PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                     2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO ...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                     2012           CONTÁBEIS EM RELAÇÃO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                              2012             CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO S...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                       2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃ...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                      2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                  2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO ...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                               2012          CONTÁBEIS E...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                   2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                      2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                   2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                    2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO A...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                      2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                            2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDTr...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                 2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO S...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                              2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPED...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                 2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO S...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                      2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                             2012           CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPED...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                   2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO...
PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS                                                   2012          CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO...
Resultado da pesquisa Percepção das empresas de serviços contábeis em relação ao SPED
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Resultado da pesquisa Percepção das empresas de serviços contábeis em relação ao SPED

530

Published on

O Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) tem promovido grandes mudanças, as quais não se restringem à substituição do papel por informações digitais ou a questões puramente tecnológicas. O nível de detalhamento e a padronização das informações têm como principal reflexo a exposição das empresas à fiscalização. Qualidade das informações passa a ser questão básica de qualquer projeto do SPED.

Os impactos do SPED já foram objeto, inclusive, de pesquisas anteriores realizadas pela FISCOSoft, que para aprofundar suas investigações sobre o tema realiza agora esta nova pesquisa, em conjunto com as empresas Prosoft e SYSTAX, com o objetivo específico de identificar as mudanças ocorridas na rotina das empresas contábeis e conhecer as percepções desse setor em relação ao SPED.

Os resultados dessa pesquisa mostram a nova rotina das empresas contábeis em face do SPED. Questões relevantes como troca do software, honorários contábeis e qualidade das informações também são identificadas nesta pesquisa, cujo objetivo, como as anteriores, é aprofundar as investigações sobre os reflexos do SPED.

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
530
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
22
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Resultado da pesquisa Percepção das empresas de serviços contábeis em relação ao SPED"

  1. 1. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDApresentaçãoO Sistema Público de Escrituração Digital (SPED) tem promovido grandes mudanças, as quais não serestringem à substituição do papel por informações digitais ou a questões puramente tecnológicas. O nívelde detalhamento e a padronização das informações têm como principal reflexo a exposição das empresasà fiscalização. Qualidade das informações passa a ser questão básica de qualquer projeto do SPED.Os impactos do SPED já foram objeto, inclusive, de pesquisas anteriores realizadas pela FISCOSoft, quepara aprofundar suas investigações sobre o tema realiza agora essa nova pesquisa, em conjunto com asempresas Prosoft e Systax, com o objetivo específico de identificar as mudanças ocorridas na rotina dasempresas contábeis e conhecer as percepções desse setor em relação ao SPED.Os resultados dessa pesquisa mostram a nova rotina das empresas contábeis em face do SPED.Questões relevantes como troca do software, honorários contábeis e qualidade das informações tambémsão identificadas nesta pesquisa, cujo objetivo, como as anteriores, é aprofundar as investigações sobreos reflexos do SPED.Paschoal Naddeo de Souza FilhoTax & Accounting Information Business Director Thomson Reuters – FISCOSoftFabio Rodrigues de OliveiraDiretor SystaxCarlos MeniPresidente Prosoft Página 2
  2. 2. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDClientes atendidos para cada segmentoA primeira questão da pesquisa teve por objetivo identificar o perfil dos clientes atendidos pelas empresascontábeis. Para tanto, foi questionado o percentual de clientes atendidos entre os segmentos de comércio,indústria e serviços. Clientes atendidos para cada segmento 38% 46% 15% comércio indústria serviçosOs resultados evidenciam que a maior parte dos clientes atendidos pelas empresas contábeis é da áreacomercial, seguido pelas empresas de serviços. As indústrias representam a menor quantidade de clientesatendidos pelas empresas contábeis, representando apenas 15% deste universo. Página 3
  3. 3. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDNúmero de empresas atendidasOutro item questionado foi o número de clientes atendidos por cada empresa contábil, conforme gráficoabaixo: Número de empresas atendidas 19% 35% 25% 21% de 1 a 10 de 11 a 50 de 51 a 100 acima de 100Esse gráfico revela que 35% das empresas contábeis atendem acima de 100 clientes, um númeroexpressivo. Apenas 19% das empresas contábeis responderam que atendem de 1 a 10 clientes. Página 4
  4. 4. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDObrigatoriedade ao SPEDE para identificar o impacto do SPED nas empresas contábeis, questionou-se, em relação a cada módulodo SPED, o percentual de empresas obrigadas: Percentual de obrigatoriedade das empresas atendidas em relação aos seguintes módulos do SPED: 100% 90% 53 96 80% 35 144 158 70% 50 60% 259 73 50% 75 64 40% 45 60 30% 39 27 46 20% 25 101 20 29 10% 13 54 10 38 44 0% 12 NFe CT-e SPED Fiscal EFD Contribuições ECD 81% a 100% 61% a 80% 41% a 60% 21% a 40% 0 a 20%Esse gráfico revela que a Nota Fiscal Eletrônica – NF-e possui maior obrigatoriedade. Mais de 80% dasempresas contábeis pesquisadas disseram que esse módulo do SPED é o que os clientes atendidos estãomais sujeitos. A EFD Contribuições vem logo em seguida, apesar da maior parte dos clientes atendidospelas empresas contábeis ainda não estarem sujeitos a esse módulo.O CT-e, por sua vez, é o que possui o menor público. Menos de 20% dos que responderam disseram terclientes atendidos sujeitos a essa obrigação. Página 5
  5. 5. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDEntrega dos arquivosOutro questionamento feito refere-se à entrega dos arquivos do SPED. A pesquisa evidenciou: Entrega dos arquivos 2% 9% Foram entregues no prazo, sem erros 7% 32% Foram entregues no prazo, com erros Não foi possível a entrega no prazo A entrega dos arquivos não ficou sob responsabilidade da empresa contábil 50% Não havia arquivos obrigatórios a serem entreguesEsses números também surpreendem. Conforme respostas das empresas contábeis, 50% dos arquivosforam entregues no prazo, mas com erros, ou seja, terão que ser retificados. Outro número preocupante éque 7% dos arquivos não foram entregues no prazo e já estariam, dessa forma, sujeitos a penalidadespelo descumprimento dessas obrigações. No caso da EFD-Contribuições, por exemplo, a multa pela nãoentrega é de R$ 5.000,00 por mês.Essa pesquisa também evidenciou que apenas 2% das empresas optaram por não terceirizar àsempresas de contabilidade a responsabilidade pela entrega do SPED, ou seja, a regra é a empresa decontabilidade também cumprir com a entrega desse arquivo. Página 6
  6. 6. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDInvestimentosO SPED tem promovido inúmeras mudanças na forma de prestar informações à administração tributária.Muitas informações que eram entregues de forma resumida passaram a ser entregues de formadetalhada. Isso exigiu, em muitos casos, mudança de sistemas, treinamento e novos profissionais. Tendoem vista essa premissa, uma das questões da pesquisa teve por objetivo identificar quais foram osprincipais investimentos feitos pelas empresas contábeis. Investimentos 83,8% 67,5% 58,9% 41,1% 4,8% Profissionais Treinamentos Consultoria externa Sistemas NenhumComo se verifica, a maior parte dos investimentos foi em treinamentos da equipe, seguida dosinvestimentos em sistemas. Os investimentos nos profissionais envolvidos também foram significativos.Apenas 4,8% das empresas contábeis declararam que não precisaram fazer nenhum tipo de investimento. Página 7
  7. 7. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDQualidade das informaçõesEm face da maior exposição que terão as empresas, uma das principais preocupações é a qualidade dasinformações entregues. Não basta ter um arquivo validado. O sucesso desses projetos depende dasinformações prestadas. Justamente por isso, também foi questionado sobre os investimentos feitos pelasempresas contábeis em relação à melhoria da qualidade das informações: Aumento na qualidade das informações por meio de: 62,1% 44,3% 25,5% 23,2% 3,2% Treinamento Consultoria externa Soluções específicas Nenhum, mas vê Nenhum, pois não vê para validação e necessidade necessidade auditoriaA maior parte dos investimentos, como se verifica, também é com treinamentos. Soluções específicaspara validação e auditoria dos arquivos vêm logo em seguida, evidenciando que as empresas contábeis jáestão em busca de novas soluções para auxiliá-las nesse processo. Apenas 3,2% das empresas nãofizeram investimentos, por entenderem que o SPED não exige um maior controle. Página 8
  8. 8. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDHonorários contábeisComo ficou evidente nas questões anteriores, o SPED exigiu investimentos por parte das empresascontábeis. Seria natural, portanto, readequações nos honorários cobrados dos clientes. Nesse sentido, apresente pesquisa constatou: Reajustes de honorários contábeis 2% 18% Foram feitos 40% Foram propostos Nenhum. Impactaria os clientes negativamente 40% Não houve impacto no tempoComo se verifica, apenas 18% das empresas contábeis readequaram seus preços. Outras 40%, apesar denão terem reajustado seus valores, já os propuseram aos seus clientes. Também foi constatado queoutros 40% das empresas contábeis também não fizeram reajustes, mas porque isso teria um impactonegativo nos clientes. Apenas 2% dos clientes responderam que o SPED não teve impacto nos custossuportados pelas empresas contábeis. Página 9
  9. 9. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDTroca de informaçõesUm dos reflexos do SPED é a padronização de informações, que, além de facilitar o trabalho dafiscalização, também poderia permitir a troca de informações pelas empresas e seus contadores. Sabendodisso, foi questionado se o SPED realmente trouxe reflexos em relação à troca de informações entre aempresa contábil e seus clientes, o que poderia, inclusive, diminuir os custos decorrentes do SPED. Reflexos em relação à troca de informações entre a empresa contábil e seus clientes 21% 79% Sim NãoComo se verifica, 79% das empresas já estão se beneficiando da padronização das informações, o que,consequentemente, reduzirá o esforço das empresas contábeis com tarefas de digitação, quenormalmente consomem boa parte dos recursos humanos. Página 10
  10. 10. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDEmpresas que fornecem dados em arquivosE seguindo a premissa que a padronização das informações traz melhorias aos processos, também foiquestionado sobre o número de empresas que já entregam às empresas contábeis informações emarquivos, ou seja, que já substituíram o papel na troca de informações com seus clientes. Empresas que fornecem dados em arquivos 14% 12% 41% 17% 16% 0% a 20% 21% a 40% 41% a 60% 61% a 80% 81% a 100%A pesquisa evidenciou que a maior parte das empresas ainda não disponibiliza suas informações por meiode arquivos. Apenas 14% das empresas contábeis indicaram que mais de 80% dos seus clientes já seutilizam de arquivos digitais para a troca de informações. Página 11
  11. 11. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDCorreção de informaçõesAs informações a serem prestadas ao SPED precisam ser geradas nas próprias empresas, tendo em vistaque devem ser entregues de forma analítica. O nível de detalhamento das informações torna inviável adigitação desses dados. Sabendo disso, foi questionado às empresas de contabilidade se os dadosrecebidos dos clientes precisaram ser corrigidos. Necessidade de correção dos dados recebidos dos clientes 12% 88% Sim NãoComo se verifica, 88% das empresas responderam que precisaram corrigir as informações recebidaspelos clientes. Ainda que o SPED possibilite uma maior interação de dados entre as empresas contábeis eseus clientes, fica evidente que os contadores ainda têm muito trabalho a partir dos arquivos recebidos.Apenas 12% dos arquivos não demandaram correções por parte das empresas contábeis. Página 12
  12. 12. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDInformações necessárias à geração do SPEDE seguindo a lógica que as informações devem ser fornecidas pelas próprias empresas, foi questionado àsempresas contábeis se os clientes já possuíam todas as informações necessárias à geração do SPED nosistema. Os clientes possuíam todas as informações necessárias à geração do SPED no sistema 17% 83% Sim Não. Foi necessário obter informações adicionaisNovamente foi constatado um número preocupante. 83% das empresas contábeis declararam que foramnecessárias informações adicionais para cumprir com essas obrigações, um número que guarda sinergiacom a quantidade de informações que precisaram ser corrigidas, revelada na questão anterior. Página 13
  13. 13. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDTroca de softwareO SPED promove diversas mudanças, seja na rotina das empresas contábeis, como em seus clientes.Tendo em vista a importância da questão tecnológica nesse processo, foi indagado se houve anecessidade de troca do software utilizado pela empresa contábil. Necessidade de troca do software utilizado pelo escritório de contabilidade 23% 77% Sim NãoApenas 23% das empresas contábeis responderam que sim. Dessa forma, a princípio, as soluçõesatualmente usadas pelas empresas contábeis já se encontram preparadas para o SPED. Página 14
  14. 14. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDRedução de custosO SPED tem diversas premissas e objetivos. A eliminação de redundâncias de informações prestadasestá entre essas premissas, o que, consequentemente, deveria ter reflexos nos custos para cumprimentodas obrigações acessórias. Redução de custos trazida pelo SPED para cumprimento das obrigações acessórias 8% 92% Sim NãoEssa pesquisa constatou, no entanto, que apenas 8% das empresas contábeis perceberam reduçãonesses custos. A grande maioria das empresas, 92%, não constatou essa prometida redução de custos. Página 15
  15. 15. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDBenefícios gerenciaisA padronização das informações também deveria trazer benefícios quanto a processos gerencias e decontrole, reduzindo erros e melhorando a qualidade das informações. O gráfico a seguir demonstra apercepção das empresas contábeis em relação a essa questão. O SPED trouxe ou trará benefícios quanto a melhorias gerenciais e de controles, redução de erros, qualidade das informações, etc. 20% 80% Sim NãoComo se verifica, 80% das empresas ainda não notaram essas melhorias, que deveriam ser um dosprincipais reflexos do SPED. Página 16
  16. 16. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDFiscalizaçãoApesar dos diversos objetivos intentados com o SPED, sem dúvida seu principal objetivo é ampliar asferramentas de fiscalização. Consequentemente, o SPED deveria ampliar o número de autuações sofridaspelas empresas. Nesse sentido, foi questionado às empresas contábeis se já foram percebidosprocedimentos de fiscalização baseados no SPED. Você já percebeu algum procedimento de fiscalização estadual ou federal, em relação aos seus clientes, baseado no SPED? 17% 83% Sim NãoApenas 17% dos entrevistados responderam que já perceberam a atuação do fisco nesse sentido,demonstrando que a fiscalização não está, ainda, usando todo o potencial que as informações recebidaslhe permitem. Página 17
  17. 17. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDOrientação e preparo das informaçõesDiante de todo o exposto, é possível concluir que o SPED trouxe diversos reflexos para as empresascontábeis. E para identificar o impacto dessas mudanças, questionou-se como elas encaram o nível dedificuldade imposto pelo SPED. Como você avalia o processo de orientação e preparo das informações para o SPED? 4% 27% 21% 48% Baixa complexidade Média complexidade Alta complexidade Altíssima complexidadeFoi constatado que 48% das empresas avaliam o SPED como sendo de alta complexidade. 27% dasempresas o encaram como de altíssima complexidade. Apenas 4% das empresas encaram o SPED comosendo de baixa complexidade, o que evidencia que o SPED precisa ser um ponto de grande preocupaçãopor parte das empresas contábeis. Página 18
  18. 18. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDComplexidadeDiante da constatação dessa complexidade, foi questionado qual módulo do SPED apresentou maiordificuldade. Qual módulo do SPED apresentou maior dificuldade? 3% 0% 5% 28% 64% NFe CT-e SPED Fiscal EFD Contribuições ECDA grande maioria, 64% das empresas entrevistadas, declarou que a EFD-Contribuições é o módulo doSPED que apresenta a maior dificuldade. Em seguida, mas com apenas 28% das empresas entrevistadas,vem o SPED Fiscal. O CT-e, por sua vez, não foi identificado por nenhuma das empresas como aqueleque representa mais dificuldade. Página 19
  19. 19. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDImpactos do SPED para o paísQue os impactos para as empresas contábeis são sensíveis, as questões anteriores não deixam margemde dúvida. E para o país, as empresas contábeis reconhecem que o SPED tem sido positivo, ou seja, emque pese todo o esforço exigido das empresas contábeis, o SPED, pelo menos, é positivo para o país? Impacto do SPED para o país 18% 82% Positivo NegativoDe acordo com 82% das empresas, o SPED é positivo para o país, ou seja, a grande maioria dasempresas contábeis está alinhada ao governo no sentido de que o SPED é realmente importante, nãoobstante todos os impactos sofridos pelas empresas contábeis. Página 20
  20. 20. PERCEPÇÃO DAS EMPRESAS DE SERVIÇOS 2012 CONTÁBEIS EM RELAÇÃO AO SPEDConclusãoMuito se fala do impacto do SPED na relação fisco e contribuinte. Esse impacto não se restringe, noentanto, a essa relação. O SPED também promoveu um grande impacto na relação empresa contábil ecliente, como evidenciou essa pesquisa.Como foi verificado, o SPED exigiu investimento por parte das empresas, atrelados a novaspreocupações, ante a maior exposição que tiveram os contribuintes. Esses investimentos, todavia, nemsempre foram acompanhados de reajustes dos honorários contábeis, como também evidenciou essapesquisa, demonstrando que o SPED teve um impacto no custo das empresas contábeis, semcontrapartida em receitas, ou seja, reduziu o lucro desse setor.Não obstante, as empresas contábeis reconhecem a importância do SPED, tanto na troca de informaçõescom seus clientes, quanto para o próprio país, algo semelhante ao que foi evidenciado em pesquisaanterior, focada em empresas obrigadas ao SPED.Isso demonstra a grande aceitação do SPED, não apenas pela administração tributária, mas comotambém pelos contribuintes e pela classe contábil, os mais impactados com estas mudanças. Página 21

×