é considerado um dos estados mais ricos do país. Conta com uma boa infra-estrutura turística. A área metropolitana de Porto Alegre é a mais desenvolvida de toda a região Sul, e a colonização européia deixou sua marca e os gaúchos como são chamados falam o nosso idioma com uma forte influência portenha e alguns ainda usam as calças largas (bombachas), como os homens das pampas argentinos.
  • 19. Este Estado é o mais frio do país, e é uma alternativa diferente para o turismo. O litoral do Rio Grande do Sul tem praias com águas cristalinas como: Torres a 209 quilômetros de Porto Alegre, Tramandaí a 126 quilômetros de Porto Alegre, Capão da Canoa, Atlântida e outras.
  • 20. É interessante visitar as ruínas das antigas missões jesuítas guaranis, dos séculos XVII e XVII, que são consideradas Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. A Serra Gaúcha está repleta de atrações naturais. As montanhas de Gramado e Canela são lugares de grande interesse turístico.
  • 21. Neste Estado, o turismo pode ser aproveitado de janeiro até dezembro. Sua população atual e de: 11.108.343 hab. De acordo ao censo de 2007.A Capital do Rio Grande do Sul e a cidade de Porto Alegre com uma população atual de: 2.421.005 hab. De acordo ao censo de 2007.
  • 22.
  • 23. FONTES
    http://www.blogbrasil.com.br/beleza-da-regiao-sul-do-brasil/
    http://www.webartigos.com/articles/56846/1/Parana-uma-beleza-a-ser-conhecida/pagina1.html
    http://www.santacatarinabrasil.com.br/pt/qualidade-de-vida/
    http://www.turismoportoalegre.com.br/index.html