Your SlideShare is downloading. ×
0
Pesquisa sobre empreendedorismo      contábil no mundo pós-SPED        agosto de 2012                                     ...
Objetivo       Esta pesquisa tem como objetivo subsidiar empreendedores, entidades e autoridades com informações estratégi...
Resumo dos                                                            resultados                                     Edgar...
Resumo               Perfil dos profissionais                  •      68,7% das respostas foram registradas por profission...
Resumo              Capacitação profissional                •       41,9% afirmaram nunca ter participado de cursos quando...
Resumo              Investimentos planejados                •       Quase metade das empresas          disse não ter inter...
Resumo              Percepção sobre o futuro                •       Apenas um terço (35,4%) concorda totalmente que haverá...
Apresentação dos                                         resultados                                     Edgar Madruga, Eds...
Perfil dos profissionais               68,7% das respostas foram registradas por profissionais da contabilidade, sendo    ...
Formação Acadêmica                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adr...
Conclusão da formação                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José ...
Atividade principal                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Ad...
Perfil das empresas          71% das respostas foram registradas por profissionais que trabalham          em empresas com ...
Perfil das empresas           Uma em cada três empresas (32,9%) declarou ter aumentado em mais de 30% o tamanho de        ...
Maturidade das empresas                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jos...
Atividades empresariais                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jos...
Quantidade de clientes                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José...
Crescimento da base de clientes                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Cam...
Faturamento das empresas                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jo...
Crescimento das receitas                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jo...
Composição da base de clientes                                                                                            ...
Quantidade de funcionários                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, ...
Capacitação profissional     Sobre a participação em cursos e outras formas de capacitação,     13,7% dos profissionais nu...
Capacitação do profissional                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos,...
Capacitação do profissional                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos,...
Capacitação da empresa                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José...
Capacitação da empresa                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José...
Efetividade dos meios de capacitação                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorg...
Efetividade da capacitação                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, ...
Investimentos realizados          Sobre os investimentos já realizados no processo de adequação, a maior parte das empresa...
Investimentos realizados                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jo...
Investimentos realizados                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jo...
Investimentos realizados                     Percentual sobre as respostas de empresas com faturamento anual acima de R$10...
Investimentos planejados       Sobre os investimentos planejados para o processo de adequação, quase metade das empresas d...
Investimentos planejados                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jo...
Investimentos planejados                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, Jo...
Principais dificuldades       Aproximadamente sete em cada dez profissionais (66,9%) avaliaram a EFD-Contribuições como di...
Qual é a sua percepção geral sobre a adequação a                                   cada projeto ?                         ...
Quais as principais dificuldades com relação aos                                        projetos?                         ...
Impactos empresariais       Os impactos do SPED são positivos para as empresas de Lucro Real para a maioria dos       part...
Impactos empresariais                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José ...
Consequência do SPED para o futuro                                                             A maioria dos participantes...
Qual a sua opinião sobre as afirmações abaixo com relação                           ao SPED? Nos próximos 5 anos...       ...
Apoio das entidades        Excluindo as respostas dos que não souberam avaliar, as entidades que ajudam um pouco ou muito ...
Apoio às empresas                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adri...
Apoio às empresas                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adri...
Administrações tributárias                                                                                 Oito em cada de...
Atuação da Receita Federal                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, ...
Atuação da autoridade estadual                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Camp...
Palestrantes mais requisitados                                                                      Questionados sobre qua...
Quais palestrantes você gostaria de ver em um                                 evento na sua cidade?               37,5%   ...
Quais palestrantes você gostaria de ver em um                                 evento na sua cidade?                       ...
Quais palestrantes você gostaria de ver em um                                 evento na sua cidade?                    38,...
Outras informações                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adr...
Atuação profissional                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José A...
Acompanhamento do projeto                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, J...
Transmissão do conhecimento                                                                                               ...
Participação da equipe de TI                                     Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos...
Equipe de trabalho             Edgar Madruga - Administrador de Empresas e Auditor. Autor do Blog do Madruga (www.edgarmad...
“A felicidade não se resume na                        ausência de problemas, mas sim na                         sua capaci...
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Relatório da Pesquisa "Empreendedorismo contábil no mundo pós-SPED"

666

Published on

Esta pesquisa tem como objetivo subsidiar empreendedores, entidades e autoridades com informações estratégicas sobre o perfil do empreendedor contábil brasileiro e como ele se relaciona com o SPED - Sistema Público de Escrituração Digital.

Published in: Business
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
666
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
8
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Transcript of "Relatório da Pesquisa "Empreendedorismo contábil no mundo pós-SPED""

  1. 1. Pesquisa sobre empreendedorismo contábil no mundo pós-SPED agosto de 2012 Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  2. 2. Objetivo Esta pesquisa tem como objetivo subsidiar empreendedores, entidades e autoridades com informações estratégicas sobre o perfil do empreendedor contábil brasileiro e como ele se relaciona com o SPED - Sistema Público de Escrituração Digital. Metodologia Pesquisa survey coordenada por Roberto Dias Duarte, apoiado por Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Tânia Gurgel e Tiago Coelho quanto à sua elaboração e tabulação e análise e divulgação. O sigilo das informações e a ética do estudo são princípios básicos relacionados diretamente à credibilidade e lisura dos pesquisadores. Não houve participação de nenhuma empresa privada, nem entidade pública na elaboração do questionário e análise de resultados. Diversas entidades apoiaram a divulgação do formulário de coleta de dados, dentre as quais Conselhos Regionais de Contabilidade com destaque para CRC/MG e CRC/PR. SESCONs e SESCAPs ajudaram nesta atividade. Além disso, o convite para participação da pesquisa foi publicado por muitos veículos impressos e eletrônicos. A pesquisa teve alcance de público em todos os estados brasileiro, exceto em Roraima, onde nenhuma resposta foi captada. Foram coletadas 795 respostas. O erro amostral é de 4%, para um nível de confiança de 95%. 39,9% dos participantes moram nas capitais de seus estados, 17,7% em uma das três principais cidades do interior. O período de coleta de dados foi de 19.7.2012 a 15.8.2012. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  3. 3. Resumo dos resultados Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  4. 4. Resumo Perfil dos profissionais • 68,7% das respostas foram registradas por profissionais da contabilidade. 59,6% ocupam cargos de liderança, sendo 29,2% empresários. • 71% das respostas foram registradas por profissionais que trabalham em empresas com mais de 10 anos de existência. Perfil das empresas • 27,7% das empresas informaram ter faturamento anual acima de R$10 milhões e 42,6% até um milhão. • Cerca de metade das empresas (52,4%) tem até 100 clientes. • A atividade preponderante das empresas é a escrituração fiscal com 71,6% das respostas. • Uma em cada três empresas (32,9%) declarou ter aumentado em mais de 30% o tamanho de sua base de clientes desde 2007. • Mais de um terço delas (37,5%) apresentaram um crescimento nas receitas acima de 30% desde 2007. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  5. 5. Resumo Capacitação profissional • 41,9% afirmaram nunca ter participado de cursos quando o assunto é IFRS e 34,9% para impactos empresariais do SPED. • Apenas 22,7% cursaram mais de 40 horas de treinamentos operacionais sobre NF-e, 21,5% EFD-ICMS/IPI, 12,3% SPED Contábil e 16,6% EFD-Contribuições. Investimentos realizados • A maior parte das empresas não investiu em marketing ou eventos para clientes (61,3%), adequação à IFRS (60%) e consultoria organizacional (58,6%). • Investimentos acima de cinco mil reais foram realizados por menos da metade das empresas em infraestrutura tecnológica (44%) e sistemas de informação (43,4%). Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  6. 6. Resumo Investimentos planejados • Quase metade das empresas disse não ter interesse em investir em consultoria organizacional (45,9%), marketing ou eventos para clientes (45,1%) e adequação à IFRS (41,4%). • Investimentos planejados acima de cinco mil reais serão realizados por cerca de um terço das empresas em infraestrutura tecnológica (33%), sistemas de informação (32,5%) e capacitação de funcionários (30,3%). Dificuldades na adequação • Aproximadamente sete em cada dez profissionais (66,9%) avaliaram a EFD-Contribuições como difícil ou muito difícil. • A principal dificuldade citada por 45,9% dos profissionais diz respeito à legislação. • Os impactos do SPED são positivos para as empresas de Lucro Real, conforme resposta da maioria dos participantes da pesquisa (63%). Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  7. 7. Resumo Percepção sobre o futuro • Apenas um terço (35,4%) concorda totalmente que haverá redução da sonegação. • 29% concorda totalmente que haverá aumento no valor dos honorários contábeis. • 15,5% que haverá redução das obrigações acessórias. Apoio das entidades • Entidades que ajudam “um pouco” ou “muito” as empresas quanto à adequação ao SPED, na opinião da maioria dos profissionais foram: a FENACON (80,1%), SESCON/SESCAP (78,9%), Conselhos Regionais de Contabilidade (73,0%), o Conselho Federal de Contabilidade (69,0%), SEBRAE (63,8%) Fecomércio (59,3%), Federação das Indústrias (54,8%) e Associação Comercial (51,4%). • A maior parte das respostas indica que “não ajudam nada”: Conselhos Regionais de Administração (69,2%), OAB (67,9%), CDL (58,4%), FENAINFO (53,9%) e Assespro (50,8%). Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  8. 8. Apresentação dos resultados Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  9. 9. Perfil dos profissionais 68,7% das respostas foram registradas por profissionais da contabilidade, sendo 14,9% técnicos em contabilidade, 52,8% contadores (8,5% são técnicos e contadores). Desses profissionais, 8,5% são técnicos em contabilidade com graduação em ciências contábeis. Além disto, 11,6% dos contadores têm uma segunda graduação e 28,3% realizaram algum curso de pós-graduação. No geral, 61,1% dos profissionais concluíram sua última formação depois de 2005 ou ainda estão com o curso em andamento. 25,6% tiveram a conclusão de sua última formação há mais de 12 anos. 59,6% ocupam cargos de liderança, sendo 29,2% empresários. Dos empresários, 58,8% são graduados em ciências contábeis e 29,2% têm, pelo menos, pós- graduação latu sensu. 36,6% tiveram a conclusão de sua última formação há mais de 12 anos. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  10. 10. Formação Acadêmica Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  11. 11. Conclusão da formação Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  12. 12. Atividade principal Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  13. 13. Perfil das empresas 71% das respostas foram registradas por profissionais que trabalham em empresas com mais de 10 anos de existência. 10,2% participam de novos empreendimentos com menos de 3 anos de existência ou ainda em caráter informal. A atividade preponderante das empresas é a escrituração fiscal com 71,6% das respostas, seguida pela escrituração contábil (65,3%), folha de pagamentos (54,5%), planejamento tributário (39,5%) e análise/auditoria de informações fiscais (38,2%). 22,5% das empresas informaram que atuam no desenvolvimento de sistemas. Deste grupo, 49% também atua em consultoria de sistemas, além de escrituração fiscal (28,2%), análise/auditoria de informações fiscais (24,8%) e escrituração contábil (19,5%). Cerca de metade das empresas (52,4%) afirmou ter até 100 clientes e 35,4% de 21 a 100 clientes. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  14. 14. Perfil das empresas Uma em cada três empresas (32,9%) declarou ter aumentado em mais de 30% o tamanho de sua base de clientes desde 2007. 27,7% das empresas informaram ter faturamento anual acima de R$10 milhões e 42,6% até um milhão. Mais de um terço delas (37,5%) apresentaram um crescimento nas receitas acima de 30% desde 2007. Este número sobe para 52,3% para as empresas com faturamento acima de R$10 milhões/ano. Quanto ao perfil dos clientes das empresas participantes, 29,2% são contribuintes com regime de tributação baseado no Lucro Real e 50,5% são optantes pelo Simples Nacional. Quase dois terços (58,1%) dos participantes informaram que trabalham em empresas com até 20 funcionários. Em outra ponta, um terço das empresas com mais de R$10milhões de reais de faturamento anual têm mais de 500 funcionários e 60,5% delas têm mais de 100 funcionários. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  15. 15. Maturidade das empresas Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  16. 16. Atividades empresariais Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  17. 17. Quantidade de clientes Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  18. 18. Crescimento da base de clientes Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  19. 19. Faturamento das empresas Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  20. 20. Crescimento das receitas Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  21. 21. Composição da base de clientes 0 37% 30% 29% 0 0 0 3% Empreendedor individual Simples Nacional Lucro Presumido 1% 0 Lucro Real Lucro Arbitrado Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  22. 22. Quantidade de funcionários Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  23. 23. Capacitação profissional Sobre a participação em cursos e outras formas de capacitação, 13,7% dos profissionais nunca realizaram treinamentos operacionais sobre NF-e, 13,8% EFD-ICMS/IPI, 22,9% SPED Contábil, 17,5% e EFD- Contribuições. Apenas 22,7% cursaram mais de 40 horas sobre NF-e, 21,5% EFD- ICMS/IPI, 12,3% SPED Contábil e 16,6% EFD-Contribuições. Por outro lado, 41,9% afirmaram nunca ter participado quando o assunto é IFRS e 34,9% para impactos empresariais do SPED. Sobre a efetividade dos meios de capacitação e informação, cerca de um em cada cinco profissionais (19%) responderam que “não vivem sem” o recebimento de notícias por e-mail. Três em cada quatro (75,8%) aplicam muito ou “não vivem sem” cursos. 61% informaram que aplicam muito ou “não vivem sem” redes sociais, blogs e comunidades digitais. Menos da metade (41,7%) aplica muito ou “não vive sem” os jornais e revistas impressos. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  24. 24. Capacitação do profissional Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  25. 25. Capacitação do profissional Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  26. 26. Capacitação da empresa Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  27. 27. Capacitação da empresa Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  28. 28. Efetividade dos meios de capacitação Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  29. 29. Efetividade da capacitação Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  30. 30. Investimentos realizados Sobre os investimentos já realizados no processo de adequação, a maior parte das empresas não investiu em marketing ou eventos para clientes (61,3%), adequação à IFRS (60%) e consultoria organizacional (58,6%). Investimentos acima de cinco mil reais foram realizados por menos da metade das empresas em infraestrutura tecnológica (44%) e sistemas de informação (43,4%). Cerca de um terço investiu acima deste valor em consultoria em tecnologia (29,1%), capacitação (27,6%), consultoria sobre SPED (22,7%) e consultoria tributária/ contábil (22,7%). Menos de um quinto investiu mais de cinco mil reais em consultoria organizacional (18,5%), marketing e eventos para clientes (17,1%) e adequação à IFRS (15,8%). Os números para empresas com faturamento acima de R$10 milhões/ano apresentam ligeiras variações, destancando um aumento de investimento em tecnologia e capacitação. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  31. 31. Investimentos realizados Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  32. 32. Investimentos realizados Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  33. 33. Investimentos realizados Percentual sobre as respostas de empresas com faturamento anual acima de R$10milhões Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  34. 34. Investimentos planejados Sobre os investimentos planejados para o processo de adequação, quase metade das empresas disse não ter interesse em investir em consultoria organizacional (45,9%), marketing ou eventos para clientes (45,1%) e adequação à IFRS (41,4%). Investimentos planejados acima de cinco mil reais serão realizados por cerca de um terço das empresas em infraestrutura tecnológica (33%), sistemas de informação (32,5%) e capacitação de funcionários (30,3%). Uma em cada quatro planeja investir acima deste valor em consultoria tributária/contábil (26,2%), consultoria sobre SPED (26,1%) e consultoria em tecnologia (24,2%). Menos de um quinto investirá mais de cinco mil reais em marketing e eventos para clientes (21,5%), adequação à IFRS (20,9%) e consultoria organizacional (20,8%). Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  35. 35. Investimentos planejados Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  36. 36. Investimentos planejados Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  37. 37. Principais dificuldades Aproximadamente sete em cada dez profissionais (66,9%) avaliaram a EFD-Contribuições como difícil ou muito difícil. Na sequência vem: EFD-Social (63,8%), IFRS (63,1%), EFD-ICMS/IPI (57,2%), Fcont (47,5), SPED Contábil (36,6%), CT-e (25,3%) e NF-e (21,6%). Destaque para a NF-e, onde cerca de um terço (29,4%) das respostas a apontam como fácil. Considerando a média de todos os projetos, a principal dificuldade citada por 45,9% dos profissionais diz respeito à legislação. Em seguida foram: informações técnicas (44,1%), dados dos clientes (37,3%), capacitação (36,6%), sistemas (33,7%), prazo (28,2%) e custos (17,1%). Sobre legislação, mais da metade dos profissionais considerou IFRS como difícil (56,5% das respostas), além da EFD-Contribuições (50,9%) e EFD-Social (50,4%). Mais de um terço afirmou que a legislação também é uma dificuldade para EFD-ICMS/IPI (46,1%), Fcont (45,2%), SPED Contábil (43,4%), CT-e (38,9%) e NF-e (35,4%). Esta dificuldade foi considerada a principal para em 5 dos 8 assuntos: IFRS, EFD-Contribuições, EFD-Social, Fcont e CT-e. Os “dados dos clientes” (informações enviadas pelos clientes para fins de escrituração) foram apontados como o principal problema para EFD-ICMS/IPI (47,6%) e NF-e (39,7%). Para o SPED Contábil foram as informações técnicas (44,3%). Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  38. 38. Qual é a sua percepção geral sobre a adequação a cada projeto ? Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  39. 39. Quais as principais dificuldades com relação aos projetos? Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  40. 40. Impactos empresariais Os impactos do SPED são positivos para as empresas de Lucro Real para a maioria dos participantes da pesquisa (63%). Também foram considerados positivos por metade dos profissionais (50,5%) para as empresas do Lucro Presumido. 70,1% das respostas apontaram que os Empreendedores individuais não participam do SPED. De fato, eles ainda não entraram formalmente em nenhuma obrigatoriedade. Mas já foi anunciado pela Receita Federal do Brasil (RFB) que este grupo fará parte da EFD-Social. 42,4% dos profissionais informaram que os optantes pelo Simples Nacional não participam do SPED. Entretanto, a obrigatoriedade de emissão de NF-e e CT-e, alcance este tipo de empresa. Além do mais, já foi divulgado pela RFB que eles participarão da EFD-Social. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  41. 41. Impactos empresariais Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  42. 42. Consequência do SPED para o futuro A maioria dos participantes discorda totalmente que o SPED reduzirá a carga tributária (71,7%), reduzirá a complexidade tributária (64,3%), reduzirá os custos operacionais das empresas (58,4%) ou mesmo reduzirá os custos operacionais dos escritórios contábeis (55,6%). Cerca de metade deles concorda totalmente que o SPED aumentará o valor das consultorias em sistemas (53,1%), das licenças de software (49,3%) e das consultorias tributárias (46,4%). Apenas um terço (35,4%) concorda totalmente que haverá redução da sonegação. Além disto, 29% concorda totalmente que haverá aumento no valor dos honorários contábeis, 15,5% que haverá redução das obrigações acessórias. Sobre o retorno dos investimentos realizados, 21,6% concordam totalmente que será positivo porque haverá mais informações gerenciais, 13,4% porque haverá redução de riscos tributários e 10,3% haverá redução de custos operacionais. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  43. 43. Qual a sua opinião sobre as afirmações abaixo com relação ao SPED? Nos próximos 5 anos... Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  44. 44. Apoio das entidades Excluindo as respostas dos que não souberam avaliar, as entidades que ajudam um pouco ou muito as empresas quanto à adequação ao SPED, conforme a opinião da maioria dos profissionais foram: a FENACON (80,1%), SESCON/SESCAP (78,9%), Conselhos Regionais de Contabilidade (73,0%), o Conselho Federal de Contabilidade (69,0%), SEBRAE (63,8%) Fecomércio (59,3%), Federação das Indústrias (54,8%) e Associação Comercial (51,4%). Este mesmo conjunto avaliou, em sua maior parte, que não ajudam nada: Conselhos Regionais de Administração (69,2%), OAB (67,9%), CDL (58,4%), FENAINFO (53,9%) e Assespro (50,8%). Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  45. 45. Apoio às empresas Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  46. 46. Apoio às empresas Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  47. 47. Administrações tributárias Oito em cada dez (80,2%) profissionais têm a percepção que a Receita Federal do Brasil (RFB) prejudica ou prejudica muito quanto ao quesito “quantidade de mudanças legais”. 74,8% também acreditam que a RFB prejudica ou prejudica muito quanto aos prazos para implantação. Um quarto (24,5%) percebe que a RFB ajuda ou ajuda muito na divulgação do conhecimento; e um terço (32,4%) afirma o mesmo para as respostas às consultas. 73,8% têm a percepção que as administrações tributárias estaduais prejudicam ou prejudicam muito quanto ao quesito “quantidade de mudanças legais”. 68,1% também acreditam elas prejudicam ou prejudicam muito quanto aos prazos para implantação. 22,3% percebem que os fiscos locais ajudam ou ajudam muito na divulgação do conhecimento; e um terço (31,5%) afirma o mesmo para as respostas às consultas. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  48. 48. Atuação da Receita Federal Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  49. 49. Atuação da autoridade estadual Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  50. 50. Palestrantes mais requisitados Questionados sobre quais palestrantes os profissionais gostariam de ver em suas cidades, os participantes da pesquisa puderam responder até 3 nomes. As respostas foram livres, de forma que cada um pode escrever espontaneamente os nomes dos palestrantes. 37,5% das respostas válidas gostariam de ver Roberto Dias Duarte, seguido por Jorge Campos (16%) e José Adriano Pinto (9,6%). Foram citados ainda, em um empate técnico, considerando o erro amostral de 4%, Edgar Madruga, Tânia Gurgel, Fernando Sampaio e José Carlos Marion. 25% das respostas apontaram outros palestrantes que tiveram de 1 a 5 indicações apenas. Quando consideradas apenas as respostas de empresários ou de empresas com faturamento anual acima de R$10 milhões, os resultados apresentam pouca variação. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  51. 51. Quais palestrantes você gostaria de ver em um evento na sua cidade? 37,5% Percentual sobre as respostas válidas 25,0% 16,0% 9,6% 4,9% 3,7% 1,7% 1,5% Roberto Dias Duarte Jorge Campos José Adriano Pinto Edgar Madruga Tânia Gurgel Fernando Sampaio José Carlos Marion Outros Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  52. 52. Quais palestrantes você gostaria de ver em um evento na sua cidade? Percentual sobre as respostas 35,0% 32,9% válidas de empresários 10,4% 6,7% 5,5% 4,9% 3,7% Roberto Dias Duarte Jorge Campos José Adriano Pinto Fernando Sampaio Edgar Madruga Tânia Gurgel Outros Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  53. 53. Quais palestrantes você gostaria de ver em um evento na sua cidade? 38,6% Percentual sobre as respostas de empresas com faturamento anual acima de R$10milhões 22,8% 18,7% 11,7% 4,7% 3,5% Roberto Dias Duarte Jorge Campos José Adriano Pinto Edgar Madruga Tânia Gurgel Outros Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  54. 54. Outras informações Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  55. 55. Atuação profissional Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  56. 56. Acompanhamento do projeto Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  57. 57. Transmissão do conhecimento s Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  58. 58. Participação da equipe de TI Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  59. 59. Equipe de trabalho Edgar Madruga - Administrador de Empresas e Auditor. Autor do Blog do Madruga (www.edgarmadruga.com.br). Coordenador e professor do MBA em Contabilidade e Direito Tributário do IPOG. Edson Lima - Mestrando em Ciências Contábeis pela PUC-SP, Especializado em Gestão Tributária pelo Instituto IOB, MBA pela FGV-SP. Professor, escritor, consultor e palestrante. É Sócio Diretor no Grupo SKILL. Fernando Sampaio - Diretor da SinergiX Soluções Empresariais Inteligentes. Pós-graduado em Gestão, Contabilidade e Controladoria. É palestrante, instrutor de treinamentos, professor. Jorge Campos - Moderador das Redes Sociais Sped Brasil e EFDSOCIAL, Criador e moderador do Comitê GEIFS e GEIFS TI. Atua há 30 anos na área fiscal e tributária, desde 2006 no projeto piloto do SPED. Sócio diretor da Aliz Inteligencia Sustentável. José Adriano Pinto- Sócio-Diretor da BlueTax, Contador com MBA em TI pela FGV, atuando há 26 anos nas áreas contábil e tributária. Criou em 1999 o Portal JAPs-SPED (www.joseadriano.com.br). Mauro Negruni - Bacharel em Sistemas de Informação com especialização em Tecnologia de Negócios pela Internet. Participa do GT 48. Diretor da Decision IT. Roberto Dias Duarte, administrador de empresas, com MBA pelo Ibmec. Palestrante, professor e blooger. Autor de 4 livros sobre o SPED, realizou 379 palestras sobre o tema. Tânia Gurgel - Sócia da TAF Consultoria. Contadora, advogada, palestrante e professora. 30 anos de experiência na área tributária. Membro da ABDT, APET e ABAT. Mantém o site www.taniagurgel.com.br Tiago Coelho - Contador, tributarista, consultor e auditor. Coordenador Nacional do Feirão do Imposto e do Dia da Liberdade de Impostos. Diretor da Fiscall Soluções e autor de artigos sobre temas tributários. Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  60. 60. “A felicidade não se resume na ausência de problemas, mas sim na sua capacidade de lidar com eles.” Albert Einstein Edgar Madruga, Edson Lima, Fernando Sampaio, Jorge Campos, José Adriano Pinto, Mauro Negruni, Roberto Dias Duarte, Tânia Gurgel e Tiago Coelhosegunda-feira, 3 de setembro de 12
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×