25. guerra fria
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
1,035
On Slideshare
1,035
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
26
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL GUERRA FRIA: EUA (capitalismo) X Plano Marsahal: ajuda econômica dada pelos EUA aos países da Europa Ocidental e Japão (Plano Colombo), para garantir o desenvolvimento do capitalismo e sua área de influência. OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte): aliança militar capitalista criada para conter o avanço do “comunismo”, com sede em Bruxelas na Bélgica, mesmo com o fim da Guerra Fria a OTAN continua a existir. A Iugoslávia, apesar de socialista, recebeu ajuda econômica do Plano Marshal e a Finlândia o rejeitou apesar de capitalista. A única vez que as tropas da OTAN foram acionadas foi em 1999 para atacar a antiga Iugoslávia. URSS Bipolarização Mundial (socialismo) COMECON: auxílio econômico mútuo, coordenado pela URSS, entre os Estados de economia planificada (socialista). Pacto de Varsóvia: aliança militar dos países socialistas, criada em reação a OTAN, que possuía sua sede em Varsóvia na Polônia, Com o fim da Guerra Fria e da URSS o Pacto de Varsóvia foi extinto. A Turquia é o único país islâmico que é membro da OTAN. Prof. José Augusto Fiorin
  • 2. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1945 Conferência de Yalta: Roosevelt (EUA), Churchill (Inglaterra) e Stalin (URSS), concordam com a influência soviética na Europa Oriental e decidem sobre a ocupação da Alemanha, com a participação da França. Conferência de São Francisco: criação da ONU - Organização das Nações Unidas: Conselho de Segurança Formado por quinze países EUA, URSS (Rússia), China, França e Membros permanentes (vitalícios) e com poder de veto. Grã-Bretanha. Conferência de Potsdam: divisão da Alemanha em quatro zonas de ocupação – francesa, britânica, soviética e estadunidense: RDA (República Democrática da Alemanha – socialista – capital Berlim Oriental) e RFA (República Federal da Alemanha – capitalista – capital Bon). Prof. José Augusto Fiorin
  • 3. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1947 Independência da Índia. Líderes: Mahatma Gandhi e Jawaharlal Nehru. Índia (hindu). Índia Ex-colônia britânica Paquistão (islâmico). Sri Lanka (budista) Mahatma Gandhi = Líder Pacifista: “se todos aplicarem a política do olho por olho, terminaremos todos cegos”. Gandhi. O Paquistão Oriental, com o apoio da Índia, tornou-se independente, formando Bangladesh. Conflito Índia X Paquistão. Disputa pela região da Cachemira Índia e Paquistão são potências nucleares regionais. A ONU adota um Plano para a divisão da Palestina: (Ex-colônia Britânica). Palestina (Estado árabe-muçulmano) e Israel (Estado judeu). Prof. José Augusto Fiorin
  • 4. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL Nesses conflitos, Israel sempre Confrontos árabe-israelenses: contou com apoio econômico e 1948-1949: ocupação da Galiléia e do deserto de Neguev pelos israelenses; militar dos EUA. 1956: conquista da península do Sinai, por Israel; 1964: Fundação da OLP (Organização para a Libertação da Palestina), braço político, e da Fatah, braço armado, sob o comando de Yasser Arafat; 1967: Guerra do Seis Dias, marcada pelo fulminante ataque israelense ao Egito, Jordânia e Síria; quando Israel conquista toda a península do Sinai e as colinas de Golan; 1973: Guerra do Yom Kippur, onde os países árabes atacaram Israel. A Síria retomou as colinas de Golan e o Egito ocupou os campos petrolíferos de Balagim. 1948 Criação da OEA (Organização dos Estados Americanos), pelo Acordo de Bogotá. Prof. José Augusto Fiorin
  • 5. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1949 Revolução Chinesa: PCC (Partido Comunista Chinês). Líder: Mao Tsé-tung. Kuomitang (KMT) (Partido Nacionalista Chinês). Líder: Chiang Kai-shek. Os Comunistas derrotam os Nacionalistas e Mao Tsé-tung proclama a República Popular da China (socialista), enquanto Chiang Kai-shek, foge para a ilha de Formosa onde proclama a República Nacionalista da China (capitalista) - Taiwan. O conflito perdurou 1950 até 1953, com o Guerra da Coréia: envio de tropas dos Coréia do Norte Coréia do Sul EUA e da China, até a assinatura de (socialista) (capitalista) um armistício. apoio da China e URSS apoio dos EUA Prof. José Augusto Fiorin
  • 6. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1951 Pacto de Segurança Coletiva (ANZUS) entre EUA, Austrália e Nova Zelândia. 1955 Conferência dos Países não Alinhados em Bandung (Indonésia), sob liderança de Chu Em-lai (Indonésia), Nehru (Paquistão), Nasser (Egito) e Tito (Iugoslávia); condenando o imperialismo, alinhamento direto aos EUA e/ou URSS e o neocolonialismo e pregando a autodeterminação dos povos, surge o Bloco do Terceiro Mundo. 1959 Criação do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento); Revolução Cubana: Líderes: Fidel Castro, Raúl Castro e Ernesto “Che” Guevara. Prof. José Augusto Fiorin
  • 7. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL Em 1961, depois da nacionalização, sem indenização, de empresas em Cuba, e influenciado pela CIA, que havia treinado cubanos anticastristas sediados em Miami, o presidente JFK, ordena a invasão da Ilha. O desembarque se deu na Baía dos Porcos (Playa Girón) e o exército cubano rapidamente derrotou os invasores. Depois do episódio Cuba se alinhou a URSS e declarou-se socialista. A Crise do Mísseis: a URSS decide instalar mísseis nucleares em território cubano, os EUA promovem um Bloqueio Naval a Cuba. A questão é resolvida com um acordo entre John Kennedy (EUA) e Nikita Kruschev (URSS), os soviéticos desistem da instalação dos mísseis em troca os EUA se comprometem a respeitar a soberania cubana. 1961 Construção do Muro de Berlim. Prof. José Augusto Fiorin
  • 8. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1962 Cuba é excluída da OEA; Independência da Argélia da França: A guerra pela independência começa em 1954, quando a FLN (Frente de Libertação Nacional), com o apoio do Bloco Socialista, passa a utilizar a guerra de guerrilha e atentados “terroristas”. Apesar da resistência de setores conservadores na França o Presidente Charles de Gaulle, pelo Acordo de Evian reconhece a independência da Argélia, depois da morte de 25 mil soldados franceses e de 1 Prof. José Augusto Fiorin
  • 9. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1964 Guerra do Vietnã: A Indochina se tornou independente da França em 1954 (pelo Acordo de Genebra), sob a liderança do comunista Ho Chi Minh, formando: Laos, Camboja, Vietnã do Norte (República Democrática do Vietnã, capital Hanói – socialista) e Vietnã do Sul (República do Vietnã, capital Saigon – capitalista). O Acordo de Genebra previa eleições para a unificação do Vietnã em 1956, como os sulvietnamitas se negavam a promover a eleição, o Vietnã do Norte invadiu o Sul, onde havia um forte movimento comunista pró-unificação a FLN (Frente de Libertação Nacional), composto pelos vietcongues. Sem uma declaração de guerra os EUA intervém militarmente no Vietnã, onde sofre sua maior humilhação militar. Em 1973 pelo Tratado de Paris, os EUA se retiram do Vietnã, e em 1975 o Norte vence o Sul reunificando o país sob o Prof. socialismo e Saigon passa a se denominar Ho Chi Minh. José Augusto Fiorin
  • 10. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1964 Instalação de Ditaduras Militares pró EUA na América Latina: 1964: Brasil, com a deposição de João Goulart. “Aonde for o Brasil irá também a América Latina.” Hery Kisinger, secretário de Estado dos EUA . 1973: Chile, com a deposição do socialista, eleito diretamente, Salvador Allende, através de um golpe liderado pelo gal Augusto Pinochet. “Quero a economia do Chile pulsando.” Richard Nixon, Presidente dos EUA. 1976: Argentina, Isabelita Perón e deposta pelo gal Videla. O Chile, com o gal Pinochet, foi o primeiro país latino americano a adotar o neoliberalismo. Prof. José Augusto Fiorin
  • 11. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1974 Revolução dos Cravos em Portugal que derruba o Salazarismo (sob o comando de Marcelo Caetano) e promove a independência das colônias portuguesas na África em 1975: Guiné-Bissau, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Angola e Moçambique. 1978 Golpe de Estado no Afeganistão que leva os socialistas, apoiados pela URSS, ao poder. Os EUA apóiam, financiam e armam os Talebans contra os soviéticos (Rambo III). 1979 Revolução Islâmica no Irã, sob comando do aiatolá Khomeini, que derruba o xá Rehza Pahlevi, e torna o país uma República Islâmica Xiita. Os EUA passam a financiar e armar o Iraque de Sadam Hussein, com o objetivo de conter o avanço xiita no Oriente Médio. Margareth Thatcher (A Dama de Ferro) assume na Grã-Bretanha – Neoliberalismo.  A URSS intervém militarmente nos Afeganistão. Prof. José Augusto Fiorin
  • 12. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1980 Início da Guerra Irã X Iraque; Ronald Reagan é eleito presidente dos EUA – Neoliberalismo e Projeto Guerra nas Estrelas. 1982 Guerra das Malvinas; Inglaterra X Argentina. Israel invade o Líbano. 1985 Mikhail Gorbatchev é eleito na URSS: Perestroika – abertura econômica. Glasnost – transparência nas ações governamentais. José Augusto Fiorin Prof.
  • 13. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1989 Queda do Muro de Berlim e em 1990 a reunificação das Alemanhas, sob o comando do chanceler ocidental Helmut Kohl. Fim do socialismo na Polônia, sob a liderança de Lech Walesa que foi eleito presidente, líder do Sindicato Solidariedade, com o apoio do Papa João Paulo II (“o papa neoliberal”). Na Tchecoslováquia, Václav Havel foi eleito presidente provisório e em 1990 confirmado no cargo. Em 1993, depois de um plebiscito, decidiu-se pela divisão em República Tcheca e Eslováquia. Na Romênia o fim do socialismo se deu com um golpe de Estado (violento) que prendeu, julgou, condenou e executou o líder Nicolau Ceausescu e sua esposa no natal de 1989. Prof. José Augusto Fiorin
  • 14. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1990 Invasão do Kuwait pelo Iraque; Guerra da Iugoslávia: O mal Josif Broz Tito, governou o país desde o fim da IIGM, mantendo a sua unidade. Após sua morte e o início do esfacelamento do socialismo o país mergulhou em uma guerra civil entre suas várias etnias e religiões o que provocou sua fragmentação territorial em: Iugoslávia (duas repúblicas: Sérvia e Montenegro, e duas províncias: Vojvodina e Kosovo), Eslovênia, Macedônia e Bósnia-Hezergovina. 1991 Criação do Mercosul (Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai; como países membros, e depois a adesão da Bolívia, Chile e Venezuela; como países associados); Fim do Apartheid na África do Sul, sob liderança de Nelson Mandela e do presidente Frederick de Klerk; Operação Tempestade no Deserto: ataque ao Iraque pelos EUA e Prof. José Augusto Fiorin
  • 15. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1991 Fim da URSS e criação da CEI (Comunidade dos Estados Independentes), com exceção de Estônia, Letônia e Lituânia (as Repúblicas Bálticas). O neoliberal Boris Yeltsin, com apoio dos EUA e Grã-Bretanha, assume a presidência da Rússia. 1992 Acordo de Maastricht: criação da União Européia (UE) em substituição a Comunidade Econômica Européia (CEE). 1993 Criação da OMC (Organização Mundial do Comércio) na Rodada do Uruguai. 1994 A FZLN (Frente Zapatista de Libertação Nacional), sob o comando do subcomandante Marcus, revolta-se em Chiapas (estado do sul do México); Entra em vigor o NAFTA (Acordo de Livre ComércioJosé Augusto Fiorin Prof. da América
  • 16. TRANSFORMAÇÕES MUNDIAIS APÓS A 2ª GUERRA MUNDIAL 1994 Ofensiva russa contra os rebeldes separatistas da Chechênia. 1999 Entrada em vigor do Euro (moeda única européia) com exceção da Grã-Bretanha. 2001 Ataques aos EUA – WTC e Pentágono. 2002 Doutrina Bush: ataques preventivos: Os EUA atacam o Afeganistão, depondo o governo Taleban, e o Iraque, depondo Sadam Hussein, no segundo caso, sem consentimento da ONU e com grande oposição internacional. Mundo Atual. Unimultipolaridade: EUA: superpotência militar hegemônica; Blocos Econômicos: NAFTA (EUA), UE (Alemanha) e APEC (Japão). Prof. José Augusto Fiorin