Outras histórias do rádio

310 views
272 views

Published on

RTV

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
310
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
9
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Outras histórias do rádio

  1. 1. Outras Histórias do RádioProf. Júlio RochaDisciplina: Rádio e TV 1Ano: 20133º Período de Publicidade e PropagandaAulas: 17 e 18
  2. 2. Outras Histórias do Rádio• No dia 12 de outubro de 1931, em Gênova, Itália, Guglielmo Marconi, acionou uma minúscula chave de onda eletromagnética, que iluminou do outro lado do Atlântico, a estátua do Cristo Redentor.
  3. 3. Outras Histórias do Rádio • Aqui no Brasil, na antiga capital federal, as festividades iniciaram-se simultaneamente com as da estação radiotelegráfica do Iate Electra. Prestigiadas por Getúlio Vargas, muitas celebridades e presença dos populares. Todos emocionados com o importante acontecimento.
  4. 4. Outras Histórias do Rádio• Foi cunhada uma medalha comemorativa à inauguração do Cristo Redentor, em prata e bronze e três em ouro; uma para Getúlio Vargas, uma para o Cardeal Dom Sebastião Leme e a terceira para o Papa Pio XI.
  5. 5. Outras Histórias do Rádio • A eletrônica já dava claras sinalizações de como seria importante o seu desenvolvimento e a sua utilização neste século. Com apenas uma chave, Marconi, na Itália, possibilitou que acendesse, no Rio de Janeiro, a Estátua do Cristo Redentor.
  6. 6. Outras Histórias do Rádio• A construção do monumento, um marco dos mais importantes na história do Brasil, foi confiada ao engenheiro Heitor da Silva Costa e ao arquiteto francês Paul Landowski, em 1926, quando era Presidente da República Washington Luiz Pereira de Souza.
  7. 7. Outras Histórias do Rádio• A primeira transmissão esportiva em rede nacional foi realizada pelas rádios Cruzeiro do Sul do Rio de Janeiro, Cruzeiro do Sul de são Paulo e Clube de Santos, que comandadas pela Rádio Clube do Brasil do Rio de Janeiro, fizeram a cobertura do campeonato mundial de 1938, realizado em Marselha, na França.
  8. 8. Outras Histórias do Rádio • O autor dessa façanha foi o paulista Leonardo Gagliano Neto, locutor da Rádio Clube do Brasil do Rio de Janeiro, que, com as limitações da época, transmitiu para o público radiouvinte de todo o País.
  9. 9. Outras Histórias do Rádio• Em 1938, vivíamos a gloriosa fase dos receptores alcunhados de “rádio capelinha” (pelo seu formato) e de rádio de válvulas, que no máximo captavam ondas médias e ondas curtas.
  10. 10. Outras Histórias do Rádio • A disputa da Taça Jules Rimet, de 1938, serviu igualmente para projetar um dos maiores ídolos do nosso futebol em todos os tempos, Leônidas da Silva.
  11. 11. Outras Histórias do Rádio• Leônidas foi o artilheiro daquela Copa com sete gols, foi o inventor do “gol de bicicleta”, sendo apelidado de “Homem Borracha” e “Diamante Negro”.
  12. 12. Outras Histórias do Rádio • O carisma e o prestígio de Leônidas da Silva foram tão grandes que o nome “Diamante Negro” acabou virando marca de chocolate.
  13. 13. Outras Histórias do Rádio • Uma fábrica de fumos lançou, na época, os cigarros “Leônidas” e os cigarros “Craque”.
  14. 14. Outras Histórias do Rádio• Após encerrar sua carreira, Leônidas da Silva tornou-se um bem-sucedido comentarista esportivo , ingressando na PRH-7 Rádio Panamericana, “ a emissora dos esportes”.
  15. 15. Outras Histórias do Rádio • Leônidas da Silva cedeu seu reinado, ainda na década de 40, a outro semideus do nosso futebol, Heleno de Freitas.
  16. 16. Outras Histórias do Rádio• Heleno de Freitas, encantou gerações pelo seu porte atlético, pela genialidade de suas jogadas e pelas suas atitudes sempre polêmicas dentro e fora das quatro linhas.
  17. 17. Outras Histórias do Rádio • Heleno de Freitas foi a personalidade mais fascinante e também a mais dramática nos nosso meios futebolísticos.
  18. 18. Outras Histórias do Rádio• Morreu louco, em um sanatório de Barbacena, Minas Gerais, em 1953.
  19. 19. Outras Histórias do Rádio • O cenário esportivo não tardaria em conhecer o substituto de Heleno de Freitas.
  20. 20. Outras Histórias do Rádio• Pelas mão de Waldemar de Brito, que além de craque de bola era um descobridor de talentos.
  21. 21. Outras Histórias do Rádio • Vindo de Bauru, interior de São Paulo, Edson Arantes do Nascimento, que jogando pelo Santos e seleção Brasileira, foi consagrado em todo o mundo.
  22. 22. Outras Histórias do Rádio • O “Rei do Futebol”, “Rei Pelé”.
  23. 23. Fonte:• Histórias Que o Rádio Não Contou. Reinaldo C. Tavares. Negócio Editora: 1ª Edição, São Paulo, 1997.

×