• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
Quem manda ť o usuŠrio
 

Quem manda ť o usuŠrio

on

  • 7,230 views

 

Statistics

Views

Total Views
7,230
Views on SlideShare
7,197
Embed Views
33

Actions

Likes
9
Downloads
0
Comments
1

4 Embeds 33

http://arquiteturadeinformacao.com 21
http://www.slideshare.net 7
http://forum.ievolutionweb.com 4
https://s3.amazonaws.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

11 of 1 previous next

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
  • Oi Juliana! Gostei muito da apresenta√ß√£o, bem elaborada. Parab√©ns! ;-)
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Quem manda ť o usuŠrio Quem manda ť o usuŠrio Presentation Transcript

    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Experi√™ncias que permitem a intera√ß√£o do usu√°rio na constru√ß√£o de produtos web e das pr√≥prias interfaces.
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Como qualquer outro arquiteto presente aqui nesta sala, meu primeiro compromisso seria elaborar uma apresenta√ß√£o orientada ao usu√°rio.
      • E j√° que vamos falar de interatividade, seria justo tamb√©m permitir a interfer√™ncia de voc√™s.
      • Mas como em qualquer job na vida real, certamente n√£o falarei com todo mundo, e voc√™s ter√£o que aguardar uma hora ainda antes de come√ßarem a perguntar.
      Nota de humildade 1
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Como atingir o ponto de intera√ß√£o perfeita?
      • Como proporcionar a interface ideal para o usu√°rio?
      Nota de humildade 2 Certamente n√£o temos resposta para isso. Temos alguns insights e uma boa dose de experi√™ncias acumuladas que nos d√£o uma boa dica do que buscamos, para desenvolver as solu√ß√Ķes certas.
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Entendendo a audi√™ncia
      • Segundo os organizadores do evento, podemos classificar este audit√≥rio em 3 perfis principais: profissionais de cria√ß√£o (ag√™ncia), executivos e estudantes.
      Para fazer jus ao título
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Sobre mim: Trabalho em ag√™ncia de internet, acho que tenho pouco prazo para fazer meu trabalho e acho que os clientes interferem demais na cria√ß√£o.
      • O que eu acho de arquitetura: eu acho que a arquitetura √© a √°rea que faz os wireframes.
      • O que eu sei sobre arquitetura: wireframes?
      Ricardo, designer, 27
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Sobre mim: Sou workaholic mesmo, e adoro o que fa√ßo. Atualmente estou cursando um MBA, porque me preocupo com o futuro e quero aproveitar o pique.
      • O que eu acho de arquitetura: tenho lido sobre o assunto e acho que a arquitetura √© parte importante do framework metodol√≥gico de qualquer ag√™ncia.
      • O que eu sei sobre arquitetura: j√° vi alguns exemplos de documenta√ß√£o e acho que o foco do trabalho de arquitetura √© usabilidade.
      Luciano, o executivo de Marketing, 31
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Sobre mim: minhas m√ļsicas, minhas fotos e meu blog dizem tudo sobre mim.
      • O que eu acho de arquitetura: tenho interesse na √°rea, e considero como uma op√ß√£o de carreira.
      • O que eu sei sobre arquitetura: acompanho alguns blogs sobre o assunto, leio o boxes and arrows e conhe√ßo o Jacob Nielsen.
      Cris, a estudante, 22
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • A partir do p√ļblico definido, elaborei uma RAQ ( rarely asked questions ), imaginando o que voc√™s talvez nunca perguntassem, mas fosse interessante saber.
      • Tamb√©m escolhi esta forma, para deixar claro que teremos aqui um bate-papo para trocar experi√™ncias.
      Chegando ao tema
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • 1. Arquitetura n√£o deveria trabalhar junto com a engenharia?
      RAQ
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • A internet ao longo dos √ļltimos 10 anos
      Homepages Webmasters SITES PROFISSIONAIS USU√ĀRIOS Portais de comunica√ß√£o Sites de empresas Presen√ßa on-line completa Webmasters Jornalistas Publicit√°rios Webmasters Jornalistas Publicit√°rios Programadores Analistas de Planejamento Gestores de projeto Analistas de Planejamento Cria√ß√£o (Design de intera√ß√£o e Propaganda) Engenharia Nerds Pessoas normais
    • Quem manda √© o usu√°rio N√£o. A arquitetura √© uma disciplina criativa. √Č respons√°vel pelas decis√Ķes de base do projeto, que v√£o impactar toda a experi√™ncia interativa.
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Nossa miss√£o √© promover a perfeita integra√ß√£o entre os objetivos de neg√≥cio do site, as necessidades de seus usu√°rios e as possibilidades de implementa√ß√£o. Assim como garantir uma experi√™ncia de navega√ß√£o e de marca fluida e confort√°vel ao usu√°rio.
      do cliente do cliente do cliente no foco foco Design de interação
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • ‚Äú A tecnologia tem sido parte de nosso dia-a-dia h√° gera√ß√Ķes. Ela nos potencializa e nos frustra. Nos separa e nos une. Mas mesmo interagindo com tecnologia diariamente, n√≥s esquecemos que ela √© desenvolvida por pessoas, que merecem o cr√©dito quando ela funciona bem ou a culpa quando ela n√£o funciona.‚ÄĚ
      • Jesse James Garrett
    • Construindo websites abstrato concreto Quem manda √© o usu√°rio Estrat√©gia Escopo Estrutura Wireframes Interface
    • Atua√ß√£o direta da arquitetura abstrato concreto Quem manda √© o usu√°rio Estrat√©gia Escopo Estrutura Wireframes Interface
    • Estrutura Organiza√ß√£o hier√°rquica da informa√ß√£o Quem manda √© o usu√°rio
    • Wireframes/Visual design Organiza√ß√£o hier√°rquica da informa√ß√£o Quem manda √© o usu√°rio
    • Idea √Č hora de voc√™ soltar a sua mente ÔĀé ÔÄľ ÔÄ™ 1 COMO FAZER MINHA ID√ČIA Enquanto carregamos o aplicativo voc√™ vai aprender como us√°-lo. Carregando: 73% VER SALVAR ENVIAR Fiat IDEA. √Č hora de voc√™ ter um. fale conosco | cadastre-se | indique para um amigo | concession√°rias sites fiat ÔÄ∂ CHAMADA PARA O CARRO NA H0ME DE MASSINHA LOREM IPSUM GALERIA DE ID√ČIAS ID√ČIAS INDIVIDUAIS ID√ČIAS ENTRE AMIGOS SCREENSAVER CRIE UMA ANIMA√á√ÉO
    • Idea √Č hora de voc√™ soltar a sua mente ÔĀé ÔÄľ ÔÄ™ 1 COMO FAZER MINHA ID√ČIA VER SALVAR ENVIAR Fiat IDEA. √Č hora de voc√™ ter um. fale conosco | cadastre-se | indique para um amigo | concession√°rias sites fiat ÔÄ∂ CHAMADA PARA O CARRO NA H0ME DE MASSINHA LOREM IPSUM GALERIA DE ID√ČIAS ID√ČIAS INDIVIDUAIS ID√ČIAS ENTRE AMIGOS SCREENSAVER CRIE UMA ANIMA√á√ÉO
    • Idea √Č hora de voc√™ soltar a sua mente 1 ÔĀé ÔÄľ ÔÄ™ COMO FAZER MINHA ID√ČIA 1 VER SALVAR ENVIAR Fiat IDEA. √Č hora de voc√™ ter um. fale conosco | cadastre-se | indique para um amigo | concession√°rias sites fiat ÔÄ∂ CHAMADA PARA O CARRO NA H0ME DE MASSINHA LOREM IPSUM GALERIA DE ID√ČIAS ID√ČIAS INDIVIDUAIS ID√ČIAS ENTRE AMIGOS SCREENSAVER CRIE UMA ANIMA√á√ÉO
    • Idea √Č hora de voc√™ soltar a sua mente 1 ÔĀé ÔÄľ ÔÄ™ COMO FAZER MINHA ID√ČIA 1 VER SALVAR ENVIAR Fiat IDEA. √Č hora de voc√™ ter um. fale conosco | cadastre-se | indique para um amigo | concession√°rias sites fiat ÔÄ∂ CHAMADA PARA O CARRO NA H0ME DE MASSINHA LOREM IPSUM GALERIA DE ID√ČIAS ID√ČIAS INDIVIDUAIS ID√ČIAS ENTRE AMIGOS SCREENSAVER CRIE UMA ANIMA√á√ÉO
    • Idea √Č hora de voc√™ soltar a sua mente ÔĀé ÔÄľ ÔÄ™ COMO FAZER MINHA ID√ČIA 1 1 VER SALVAR ENVIAR Fiat IDEA. √Č hora de voc√™ ter um. fale conosco | cadastre-se | indique para um amigo | concession√°rias sites fiat ÔÄ∂ CHAMADA PARA O CARRO NA H0ME DE MASSINHA LOREM IPSUM GALERIA DE ID√ČIAS ID√ČIAS INDIVIDUAIS ID√ČIAS ENTRE AMIGOS SCREENSAVER CRIE UMA ANIMA√á√ÉO ÔÄ≥ EXCLUIR OBJETO TRANSFORME CORES TAMANHO GIRAR EFEITO ESPECIAL X
    • Idea √Č hora de voc√™ soltar a sua mente 1 ÔĀé ÔÄľ ÔÄ™ COMO FAZER MINHA ID√ČIA 1 VER SALVAR ENVIAR Fiat IDEA. √Č hora de voc√™ ter um. fale conosco | cadastre-se | indique para um amigo | concession√°rias sites fiat ÔÄ∂ CHAMADA PARA O CARRO NA H0ME DE MASSINHA LOREM IPSUM GALERIA DE ID√ČIAS ID√ČIAS INDIVIDUAIS ID√ČIAS ENTRE AMIGOS SCREENSAVER CRIE UMA ANIMA√á√ÉO
    •  
    • Atua√ß√£o colaborativa da arquitetura abstrato concreto Detalhamento de p√ļblico alvo A√ß√Ķes interativas Testes, an√°lise de acesso e recomenda√ß√£o de melhorias Quem manda √© o usu√°rio Estrat√©gia Escopo Estrutura Wireframes Interface
    • Atua√ß√£o colaborativa da arquitetura abstrato concreto Este modelo traduz fundamentalmente uma linha de montagem de presen√ßa on-line. O aumento das possibilidades interativas na web pede mais que um site, com um menu do lado esquerdo, pedem uma solu√ß√£o de comunica√ß√£o Quem manda √© o usu√°rio Estrat√©gia Escopo Estrutura Wireframes Interface
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • 2. Tem que ter CREA para ser arquiteto de informa√ß√£o?
      RAQ
    • O profissional de arquitetura de informa√ß√£o Profissionais de comunica√ß√£o Profissionais de tecnologia Arquiteto de informa√ß√£o Quem manda √© o usu√°rio
    • Perfil Arquiteto de informa√ß√£o Criativo Curioso Saber ler estat√≠stica Navegador com muitas horas de web Desbravador de novas interfaces e produtos Pesquisador dos limites da tecnologia Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • 3. Como usar as leis de Nielsen?
      RAQ
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Jacob acertou muito quando definiu algumas m√°ximas da usabilidade, entre elas:
      Com parcim√īnia ‚Äú Por que uma pessoa voltaria ao seu site? (...) porque ele √© f√°cil.‚ÄĚ
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Subestimar a capacidade do usu√°rio. Mesmo acreditando que quem tem o mouse tem o poder.
      • Trabalhar o ‚Äúf√°cil‚ÄĚ com base no usu√°rio bin√°rio .
      O erro de Nielsen (1) (1) Eu acredito que a obra de Jacob Nielsen √© de extremo valor, pois organizou algumas diretrizes do pensamento de arquitetura. Como estou propondo uma pequena cr√≠tica de metodologia, fiz alus√£o no t√≠tulo deste slide ao livro de Antonio Damasio, ‚ÄúO erro de Descartes‚ÄĚ
    • Quem manda √© o usu√°rio O usu√°rio bin√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio Associa√ß√£o Previs√£o ...mas subestima a intelig√™ncia A maioria das ‚Äúregras‚ÄĚ de usabilidade conta com:
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Contig√ľidade: id√©ias s√£o freq√ľentemente vivenciadas juntas, acabam por associar-se na mente. A partir de ent√£o, quando uma √© ativada, a outra √© ativada tamb√©m.
      • Semelhan√ßa: quando duas id√©ias s√£o semelhantes, tudo o que foi associado √† primeira id√©ia √© associado automaticamente √† segunda.
      Conceitos de associação
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • ‚Äú Para predizer a grande maioria dos atos humanos ‚Äď ir at√© a geladeira, subir no √īnibus (...) ‚Äď voc√™ n√£o precisa labutar num modelo matem√°tico, simular uma rede neural no computador, nem procurar um psic√≥logo profissional, basta perguntar √† sua av√≥.‚ÄĚ
      • ‚Äú (...) essa parte do bom senso tem tanto poder e precis√£o para prever, controlar e explicar o comportamento cotidiano em qualquer alternativa j√° concebida, que h√° grandes chances de que ela venha a ser incorporada de alguma forma nas nossas melhores teorias cient√≠ficas.‚ÄĚ
      • Steven Pinker
      Predição
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • ‚Äú Podemos ter problemas em definir intelig√™ncia, mas a reconhecemos quando a encontramos.‚ÄĚ
      • ‚Äú Intelig√™ncia √© (...) a capacidade de atingir objetivos diante de obst√°culos, por meio de decis√Ķes baseadas em regras racionais.‚ÄĚ
      • Steven Pinker
      • ‚Äú As pedras s√£o mais inteligentes que os gatos, pois elas t√™m a sensatez de ir embora quando as chutamos.‚ÄĚ
      • Zenon Pylyshyn
      PINKER, S. Como a mente funciona. Cia das letras , 2002, 70-161 Inteligência
    • Quem manda √© o usu√°rio I N T E L I G √ä N C I A CONFORTO EXPERI√äNCIA Seguran√ßa Inova√ß√£o
    • Quem manda √© o usu√°rio Comprovante digital de pagamento de contas do Banco Real, com ‚Äúcarimbo‚ÄĚ. Origem no recibo anal√≥gico. Met√°foras
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • ‚Äú Nesse layout, os pares de letras utilizados com maior freq√ľ√™ncia na l√≠ngua inglesa foram separados em metades opostas do teclado, numa tentativa de evitar o travamento do mecanismo das rudimentares m√°quinas do s√©culo XIX.
      • Ao alternar o uso das teclas, o arranjo impedia o travamento de teclas nas antigas m√°quinas de escrever: enquanto uma m√£o acerta uma tecla, a outra localiza a tecla seguinte.‚ÄĚ
      Met√°foras http://pt.wikipedia.org/wiki/QWERTY
    • Quem manda √© o usu√°rio http://www.wordperhect.net
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Com a sofistica√ß√£o dos recursos para constru√ß√£o de p√°ginas na internet, o usu√°rio n√£o s√≥ se mostrou ativo em vez de reativo ao meio, como tamb√©m um ser greg√°rio, produtivo e autor de suas pr√≥prias iniciativas.
      • O paradigma da web 2.0 rompeu a id√©ia da in√©rcia do sujeito atr√°s da tela, que prefere ser co-autor da experi√™ncia.
      • Isso tudo s√≥ torna a tarefa de arquitetura ainda mais complexa, com a miss√£o de quebrar a PREVISIBILIDADE, sem promover frustra√ß√Ķes.
      A tomada da autoria
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • Se as regras de constru√ß√£o est√£o abaladas pela versatilidade do meio, como garantir boas solu√ß√Ķes?
      • Testando.
      Mais um acerto de Nielsen
    • Quem manda √© o usu√°rio Alert box: http://www.useit.com/alertbox/20000319.html Por que voc√™ precisa testar com 5 usu√°rios?
    • Quem manda √© o usu√°rio Menu esquerdo x Menu flutuante
    • Quem manda √© o usu√°rio Menu com erro de taxonomia. N√£o h√° ‚Äúgeladeira.‚ÄĚ Para encontrar um cooktop , o usu√°rio precisava procurar em ‚Äúlinhas especiais‚ÄĚ.
    • Quem manda √© o usu√°rio N√£o houve dificuldade em localizar ou usar o menu.
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • 4. O pr√≥ximo slide deveria estar a√≠?
      RAQ
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • ‚Äú (...) √© impressionante ver qu√£o enigm√°ticas essas mensagens de erro s√£o. Mesmo eu, olhando para elas, me pergunto o que eu faria se recebesse uma mensagem dessas. Minha favorita √© esta que diz ‚Äúo DHCP client n√£o pode obter um IP adress. Se voc√™ quer ver mensagens do DHCP no futuro, escolha ‚Äúsim‚ÄĚ, caso contr√°rio, ‚Äún√£o‚ÄĚ.
      • A √ļltima parte √© muito esclarecedora, em que ela tenta me lembrar da diferen√ßa entre sim e n√£o. Mas eu ainda n√£o sei o que √© DHCP e o que acontece se eu disser n√£o. √Č uma coisa ruim? Eu realmente gostaria de ver essa mensagem de novo em algum momento? Eu serei mais esperto da pr√≥xima vez para saber do que se trata? Ela √© t√£o enigm√°tica quanto pode ser.
      • Bill Gates
      Mensagens de erro
    • Quem manda √© o usu√°rio
      • 5. Arquitetura de informa√ß√£o funciona fora da internet?
      RAQ
    • Quem manda √© o usu√°rio Eu tinha d√ļvidas disso, at√© fazer este projeto.
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio
    • Quem manda √© o usu√°rio O final da hist√≥ria voc√™s v√£o ver nos cinemas no pr√≥ximo m√™s. Obrigada! E-mail: julianac@agenciaclick.com.br