Your SlideShare is downloading. ×
Multimídia
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Multimídia

524
views

Published on

Material de aula da disciplina Jornalismo Digital, ministrada pelos professores Karen Sica e Marcelo Träsel na Famecos/PUCRS. …

Material de aula da disciplina Jornalismo Digital, ministrada pelos professores Karen Sica e Marcelo Träsel na Famecos/PUCRS.

Published in: Technology

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
524
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • \n
  • Transcript

    • 1. Multimidialidade e convergência Profa. Karen Sica Famecos/PUCRS - Dep. Jornalismo Jornalismo Digital
    • 2. Multimidialidade é a convergência dos formatos dasmídias tradicionais (imagem, texto e som) nanarração do fato jornalístico.Circulação de um conteúdo em múltiplasplataformas numa situação de agregação ecomplementaridade. PALÁCIOS, 2003, p.3
    • 3. A convergência se relaciona ao fluxo de conteúdosatravés de múltiplos suportes tecnológicos decomunicação, à cooperação entre múltiplosmercados midiáticos e ao comportamentomigratório dos públicos dos meios de comunicação,que vão a quase qualquer parte em busca deinformação e entretenimento que desejam. JENKINS, 2008, p.2
    • 4. Convergência e multimidialidade não sãoapenas processos técnicos. São processosculturais quando os consumidores sãoincentivados a procurar novas conexões emmeio a conteúdos midiáticos dispersos.
    • 5. COMO FICA O JORNALISTA?
    • 6. COMO FICA O JORNALISTA?– Informação rápida e ágil entre jornalista, fonte e leitor– Surgimento de pautas via web
    • 7. COMO FICA O JORNALISTA?– Informação rápida e ágil entre jornalista, fonte e leitor– Surgimento de pautas via web– Jornalista multimídia
    • 8. COMO FICA O JORNALISTA?– Informação rápida e ágil entre jornalista, fonte e leitor– Surgimento de pautas via web– Jornalista multimídia
    • 9. COMO FICA O JORNALISTA?– Informação rápida e ágil entre jornalista, fonte e leitor– Surgimento de pautas via web– Jornalista multimídia JORNAL EXTRA Repórter 3G/4G  Notebook Dell 15 polegadas  Placa 3G  Celular N97  Câmera fotográfica  Vídeos editados antes de chegar na redação  Twitcam
    • 10. O MITO DA CAIXA PRETATodas as funções midiáticas seriam acumulados em um único aparato tecnológico computador
    • 11. O MITO DA CAIXA PRETATodas as funções midiáticas seriam acumulados em um único aparato tecnológico computador
    • 12. notebook IPadcelular computador home theatergames 3G Ipod TV a cabo
    • 13. NARRATIVA TRANSMÍDIA Diferentes plataformas interligam um produto principal (livro, filme, história em quadrinho, seriado televisivo) a tramas paralelas, queexpandem a história central criando um vínculo com o leitor/espectador/ouvinte
    • 14. ARG (alternate reality game) Jenkins ressalta a apropriação dos dispositivos móveis pelos participantes de experiências urbanas deentretenimento, como os jogos de realidade alternativa.
    • 15. FilmesPara acompanhar a história em sua plenitude épreciso interagir com o conteúdo espalhado emdiversos tipos de canais e mídias.
    • 16. Referências• PALACIOS, Marcos. Ruptura, continuidade e potencialização no jornalismo online: o lugar da memória. In: PALACIOS, M.; MACHADO, E. (Org.). Modelos de jornalismo digital. Salvador: Calandra, 2003.• JENKINS, Henry. Convergence culture. Nova York: New York University Press, 2006.

    ×