Revista Oficial VI TAAS
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Revista Oficial VI TAAS

on

  • 5,523 views

 

Statistics

Views

Total Views
5,523
Views on SlideShare
2,101
Embed Views
3,422

Actions

Likes
0
Downloads
46
Comments
0

28 Embeds 3,422

http://vitaas.blogspot.com.br 2559
http://vitaas.blogspot.com 285
http://www.vitaas.blogspot.com.br 200
http://vitaas.blogspot.com.ar 195
http://vitaas.blogspot.de 48
http://vitaas.blogspot.com.es 35
http://vitaas.blogspot.pt 31
http://vitaas.blogspot.fr 13
http://vitaas.blogspot.co.uk 9
http://www.vitaas.blogspot.com 7
http://vitaas.blogspot.ru 6
http://vitaas.blogspot.mx 6
http://vitaas.blogspot.it 4
http://vitaas.blogspot.co.at 3
http://vitaas.blogspot.nl 3
http://translate.googleusercontent.com 2
http://vitaas.blogspot.co.il 2
http://vitaas.blogspot.be 2
http://www.vitaas.blogspot.fr 2
http://vitaas.blogspot.sk 2
http://vitaas.blogspot.ro 1
http://www.vitaas.blogspot.de 1
http://vitaas.blogspot.tw 1
http://vitaas.blogspot.in 1
http://webcache.googleusercontent.com 1
http://www.vitaas.blogspot.com.ar 1
http://vitaas.blogspot.com.au 1
http://vitaas.blogspot.ch 1
More...

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Revista Oficial VI TAAS Document Transcript

  • 1. 10:30 horas - Olhem lá, lá vêm as crianças! Onde está o educador, chame VI Reunião de Teoria Arqueológica da América do Sul o educador! Perigos e avanços da prática arqueológica como prática VI Reunión de Teoría Arqueológica de América del Sur educativa . III Jornada de Arqueologia do Cerrado Maurício André Silva 11:00 horas - Entre os caminhos da arqueologia e da educação: uma pro- VI TAAS posta educativa para as séries iniciais do ensino fundamental em Londrina/ PR .Leilane Patrícia de Lima 11:30 horas - Patrimônio arqueológico no oeste de Santa Catarina: possi- goiânia, 17 a 21 de setembro de 2012 bilidades e desafios. Mírian Carbonera 12:00 horas - De bem com o passado? Memórias exiladas e passados Programação geral excluídos em um programa de educação patrimonial em desenvolvimento Programación general no norte paulista. Camila Moraes Wichers SegundA-feIRA / LuneS - 17/09/12 Auditório 1 - 14:30 horas às 18:30 horas08:30horas às 12:00horas - Inscrições e entrega de materialInscripción y entrega de material SIMPÓSIO 10 – ARQueOLOgIA, PATRIMÔnIO e eduCAçÃO. 2°sessão Coordenadores: Jorge najjar; Rosana najjar14:30 horas às 18:30 horas - Inscrições e entrega de materialInscripción y entrega de material 14:30 horas - Los museos y la gestión del patrimonio. Espacios para incentivar conocimientos y disertaciones sobre el pasado-presente y19:30 horas – Sessão de abertura - Auditório da Área IV futuro… Saúl Fernando Uribe Taborda20:30 horas – Conferência com o Dr. Gustavo Politis 15:00 horas - Educação patrimonial: conflitos e dilemas naUniversidade Nacional del Centro de la Provincia de Buenos Aires. prática arqueológica.‘’Hablando con el papel’’.. Reflexiones sobre la arqueologia sudamerica- Nanci Vieira de Oliveira; Ivan Francisco Silvana actual . 15:30 horas - Cuando los discursos no bastan… Reflexiones sobre la dimensión comunicacional de la arqueología. TeRçA-feIRA /MARTeS - 18/09/12 Soledad Marcos Auditório 1 - 08:30 horas às 12:30 horas 16:00 horas - Visibilización y valoración del pasado regional: talleres de arqueología en la comunidad de Puerto San Julián (Santa Cruz, Argen-SIMPÓSIO 10 – ARQueOLOgIA, PATRIMÔnIO e eduCAçÃO. 1°sessão tina). Ariel Frank; Fabiana Skarbun; Manuel Cueto; Rafael S. PauneroCoordenadores: Jorge najjar; Rosana najjar 16:30 horas - O patrimônio edificado da cidade de Canto do Buriti/PI: histó-08:30 horas- Arqueologia e educação na fala de arqueólogos e educado- ria, memória e sociedade (1930-1970).res: é possível um trabalho interdisciplinar? Gabriel Frechiani de Oliviera; Andrade da Costa SantosJorge Najjar; Rosana Najjar 17:00 horas - (Re)visões sobre a pré-história brasileira na literatura didá-09:00 horas - Cultura material: interface entre a história, a arqueologia e o tica. Cássia Guimarãespatrimônio. Cláudia Plens 17:30 horas - O papel do laboratório e Museu de Arqueologia da UNICAP09:30 horas - Arqueología, educación y multiculturalismo: la experiencia de na defesa da preservação patrimonial.la escuela andina en San Pedro de Atacama (Norte de Chile). Meyk da Silva Machado; Maria do Carmo de Caldas Dias Costa; NatáliaPatrícia Ayala Rocabado; Soledad Marcos Karina Almeida Silva; Almir Amilto Alves da Silva10:00 horas - El patrimonio arqueológico en la educación 18:00 horas - Patrimônio e urbanização: um olhar arqueológico sobre aformal (Provincia de Salta, Argentina). paisagem urbana - estudo de caso sobre o Elevado Costa e Silva e aRossana Ledesma degradação do patrimônio histórico edificado. Lucia Granero Bergamini
  • 2. Auditório 2 – 14:30 horas às 18:30 horas Auditório 1 - 19:00 horas fórum: ensino de Arqueologia na graduação SIMPÓSIO 25 - ABORdAgenS TeÓRICAS e MeTOdOLÓgICAS SO- BRe AS IndÚSTRIAS LÍTICAS nO TeRRITÓRIO SuL AMeRICAnO Coordenação: 2°sessão Márcia Bezerra Coordenadores: Antoine Lourdeau; Sibeli A. Viana; Jacqueline Rodet José Alberione dos Reis debatedor: eric Boëda Julio Cezar Rubin de Rubin 14:30 horas - Possibilidades da análise tecnológica no estudo das lâminas de machado lascadas de sítios Aratu na Bahia. Luydy Abraham Fernandes Auditório 2 - 08:30 horas às 12:30 horas 15:00 horas - Abordagens teóricas sobre indústrias líticas: uma visãoSIMPÓSIO 25 - ABORdAgenS TeÓRICAS e MeTOdOLÓgICAS sobre Cultura e Tecnologia.SOBRe AS IndÚSTRIAS LÍTICAS nO TeRRITÓRIO SuL AMeRICAnO Tiago Moreira Alves1°sessãoCoordenadores: Antoine Lourdeau; Sibeli A. Viana; Jacqueline Rodet 15:30 horas - Da pré história aos garimpeiros, uma análise tecnológicadebatedor: eric Boëda das indústrias líticas de quartzo. Deborah Duarte-Talim; Raquel Nolasco; Ana Lidia Silva08:30 horas - Plano-convexos, ainda que tardios.Andrei Isnardis 16:00 horas - Estudio tecnológico de las colecciones líticas de norpatagonia oriental Argentina durante el Holoceno tardio.09:00 horas- Potencial e limites dos estudos tecno-funcionais das indús- Gabriela Armentanotrias líticas no Brasil.Antoine Lourdeau 16:30 horas - Sobre métodos de reconhecimento de artefatos líticos: o material lascado das camadas mais antigas do sítio arqueológico09:30 horas - Devemos ter medo das indústrias sobre seixo? Análise Alice Böer. João Carlos Moreno de Sousa; Astolfo Gomes de Mello Araujocomparativa entre as indústrias pleistocênicas do Piauí e da Ásia doLeste. Eric Boëda 17:00 horas -Princípios metodológicos de análise de indústrias líticas poli- das: o caso das coleções arqueológicas no Estado do Rio Grande do Norte.10;00 horas - Tecnologia e substâncias. Luiz Carlos Medeiros da RochaKlaus Hilbert 17:30 horas - Diez años después… Investigaciones en torno a la tecnología10:30 horas - Esquemas operatórios de produção lítica na pré-história lítica de los cazadores-recolectores de la meseta central patagónica.do Brasil. Balances y perspectivas para una propuesta de integración.Sibeli Aparecida Viana; Antoine Lourdeau; Sirlei Hoelz; María Farías Manuel Cueto; Fabiana Skarbun; Ariel D. Frank.Gluchy11:00 horas - A produção de contas líticas na Amazônia a partir da pers- Sala 1 - 08:30 horas às 12:00 horaspectiva teórico-metodológica da Escola Francesa (exemplo da Serra dosCarajás, Pará). SIMPÓSIO 21 – CuLTuRA MATeRIAL, MeMÓRIA e PATRIMÔnIO:Maria Jacqueline Rodet; Deborah Duarte-Talim; Catarina Guzzo Falci ABORdAgenS InTeRdISCIPLInAReS. 1°sessão Coordenadoras: Izabela Tamaso; Camila Azevedo de Moraes Wichers;11:30 horas - Reflexiones sobre el analisis lítico en el Uruguay. Manuelina M. d. CândidoMaría Farías Gluchy 08:30 horas -De pedras de corisco a coisas dos índios: achados arqueoló-12:00 horas - Aprender de los errores: identificación de aprendices a partir gicos, etnicidade e memória entre os Kanindé do Ceará.de análisis de material de talla experimental y su posibilidad de aplicación Alexandre Oliveira Gomesen dos casos arqueológicos de Patagonia Centro Meridional, Argentina.Mariana Sacchi 09:00 horas - Programa de resgate cultural dos pescadores e pescadoras do baixo São Francisco. Álvaro Antônio Moreira da Silva; Ana Nascimento; Valéria Vanda 09:30 horas -Gestão do patrimônio arqueológico e conservação: a inter- venção no sítiouarani PS-03 Totó (RS, Brasil). Mara Lúcia Carrett de Vasconcelos; Jaime Mujica Sallés
  • 3. 10:00 horas -¿Ancestros o “salvajes”? La resignificación del pasado muisca 09:30 horas - Espacio y medio ambiente. Estrategia metodológica paray la conformación de la identidad en el museo de Pasca. optimizar la data arqueológica. Eduy María Urbina JiménezSonia Archila; Catalina Cavelier 10:00 horas - Rutas y caminos antiguos en la cuenca de Patanemo: una10:30 horas- Gestão do patrimônio arqueológico urbano: a cidade e seus perspectiva integrada. Eduardo Herrera Malatestahabitantes como premissas para pensar a cultura material.Piero Alessandro Bohn Tessaro 10:30 horas - El espacio en el tiempo. La expansión meridional de los guara níes en la cuenca del Plata durante el Holoceno tardío.11:00 horas- O figurino teatral como patrimônio material. Kárita Garcia Mariano Bonomo; Rodrigo Costa AngrizaniSoares; Rita Andrade. 11:00 horas - Espacialidades encontradas: una aproximación a la interpre- Sala 1- 14:30 horas às 18:30 horas tación de la configuración del espacio en la costa norte del Estado Falcón Venezuela, desde finales del siglo XVIII al siglo XX.SIMPÓSIO 21 - CuLTuRA MATeRIAL, MeMÓRIA e PATRIMÔnIO Yadira RodríguezABORdAgenS InTeRdICIPLInAR. 2ª sessãoCoordenadoras: Izabela Tamaso; Camila Azevedo de Moraes Wichers; 11:30 horas -Paisajes culturales y arqueología espacial. Caso paisaje cultu-Manuelina M. d. Cândido ral cafetero Colombiano. Carlos Eduardo López C; Martha Cecilia Cano E; Diana María Rodriguez H.14:30 horas - Patrimônio cultural e repatriação: refletindo sobre as divisõesentre nacional, local e universal. Marcia Chuva 12:00 horas -Espacio cualitativo y cuantitativo en contexto rituales. Marcia15:00 horas -Apropriação, ação e preservação no sítio arqueológico da López y Krisna RuetteDuna Grane -Itaipu, Niterói, RJ.Pedro Colares da Silva Heringer; Daniel Martinez de Oliveira Sala 2 - 14:30 horas às 18:30 horas15:30 horas -Pesquisa arqueológica e sistema patrimonial da cidade de SIMPÓSIO 3 - TeORÍAS en ARQueOLOgÍA HISTÓRICA Y uRBAnAGoiás (GO). Izabela Tamaso en LATInOAMÉRICA Coordenadores: ulises A. Camino; Keyte ferreira de Lira; federico16:00 horas -Gestão do patrimônio arqueológico no centro-oeste: con- Ignacio I. Colocatribuições para a Rede de Museus e Acervos Arqueológicos (REMMAE).Manuelina M. D. Cândido 14:30 horas - El sistema mundial como marco explicativo del desarrollo urbano de las ciudades suramericanas. Ulises A. Camino16:30 horas -Arqueologia, comunidade e turismo: possibilidades paraarqueoturismo em Laranjeiras/ SE. Beijanizy Ferreira da Cunha Abadia 15:00 horas - La modificación del paisaje urbano de la ciudad de Bue -nos Aires y sus correlatos materiales. Federico Ignacio Coloca; Eugenia Turk17:00 horas- El concepto prespánico de ‘’la muerte ‘’ plasmado tantoen la actual producción estética popular como en el arte contemporá- 15:30 horas - Paisagem urbana oitocentista da cidade de Cruz Alta.neo. Haydée Beatriz Palazzolo; Ana Inés Gutiérrez Costa . Jonathan Santos Caino; Cláudio Baptista Carle 16:00 horas - Arqueología urbana y memorias alternas surgidas del Sala 2 - 08:30 horas às 12:30 horas Cementerio Central de Bogotá. Karen Quintero Pardo; Camilo Rojas AlfonsoSIMPOSIO 14 - ARQueOLOgÍA eSPACIAL: enTRe LOCuAnTITATIVO Y LO CuALITATIVO 16:30 horas -Arqueología de contrato urbana y la adecuación del trabajoCoordenadores: eduardo Herrera Malatesta; Liliam Arvelo del arqueólogo. Eugenia Turk; Federico Ignacio Coloca; Keyte Ferreira de Lira;08:30 horas - Cualitativo y cuantitativo dos caras de una misma moneda: el Ulises A. Caminocaso Quíbor (Noroccidente de Venezuela).Lilliam Arvelo 17:00 horas - Acortando distancias. La importancia de la arqueología pública09:00 horas -O campo da geomática aplicada: aspectos conceituais e evidenciada en el sitio Plaza San Martín.Juan Pablo Orsiepistemológicos em sua aplicação na arqueología. André Argollo deAguiar 17:30 horas -Las muelas de piedra. María Amanda Caggiano; Virginia Dubarbier; Sandra Gabriela Adam; María Clara Paleo; María Soledad García.
  • 4. Sala 3 - 08:30 horas às 12:00 horas 16:00 horas - Paisajes de la modernidad en la provincia de Buenos Aires: la obra del arquitecto Francisco Salamone (1936-1940).SIMPÓSIO 9 - PAISAgenS ARQueOLÓgICAS: nATuReZA, CuLTu- María Jimena CruzRA e RePReSenTAçÕeS. 1° sessão Coordenadores: Jacionira Coêlho Silva; domingos Alves de Carvalho 16:30 horas - Paisajes en transición: entre lo urbano y lo rural :el caso deJúnior Padre Hurtado (Santiago de Chile). Rodrigo Romero; Bruno Jiménez08:30 horas - Espaço e sociedade: uma arqueografia na Aldeia LagoaQuieta, Maranhão, Brasil. 17:00 horas - A paisagem jesuítica em Laranjeiras / SE : Arqueologia,Anna Carolina Ferreira Borges; Árlon Facynek de Oliveira Carvalho; Edson ambiente e significados.Silva de Oliveira; Francisco Carlos Dias Bezerra Ronaldo José Ferreira Alves Santos; Janaína Cardoso de Mello09:00 horas -Festa da Menina Moça: percepções simbólicas e preservaçãocultural em uma abordagem arqueográfica. Sala 4 - 08:30 horas às 12:00 horasFrancisco João Lopes Silva; Anderlen Joceína;Clayrton da Silva Ferreira;Marcos Tadeu Nascimento Silva SIMPÓSIO 7- ARQueOLOgÍA COnTeMPORÁneA: LA COnTeMPORAneIdAd deL PASAdO Y LA CRÍTICA MATeRIAL deL09:30 horas - Toponimia Shirian y conocimiento tradicional asociado al PReSenTe. 1° Sessãopaisaje en el río Paragua. Coordenadores: Johana Caterina Mantilla Oliveros; Pablo AlonsoFrancia Medina; Jeyni González gonzález; Luis gerardo franco Arce Comentarista: gustavo Verdesio10:00 horas- Paisagens e representações artístico-patrimoniais: obrinquedo popular na recriação de espacialidades arqueológicas. 08:30 horas - Encontros culturais e etnogênese: o caso das comunidadesMarcélia Marques; Gandhy Piorsky afro-brasileiras do vale do Guaporé. Luís Cláudio Pereira Symanski; Paulo Zanettini10:30 horas - Paisagens antrópicas amazônicas.Claide de Paula Moraes; Anne Rapp Py-Daniel 09:00 horas - Cultura material, poder, y cambio: etnoarqueología en Val de San Lorenzo (España).11:00 horas -Uso e ocupação humana na paisagem estuário deltálica do Pablo Alonso Gonzálezrio Parnaíba, divisa Piauí/ Maranhão, Brasil. Filipe Ribeiro Cardoso Porto;Francysco Renato Antunes Lopes; Helane Karoline Tavares Gomes 09:30 horas - Dificultades, logros y expectativas en las negociaciones entre saberes indígenas, saberes arqueológicos y saberes etnográficos en la Patagonia Austral. Sala 3 - 14:30 horas às 18:00 horas Mariela Eva RodríguezSIMPÓSIO 9 - PAISAgenS ARQueOLÓgICAS: nATuReZA, CuLTuRA 10:00 horas -La arqueología como excusa. El uso de la arqueología comoe RePReSenTAçÕeS. 2° sessão herramienta política en conflictos sociales y el caso de Melka KuntureCoordenadores: Jacionira Coêlho Silva; domingos Alves de Carvalho (Etiopía).Júnior Jaime Almansa Sánchez14:30 horas -A Lagoa do Vapabuçu – reflexões sobre sua história e a (re) 10:30 horas -Cerveza bendita: materialidades y significaciones contextualesconstrução de uma memória. en el culto al muerto milagroso Domingo Antonio Sánchez, Venezuela.Alenice Baeta; Henrique Piló; Christiane Lopes Rodrigo Navarrete.15:00 horas - Arqueologia e História indígena na paisagem multicultural da 11:00 horas - Las cosas y los objetos: nueva arqueología de la ArqueologíaLaguna dos Patos, Brasil. Tayrona.Rafael Guedes Milheira Wilhelm Londoño15:30 horas - Nota sobre a formação de paisagens arqueológicas históri- Sala 4 – 14:30 horas às 17:30 horas-cas no contexto da expansão dos currais de gado no Piauí (SéculosXVIII e XIX). SIMPÓSIO 7- ARQueOLOgÍA COnTeMPORÁneA: LALeandro Madeira Martins; Paulo Henrique Silva Borges; Waldyr Luiz Borim COnTeMPORAneIdAd deL PASAdO Y LA CRÍTICA MATeRIAL deLJunior; Fabrícia de Oliveira Santos PReSenTe. 2°sessão Coordenadores: Johana Caterina Mantilla Oliveros; Pablo Alonso gonzález; Luis gerardo franco Arce Comentarista: gustavo Verdesio
  • 5. 14:30 horas - Arqueología afroamericana: representaciones y ejercicios Auditório 1 – 14:30 horas às 18:30 horaspoder en América del Sur. Johana Caterina Mantilla Oliveros SIMPÓSIO 4 - ARQueOLOgIA e O PÚBLICO eM SÍTIOS HISTÓRICOS15:00 horas- Arqueología sin-métrica. Elementos para una discusión Coordenadores: diogo M. Costa; Renata de godoydesde el Sur.Luis Gerardo Franco Arce 14:30 horas - Memória e conflito nas Lavras do Abade . Diogo M. Costa15:30 horas -El pasado contra el presente: la política de identidad europea.. Beatriz Marín Aguilera 15:00 horas - Um vale de memórias chamado Goiás. Rosinalda C. da Silva Simoni; Milton Nunes V. Filho; Guilliano S. Ramos16:00-horas - La (in)visibilización de las mujeres en los discursosarqueológico. 15:30 horas - Um rio, uma vila, muita história e as gentes do lugar – oLaura Bejarano Espinosa sítio Vila de Santo e seu arrabalde. Porto Velho, Rondônia. Raimundo Ney Gomes16:30 -horas - Berlin as an example for informal urbanism from aboveand below in (West-european) cities. 16:00 horas - Lixo de ontem, lixo de hoje: reflexões sobre a biografia deJohann Scharfe um sítio arqueológico em contexto urbano na amazônia. Glenda Consuelo Bittencourt Fernandes; Marcia Bezerra QuARTA-feIRA / MIÉRCOLeS - 19/09/12 16:30 horas - A cidade histórica de São Cristovão e sua relação com a arqueologia e o público. Auditório 1 - 08:30 horas às 12:30 horas Sálvio Henrique da Rocha CostaSIMPÓSIO 10 – ARQueOLOgIA, PATRIMÔnIO e eduCAçÃO.3°sessão . 17:00 horas - Projeto “Brincando de Arqueologia em Pelotas”.Coordenadores: Jorge najjar; Rosana najjar Giullia Caldas dos Anjos08:30 horas - Arqueologia da educação: a política brasileira dos livros 17:30 horas - Consulta pública prévia: uma estratégia para a detecçãodidáticos de história. de conflitos em sítios arqueológicos históricos .Danilo Curado Renata de Godoy.09:00 horas - Possibilidades educativas a partir do patrimônio arqueoló-gico: valorização da memória e identidade cultural regional.Robson Rodrigues; Dulcelaine Lopes Nishikawa Auditório 1 - 19:00 horas09:30 horas - Aspirantes e aspirados: o que pensam os alunos do Oficina: elaboração de projetos de pesquisaensino médio mineiro sobre arqueologia? para submissão aAmanda Bartolomeu Santos; Ciro Gonçalves Júnior; Eduardo Costa de Wenner-gren foundation for Anthropological ResearchMancilha; Gustavo Jardel Coelho. Michael Muse10:00 horas - Educação patrimonial: uma experiência interdiscipli- Wenner-gren foundationnar. Jonilken da S. Almeida10:30 horas - Repatriamento de objetos arqueológicos e identida-des nacionais. Auditório 2 - 08h30min às 12h30minThiago José Bezerra Cavalcanti SIMPÓSIO 30 – COMunICAçÕeS LIVReS . 1ª sessão11:00 horas - Arqueologia e educação patrimonial: o papel do arqueó- Coordenadores: Leandro duran; Carolina Murta Lemos; Rute Pontimlogo enquanto educador.Andréa Lourdes Monteiro Scabello 08:30 horas - Roots, bloody roots. Raíces comunes, mitos genealógicos y la arqueología fragmentada: Consideraciones bajo una perspectiva11:30 horas - Contextos e contornos da educação patrimonial: refle- europea. Riccardo Frigolixões a partir de quatro estudos de caso na Amazônia.Márcia Bezerra 09:00 horas - Arqueologia orgânica: uma introdução teórica sobre o impac- to do uso das premissas do design Inteligente na ciência arqueológica. Antonio Carlos Ribeiro de Andrada Machado e Silva
  • 6. 09:30 horas - Os “Power´s Review”: do profissionalismo incompetente à 17:30 horas - Mandioca, milho ou algo mais: contribuições da arqueobo-incompetência profissionalizada: um estudo de caso sobre a impostura da tânica para o estudo da alimentação no passado amazônico.revisão pelos pares na arqueologia contemporânea. Leandro Matthews Cascon; Caroline Fernandes Caromano; Linda PerryAntonio Carlos Ribeiro de Andrada Machado e Silva 18:00 horas - Arqueología – arqueobotánica.10:00 horas - Arqueomitologia: A “reconstrução” de aspectos de cosmo- Jorge Mauricio Mateus Casallas; Rita Scheel-Ybertlogias antigas através do registro arqueológico aliado à outras fontes decunho imaterial.Orestes Jayme Mega; Lennon Oliveira Matos Sala 1 - 08:30 horas às 12:30 horas10:30 horas - Monumento 6 de Tortuguero e o Ciclo Maia de 2012. SIMPÓSIO 21 - CuLTuRA MATeRIAL, MeMÓRIA e PATRIMÔnIOThiago José Bezerra Cavalcanti ABORdAgenS InTeRdICIPLInAR. 3ª sessão Coordenadoras: Izabela Tamaso; Camila Azevedo de Moraes11:00 horas - Os Carijós de Vila Rica: uma abordagem interdisciplinar. Wichers; Manuelina M. d. CândidoAna Paula de Paula Loures Oliveira; Cecília Belindo de Araújo Porto 08:30 horas - Por um museu de território do carste de Lagoa Santa .11:30 horas - Os grafismos rupestres e seus diferentes estilos na paisa- José Neves Bittencourtgem do Cubas.Alenice Baeta; Henrique Piló 09:00 horas - Perspectivas metodológicas para o estudo arqueológico de fibras e trançados.12:00 horas - Utilização do GDL como um software-livre no tratamento Rodrigo Lessa Costade imagens de pinturas rupestres.Lennon Oliveira Matos; Alessandro Pereira Moisés 09:30 horas - Diálogos interculturais: conhecimento e tecnologia - musealização do patrimônio arqueológico em um diálogo interdisciplinar. Rosângela Barbosa Silva; Mariza Oliveira Barbosa; Celiomar Rodrigues Auditório 2 - 14:30 horas às 18:30 horas 10:00 horas - Exposições arqueológicas, memórias e patrimônios: vetoresSIMPÓSIO 30 – COMunICAçÕeS LIVReS. 2ª sessão de produção de sentidos.Coordenadores: Leandro duran; Carolina Murta Lemos; Rute Pontim Camila A. de Moraes Wichers14:30 horas - Os peixes rupestres da região córrego do Ouro no muni- 10:30 horas - Entre a teoria e a prática: uma discussão sobre arqueologiacípio de Palestina de Goiás. pública através do caso Parque Nacional Serra da Capivara, PI.Ísis Gomes Ribeiro Andréia de Sousa Ribeiro15:00 horas - Entre evidências e polêmicas do sítio arqueológico Toca do 11:00 horas - Musealização do imaginário infantil sobre o patrimônioBoqueirão da Pedra Furada, Parque Nacional Serra da Capivara - PI, no Arquipélago Fernando de Noronha.Brasil: uma revisão bibliográfica. Miriam Cazzetta.Bruno Vitor de Farias Vieira; Morgana Cavalcante Ribeiro; Gisele DaltriniFelice Sala 1 - 14h30min às 18h30min15:30 horas - A paisagem amazônica e seus significados. SIMPÓSIO 23 – TeRRITÓRIO AudIOVISuAL – IMAgenS e SOnS CO-Myrtle P. Shock MO eSTRATÉgIA METODOLÓGICA. Coordenadores: fernanda elisa Costa P. Resende; Teder Muniz Morás16:00 horas - Território de (des)territorialização no sítio arqueológicoTauaquera – rio Anebá, Silves/AM. 14:30 horas - O Cinema do Real e sua função heurística na produçãoCatarina Ribeiro Calheiros; Helena Pinto Lima do conhecimento. Frederico Mael Silva Marques Bueno16:30 horas - Investigação sobre os processos de formação do sítioPontão (AM-SL-06). 15:00 horas - Importância da fotografia na pesquisa arqueológica -Lorena Martins Castro; Helena Pinto Lima proposta de um roteiro de captação de imagens. Uelde Ferreira de Souza17:00 horas - Para além de algumas dicotomias interpretativas: ascontas líticas da Serra dos Carajás. 15:30 horas - A fotografia a serviço da ciência: A realidade goiana noCatarina Guzzo Falci acervo fotográfico da viagem cientifica do Instituto Oswaldo Cruz no inicio do século XX . Eduardo Vasconcelos
  • 7. 16:00 horas - Olhando para as telinhas e superando a birra de Indiana Sala 2 - 14:30 horas às 18:30 horasJones. Bruno Sanches Ranzani da Silva. SIMPÓSIO 18 - geOARQueOLOgIA . 2° sessão16:30 horas - A trajetória de um trabalho de três décadas na Amazônia. Coordenadoras:Rosiclér Theodoro da Silva;Fernanda Elisa Costa P. Resende; Paulo César Aguiar de Mendonça Michelle Mayumi Tizuka17:00 horas - A Imagem e o som como escritura da pesquisa etno- 14:30 horas - Estratigrafia de campo no sítio arqueológico Morro dográfica. Luiz Eduardo Jorge Frio, Projeto FIOL, Bahia/Brasil . Julio Cezar Rubin de Rubin; Maira Barberi; Rosiclér Theodoro da Silva17:30 horas - A memória audiovisual do Projeto de Levantamento,Salvamento e Monitoramento Arqueológico da Ferrovia de Integração 15:00 horas - Detección del sistema hidráulico de La Hacienda LaOeste Leste (FIOL): Resultados preliminares do trecho Ilhéus - Bom Floresta en Caracas durante los siglos XVII y XIX aplicando el métodoJesus da Lapa. Ground Penetrating Radar (GPR).Fernanda Elisa C. P. Resende; Levy Silvério da Silva Júnior; Fernanda Carlos Fuenmayor; Lilia ViermaPimenta Dourado. 15:30 horas - Alteracíon de evidencias arqueológicas como producto de18:00 horas - Alzheimer digital. la dinámica fluvial del río Magdalena en La Dorada (Caldas, Colombia).Teder Muniz Morás Mario Alonso Bermúdez Restrepo; Jorge Abel Castañeda Salazar Sala 2 - 08:30 horas às 12:30 horas 16:00 horas - Análisis de los sistemas hidráulicos, durante el siglo XVIII y XIX en la Hacienda La Floresta. Caracas, Venezuela.SIMPÓSIO 18 - geOARQueOLOgIA . 1ª sessão Lizzette Díaz V; Virginia Vivas.Coordenadoras: Rosiclér Theodoro da Silva; Michelle Mayumi Tizuka 16:30 horas - Cultura material lítica do Sítio Guajiru II: signos indiciais de08:30 horas - Registro de queimadas e evidências de cultivo em sítios mobilidade e fonte de proveniência.pré-históricos na área da bacia hidrográfica do ribeirão João Leite, Goiâ- Marcélia Marques; César Veríssimo; Klaus Hilbert; Everaldo Dourado;nia/ GO. Jordana Vieira Goulart; Maira Barberi Jefferson dos Santos.09:00 horas - Afloramentos rochosos no centro do Brasil e as associa- 17:00 horas - Considerações sobre datações no sítio arqueológicoções com a Tradição Arqueológica Itaparica. Vista Alegre – RO.Altair Sales Barbosa Michelle Mayumi Tizuka; Sonia Hatsui Tatumi; Renato Kipnis09:30 horas - Patrimônio arqueológico e fenômenos climáticos: a influência 17:30 horas - Monitoramento arqueológico de ambientes fluviais: contribui-dos fenômenos IOS nos sítios arqueológicos do Bioma Cerrado. ções para a análise locacional em arqueologia na dinâmica da paisagemJulio Cezar Rubin de Rubin; Nicali Bleyer Ferreira dos Santos; Rosiclér de Mato Grosso do Sul, Brasil.Theodoro da Silva Emília Mariko Kashimoto.10:00 horas - Eventos climáticos extremos no sul do Brasil e seus 18:00 horas - Arqueologia y vulcanismo en América: riesgos, benefí-efeitos sobre o registro arqueológico em áreas serranas e costeiras. cios, adaptaciones y impactos culturales.Laercio Loiola Brochier Carlos E. Lopez; Martha Cecília Cano.10:30 horas - Evolución costera y dinámica de ocupaciones humanas enel litoral norte de Patagonia (Río Negro, Argentina): una aproximación Sala 3 - 08:30 horas às 12:30 horasgeoarqueológica.Cristian M. Favier-Dubois SIMPÓSIO 9 - PAISAgenS ARQueOLÓgICAS: nATuReZA, CuLTuRA e RePReSenTAçÕeS. 3ª sessão11:00 horas - Geoarqueologia costeira: os sambaquis e outros sítios do Coordenadores: Jacionira Coêlho Silva; domingos Alves de Carvalholitoral de São Paulo. JúniorMarisa Coutinho Afonso 08:30 horas - Quartel da Balaiada: uma leitura no (con)texto da paisa-11:30 horas - Ocupação e transformação do espaço pré-histórico: gem. Domingos Alves de Carvalho Júniorexemplo da bacia do rio Peruaçu, norte do estado de Minas Gerais.Maria Jacqueline Rodet 09:00 horas - Entre a luminosidade e a escuridão: as transformações na paisagem do porto e da zona portuária nos séculos XIX e XX. Maíra de Oliveira Ribeiro
  • 8. 09:30 horas - Pedras pintadas na paisagem: um olhar por e entre 09:00 horas - Estéticas de la materialidad: imágenes, identidades soci-os carnaubais. ales y percepciones situadas (siglos XI-XVII).Antonio Josinaldo Silva Bitencourt; Roniel de Araújo Ibiapina; Domingos Laura Quiroga; María Fabiana BuglianiAlves de Carvalho Júnior 09:30 horas - Revendo conceitos, relendo paredes - o percurso das aná-10:00 horas - Sítios a céu aberto no Piauí: uma interpretação em lises em arte rupestre da região de Diamantina, Minas Gerais, Brasil.construção. Vanessa Linke; Andrei IsnardisJacionira Coêlho Silva; Julimar Quaresma Mendes Júnior; Aline GonçalvesCosta; Filipe Ribeiro Cardoso Porto 10:00 horas - Níveis de abordagens teórico-metodológicas nos estu- dos iconográficos pré-colombianos.10:30 horas - Vestígios cerâmicos e abordagens teóricas. Cássia R. BarsAline Gonçalves dos Santos; Clenildo Moura Luz 10:30 horas - El motivo iconográfico de las cabezas-trofeo y su relación11:00 horas - A Paisagem como artefato cultural no estudo dos sítios Pedra con las creencias acerca del mantenimiento del orden de la vida natural ydo Letreiro e Toca do Adão. social en el mundo andino. María Paula CostasAna Luisa Meneses Lage do Nascimento; Jacionira Coêlho Silva 11:00 horas - Fabricação e uso de imagens na amazônia précolonial: diálogos com a antropologia da arte. Sala 3 – 14:30 horas às 18:30 horas Cristiana Barreto.SIMPÓSIO 17 - A ARQueOLOgIA BRASILeIRA MudOu! e PARA Sala 4 - 14:30 horas às 18:30 horasfALAR A VeRdAde, nÃO eSTOu Me SenTIndO MuITO BeM.Coordenador: Roberto Stanchi SIMPÓSIO 29 – InTeRPReTACIÓn de IMÁgeneS PReCOLOMBInAS. eSTRATÉgIAS Y MÉTOdO - 2° sessão14:30 horas - As transformações da arqueologia brasileira e seus reflexos Coordenadores: Maria Alba Bovísio; Javier nastrino patrimônio arqueológico.Regiane Gambim Barreto 14:30 horas - Arqueologia rupestre, uma experiência positiva. O caso do médio vale do rio Tocantins.15:00 horas - Arqueologia por contrato: artefatos exumados do passado Ariana Silva Bragapara serem enterrados no presente.Roberto Stanchi 15:00 horas - Por una arqueología antropológica del simbolismo. calchaquí. Javier Nastri15:30 horas - Entre o desenvolvimentismo e o preservacionismo: a arque-ologia de contrato como solução e como problema. 15:30 horas - Acerca de las imágenes antropo-zoomorfas de la cerá-Jorge Najjar mica grabada y pintada del Período Medio del N.O. argentino . María Alba Bovisio16:00 horas - Documentos arqueológicos gerados por processos dearqueologia pública – algumas considerações de urgência. QuInTA-feIRA / JueVeS – 20/09/12José Neves Bittencourt Auditório 1 - 08:30 horas às 12:30 horas16:30 horas - Arqueologia e legislação: conflitos e retrocessos no estadoda Bahia. SIMPÓSIO 8 - ReLACIOneS PeRIfÉRICAS. ACOnTeCIMIenTOSElvis Pereira Barbosa MALdITOS en LAS ARQueOLOgÍAS nOdICHAS / ReLAçÕeS PeRIfÉRICAS. ACOnTeCIMenTOS MALdITOS nAS ARQueOLOgIAS nÃO dITAS. 1ª sessão Sala 4 - 08:30 horas às 12:30 horas Coordenadores: Alejandro Haber; Andrés Zarankin Comentarista: José Alberione dos ReisSIMPÓSIO 29 – InTeRPReTACIÓn de IMÁgeneS PReCOLOMBInAS.eSTRATÉgIAS Y MÉTOdO - 1° sessão 08:30 horas - “Ones upon a time….”; Historias no contadas sobre arqueó-Coordenadores: Maria Alba Bovísio; Javier nastri logos en Antartida. Andrés Zarankin08:30 horas - O feminino rupestre em São Raimundo Nonato – PI:muito antes de 1500. 09:00 horas - Arqueologia do imaginário: uma imagem fora do lugar, traje-Michel Justamand tórias do imaginário social na cidade de Goiás. Samuel Campos Vaz
  • 9. 09:30 horas - Antes de Cabral, outros navegantes? Auditório 2 - 08:30 horas às 12:30 horasLeonardo Tomé de Souza SIMPÓSIO 30 – COMunICAçÕeS LIVReS. 3ª sessão10:00 horas - Os cacos que estudamos, os cacos que ignoramos: Coordenadores: Leandro duran; Carolina Murta Lemos; Rute Pontimuma reflexão sobre o não dito na Arqueologia Histórica.Martha Helena Loeblein Becker Morales 08:30 horas - A Tradição Tupiguarani na bacia do alto Tocantins. Rute de Lima Pontim10:30 horas - Exposiciones: arqueología e interacción espectral.Luis Gerardo Franco 09:00 horas - Entre cronologia e variabilidade: a arqueologia evolutiva no estudo da cerâmica dos sítios Tupiguarani da Zona da Mata de Minas11:00 horas - O Despertar dos anjos e a igreja: arqueologia pública e Gerais. Ana Paula de Paula Loures Oliveira; Leandro Elias Canaanmitos urbanos em Porto Calvo, Alagoas. MagesteKarina Miranda; Scott Joseph Allen; Waldimir Maia Leite Neto; FlávioAugusto de Aguiar Moraes; Danubia V. R. de L. Moraes 09:30 horas - Ossos que falam... e também ajudam! As problemáticas envolvidas em escavações arqueológicas com restos ósseos humanos. Os contributos de uma metodologia devidamente aplicada na formação de Auditório 1 - 14:30 horas às 18:30 horas um conceito interpretativo. Marco Túlio Alves Amorim do Amaral; Danilo Vicensotto BernardoSIMPÓSIO 8 - ReLACIOneS PeRIfÉRICAS. ACOnTeCIMIenTOSMALdITOS en LAS ARQueOLOgÍAS nOdICHAS / 10:00 horas - Arqueología, antropología social y biológica: miradas com-ReLAçÕeS PeRIfÉRICAS. ACOnTeCIMenTOS MALdITOS nAS plementarias para una mejor interpretación del canibalismo humano.ARQueOLOgIAS nÃO dITAS. 2ª sessão Ana Solari; Rogerio Duarte do PateoCoordenadores: Alejandro Haber; Andrés ZarankinComentarista: José Alberione dos Reis 10:30 horas - Relaciones sociales y prácticas alimenticias entre en los grupos foqueros (Islas Shetland del Sur- siglo XIX).14:30 horas - “Histórias pra boi dormir”: qual narrativa vale a pena María Jimena Cruzem arqueologia?Anaeli Queren Xavier Almeida 11:00 horas - A diversidade ictiológica do sambaqui porto do Rio Verme- lho II (SC-PRV-02). Vânia Leandro de Sousa15:00 horas - “Historias anecdóticas”Leticia Inés Cortés 11h30min - Análise dos otólitos provenientes do sítio RS-LS-11. Eliane Nunes Chim15:30 horas - Discursos, representações e magias: a autoridade daescrita na arqueologia. 12:00 horas - Análise do material lítico dos sítios Colônia Miranda e Cas-Luciana de Castro Nunes Novaes calheiro, São Cristóvão/SE . Paulo Jobim Campos Mello; José Edimarques R. Almeida; Almir C. Brito Jr16:00 horas - El revés de la arqueología: notas sobre la construcción y Auditório 2 - 14h30min às 18h30mindecontrucción de la arqueología del norte de Colômbia.Wilhelm Londoño SIMPÓSIO 30 – COMunICAçÕeS LIVReS. 4ª sessão Coordenadores: Leandro duran; Carolina Murta Lemos; Rute Pontim16:30 horas - La muerte del Riachuelo busca arqueólogos.Marcelo N. Weissel; Beatriz Rodríguez Basulto 14:30 horas - Monumento, morte ou moradia? Uma abordagem quanto à dieta dos antigos habitantes do Cerrito Ariano Souza e propostas para17:00 horas - La mano tendida: interpelación epistémica, arqueología análise de Cerritos.indisciplinada y nometodología. Lucas Henriques Viscardi, Vanessa Barrios Quintana; Maria Elida FariasAlejandro Haber Gluchy Auditório 1 - 19:30 horas 15:00 horas - Análise arqueológica sobre uma visão tecnológica: dese- fórum: Reconhecimento da Profissão nhos digitais “gráficos” de artefatos líticos. Coordenação: Ísis Gomes Ribeiro; Lázaro Francys Ferreira Lima Marcia Bezerra 15:30 horas - Arqueologia, turismo e educação patrimonial: o olhar para o Parque Nacional de Sete Cidades. Eduardo Neves Andréa Lourdes Monteiro Scabello
  • 10. 16:00 horas - Segurança no trabalho arqueológico: o quanto conhecemos Sala 1 - 14:30 horas às 18:30 horase o quanto estamos preparados para lidar com os riscos inerentes a estaprofissão. SIMPÓSIO 15 - AS ARQueOLOgIAS e AS CIdAdeS:Cássia Cristina da Silva Mateus; Andrea Monteiro Scabello; Edilson Rocha O Que ACOnTeCe nA MeTRÓPOLe?de Sousa Coordenadores: Rafael de Abreu e Souza; Piero Bohn Tessaro16:30 horas - Informações sobre a existência de comunidades 14:30 horas - Entre las ruinas del olvido y la memoria de un monu-remanescentes de Quilombolas e populações tradicionais no entorno do mento urbano. El caso de la estación de trenes de Melipilla, Chile .reservatório da UHE Sobradinho. Bruno Jiménez; Jairo Sepúlveda; Alexander San FranciscoÁlvaro Antônio Moreira da Silva; Valéria Vanda; Naiá Carvalho; ValériaCarazzai 15:00 horas - Artefato de fato: a contribuição arqueológica para o entendimento do processo de (con)formação urbana.17:00 horas - Reapropriação de espaços e artefatos na ilha dos Marinhei- Jeanne Dias; Railson Cotiasros, Rio Grande/RS.Freddy Bager Jr.; Jonathan Pereira Posser; Lucas Henriques Viscardi; 15:30 horas - Patrimônio e arqueologia da cidade de Cruz Alta, RS.Matheus Fuscaldo Bellé; Paulo Eduardo de Oliveira Enéas Jonathan Santo Caino; Cláudio Baptista Carle17:30 horas - A memória sul maranhense a partir de vestígios arqueológi- 16:00 horas - O Uso e transformação do espaço urbano: uma propostacos. Danielly Morais Rocha de estudo arqueológico sobre a cidade de Pilão Velho, BA . Karol Jarryer de Jesus Pinheiro. Sala 2 - 8:30 horas às 12:30 horas SIMPÓSIO 1 - COnSTRuYendO PAISAJeS: TAnTOS ARQueÓLOgOS, Sala 1 - 08:30 horas às 12:30 horas TAnTOS PAISAJeS. 1ª sessão. Coordenadores: José Roberto Pellini; Liliana Manzi; Marcia BarbosaSIMPÓSIO 24 - PROJeTOS de gRAnde eSCALA e IMPACTOSSOCIO AMBIenTAIS nA AMÉRICA LATInA: TEORÍA e COnfLITOS. 08:30 horas - Prazer em conhecê-la minha senhora! Paisagens, práti-Coordenadores: Marlene Castro Ossami de Moura; Izabel Missagia de cas e arqueologia.Mattos José Roberto Pellini 09:00 horas - Novas possibilidades interpretativas através de distintas percepções de mundo.08:30 horas - A educação patrimonial como medida subsídio de Sabrina de Assis Andradepreservação em projetos de grande impacto, ambiental e sociocultural: OPrograma de Educação Patrimonial Estação Cultura. 09:30 horas - Espacios creados, espacios representados en Tebas Occi-Fernanda Fonseca de O. Cruvinel; Rosinalda C. da S. Simoni; Mariza dental, Egipto.Oliveira Barbosa; Cristiane Loriza Dantas Liliana M. Manzi; M. Violeta Pereyra09:00 horas - Termos de ajustamento de conduta e gestão do 10:00 horas - La construcción del paisaje y la creación de los muertos alpatrimônio arqueológico no Amapá. sur del Valle del Cajón (6000-1300 AP).Mario Junior Alves Polo Leticia Inés Cortés09:30 horas - Grandes projetos de desenvolvimento econômico e 10:30 horas - Memoria, olvido y espacios mortuorios: El proceso demigrações forçadas: o caso da ex-Aldeia Jesuítica de Iriritiba, município contacto en Tierra del Fuego.de Anchieta ES . Melisa A. Salerno; Pamela García Laborde; Ricardo A. GuichónSônia Missagia Mattos 11:00 horas - Percepciones del paisaje en el Valle de Ongamira (Córdoba,10:00 horas - Arqueologia e etnologia no centro do Brasil. A diáspora Argentina). Un acercamiento metodológico al enmarañado que comprendee a teoria da continuidade. a las personas y su entorno.Altair Sales Barbosa Thiago Costa; Andrés Izeta; Roxana Cattáneo10:30 horas - Sobre repatriação e direitos humanos 11:30 horas - O visível e o invisível da paisagem sagrada: Um estudoIzabel Missagia de Matto arqueológico na Enseada de Água de Meninos. Luciana de Castro Nunes Novaes; Márcia Barbosa Guimarães
  • 11. 12:00 horas - El paisaje como tradición. Narrativas y prácticas sociales 10:00 horas - Pilar de Goiás: as transformações de uma paisagem mi-en Cruz Vinto (Norte de Lípez, Bolivia) durante el periodo de desarrollos neira. Cláudio César de Souza e Silva; Lucas de Paula Souza Troncosoregionales tardío (1200 – 1450 DC).José María Vaquer 10:30 horas - Arqueología del imaginario minero: realidades en conflicto desde Aguas de Dionisio (Catamarca). Sala 2 - 14:30 horas às 18:30 horas Daniel D. Delfino; Valeria E. Espiro; André Barale; R. Alejandro DíazSIMPÓSIO 1 - COnSTRuYendO PAISAJeS: TAnTOS ARQueÓLOgOS, 11:00 horas - Arqueometalurgia e mineração: diálogos interdisciplinares.TAnTOS PAISAJeS . 2ª sessão Lucas de Paula Souza TroncosoCoordenadores: José Roberto Pellini; Lilian Manzi; Marcia Barbosa 11:30 horas - Espacios en disputa: logicas industriales y campesinas en 14:30 horas - Lecturas semióticas de paisajes arqueológicos: vida cotidi- Mina Dal (Provincía de Catamarca – Argentina).ana e interpretaciones locales de petroglifos (municipio Atures, Edo. Ama- Ana Soledad Meléndez; Marcos Nicolás Quesadazonas, Venezuela).Lewis Cardozo Guerrero; Jeyni González 12:00 horas Mineração colonial, arqueologia e Marxismo. Carlos Magno Guimarães.15:00 horas - Repensando os limites da arqueologia da paisagem: osanimais constroem paisagens passíveis de interpretação arqueológica?Carolina Alves d’Almeida Sala 3 - 14:30 horas às 18:30 horas15:30 horas - Arqueología de la tecnósfera, restauración ecológica y patri- SIMPÓSIO 22: (MICRO) HISTORIAS de LA ARQueOLOgÍAmonio cultural en la cuenca Matanza Riachuelo de Buenos Aires. AMeRICAnAMarcelo N. Weissel; Beatriz Rodríguez Basulto Coordenadores: Henry Tantaleán; Andrés Troncoso16:00 horas - Mapeamento arqueológico na bacia do rio Cachoeira, 14:30 horas - Grete Mostny y la arqueología chilena: una relación entreIlhéus, Bahia: um estudo da arqueologia da paisagem. la colonialidad y la dinámica de género.Girleney Santos Araújo; Walter Fagundes Morales Andrés Troncoso16:30 horas - Mapeamento arqueológico: um estudo da arqueologia 15:00 horas - La arqueología en tiempos de revolución. Argentinada paisagem na bacia do rio Almada, Ilhéus, Bahia - Brasil. 1973-1976. José A.Pérez Gollán; Gustavo PolitisKaique Brito Silva; Girleney Araújo; Rubens Oliveira;Walter FagundesMorales 15:30 horas - Un proyecto truncado: procesos y sujetos velados en la historiografía arqueológica de Chile.17:00 horas -Apuntes para biografías de paisajes y seres: una visión Jairo Sepúlveda Díaz; Benjamín Ballester Riesco; Alexander San Franciscosudamericana. ArayaLaura Miotti 16:00 horas - El relato chileno del pasado andino: discurso, nación y Sala 3 – 8:30 horas às 12:30 horas hegemonía en la arqueología sudamericana. Mauricio Uribe Rodríguez; Simón Urbina Araya; Leonor Adán AlfaroSIMPÓSIO 13 - MIneRAçÃO, COLOnIALISMO e CAPITALISMO.Coordenadores: Carlos Magno guimarães; Marcos nicolás Quesada 16:30 horas - Una (micro)historia de la arqueología en el Perú de la década de los 90.08:30 horas - Relaciones mineras en Minas Capillitas (Provincia de Ca- Henry Tantaleántamarca – Argentina) en la segunda mitad del siglo XIX: tensiones entrelógicas productivas, escalas tecnológicas y unidades sociales. 17:00 horas- La arqueologia en la era del multiculturalismo neoliberal:Daniel D. Delfino; Marcos N. Quesada; Sabine J. P. Dupuy una reflexión outobiográfica desde San Pedro de Atacama (norte Chile). Patricia Ayla Recobado09:00 horas - O enclave econômico das Lavras do Abade.Diogo M. Costa 17:30 horas - La perpetuación de la herencia colonial y la relación entre la arqueología y los pueblos indígenas.09:30 horas - Mulheres e crianças de diamante: conflito, resistência e Elisângela de Morais Silvarearranjo de forças do garimpo tradicional com a expansão da mineraçãoindustrial. 18:00 horas - En arte rupestre, la teoría de los niveles: Mario ConsensLoredana Ribeiro sobredimensionado y olvidado. Alicia Ana Fernández Distel
  • 12. Sala 4 - 8:30 horas às 12:30 horas SeXTA-feIRA / VIeRneS - 21/09/12SIMPÓSIO 2 - ABORdAgenS e dIÁLOgOS SOBRe A CuLTuRA Auditório 1 - 08:30 horas às 12:30 horasMATeRIAL dA eSCRAVIdÃO e Seu LegAdO. 1ª sessãoCoordenadora: Camilla Agostini SIMPÓSIO 16 - MuLTIVOCALIdAd Y ACTIVACIOneS PATRIMOnIALeS en ARQueOLOgÍA: PeRSPeCTIVAS deSde SudAMeRICA .08:30 horas - Arqueologia da escravidão: Um estudo de caso do conjunto 1ª sessãoarquitetônico remanescentes das senzalas das fazendas Antinhas e Coordenadores: Lucio Menezes ferreira; María Clara Rivolta; MónicaBoa Vista. MontenegroMarcelo Garcia da Rocha 08:30 horas - A dança dos poderes e as comunidades em presença na09:00 horas - Engenho Bom Jardim: cultura material e dinâmica identária construção dos patrimônios e do fazer arqueológico.de uma comunidade escravizada do Mato Grosso. Adriana Fraga da SilvaLuís Cláudio P. Symanski; Suzana Hirooka 09:00 horas - Paulo Duarte e os combates pelos patrimônios plurais no09:30 horas - Outros olhares sobre a escravidão em São Francisco do Brasil. Aline Vieira de Carvalho; Isabela Soraia Backx SanabriaSul (Santa Catarina) a partir da cultura material.Fernanda Mara Borba; Dione da Rocha Bandeira 09:30 horas - Multivocalidad, años después. Cristóbal Gnecco10:00 horas - Um mar de coisas: bagagens culturais e suas singularida-des da troca. 10:00 horas - De quién es el pasado? Algunas reflexiones sobre el patri-Larissa Oliveira e Gabarra monio y la práctica arqueológica en Venezuela. Eduy María Urbina Jiménez10:30horas - Ruínas e assombrações: narradores não humanos dopassado garimpeiro. 10:30 horas - Considerações sobre governo, políticas públicas, arqueolo-Loredana Ribeiro gia e desenvolvimento econômico no continente americano. Pedro Paulo A. Funari11:00 horas - Objetos encantados: a vida social das coisas no universoafricano e afro-brasileiro escravista. 11:00 horas - El subalternismo y la arqueología: hacia un posibleCamilla Agostini diálogo entre matrices teóricas y disciplinarias. Gustavo Verdesio. Sala 4 - 14:30 horas às 18:30 horas Auditório 1 - 14:30 horas às 18:30 horasSIMPÓSIO 2 - ABORdAgenS e dIÁLOgOS SOBRe A CuLTuRAMATeRIAL dA eSCRAVIdÃO e Seu LegAdO. 2ª sessão SIMPÓSIO 16 - MuLTIVOCALIdAd Y ACTIVACIOneS PATRIMOnIALeSCoordenadora: Camilla Agostini en ARQueOLOgÍA: PeRSPeCTIVAS deSde SudAMeRICA. 2ª sessão14:30 horas - Arqueologia e identidade na Chacrinha dos Pretos. Coordenadores: Lucio Menezes ferreira; María Clara Rivolta; MónicaSofia Magali Civitella Montenegro15:00 horas - Espaço e cultura material em casas de candomblé no Rio 14:30 horas - Investigadores, habitantes y restos arqueológicos.de Janeiro. Javier NastriRodrigo Pereira 15:00 horas - Novos diálogos entre arqueólogos e indígenas, observando15:30 horas - Airábeji de Xangô os diversos saberes do universo Xocó.Frederico Mael Silva Marques Bueno Karina Miranda 15:30 horas - Comunidades locais e o patrimônio arqueológico: velhas e novas leituras a partir do Museu Histórico e Arqueológico de Lins. Louise Prado Alfonso; Márcia Lika Hattori 16:00 horas - Bricolage do passado: patrimônio arqueológico, artesana- to, e comunidades locais na Vila de Joanes, Ilha do Marajó, Amazônia Marcia Bezerra
  • 13. 16:30 horas - Cronologias excludentes: arqueologia e história no 15:30 horas - El desafío de los museos comunitarios.Museu Paranaense. Alejandra Korstanje; Marcos Quesada; Agustina HaedoMartha Helena Loeblein Becker Morales 16:00 horas - Interpretações sobre os “bonecos de barros” em Laranjal do17:00 horas - Polissemia do patrimônio: a representação da memória, Maracá, Amapá: uma perspectiva da arqueologia pública.história e cultura em Pernambuco e Buenos Aires. Lúcio Flávio S. Costa LeiteMoysés M. de Siqueira Neto 16:30 horas - O papel da cultura material no processo de consolidação de identidades étnicas atuais e a descolonização da arqueologia: o caso Auditório 2 - 08:30 horas às 12:30 horas do Quilombo Chacrinha dos Pretos na Serra da Moeda/MG. Caroline Murta LemosSIMPÓSIO 28: ARQueOLOgIA e COMunIdAdeS TRAdICIOnAIS:dISCuRSOS e PRÁTICAS deSCOLOnIZAnTeS nA AMÉRICA LATInA. 1ª sessão Sala 1 - 08:30 horas às 12:30 horasCoordenadoras: Marcia Bezerra; Clarisse Callegari Jacques SIMPÓSIO 12 - ARQueOLOgIAS MARÍTIMAS:deSAfIOS, PRÁTICA ,08:30 horas - Arqueologia e comunidades tradicionais: discursos e práti- ÉTICA e funçÃO SOCIAL. 1ª sessãocas descolonizantes na América Latina. Coordenadores: Leandro domingues duran; gilson RambelliMarcia Bezerra; Clarisse Callegari Jacques 08:30 horas - Contextualizando olhares submersos: teoria e arque-09:00 horas - A Comunidad Índia Quilmes no noroeste argentino: ologia subaquática.leituras reflexivas de etnohistória, patrimônio arqueológico y memória Leandro Domingues Duranétnica. Frederic Mario Caires Pouget 09:00 horas- Arqueologia marítima: entre as barreiras físicas e as barrei-09:30 horas - Comunidades tradicionais e projetos de arqueologia: ras mentais.uma análise a partir de três estudos de caso. Gilson RambelliLouise Prado Alfonso 09:30 horas - Carta Arqueológica Subaquática de Sergipe: inventário10:00 horas - A inclusão de narrativas e percepções quilombolas sobre sistemático do patrimônio cultural subaquático.uma “igaçaba” na prática de uma arqueologia mais reflexiva. Gilson Rambelli.Clarisse Callegari Jacques 10:00 horas - O mar dos sambaquieiros. Flávio Rizzi Calippo10:30 horas - Os sítios arqueológicos do ponto de vista dos Apurinã: possi-bilidades e desafios da pesquisa arqueológica em Lábrea/AM. 10:30 horas - “Nós gostamos de tudo, nós queremos é mais / Do alto daElaine Wanderley cidade até a beira do cais”: formação e consolidação da Arqueologia portuária.11:00 horas -Duas fazendinhas e o mesmo problema? Paulo F. Bava de CamargoMárcia Lika Hattori; Rafael Abreu e Souza; Luana Antoneto Alberto;Patrícia Fernanda Fischer 11:00 horas - Arqueologia dos pequenos portos: do estudo de caso à generalização metodológica. Paulo F. Bava de Camargo Auditório 2 – 14:30 horas às 18:30 horas 11:30 horas - Arqueologia marítima na baixada santista: da academiaSIMPÓSIO 28: ARQueOLOgIA e COMunIdAdeS TRAdICIOnAIS: ao contrato, da prática ao descasodISCuRSOS e PRÁTICAS deSCOLOnIZAnTeS nA AMÉRICA LATInA. Manoel Gonzalez2ª sessãoCoordenadoras: Marcia Bezerra; Clarisse Callegari Jacques14:30 horas - Os co-trabalhadores do Cedro-uma possibilidade de arque-ologia pública.Raimundo Ney Cruz Gomes;Rhuan Carlos dos Santos Lopes15:00 horas - Vida social comunitária e os sítios arqueológicos naAmazônia. Helena Pinto Lima; Bruno Moraes
  • 14. Sala 1 - 14:30 horas às 17:30 horas 11:00 horas - Sobre los límites de la persona y su vinculación a la comuni- dad. Ocultación discursiva vs evidencia material.SIMPÓSIO 12 - ARQueOLOgIAS MARÍTIMAS: deSAfIOS, PRÁTICA, Almudena Hernando; Sandra MontónÉTICA e funçÃO SOCIAL. 2ª sessãoCoordenadores: Leandro domingues duran; gilson Rambelli Sala 2 - 14:30 horas às 18:30 horas14:30 horas - Los pescadores no son como Robinson Crusoe: retomandola senda de las relaciones sociales. SIMPÓSIO 19 - SuJeTOS, OBJeTOS Y LÍMITeS. eSTudIOS SOBReBenjamín Ballester Riesco LA PeRSOnA deSde unA PeRSPeCTIVA MATeRIAL. 2ª sessão Coordenadores: Melisa A. Salerno; Maria Celeste Perosino15:00 horas - Por uma arqueologia marítima socialmente engajadados ribeirinhos do baixo rio São Francisco. 14:30 horas - Cuerpos-vestidos: discutiendo los límites de la persona en elLuis Felipe Freire D. Santos mundo moderno. El caso de los balleneros-loberos en Antártida (siglo XIX). Melisa A. Salerno15:30 horas - Pirogas, conchas e paisagens: uma arqueologiada maritimidade indígena no baixo rio São Francisco. 15:00 horas - Tan lejos, tan cerca: objetos foráneos y subjetividades enLuis Felipe Freire D. Santos los valles Calchaquíes (noroeste argentino). Marina Sprovieri; Marisa Lazzari16:00 horas - Imagens da arqueologia subaquática: discursos sobre acaça ao tesouro. 15:30 horas - Arte rupestre y la construcción de la categoría de persona .Marina Fontolan Andrés Troncoso16:30horas - Desenvolvimento sustentável do patrimônio cultural subaquá- 16:00 horas - La semiopraxis de la serpiente .tico: mercantilização ou socialização? Alejandro HaberÂngela Andrade Ferreira; Elizabete de Castro Mendonça 16:30 horas - Objetos de vida: evocación y remembranza a partir de la17:00 horas - Cultura material, memória e patrimônio sob o Lago cultura material en el contexto del suicidio.de Sobradinho: uma proposta de estudo sobre Remanso Velho. Nicolás Gonzáles JukiszKarol Jarryer de Jesus Pinheiro Sala 3 - 08:30 horas às 12:30 horas Sala 2 - 8:30 horas às 12:30 horas SIMPÓSIO 5 - deSCOLOnIZAndO A eTnOARQueOLOgIASIMPÓSIO 19 - SuJeTOS, OBJeTOS Y LÍMITeS. eSTudIOS SOBRe Coordenador: Jorge eremites de OliveiraLA PeRSOnA deSde unA PeRSPeCTIVA MATeRIAL. 1ª sessãoCoordenadores: Melisa A. Salerno; Maria Celeste Perosino 08:30 horas - As barrancas e os ceramistas do rio Poty: refle- xões etnoarqueológicas.08:30 horas - Prelúdio a uma arqueologia do corpo. Andréa Lourdes Monteiro ScabelloSara Teixeira Munaretto 09:00 horas - Etnoarqueologia Nambikwara.09:00 horas - Uma nova abordagem para arqueologia cognitiva. Rafael Lemes de SouzaCleberson Carlos Xavier de Albuquerque 09:30 horas - Identidade étnica e registro arqueológico.09:30 horas - A produção e as ceramistas do sítio Rio dos Cacos/PA-Brasil. Leonardo Tomé de SouzaGabriele Viega Garcia; Suzana Schisuco Hirooka; Sirlei Elaine Hoeltz; JulioLinhares 10:00 horas- Reflexões sobre o uso da etnoarqueologia no contexto do nordeste brasileiro.10:00 horas - La importancia del o’tan: corazón en la concepción del Rodrigo Lessa Costahombre y el universo entre los mayas-tseltaletik de Bachajón, Chiapas,México. María Patricia Pérez Moreno 10:30 horas - Etnoarqueologia. Una aproximación entre la arqueobo- táncia y la etnobotánica como posibilidad de análisis e interpretación del10:30 horas - Un cuerpo humano.La administración del yo como materiali- registro botánico en contextos arqueológicos.dad, objeto, cosa. Sneider Rojas-MoraMaría Celeste Perosino
  • 15. COORdenAçÃO geRAL: JOSÉ ROBERTO PELLINI Sala 4 CuLT ARQueOLOgIA 08:30 horas às 12:30 horas JULIO CEZAR RUBIN DE RUBIN POnTIfÍCIA unIVeRSIdAde CATÓLICA de gOIÁSProjeção de Filmes etnográficos do IGPA COMITÊ CIenTÍfICO: Sala 4 ALEJANDRO HABER unIVeRSIdAd nACIOnAL de CATAMARCA - ARgenTInA 14:30horas às 18:30 horas ANDRÉS ZARANKIN unIVeRSIdAde fedeRAL de MInAS geRAIS - BRASILProjeção de Filmes etnográficos do IGPA CARLOS EDUARDO LÓPEZ CASTAÑO unIVeRSIdAd TeCnOLÓgICA de PeReIRA - COLÔMBIA CRISTÓBAL GNECCO 19:30 horas – Sessão de encerramento unIVeRSIdAd deL CAuCA – COLÔMBIA EDUARDO GÓES NEVES Local: Auditório da Área IV unIVeRSIdAde de SÃO PAuLO- BRASIL ERIKA M. ROBRAHN-GONZÁLES dOCuMenTO PATRIMÔnIO CuLTuRAL - BRASIL 20:30 horas – Conferência com dr. eduardo góes neves GUSTAVO POLITIS unIVeRSIdAd nACIOnAL deL CenTRO de LA PROVÍnCIA de BuenOS AIReS -ARgenTInA ‘’Os três que se foram...O que fazer quando o mercado substitui a MÁRCIA BEZERRA téoria na Arqueologia’’ unIVeRSIdAde fedeRAL dO PARÁ - BRASIL universidade de São Paulo RODRIGO NAVARRETE unIVeRSIdAd CenTRAL de VeneZueLA - VeneZueLA 21:15 horas – Plenária COMISSÃO ORgAnIZAdORA: CAROLINE MURTA LEMOS FERNANDA ELISA C. P. RESENDE JORDANA BATISTA BARBOSA LEANDRO DOMINGUES DURAN LEILA MIGUEL FRAGA LUDIMILIA JUSTINO DE MELO VAZ MARIA DO SOCORRO SALES BARBOSA DE FARIA MARIA EUGêNIA BRANDãO A. NUNES MARIZA DE OLIVEIRA BARBOSA MARLENE OSSAMI CASTRO DE MOURA ROSICLéR THEODORO DA SILVA SAMARA DYVA FERREIRA MARCOS SAMUEL CAMPOS VAZ SIBELI A. VIANA CenTRO ACAdÊMICO de ARQueOLOgIA dA PuC gOIÁS