• Share
  • Email
  • Embed
  • Like
  • Save
  • Private Content
eco design
 

eco design

on

  • 6,445 views

palestra sobre eco-design

palestra sobre eco-design

Statistics

Views

Total Views
6,445
Views on SlideShare
6,402
Embed Views
43

Actions

Likes
1
Downloads
151
Comments
0

2 Embeds 43

http://www.slideshare.net 42
http://www.docshut.com 1

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    eco design eco design Presentation Transcript

    • ECO-DESIGN ECO DESIGN & MERCADO MERCADO: UMA REFLEXÃO Ã José Francisco Sarmento
    • 1. Definição: Design - do latim “designare” q g g que significa g desenvolver, conceber. A expressão surgiu no século XVII na Inglaterra, como tradução do termo italiano “Disegno”. t d ã d t it li “Di ” Com a criação das “Schools of Design”, essa expressão agora acompanhada dos atributos “industrial” ou “graphic” - caracterizando o planejamento e o desenvolvimento de objetos de uso e a comunicação visual visual. Design - Processo de planejamento e concepção de algo. Projetar. * N Inglaterra “design” significa genericamente “planejamento” Na I l t “d i ” i ifi i t “ l j t ” e é associado a diversas áreas como engenharia e arquitetura.
    • 2. Ecologia: Ciência humana, ramo da ecologia que estuda as relações das comunidades humanas com o meio ambiente.
    • Quando foi a primeira vez que se falou sobre eco- design? Década de 70, Alemanha. Designer: Jurgen Gross – grupo de design – Des-in- pensava o design levando em consideração o aproveitamento aproveitamento.
    • Pensando o Eco-design hoje •Integração global do ambiente no processo do design, combinando estratégias de redução de impactos; •Eco-Design = projeto de ciclo de vida de um produto (i í i + meio + fim) – produzido – d t (início i fi ) d id distribuído – utilizado – eliminado; •Critérios: Uso sustentado e otimizado dos recursos naturais, redução do consumo de energia, reciclagem, etc.; •Hoje é um diferencial, amanhã será questão de sobrevivência.
    • Projeto e Desenvolvimento de produtos sustentáveis Conjunto de atividades e processos que esquematizam o ciclo de vida de um produto •Pré-produção (aquisição dos recursos); •Produção (transformação dos materiais, montagem e acabamento); •Distribuição (embalagem*, transporte, armazenagem); •Uso (o uso ou consumo); U ( ) •Descarte * A embalagem é um ciclo de vida adicional ao produto. Para todos os efeitos, a embalagem também é um produto.
    • O Projeto do Ciclo de Vida Conceito de Life Cycle Design O produto deve ser projetado considerando em todas as suas fases, o conceito de ciclo de vida vida. Objetivo – Minimizar o impacto ambiental de um produto durante o seu ciclo de vida.
    • Estratégias de Life Cycle Design Um produto ecoeficiente se utiliza das seguintes estratégias: •Minimização dos recursos: reduzir o uso de materiais e de energia; •Escolha de recursos e processos de baixo impacto ambiental: selecionar os materiais, os processos e as materiais fontes energéticas de maior ecocompatibilidade;
    • Minimização dos Recursos Minimizar o uso de recursos na produção Por minimização de recursos entende-se a redução dos consumos de matéria e energia para um determinado produto, ou melhor, para um determinado serviço oferecido por tal p p produto. •Minimizar o conteúdo material de um produto; •Minimizar perdas e os refugos; Minimizar •Minimizar a energia necessária para a “produção” do produto.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Produção Mi i i ã d R /R P d ã Minimizar o conteúdo material de um produto Exemplo: As cadeiras IKEA Air são constituídas de câmeras de ar infláveis confeccionadas em plásticos poliolefínico e posteriormente revestidas. O interessante é que estes produtos são inflados pelo usuário utilizando um secador de cabelos no próprio local de montagem. Isto faz com que se reduza a quantidade de material empregado a somente 15% do normalmente aplicado em poltronas convencionais. A sua fácil compactação reduz os consumos e as emissões durante o transporte e a distribuição.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Produção Mi i i ã d R /R P d ã Minimizar o conteúdo material de um produto Produto inflável IKEA Air.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Produção Minimizar o conteúdo material de um produto Exemplo 2: Televisor da Sony cujo peso foi reduzido em 15% em relação aos modelos comuns, graças a novos l ã d l processos produtivos e a integração de alguns componentes. Televisor Green TV da Sony
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Produção Mi i i ã d R /R P d ã Minimizar de Perdas e os Refugos Exemplo: Simular em sistemas computadorizados de análises simulando elementos acabados – a evolução da i l d l t b d l ã d estamparia em moldes de injeção permite-nos utilizar os vários parâmetros do processo. Em outras palavras é possível minimizar os consumos energéticos bem como as sobras.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Produção Mi i i ã d R /R P d ã Minimizar o consumo de energia para produção Exemplo: A produção do alumínio virgem exige um grande d ã d l í i i i d volume energético (mas pela sua leveza, este material é ao mesmo tempo, muito indicado para aplicação em produtos que devam ser movidos ou transportados várias vezes.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Produção Minimizar o consumo dos recursos no Desenvolvimento dos produtos -Minimizar o consumo de materiais como papéis e embalagens; - Usar instrumentos informáticos para o projeto, modelagem e projeto prototipia; - Usar instrumentos informáticos para arquivamento, comunicação escrita e apresentações; - Usar sistemas eficientes de aquecimento, ventilação e iluminação no local de trabalho. Exemplos: Usar espaço simples nos textos, fotocopiar nos dois textos lados de uma folha, reutilizar o papel para anotações e comunicados, reutilizar toners e cartuchos para impressoras, utilização d i t i tili ã da intranet, etc. t t
    • Minimização dos Recursos ç Minimizar o Uso de recursos na distribuição - Minimizar as embalagens; - Minimizar o consumo para o transporte; Minimizando as embalagens: 1) Evitar excesso de embalagem; 2) Utilizar material somente onde for útil; 3) Projetar a embalagem como p ) j g parte integrada do g produto;
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Distribuição/ Embalagem ç / ç / g Exemplos: Para um produto de jardinagem a Celaflor substituiu uma jardinagem, embalagem, antes múltipla (recipiente + blister), por uma nova embalagem em que foi feito uma cavidade para conter o refil, evitando assim o blister refil blister. Embalagem de produto de jardinagem da Celaflor.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Distribuição/ Embalagem ç / ç / g Exemplo 2: A Lancôme eliminou uma parte da embalagem de uma base para maquiagem reduzindo em 40% o peso total da embalagem. Antiga e nova embalagem de uma base da Lancôme.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Distribuição/ Embalagem ç / ç / g Exemplo 3: Ultimate Shine é um shampoo sólido fabricado pela lush sólido, (Inglaterra). Esse shampoo é produzido e comercializado diretamente no mesmo local evitando assim o uso de embalagem. Shampoo da Lush distribuído no próprio local.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Distribuição/ Embalagem ç / ç / g Exemplo 4: Nos últimos anos a espessura das garrafas de plástico foram nitidamente reduzidas graças ao uso de nervuras que permitem a conservação da rigidez necessária. Exemplo 5: A embalagem p/ biclicleta foi reduzida ao mínimo. mínimo O material só é utilizado onde necessário. necessário Embalagem mínima para bicicleta.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Distribuição/ Embalagem ç / ç / g Exemplo 5: O invólucro dos bombons Eckes é em material comestível comestível, isto é, podendo ser comido, transformando a embalagem em um produto de consumo e eliminando, assim, a necessidade de descarte descarte. Embalagem para bombons em material comestível
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Distribuição/ Transporte ç / ç / p Minimizar o consumo no transporte: 1) P j Projetar produtos concentrados; d d 2) Produtos montáveis no local de uso; 3) Tornar os produtos mais leves; 4) Otimizar a logística. Exemplo: A Procter & Gamble comercializa detergentes e amaciantes concentrados Antigo e novo amaciante Lenor da Procter & Gamble.
    • Minimização dos Recursos/ Recursos na Distribuição/ Transporte ç / ç / p Exemplo 2: A Ikea (como a empresa Tok & Stock no Brasil) propõe produtos para montar no local de uso e projetá-los para serem transportados com o menor volume possível. Cadeira da Ikea p/ ser montada no próprio local de uso.
    • Minimização dos Recursos ç Minimizar o consumo de recursos durante o uso: 1) Projetar produtos de uso coletivo; 2) Projetar buscando a eficiência do consumo de recursos suficientes para o funcionamento do p produto;; 3) Incorporar nos produtos mecanismos programáveis para desligar automaticamente; 4) Projetar sistemas com o consumo variável de recursos para diferentes exigências de funcionamento.
    • Minimização dos Recursos/ durante o uso ç / Exemplos: O vaso sanitário Saving Clodia da cerâmica Dolomite foi realizado com soluções hidrodinâmicas particulares que permitem uma limpeza eficaz usando apenas 3,5L de água em relação aos 6 ou 9L de consumo economia de 60% em relação aos vasos sanitários comuns comuns. Vaso sanitário da Dolomite com descarga eficiente
    • Minimização dos Recursos/ durante o uso ç / Exemplo 2: As agendas eletrônicas proporcionam uma grande economia de papéis em relação às agendas tradicionais. Algumas delas são dotadas de um alimentador de energia solar. Exemplo 3: A Cesame utiliza uma válvula para vasos sanitários com duas possibilidade de descarga. Botão da válvula do Duetto da Cesame.
    • Minimização dos Recursos/ durante o uso ç / Exemplo 4: Na Holanda o escritório de design NLPLK projetou placas luminosas para rodovias, equipadas com sensores que, em caso de baixas temperaturas (quando nitidamente se reduz a eficiência das lâmpadas fluorescentes), fluorescentes) aumentam a potência distribuída. Economia de 40% e, relação aos sistemas tradicionais.
    • Minimização dos Recursos/ durante o uso ç / Exemplo 5: A alemã Ursula Tischner projetou um refrigerador (FRIA) que é fixo nas paredes da cozinha e se possível próximo às paredes externas da casa para poder absorver a baixa temperatura durante o inverno. Entre 3 a 5 meses do ano obtêm-se uma temperatura comparável a dos obtêm se refrigerados comuns. O modelo standart de 1994 utiliza no máximo 0,4 KWh em 24h, enquanto um refrigerador normal consome em média, 0,85 KWh.
    • Minimização dos Recursos/ durante o uso ç /
    • Minimização dos Recursos/ durante o uso ç / Exemplo 6: Projeto de um Sistema que integra lavatório válvula de descarga e a lavatório, privada.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental •A Escolha dos materiais e dos processos de baixo AE lh d i i d d b i impacto. Exemplo1: - As tintas são problemas, devido às potenciais emissões de Compostos Orgânicos Voláteis ( p g (COV). As emissões de ) COV podem ser reduzidas utilizando tintas vegetais ou à base de água. Exemplo 2: - Para os acabamentos em madeiras, é melhor evitar as pinturas e solventes à base de derivados de petróleo (têm altas emissões de COV). São aconselhadas, em vez deles, as tintas e os vernizes à base de água e os vernizes vulcanizados a UV l i d UV.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 3: - A Ferrero Rocher vende Nutella em frascos de vidro reutilizáveis como copos.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 4: - Material que se obtêm através da mistura de casca de amêndoas com resina sintética.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 5: - Projeto de um porta-líquido (sabonete, etc.) porta líquido utilizando cabaças.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 6: - O cultivo de algodão orgânico para a confecção de tecidos.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 7: - Alan Thompson projetou este balanço zoomorfo (The tire horse) utilizando pneus velhos de automóveis.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 8: - Phillipe White projetou este aparelho de CD para a Phillips, cujo material foi obtido da reciclagem dos próprios cds.
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 9: - Esponjas em PET comercializadas pela 3M, totalmente recicladas de garrafas;
    • A Escolha de recursos e processos de Baixo Impacto Ambiental Exemplo 10: - O Mater-B é um material obtido de amido proveniente da planta de milho.
    • Outros exemplos de Eco-design: Eco design:
    • FIM! Boa Noite e obrigado pela atenção!