Your SlideShare is downloading. ×
  • Like
  • Save
Trabalho de Reengenharia de Software
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×

Now you can save presentations on your phone or tablet

Available for both IPhone and Android

Text the download link to your phone

Standard text messaging rates apply

Trabalho de Reengenharia de Software

  • 202 views
Published

Trabalho de Reengenharia de Software. DRU Desenvolvimento para Reutilização.

Trabalho de Reengenharia de Software. DRU Desenvolvimento para Reutilização.

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
202
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. MPS.Br Nível C - DRUJuliana da Silva CindraPós-Graduação em Análise, Projeto e Gerência de SIMatéria: Reengenharia09 de maio de 2011
  • 2. MPS.Br - O Nível C
  • 3. O Nível CProcessos do Nível CGerência de Riscos - GRIDesenvolvimento para Reutilização - DRUAnálise de Decisão e Resolução - ADRGerência de Reutilização – GRU (evolução)
  • 4. DRUDesenvolvimento para ReutilizaçãoIdentificação de oportunidades de reutilizaçãosistemática na organização e estabelecimento deprograma de reutilização para o desenvolvimentode ativos a partir de engenharia de domínios deaplicação.
  • 5. Resultados Esperados - DRUDRU 1. Domínios de aplicação em que serão investigadasoportunidades dereutilização ou nos quais se pretendepraticar reutilização sãoidentificados, detectando osrespectivos potenciais de reutilização;DRU 2. A capacidade de reutilização sistemática daorganização é avaliada eações corretivas são tomadas, casonecessário;DRU 3. Um programa de reutilização, envolvendo propósitos,escopo, metas eobjetivos, é planejado com a finalidade deatender às necessidades dereutilização de domínios;DRU 4. O programa de reutilização é implantado, monitoradoe avaliado;
  • 6. Resultados Esperados - DRUDRU 5. Propostas de reutilização são avaliadas de forma a garantir queoresultado da reutilização seja apropriado para a aplicação alvo;DRU 6. Formas de representação para modelos de domínio e arquiteturasdedomínio são selecionadas;DRU 7. Um modelo de domínio que capture características,capacidades,conceitos e funções comuns, variantes, opcionais eobrigatórios édesenvolvido e seus limites e relações com outros domíniossãoestabelecidos e mantidos;DRU 8. Uma arquitetura de domínio descrevendo uma família deaplicaçõespara o domínio é desenvolvida e mantida por todo seu ciclo devida;DRU 9. Ativos do domínio são especificados; adquiridos ou desenvolvidos,emantidos por todo seu ciclo de vida.
  • 7. Algumas estatísticasinteressantes● O MPS.Br tem crescido no Brasil, várias empresas tem buscadoesta certificação para melhorar seus processos e produtos, etambém por ser mais fácil de adquirir uma certificação, emcomparação com outras certificações, tipo a CMMI.● Sobre as empresas que se encontram nos Nível C pode-se verificaralgumas estatísticas interessantes no IMPS (Resultado dedesempenho de organizações que adotaram o modelo MPS). Fonte:Softex
  • 8. Estatística das Empresas nosNíveishttp://www.blogcmmi.com.br/avaliacao/lista-de-empresas-mps-br-no-brasil
  • 9. Exemplos de EmpresasEmpresas que atingiram o nível C do Mps.Br (2010)BRQ – RJ (validade até 25.ago.13)BRQ – PR (válido até: 25.fev.13)CAST – SP (validade até 13.ago.13)FÓTON – DF (válido até: 18.mai.13)MONTREAL – RJ (validade até 14.dez.13)PD CASE – MG (validade até 09.set.13)POWERLOGIC – MG (válido até: 09.mar.13)SYNAPSIS – RJ e CE (válido até: 01.jul.12)SYNOS – MG (válido até: 16.jul.12)http://www.blogcmmi.com.br/avaliacao/lista-de-empresas-mps-br-no-brasil
  • 10. O Exemplo da Powerlogic● Alcançou aprovação em todos os processos doNível C em 2010● Em 2007 já possuía certificação nível F
  • 11. O Exemplo da PowerlogicA Powerlogic alcançou o nível C do MPS.Br (Melhoria do Processo deSoftware Brasileiro) comprovando maturidade em 17 diferentes áreasde processos com importantes diferenciais:. É a terceira empresa no Brasil a conquistar o nível C.. É a única das 3 empresas Nível C do Brasil a implementar a áreade processo DRU - Desenvolvimento para Reutilização.. É a primeira empresa certificada em Nível C com processosbaseados em métodos ágeis (notadamente o Scrum), altamentepragmáticos.Como destaque da certificação foi constatado o alto nível deautomação alcançado com o uso de ferramental próprio de ALM(Application Lifecycle Management), o Powerlogic jALM.http://www.powerlogic.com.br/powerportal/site.do?evento=portlet&pIdPlc=ecpTaxonomiaMenuPortal&app=site&tax=9244&lang=pt_BR&pg=6701&taxp=0&
  • 12. Conclusão● Apesar de várias empresas estarem interessadas no MPS.Br, amaioria estão iniciando na implementação, nos níveis.● De acordo com o site da softex, atualmente, poucas empresas estãonos níveis mais elevados do MPS.Br● Na pesquisa realizada pode ser observado que das empresas quese encontram atualmente no nível C, apenas a empresa PowerLogictem implementado o processo DRU. Também pode ser observadoque algumas empresas este ano estão em processo de implantaçãodo nível C, aguardando avaliação.