Custo de mídia <br />e <br />problemas de compra<br />UNIVALI <br />Publicidade e Propaganda<br />4º período<br />Planejam...
Apresentação<br />Considerações iniciais<br />Planejamento e compra<br />Custos de mídia<br />Custos em televisão<br />
Considerações iniciais<br />
Custo de mídia e problemas de compra<br />Dimensão da verba...<br />Baseada nos custos de mídia <br />relativos ao número ...
Custo de mídia e problemas de compra<br />Levando isso em consideração,<br />O plano de mídia deve maximizar a <br />distr...
Custo de mídia e problemas de compra<br />Para isso, o planejador de mídia<br />Precisa estar conectado ao mercado <br />e...
Custo de mídia e problemas de compra<br />Custos de mídia são relativos<br />TV<br />Oferta<br />X<br />Procura<br />Jorna...
Custo de mídia e problemas de compra<br />Estimar custos é mais uma arte <br />do que uma ciência...<br />Depende, princip...
Custo de mídia e problemas de compra<br />Estimar custos é mais uma arte <br />do que uma ciência...<br />Se o plano é bas...
Custo de mídia e problemas de compra<br />Estimar custos é uma tarefa árdua...<br />Cada tipo de mídia tem um custo, <br /...
Planejamento<br />e compra<br />
Planejamento e compra<br />=<br />Plano de mídia eficiente<br />Bom cumprimento das metas de Marketing<br />Impactos <br /...
Planejamento e compra<br />O planejador de mídia deve<br />Desenvolver um processo de cálculo, <br />combinado com o custo...
Planejamento e compra<br />O planejador de mídia deve<br />Desenvolver um processo de cálculo, <br />combinado com o custo...
EXEMPLO<br />
Planejamento e compra<br />Supondo 	que...<br />Custo por mil de mulheres, 18 anos ou<br />mais, para o período diurno em ...
Uma verba fixa, colocando todo<br />dinheiro no horário diurno, <br />distribuirá 3 vezes mais impactos <br />do que o hor...
Planejamento e compra<br />Independente se for CPM ou $/GRP,<br />A eficiência de custo da distribuição de mídia é importa...
MAIS UM EXEMPLO<br />
Alternativa de mídia – Custo e distribuição<br />Modelo de anúncio<br />Valor unid. Prev.<br />Aud. Abs.<br />Aud. <br />C...
Planejamento e compra<br />Como assegurar estimativas corretas de custo<br />de mídia?<br />	1. Manter contato próximo com...
Planejamento e compra<br />Preço para mídia impressa, por exemplo...<br />Revistas, jornais e encartes de jornais, há um t...
Custo de mídia e índice de tendências CPM<br />
Planejamento e compra<br />Preço para mídia impressa, por exemplo...<br />Hoje, ambas, mídia eletrônica e revistas, são <b...
Planejamento e compra<br />Como assegurar estimativas corretas de custo<br />de mídia?<br />	1. Manter contato próximo com...
Planejamento e compra<br />Em uma realidade um pouco diferente <br />da regional, <br />Algumas agências empregam comprado...
Planejamento e compra<br />Como assegurar estimativas corretas de custo<br />de mídia?<br />	1. Manter contato próximo com...
Planejamento e compra<br />Depois de todo o processo de compra de mídia,<br />É importante fazer um banco de dados de cust...
Custos de mídia<br />
Custos de mídia<br />Investimento em custo de mídia<br />Analisando a tabela a seguir, percebe-se <br />		os investimentos...
Investimento em mídia de anunciantes nacionais (1990)<br />
Custos de mídia<br />Dentro das mídias amplas,<br />		Há muitas alternativas disponíveis das <br />		quais o planejador de...
Custos<br />de<br />televisão<br />
Custos de televisão<br />Na tabela anterior,<br />		A maioria de investimento em televisão é <br />		relativa a bens de co...
Custos de televisão<br />Perecibilidade...<br />		Está ligado ao fato de um espaço de :30 <br />		não ser infinito.<br />	...
Custos de televisão<br />O custo do meio TV.<br />		Menos demanda por anúncios perto da<br />		data de ir ao ar cria reduç...
Custos de televisão<br />Perecibilidade...<br />		Assim, há um espaço de tempo certo para<br />		negociar espaço em TV.<br />
Custos de televisão<br />O custo do meio TV.<br />		O preço de espaço em TV sempre é <br />		relevante, mas pode aumentar ...
Custos de televisão<br />O custo do meio TV.<br />		Menos demanda por anúncios perto da<br />		data de ir ao ar cria reduç...
Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />TV<br />Rede <br />de televisão<br />TV a cabo<br />Estações loc...
Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />Rede <br />de televisão<br />
Rede de televisão<br />		São as redes nacionais;<br />		Aquelas em que parte da programação é exibida em todo o território...
Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Horário nobre (20h – 23h)<br />			Alto índice de audiên...
Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Horário diurno (10h – 16h30)<br />		Geralmente o menos ...
Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Horário de fim de noite ( geralmente  das 23h30 até enc...
Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Fim de semana<br />		Programação geralmente esportiva o...
Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Fim de semana<br />		Sábado de manhã – geralmente volta...
Rede de televisão<br />Redes Locais<br />		A diversidade da programação de rede abrange quase 		todos os interesses;<br />...
Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />Estações locais<br />
Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br />		São estações de televisão  local;<br />Podem estar afiliadas a ...
Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br />		Os custos de propaganda local variam de marcado para mercado;<b...
Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br />		Mesmo dentro da programação de rede, há certas faixas de horári...
Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br />	Os preços vão, novamente, basear-se na distribuição  e disponibi...
Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />Produção Independente<br />
Produção Independente<br />Como funciona<br />	Desenvolve-se um pacote de programa ou programação vendido diretamente ao a...
Produção Independente<br />Os 3 tipos de negociação:<br />PERMUTA TOTAL:<br />Quando a estação local recebe o programa e p...
Produção Independente<br />Os 3 tipos de negociação:<br />DINHEIRO VIVO:<br />Quando a estação local paga em dinheiro pela...
Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />TV a cabo<br />
TV a cabo<br />Os custos de TV a cabo:<br />Pode ser comprada em base nacional ou local;<br />Embora tenha programação dif...
TV a cabo<br />3 maiores vantagens da TV a cabo:<br />Segmentação de público-alvo (narrowcasting);<br />Melhor CPM em rela...
Custo de Revista<br />
Custo de Revista<br />Uma das duas maiores categorias de mídia impressa <br />(junto com o jornal);<br />Para espaços impr...
Custo de Revista<br />Assim, o custo da impressão é uma variável em oposição ao <br />compromisso fixo da televisão e sua ...
Custo de Revista<br />Interesses<br /> Gerais<br />Femininas<br />Infantil<br />Animais<br />Categorias de revistas<br />M...
Custo de Revista<br />Interesses Gerais:<br />São revistas de interesse Geral, como Veja, Isto é, <br />		Guias de TV e ou...
Custo de Revista<br />Revistas Femininas:<br />Publicação editoriais seletivas, como Marie Claire, <br />		Claudia, Nova, ...
Custo de Revista<br />Revistas para o lar:<br />		Revistas como Casa Cláudia, Casa e Jardin, Saúde e Lar,<br />		que apont...
O custo de Jornais<br />Meio que oferece benefícios distintos:<br />Flexibilidade em trabalhos <br />combinados mercado a ...
O custo de Jornais<br />ROP  - RunOfPaper<br />	Anúncios no próprio jornal;<br />	Podem ser comprados quase em qualquer ta...
O custo de Jornais<br />Encartes<br />	Inserções impressas fora do jornal e colocadas dentro<br />	do mesmo;<br />	Podem s...
O custo de rádio<br />
O custo de rádio<br />O custo de rádio<br />A opção e anúncio via  rádio é oferecida em rede nacional <br />ou em mercados...
O custo de rádio<br />
O custo de rádio<br />O custo de rádio<br />Rádio em rede:<br />	Inclui programação de notícias, música, esporte e 	cultur...
O custo de rádio<br />O custo de rádio<br />Rádio local:<br />	Varia de mercado para mercado;<br />Custo-benefício de rádi...
Midia Externa<br />Possui uma gama ampla de formas de apresentação;<br />Diferencia drasticamente em tamanho e localização...
Midia Externa<br />Painéis tipo pôster<br />	Propaganda de tipo exterior, no qual anúncio pré-	impresso é instalado;<br />...
Midia Externa<br />Pôster tipo padrão:<br />		Chamado de 30 folhas;<br />		12 pés (3,7 metros) de altura por 25 pés (7,6 	...
Midia Externa<br />Pôster tipo junior:<br />		Chamado de 8 folhas;<br />		Mais ou menos 1/4 do tamanho do pôster 			padrão...
Midia Externa<br />Pôster tipo três folhas:<br />		Usado extensivamente no trânsito;<br />		Mede 60 polegadas (1,5 metros)...
Midia Externa<br />Custo de pôster:<br />		São, geralmente, vendido em pacotes de GRPs;<br />		Ex: Pacote de 100 GRP<br />...
Midia Externa<br />Cartazes em cores: :<br />		Geralmente, mais largos que o poster e possui, 		em média, 14 pés (4,2 metr...
Midia Externa<br />Cartazes em cores: :<br />		Existem dois tipos de cartazes em cores:<br />Permanente – anunciante compr...
Midia Externa<br />Anúncios em trânsito:<br />		Aqueles disponíveis em onibus, táxis, trens, e 			terminais de transporte;...
Voltando ao modelo <br />de slide anterior...<br />
Custo de mídia<br />Em meio a tantas mídias tradicionais <br />e suas formas tradicionais de compra, <br />há a internet m...
Vídeo<br />
Para casa!<br />Faça um texto de 1 folha com as seguintes questões:<br />Qual a correlação entre Gutermberg e a Nova <br /...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Custo de mídia e problemas de compra 5 maio

577

Published on

Custo de mídia e problemas de compra 5 maio

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
577
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
10
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Custo de mídia e problemas de compra 5 maio

  1. 1. Custo de mídia <br />e <br />problemas de compra<br />UNIVALI <br />Publicidade e Propaganda<br />4º período<br />Planejamento de mídia <br />
  2. 2. Apresentação<br />Considerações iniciais<br />Planejamento e compra<br />Custos de mídia<br />Custos em televisão<br />
  3. 3. Considerações iniciais<br />
  4. 4. Custo de mídia e problemas de compra<br />Dimensão da verba...<br />Baseada nos custos de mídia <br />relativos ao número de <br />audiências-alvo;<br />Distribuídas pelas áreas <br />geográficas desejadas nos <br />melhores pontos de venda.<br />
  5. 5. Custo de mídia e problemas de compra<br />Levando isso em consideração,<br />O plano de mídia deve maximizar a <br />distribuição dos objetivos de Marketing,<br /> determinados em relação ao <br />custo-eficiência.<br />
  6. 6. Custo de mídia e problemas de compra<br />Para isso, o planejador de mídia<br />Precisa estar conectado ao mercado <br />em que vai atuar e ao consumo de mídia<br />desse mercado.<br />
  7. 7. Custo de mídia e problemas de compra<br />Custos de mídia são relativos<br />TV<br />Oferta<br />X<br />Procura<br />Jornal e Revista<br />Constantes <br />no custo<br />Fácil previsão<br />para o planejamento<br />Difícil previsão <br />para o planejamento<br />
  8. 8. Custo de mídia e problemas de compra<br />Estimar custos é mais uma arte <br />do que uma ciência...<br />Depende, principalmente, do <br />profissionalismo e da capacidade de <br />análise de pesquisa do mídia.<br />
  9. 9. Custo de mídia e problemas de compra<br />Estimar custos é mais uma arte <br />do que uma ciência...<br />Se o plano é baseado em custos que <br />estão fora da realidade ou de realidade <br />ultrapassada, <br />será um planejamento falho;<br />Se a estimativa de custo é falho, <br />todo o plano pode ser questionado <br />pelo cliente.<br />
  10. 10. Custo de mídia e problemas de compra<br />Estimar custos é uma tarefa árdua...<br />Cada tipo de mídia tem um custo, <br />diferentes potenciais de negociação e <br />diferentes problemas de compras.<br />
  11. 11. Planejamento<br />e compra<br />
  12. 12. Planejamento e compra<br />=<br />Plano de mídia eficiente<br />Bom cumprimento das metas de Marketing<br />Impactos <br />dentro da <br />verba <br />determinada<br />Núcleo <br />de<br />plano de mídia <br />eficaz<br />Número <br />aproximado <br />de impactos<br />alcance<br />frequência<br />
  13. 13. Planejamento e compra<br />O planejador de mídia deve<br />Desenvolver um processo de cálculo, <br />combinado com o custo de várias <br />alternativas de mídia com a distribuição<br />do plano, para chegar ao relacionamento <br />perfeito entre custo e distribuição.<br />
  14. 14. Planejamento e compra<br />O planejador de mídia deve<br />Desenvolver um processo de cálculo, <br />combinado com o custo de várias <br />alternativas de mídia com a distribuição<br />do plano, para chegar ao relacionamento <br />perfeito entre custo e distribuição.<br />
  15. 15. EXEMPLO<br />
  16. 16. Planejamento e compra<br />Supondo que...<br />Custo por mil de mulheres, 18 anos ou<br />mais, para o período diurno em rede de <br />televisão seja de R$ 4,46 (base :30).<br />Custo por mil do mesmo segmento, <br />para o período noturno seja de R$ 12,87.<br />
  17. 17. Uma verba fixa, colocando todo<br />dinheiro no horário diurno, <br />distribuirá 3 vezes mais impactos <br />do que o horário noturno<br />Por outro lado, o alcance no <br />período nortuno será maior do que <br />o do período diurno no prazo total de 52 semanas<br />Alcance e frequênciamédios<br /> para 4 semanas, para noturno, <br />seria mais baixo do que para diurno.<br />Contudo, a frequencia no período diurno <br />será maior do que a o período noturno, <br />no prazo total de 52 semanas<br />
  18. 18. Planejamento e compra<br />Independente se for CPM ou $/GRP,<br />A eficiência de custo da distribuição de mídia é importante.<br />É trabalho do mídia combinar plenamente a familiaridade de <br />custos de mídia e dinâmicas de distribuição com as metas do <br />plano de marketing de alcançar as audiências determinadas.<br />O mídia deve ser cuidadoso ao empregar suposições corretas <br />de custo de mídia no plano.<br />
  19. 19. MAIS UM EXEMPLO<br />
  20. 20. Alternativa de mídia – Custo e distribuição<br />Modelo de anúncio<br />Valor unid. Prev.<br />Aud. Abs.<br />Aud. <br />COM Est.<br />
  21. 21. Planejamento e compra<br />Como assegurar estimativas corretas de custo<br />de mídia?<br /> 1. Manter contato próximo com mecanismos de custo de <br /> mídia do mercado.<br />
  22. 22. Planejamento e compra<br />Preço para mídia impressa, por exemplo...<br />Revistas, jornais e encartes de jornais, há um tempo atrás, <br />Estavam relacionados ao custo de produção.<br />Quando papel, tinta, salário e custos de postagem<br />aumentavam, as publicações de revistas repassavam <br />o valor para o anunciante;<br />Esses valores tenderam a crescer de formas modesta <br />quando comparada a mídia eletrônica;<br />Porém, com o início das negociações nos anos 80, <br />os aumentos de impressão se equipararam aos de <br />programação de mídia eletrônica<br />
  23. 23. Custo de mídia e índice de tendências CPM<br />
  24. 24. Planejamento e compra<br />Preço para mídia impressa, por exemplo...<br />Hoje, ambas, mídia eletrônica e revistas, são <br />influenciadas pela LEI DE OFERTA E PROCURA.<br />O planejador calcula oferta e procura nesses <br />tipos de mídia quando mantém contato com <br />seus fornecedores;<br />Esse contato dá ao planejador uma visão do <br />que está acontecendo no mercado e, assim, <br />consegue prever as mudanças <br />(pra cima ou pra baixo) nos preços de mídia.<br />
  25. 25. Planejamento e compra<br />Como assegurar estimativas corretas de custo<br />de mídia?<br /> 1. Manter contato próximo com mecanismos de custo de <br /> mídia do mercado.<br />2. Planejadores inteligentes incluem compradores de mídia no desenvolvimento das estimativas de custo de mídia.<br />
  26. 26. Planejamento e compra<br />Em uma realidade um pouco diferente <br />da regional, <br />Algumas agências empregam compradores especialistas de <br /> mídia, que estão em contato constante com os fornecedores <br /> de mídia.<br />A vantagem de se ter uma pessoa responsável somente pela <br />compra de mídia é a familiaridade com o mercado, repassada<br />para o planejador.<br />
  27. 27. Planejamento e compra<br />Como assegurar estimativas corretas de custo<br />de mídia?<br /> 1. Manter contato próximo com mecanismos de custo de <br /> mídia do mercado.<br />2. Planejadores inteligentes incluem compradores de mídia no desenvolvimento das estimativas de custo de mídia.<br />3. Agências profissionais desenvolvem habilidades para estimar mudanças de custo de mídia por meio da história da própria agência.<br />
  28. 28. Planejamento e compra<br />Depois de todo o processo de compra de mídia,<br />É importante fazer um banco de dados de custo de mídia, <br /> nacional e regional, para prever com facilidade o mercado<br /> em que está atuando;<br /> Após completar o plano de mídia e as estimativas, deve-se <br /> analisar o quão próximo o plano está condizente com a <br /> realidade – ANÁLISE PÓS COMPRA.<br /> Essa análise ajuda a manter as estimativas mais precisas.<br />
  29. 29. Custos de mídia<br />
  30. 30. Custos de mídia<br />Investimento em custo de mídia<br />Analisando a tabela a seguir, percebe-se <br /> os investimentos mais importantes feitos<br /> em mídia no ano de 1990.<br />
  31. 31. Investimento em mídia de anunciantes nacionais (1990)<br />
  32. 32. Custos de mídia<br />Dentro das mídias amplas,<br /> Há muitas alternativas disponíveis das <br /> quais o planejador deve estar inteirado;<br /> Não só a mídia como a diferença entre <br /> as mídias regionais e nacionais devem <br /> ser analisadas e aproveitadas.<br />
  33. 33. Custos<br />de<br />televisão<br />
  34. 34. Custos de televisão<br />Na tabela anterior,<br /> A maioria de investimento em televisão é <br /> relativa a bens de consumo e serviços. <br /> Porém, tem havido crescimento do <br /> investimento em relação a indústrias e negócios.<br /> “Perecibilidade” – principal característica do<br /> meio TV.<br />
  35. 35. Custos de televisão<br />Perecibilidade...<br /> Está ligado ao fato de um espaço de :30 <br /> não ser infinito.<br /> Enquanto a revista pode aumentar sua <br /> edição a fim de agregar mais publicidade, <br /> um espaço na TV não é recuperado se não<br /> for negociado.<br />
  36. 36. Custos de televisão<br />O custo do meio TV.<br /> Menos demanda por anúncios perto da<br /> data de ir ao ar cria redução de preço, <br /> SE HOUVER DISPONIBILIDADE de programação <br />
  37. 37. Custos de televisão<br />Perecibilidade...<br /> Assim, há um espaço de tempo certo para<br /> negociar espaço em TV.<br />
  38. 38. Custos de televisão<br />O custo do meio TV.<br /> O preço de espaço em TV sempre é <br /> relevante, mas pode aumentar ou diminuir<br /> de acordo com a demanda.<br /> Quanto maior a demanda e mais cedo é <br /> feita a negociação, maior a probabilidade<br /> de o valor ser mais alto.<br />
  39. 39. Custos de televisão<br />O custo do meio TV.<br /> Menos demanda por anúncios perto da<br /> data de ir ao ar cria redução de preço, <br /> SE HOUVER DISPONIBILIDADE de programação <br />
  40. 40. Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />TV<br />Rede <br />de televisão<br />TV a cabo<br />Estações locais<br />Produção independente<br />
  41. 41. Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />Rede <br />de televisão<br />
  42. 42. Rede de televisão<br /> São as redes nacionais;<br /> Aquelas em que parte da programação é exibida em todo o território nacional;<br />Algumas possuem lacunas alimentadas de <br /> programação local;<br />Pode ser dona ou parceira de redes locais.<br />
  43. 43. Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Horário nobre (20h – 23h)<br /> Alto índice de audiência (domicilio com televisão ligada);<br />Geralmente detentor dos maiores preços;<br />Tendência a atingir audiência familiar com altos índices <br /> de alcance;<br />
  44. 44. Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Horário diurno (10h – 16h30)<br /> Geralmente o menos caro da rede;<br /> Audiência domiciliar média de 4,6;<br /> Distribuição eficiente em CPM a domicílios e donas de casa.<br />
  45. 45. Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Horário de fim de noite ( geralmente das 23h30 até encerramento)<br /> A programação varia de rede para rede e de acordo com o tempo;<br />Geralmente programado com entrevistas, filmes e diferentes tipos de entretenimento, incluindo bandas e humorismo;<br />Apesar de a média de audiência domiciliar ser parecida<br /> com o diurno, há dualidade de audiência, o que empobrece a segmentação do horário.<br />
  46. 46. Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Fim de semana<br /> Programação geralmente esportiva ou infantil;<br /> Programação esportiva = domínio do anunciante orientado para público masculino;<br /> Possui um elevado CPM, menos quando há eventos esportivos ligados a uma marca;<br />
  47. 47. Rede de televisão<br />Rede de Televisão e sua programação...<br />Fim de semana<br /> Sábado de manhã – geralmente voltado para público infantil.<br /> Comerciais de produtos matinais, brinquedos, fast-food e doces concentram uma porção significativa de seu orçamento para propaganda na TV.<br />
  48. 48. Rede de televisão<br />Redes Locais<br /> A diversidade da programação de rede abrange quase todos os interesses;<br /> Essa diversidade dá subsídios ao planejador com oportunidades para atingir mercados nacionais amplos com programações orientadas especificamente para o público-alvo;<br /> Os custos para essa programação mudam de acordo com as mudanças de demanda do mercado;<br />
  49. 49. Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />Estações locais<br />
  50. 50. Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br /> São estações de televisão local;<br />Podem estar afiliadas a uma rede e transmitir a programação da mesma;<br />Podem ser estações independentes, sendo assim responsáveis por toda sua programação.<br />
  51. 51. Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br /> Os custos de propaganda local variam de marcado para mercado;<br />Baseados em demanda de distribuição de audiência para o tempo disponível para comerciais;<br />O custo vai variar de cidade para cidade , dependendo do número de pessoas atingidas (ex: Blumenau, Itajaí)<br />
  52. 52. Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br /> Mesmo dentro da programação de rede, há certas faixas de horário colocadas de lado pelas vendas locais;<br />Isso possibilita o anunciante local<br />a comprar um comercial de 30” <br />(se disponível) num programa<br /> originado pela rede, ou entre programas.<br />
  53. 53. Estações Locais<br />Programação em Estações Locais<br /> Os preços vão, novamente, basear-se na distribuição e disponibilidade de tempo comercial;<br />Em geral, são veículos de mídia de alto custo-eficiência para alcançar mercados geográficos específicos. <br />
  54. 54. Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />Produção Independente<br />
  55. 55. Produção Independente<br />Como funciona<br /> Desenvolve-se um pacote de programa ou programação vendido diretamente ao anunciante e/ou liberado pelo produtor numa base de mercado a mercado.<br />
  56. 56. Produção Independente<br />Os 3 tipos de negociação:<br />PERMUTA TOTAL:<br />Quando a estação local recebe o programa e porcentagem do tempo de comercial dentro do programa pela venda local em troca da colocação do programa no ar;<br />PARTE PERMUTA / PARTE CASH:<br />Quando a estação local paga uma taxa de licença para transmitir o programa. Assim, a rede pode ter domínio parcial ou total do espaço publicitário do programa.;<br />
  57. 57. Produção Independente<br />Os 3 tipos de negociação:<br />DINHEIRO VIVO:<br />Quando a estação local paga em dinheiro pela produtora e pode vender todos os horários comerciais para anunciante locais ou nacionais;<br />GERALMENTE, O CUSTO EFICIENTE DOS PRODUTORES É 25% MELHOR DO QUE O CUSTO-EFICIÊNCIA DA REDE OU ESTAÇÃO LOCAL<br />
  58. 58. Custos de televisão<br />As subcategorias do meio TV<br />TV a cabo<br />
  59. 59. TV a cabo<br />Os custos de TV a cabo:<br />Pode ser comprada em base nacional ou local;<br />Embora tenha programação diferente, imita a rede nacional em parte da programação: manhã cedo, longo do dia, horário nobre e fim de noite;<br />Elemento importante em ascensão em vários planos de mídia;<br />
  60. 60. TV a cabo<br />3 maiores vantagens da TV a cabo:<br />Segmentação de público-alvo (narrowcasting);<br />Melhor CPM em relação a rede nacional;<br />Pessoas com TV a cabo não assistem a rede nacional, o que aprimora a distribuição de GRP.<br />
  61. 61. Custo de Revista<br />
  62. 62. Custo de Revista<br />Uma das duas maiores categorias de mídia impressa <br />(junto com o jornal);<br />Para espaços impressos, o preço tende a ser ligeiramente mais <br />estável de que a mídia eletrônica, pois podem ajustar<br />o número de páginas para mais <br />ou para menos;<br />
  63. 63. Custo de Revista<br />Assim, o custo da impressão é uma variável em oposição ao <br />compromisso fixo da televisão e sua perecibilidade;<br />Geralmente, revistas editam tabelas de preço que cobrem custos <br />futuros, mas não são confiantes para negociação de pacotes;<br />Ao projetar compra de revista no planejamento de um ano, deve-se <br />ser cuidadoso com os cálculos de taxas. <br />
  64. 64. Custo de Revista<br />Interesses<br /> Gerais<br />Femininas<br />Infantil<br />Animais<br />Categorias de revistas<br />Masculinas<br />Revistas<br />para o Lar<br />Saúde<br />Educação<br />
  65. 65. Custo de Revista<br />Interesses Gerais:<br />São revistas de interesse Geral, como Veja, Isto é, <br /> Guias de TV e outros;<br /> Conteúdo editorial não exclui nenhum tipo de leitor<br /> potencial;<br /> Grande potencial de circulação;<br /> Custo proporcionalmente alto por página.<br />
  66. 66. Custo de Revista<br />Revistas Femininas:<br />Publicação editoriais seletivas, como Marie Claire, <br /> Claudia, Nova, Estilo, entre outras;<br /> Conteúdo editorial informativo e de entretenimento <br /> direcionado às mulheres;<br /> Dependendo da revista há potenciais altos e médios de <br /> circulação;<br />
  67. 67. Custo de Revista<br />Revistas para o lar:<br /> Revistas como Casa Cláudia, Casa e Jardin, Saúde e Lar,<br /> que apontam em outra direção, ou seja, preocupações e <br /> interesses de donas de casa;<br /> Dirigem-se a adultos e à audiência com dualidade.<br /> Essa seletividade e dualidade de audiência dá ao <br /> planejador uma oportunidade de anunciar em um ambiente <br /> compatível com certos públicos por preço interessante.<br />
  68. 68. O custo de Jornais<br />Meio que oferece benefícios distintos:<br />Flexibilidade em trabalhos <br />combinados mercado a mercado;<br />Prazo de fechamento rápido;<br />Cobertura interna do mercado local e<br />Identificação do mercado especializado<br />
  69. 69.
  70. 70.
  71. 71. O custo de Jornais<br />ROP - RunOfPaper<br /> Anúncios no próprio jornal;<br /> Podem ser comprados quase em qualquer tamanho;<br /> P/B ou colorido;<br /> Se um cor for adicionada ao P/B, o adicional é <br /> de 10 a 15%;<br /> O adicional de custos para 4 cores é, em geral, <br /> de 20 a 40%.<br />
  72. 72. O custo de Jornais<br />Encartes<br /> Inserções impressas fora do jornal e colocadas dentro<br /> do mesmo;<br /> Podem ser impressas em papel de boa ou baixa <br /> qualidade, gramatura, P/B, colorido, informando o <br /> que for de interesse e impresso da maneira desejada;<br /> Os custos vão depender da produção e qualidade + a<br /> inserção e distribuição do encarte, de acordo com a <br /> tabela do veículo.<br />
  73. 73. O custo de rádio<br />
  74. 74. O custo de rádio<br />O custo de rádio<br />A opção e anúncio via rádio é oferecida em rede nacional <br />ou em mercados locais independentes;<br />Muitas emissoras possuem cálculos de alcance e freqüência;<br />Isso nos ajuda a medir o efeito de <br />diferentes combinações de estações, quanto à distribuição <br />de impactos gerais e estimativas alcance x freqüência<br />
  75. 75. O custo de rádio<br />
  76. 76. O custo de rádio<br />O custo de rádio<br />Rádio em rede:<br /> Inclui programação de notícias, música, esporte e cultura;<br /> Custos relativamente baixos;<br /> Em média, cerca de R$5000,00 por anúncio de 30´´.<br />
  77. 77. O custo de rádio<br />O custo de rádio<br />Rádio local:<br /> Varia de mercado para mercado;<br />Custo-benefício de rádio local é infinito em relação às redes de rádio, chegando a ser 90% mais barato do que as redes, dependendo do mercado;<br /> A escolha entre o uso de um ou outro vai depender do plano estabelecido.<br />
  78. 78. Midia Externa<br />Possui uma gama ampla de formas de apresentação;<br />Diferencia drasticamente em tamanho e localização;<br />É a mais localizada de todas as formas de mídia, pode<br />ser comprada em um local muito específico e <br />estratégico;<br />Os mais conhecidos são os painéis tipo pôster <br />(bulletins) em cores e anúncios no trânsito<br />
  79. 79. Midia Externa<br />Painéis tipo pôster<br /> Propaganda de tipo exterior, no qual anúncio pré- impresso é instalado;<br /> As dimensões mais usadas são:<br /> Padrão;<br /> Junior;<br /> Três folhas.<br />
  80. 80. Midia Externa<br />Pôster tipo padrão:<br /> Chamado de 30 folhas;<br /> 12 pés (3,7 metros) de altura por 25 pés (7,6 metros) de comprimento;<br /> Essa dimensão é padrão, mas pode ser modificada de acordo com o espaço disponível.<br />
  81. 81. Midia Externa<br />Pôster tipo junior:<br /> Chamado de 8 folhas;<br /> Mais ou menos 1/4 do tamanho do pôster padrão.<br />
  82. 82. Midia Externa<br />Pôster tipo três folhas:<br /> Usado extensivamente no trânsito;<br /> Mede 60 polegadas (1,5 metros) por 46 polegadas (1,16 metros)<br />
  83. 83. Midia Externa<br />Custo de pôster:<br /> São, geralmente, vendido em pacotes de GRPs;<br /> Ex: Pacote de 100 GRP<br /> distribui oportunidades iguais a 100% da população do mercado no dia.<br /> Custo varia MUITO de mercado para mercado, dependendo, principalmente, do público-alvo<br />
  84. 84. Midia Externa<br />Cartazes em cores: :<br /> Geralmente, mais largos que o poster e possui, em média, 14 pés (4,2 metros) de altura por 48 pés (14 metros) de altura;<br /> São vendidos indivudualmente ou em pacotes;<br /> Pode variar de R$2000,00 a 15.000,00, dependendo do mercado da empresa<br />
  85. 85. Midia Externa<br />Cartazes em cores: :<br /> Existem dois tipos de cartazes em cores:<br />Permanente – anunciante compra o espaço por um dois anos e troca somente a arte, lona, ou não.<br />Rotativo – Anunciante confecciona o cartaz e passa de lugar a lugar dentro de um mercado, conforme programação estabelecida (ou ciclos de 30-, 60-, ou 90- dias, dependendo do mercado)<br />
  86. 86. Midia Externa<br />Anúncios em trânsito:<br /> Aqueles disponíveis em onibus, táxis, trens, e terminais de transporte;<br /> Inúmeros tamanhos e formatos;<br /> Custo variável, depende do mercado, meio tamanho, duração do contrato de exibição e extensão da área da compra.<br />
  87. 87. Voltando ao modelo <br />de slide anterior...<br />
  88. 88. Custo de mídia<br />Em meio a tantas mídias tradicionais <br />e suas formas tradicionais de compra, <br />há a internet modificando e revolucionando<br />todo o conceito de mídia.<br />A promessa da mídia interativa está <br />atraindo tanto o mercado da <br />internet para as mídias tradicionais como <br />as mídias tradicionais para a internet.<br />
  89. 89. Vídeo<br />
  90. 90. Para casa!<br />Faça um texto de 1 folha com as seguintes questões:<br />Qual a correlação entre Gutermberg e a Nova <br />Era digital?<br />Qual é o destino das mídias tradicionais<br />impressas e eletrônicas com a entrada <br />da internet?<br />Levando mídia exterior em consideração, qual seria seu destino?<br />Quais seriam os maiores desafios do planejador de mídia <br />frente a essa evolução?<br />
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×