Relatório Final Extensão 2010

4,747 views

Published on

Confira o relatório final dos programas de extensão da FENSG realizados no ano de 2010.

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
4,747
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
10
Actions
Shares
0
Downloads
31
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Relatório Final Extensão 2010

  1. 1. Universidade de Pernambuco – UPE Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças – FENSGRELATÓRIO DAS ATIVIDADES DE EXTENSÃO E CULTURA DA FENSG 2010 Diretora: Profª Vera Rejane Gregório do NascimentoVice Diretora: Profª Viviane Tannure Ferreira Lima Falcão Coordenadora de Extensão e Cultura: Profª Dra. Estela Maria Leite Meirelles Monteiro Recife 2010 1
  2. 2. INTRODUÇÃO Este relatório tem como finalidade de tecer uma apreciação quantitativa equalitativa dos trabalhos realizados pela Coordenadoria de Extensão e Cultura daFENSG – UPE ao longo do ano de 2010. Para tanto, faz necessário registrar que odesempenho desta coordenadoria é resultante de um trabalho de equipe, pois contoucom o apóio da Direção e toda comunidade acadêmica, docentes e discentes, além docompromisso e empenho dos funcionários da FENSG. A atuação da Extensão na FENSG veio consolidar o dinamismo na gestão destaIES, em manter-se integrada as propostas do organograma proposto pelo novoregimento interno da UPE. A criação da Coordenadoria de Extensão e Cultura nasdiversas unidades do Campus foi formalizada em 05 de março de 2008. Estacoordenadoria passou a constituir oficialmente o organograma desta instituição deensino em abril de 2010. O trabalho da Coordenadoria de Extensão e Cultura da FENSG vem contribuircom uma proposta de atuação universitária comprometida com sua responsabilidadesocial, como requisito considerado essencial na formação do enfermeiro proposto peloPrograma Nacional de Reorientação da Formação Profissional em Saúde. O incentivo aos trabalhos de extensão tem contribuido com a ampliação doscenários da atuação/aprendizado do estudante de enfermagem e de uma maiorapropriação e efetividade nas atividades realizadas, possibilitando a vivência emrelações interpessoais com indivíduos, grupos e comunidade usuária do Sistema Únicode Saúde (SUS), com propostas comprometidas com as possibilidades de transformaçãoda realidade. É posto nas atividades de extensão a visibilidade de uma articulação com apesquisa, contribuindo com a divulgação pública de experiências avaliadas comosalutares e promotoras do “empoderamento” dos discentes e docentes, como também,do “empoderamento” dos cidadãos envolvidos. A extensão, também, vem estabeleceruma maior aproximação com a realidade sócio-política-econômica e cultural vivenciadapela grande parcela da população, marcada pelo baixo poder aquisitivo e pela exclusão 2
  3. 3. social, propiciando uma formação universitária articiculada a uma leitura de mundo, e auma proposta de inquietação e mudança da realidade posta. Esta coordenadoria tem a responsabilidade de articular um trabalho permanentede sensibilização com comunidade interna da FENSG para desenvolvimento de açõesem saúde extramuros da Universidade, estabelecendo e consolidado parcerias eresignificando a práxis docente, a partir de um ensino e de uma prática embasada narealidade.COORDENADOR(A) DE EXTENSÃO E CULTURA DA FENSG Para tanto, compete ao Coordenador as seguintes atribuições: 1. Estabelecer uma ampla participação dos discentes e docentes nas ações propostas e desenvolvidas pela Coordenadoria; 2. Participar ativamente das reuniões mensais da PROEC, e dos Forum de Pro- reitores quando se fizer necessário. 3. Sensibilizar a comunidade interna na institucionalização de projetos de extensão articulados aos grupos de pesquisa e a formação teórico-prática dos discentes no exercício de sua responsabilidade social; 4. Manter uma interação com a comunidade interna de modo estar acessível às sugestões e idéias, estabelecendo uma parceria facilitadora entre as instancias internas e externas; 5. Orientar e incentivar os docentes a proporem ações (programas, projetos, cursos, eventos, serviços prestados e publicações) de extensão junto com os acadêmicos; 6. Formalizar a responsabilidade institucional de pactuar disponibilização de docentes e discentes mediante uma proposta integrada de ensino-pesquisa e extensão na execução de uma prática educativa desafiadora, quanto à formação profissional e quanto ao delineamento de diversas estratégias de atuação profissional fundamentadas numa apreciação crítica da realidade; 7. Supervisionar, controlar e avaliar o desenvolvimento das ações de extensão; 8. Solicitar dos professores a construção dos projetos das ações de extensão, a elaboração dos relatórios parciais e finais, bem como, o controle de freqüência dos discentes e avaliação dos mesmos, quando se tratar de cursos; 3
  4. 4. 9. Estimular para que a cada ação realizada de extensão seja produzido um relato de experiência que deverá ser encaminhado para publicações, além de sua apresentação em evento interno como, na Semana Universitária e até em eventos científicos regionais, nacionais e internacionais;10. Identificar na comunidade acadêmica, com ênfase entre os discentes, as habilidades e interesses culturais e esportivos.11. Instituir uma filosofia institucional que fomenta e valoriza a realização de atividades e práticas culturais que venham possibilitar o desenvolvimento de competências comunicativas, exercendo a criatividade e variados modos de expressões;12. Elaborar propostas de participação institucional em momentos comemorativos da profissão e/ou instituição, como também em eventos de congregação do campi universitário;13. Buscar instrumentalizar-se continuamente participando de eventos científicos na área, como também, em espaços que propiciem a troca de experiências;14. Estar sensível às dificuldades identificadas nas ações de extensão em desenvolvimento possibilitando articular capacitações que venham proporcionar segurança e desenvoltura aos discentes no desenvolvimento de sua prática de extensão;15. Participar ativamente nos projetos de trabalho que promovam o desenvolvimento da Graduação e da Pós-Graduação da FENSG;16. Estar disponível para atender a solicitações de órgãos de fomentos para apreciação de projetos institucionais extensionistas;17. Elaborar relatório anual das ações realizadas sob a responsabilidade desta Coordenadoria para apresentar a Direção da FENSG e a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROEC); para compor o relatório final da Universidade, o qual é enviado ao INEP/MEC. Constitui também abrangência nesta coordenação:Consultoria para serviços de saúde das diversas instâncias do governo e/ou para osetor privado;Realização de Eventos, Fóruns, Seminários, Palestras, Oficinas de caráter científicoe cultural. 4
  5. 5. Divulgação de atividades culturais; Promoção de capacitações e cursos para Servidores Municipais e Estaduais; Elaboração de Projetos de Pesquisa; Negociações de Intercâmbios culturais para cursos em Universidades Nacionais e internacionais; Apresentação dos trabalhos de extensão em eventos científicos e envio para publicação. Entre outros. Obs. Destaco o apóio do Professor Roberto Torres, membro da PROEC na revisão do material elaborado. Programas de Extensão e Cultura da FENSG/UPEÁreas temáticas dos programas 1. Saúde 2. Educação 3. Cultura 4. Direitos humanos I Programa – Promoção à saúde da criança e adolescenteÁrea temática principal: SaúdeÁreas temáticas secundárias: Educação, cultura e direitos humanos.  Descrição: Congrega as atividades de extensão articuladas aos princípios do SUS, fortalecendo as ações de saúde pertinentes a atenção básica, articulando saberes e possibilitando a intersetorialidade na construção de estratégias de atuação em saúde voltados ao grupo de adolescentes. 5
  6. 6. Relação dos projetos que pertencem e este programa:  Promoção da saúde do adolescente: uma estratégia de educação em saúde mediante Círculos de Cultura.  Promoção da saúde: Consulta ao adolescente no cenário escolar.  Educação em Saúde para o controle da hanseníase em escolas do município do Recife.  Termômetro da Saúde – UPE CRECHEndo saudável – FENSG/UPEII Programa de Ensino e Pesquisa em Emergências e Acidentes e Violências –PEPEAV  Área temática: Saúde  Áreas temáticas secundárias: educação e direitos humanos.  Descrição: Espaço multiprofissional e multidisciplinar, com coordenação bipartite de dois professores, um enfermeiro e um médico, ambos da Universidade de Pernambuco – UPE. O programa visa o ensino a pesquisa e a extensão, nas áreas de graduação e pós-graduação, assumindo um caráter de responsabilidade setorial para profissionais e acadêmicos das áreas de saúde, humanas, exatas e sociais. Funciona também como unidade satélite do Corpo de Bombeiros Militar de Pernambuco, com quem mantem convênio técnico- administrativo. Relação dos projetos que pertencem e este programa:III Programa - Educação em Saúde e Mobilização Comunitária  Área temática: Educação  Áreas temáticas secundárias: saúde, cultura e direitos humanos.  Descrição: Congrega as atividades de extensão embasadas na metodologia freiriana, instrumentalizando a comunidade acadêmica e comunitária no exercício de uma ação educativa participativa, conscientizadora comprometida coma transformação da realidade. 6
  7. 7. Relação dos projetos que pertencem e este programa:  Prevalência da síndrome de Burnout na equipe de enfermagem de um hospital público.  Participação discente em associação de classe: formação política e cidadã rumo à identidade profissional  ExtensãoFENSG.com: atualizando no SIEX  Promoção do auto cuidado da pessoa em sofrimento psíquico orientadas por profissionais de saúde no ambiente hospitalar  COMpressão não se brinca – Programa: prevenindo, educando e tratando a hipertensãoIV Programa - Talentos Culturais em Enfermagem  Área temática: Cultura  Áreas temáticas secundárias: educação, saúde e direitos humanos.  Descrição: O programa utiliza a arte como veículo de comunicação visando à promoção da saúde, desenvolvendo as habilidades dos acadêmicos de enfermagem e sensibilizando-os, quanto à importância do papel educativo em saúde mediante o emprego das artes, como meio interativo de comunicação popular em saúde. Articulando cenários de atuação estudantil nos serviços, unidades da Universidade de Pernambuco e na comunidade. Propiciando a disseminação e troca de conhecimentos com a população mediante emprego de uma linguagem clara, de uma ação dinâmica e motivadora na apreensão dos assuntos discutidos. Assegurando uma formação integral do acadêmico de enfermagem com ênfase nas competências comunicativas e político-sociais.Relação dos projetos que pertencem e este programa:  Talentos culturais em saúde: a música como instrumento de comunicação e integração.  Formação do grupo cultural MaracaFENSG (2º semestre de 2011).  Talentos culturais em saúde: a arte cênica como instrumento de comunicação e integração 7
  8. 8.  Teatri InterATIVO: revivendo/reconstruindo cenários na terceira idade.  Participação discente na preservação da memória da FENSG (este projeto não foi reapresentado em 2010).Componentes dos projetos de extensão aprovados com bolsa em 2010Projeto - EDUCAR HANSEN: AGENTES COMUNITÁRIOS DE SAÚDE COMOMULTIPLICADORES DE INFORMAÇÕES PARA CONTROLE DAHANSENÍASE EM PERNAMBUCO.Docente: Mirian Domingos CardosoDiscentes:(Bolsista) Émilli Natália dos Santos NunesAmanda Rodrigues da Coimbra Pinto da FonsecaJanaina Raimunda de LimaRaíza Souza LandimRosimery Tavares SantiagoDenise Rodrigues Lima dos SantosEliane Maria Medeiros LealProjeto – TERMÔMETRO DA SAÚDE - UPEDocente:Sandra Trindade LowDiscentes:Lucélia Silveira PereiraNatália Gomes de SouzaVanessa Maria Ferreira da SilvaIrinês Martins VianaProjeto –PROJETO CRECHENDO SAUDÁVEL - UPEDocente: Sandra Trindade LowDiscentes:Débora Gomes FariasJeane Maria Ribeiro de MeloPaula Andréa dos Santos GenésioSimone Sá Gomes Teixeira 8
  9. 9. Projeto –VIOLÊNCIA CONTRA PESSOA IDOSA: VAMOS ROMPER COMESSE CICLODocentes: Cláudia Alves de Sena e Vera Rejane do Nascimento GregórioDiscentes:Mônica Lima Santana (Bolsista)Maria Raquel Vasconcelos Gomes SoaresShênnya Rafaella Barros da SilvaThaisa Remígio FigueiredoProjeto – CONHECENDO MEUS DIREITOS ATRAVÉS DO ESTATUTO DACRIANÇA E DO ADOLESCENTEDocente:Maria Aparecida BeserraDiscentes:Fernanda Beserra CaracioloIracema de Jesus Almeida AlvesLaísa de Veras dos SantosVanessa Ferreira da SilvaTaisa Ferreira Lima,Roberto José de SantanaProjeto - LABORATÓRIO DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DA MULHER(LAISM)Docente:Maria Suely M. CorrêaDiscentes:Kamila Fortuna de M. PassosEvelyne Nascimento PedrosaDébora Gomes FariasGabriela Leite RabêloLuzia Cristina L. FreireRenata Maria M. WanderleyProjeto -TEATRO INTERATIVO: REVIVENDO/RECONSTRUINDOCENÁRIOS NA TERCEIRA IDADEDocente: Estela Maria Leite Meirelles MonteiroDiscentes:(Bolsista) Cássia Noele Arruda CamposIzaura Cleone Ferreira dos SantosLudmila Capistrano dos SantosMilena Ribeiro de MouraLucas dos Santos FeitosaAdelina Fernanda Pereira Cabral 9
  10. 10. E 08 - EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA O CONTROLE DA HANSENÍASE EMESCOLAS DO MUNICÍPIO DE RECIFE (Orientadora) Vera Rejane do Nascimento Gregório Larissa Cristina Carneiro Cavalcanti Priscilla de Oliveira Florêncio (Relatora) Regina Celi de Lira Neves Sâmia Tavares Rangel Teonila Paula de Araújo LunaProjetos de Extensão e Cultura da FENSG em 2010 A Pró-Reitoria de Extensão e Cultura – PROEC da Universidadede Pernambuco vem estimulando a participação de docentes e discentes nodesenvolvimento de projetos de extensão, com a finalidade de promover umamaior integração da Universidade com a comunidade na qual se encontrainserida, como também, em outros cenários além de seu espaço institucional. Osprojetos de extensão representam o compromisso social dos cientistas emformação, através da aplicação efetiva e justa dos conhecimentos mediante umaproposta de transformação da realidade posta. Diante do exposto a FENSG vemampliando o número de projetos enviados para submeter-se a seleção e afinanciamento com bolsa para o discente.Bolsa BIA. UPE. FENSG 2010. A FENSG recebeu 3 alunos do primeiro periodo encaminhadas pelaPROEC para inclusão em projetos de extenção como bolsistas BIA, sendono 1º semestre uma bolsa BIA FACEPE e no 2º semestre uma bolsa BIAUPE e outra bolsa BIA FACEPE. 1ª ENTRADA/2010 Ordem Bolsistas Classificação Geral Matrícula Bolsa ADELINA 8ª FERNANDA 11ª 013.057.814- BIA 10
  11. 11. PEREIRA CABRAL 22 FACEPE A aluna Adelina apresentou extrema dedicação as atividades extensionistas,sendo verificado também um excelente desempenho da bolsista nas atividadesacadêmicas, constatado tanto nos depoimentos da própria aluna, dosdocentes e na avaliação do histórico escolar. Ela cumpriu todas as exigências doedital, com entrega mensal da frequência contendo descrição das atividades realizadasno projeto de extensão incluindo a dedicação de 4 horas mensais a atividades deeducação em saúde junto a adolescentes de escolas públicas, relatório parcial e final. Abolsista passou a compor o grupo teatral da FENSG EnfeARTE, apresentando-se naSemana de Enfermagem, no I Festival de Arte da UPE, como também a integrar oGrupo de Estudos e Pesquisa de Enfermagem na Promoção a Saúde de PopulaçõesVulneráveis (GEPEV-CNPq/UPE), efetivando uma maior interação entre os alunos Biada graduação e os alunos do Curso de Mestrandos. A oportunidade da Bolsa Bia, gerouuma inserção precoce desta em intensa atividade acadêmica, ultrapassando os limites doarcabouço curricular. 2ª ENTRADA/2010 Ordem Bolsistas Classificação Geral Matrícula Bolsa 14ª RAFAELA VANESSA BIA DIOGO DE 101.702.624- 33ª FACEPE VASCONCELOS 64 MAGDA MARIA BIA APOLINARIO 095.393.474- UPE 1ª BARBOSA 001º 83 As alunas da Bolsa Bia do segundo semestre só iniciaram em setembro. RafaelaVanessa Diogo de Vasconcelos (BIA FACEPE) está desenvolvendo o relatório parcial,entretanto foi comunicado a PROEC por memo, que a aluna Magda Mª ApolinárioBarbosa (BIA UPE), submeteu-se a novo processo seletivo tendo sido aprovada nocurso de Medicina. 11
  12. 12. SELEÇÃO PARA BOLSAS DE PERMANÊNCIA E DESENVOLVIMENTOACADÊMICO 2010.1 A seleção para bolsas de permanência e desenvolvimento acadêmico (NAE)2010.1 ocorreu no dia 12 de Março de 2010. A Comissão de Seleção de Bolsa dePermanência e Desenvolvimento Acadêmico foi instituída pela Direção da FENSG –UPE, sendo composta dos seguintes discentes: Jéssica Priscila Gomes Queiroz; CarolinaPiedade M. de F. S. Silva e Ludmila Medeiros Outtes Alves; pelos docentes: Maria doAmparo Souza Lima; e Estela Mª Leite Meirelles Monteiro Alunos Selecionados Período 1. Janaína Hermínio da Silva 5º 2. Maria Simplício da Silva 7º 3. José Nilson Torres 7º 4. Lidiana Sabino da Silva 5º 5. Izabelly Cristiny Cavalcanti da Silva 5º 6. Cristiane Mendes da Silva 7º 7. Ana Raquel Xavier Ramos 3º 8. Nathalia Mirella Costa Freitas 2º 9. Cleideane Meireles da Silva Ribeiro 1º 10. Maria Alessandra Campos Absalão 5º 11. Marcely Munique Trindade Maia 7º 12. Graziele Fonseca Cysneiros 5º 13. Amanda da Cruz Cavalcante 2º 14. Ayane de Fátima Queiroz Ferreira 7º 15. Ana Carina Sotero 5º 16. Wályssa Cheiza Fernandes Santos 4º O número de bolsas para toda UPE é de apenas 64 para o primeiro semestre e 16no segundo semestre, com duração respectivamente de 10 meses e 05 meses. Valor deR$ 250,00. Apesar do processo de seleção interna ter sido caracterizado por umquantitativo muito significativo de inscritos, como também tomarmos conhecimento derelatos de situações de extrema dificuldade financeira, comprometendo as condições deestudo, com casos de alunos carentes oriundos do interior. Após a participação de maisde 40 alunos, foram selecionados 16, entretanto nenhum aluno da FENSG foicontemplado. Registramos mais uma vez a insatisfação com o processo seletivo para aBolsa BIA, pois gera muitas expectativas com envolvimento da diretoria e dosprofessores que percebiam a dificuldade de alunos até quanto à roupa e calçado 12
  13. 13. apropriado para as atividades teórico práticas do curso, entretanto não consegue darqualquer resposta significativa. EventosEvento 1.III Simpósio de Integração Docente Assistencial em Enfermagem daUPE e a 71º Semana Brasileira de Enfermagem, que teve como tema:Enfermagem o poder do cuidado.O simpósio em seu terceiro ano de realização fruto de uma parceria da FENSG, com osserviços de saúde da UPE: Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), ProntoSocorro de Cardiologia de Pernambuco (PROCAPE) e do Centro Integrado de SaúdeAmaury de Medeiros(CISAM) e com o Diretório Acadêmico de Enfermagem(IdentiDAde).Foi realizado nos dias 17 e 18 de maio de 2010, no auditório da Faculdade deEnfermagem Nossa Senhora das Graças e no auditório Ênio Cantarelle no PROCAPE -UPE. O evento teve sua solenidade de abertura com a presença de autoridades daFENSG, HUOC, PROCAPE, CISAM, e representantes das entidades de classe daenfermagem, sendo discutido o “Poder do cuidado. Tecendo um olhar no cotidiano daenfermagem”. No segundo dia do evento foi realizada uma gincana com o intuito depromover uma maior integração entre os alunos de graduação. A gincana arrecadoualimentos não perecíveis e roupas que foram doadas em comunidades vítimas da cheia. Nos referidos eventos os momentos culturais contaram com a participação doGrupo de Teatro da FENSG: EnfeARTE, que apresentou a peça “Vozes da Profissão”,como também do Grupo musical: Discípulos de Nightingale (composto por, Sivaldo eAlan no violão e vocal, Íhkaro na baterial). A programação pode ser apreciada nomodelo do folder que segue. 13
  14. 14. FOLDER 14
  15. 15. Integração entre a FENSG e os profissionais de enfermagem do HUOC, em atividade científica comemorativa da Semana de Enfermagem.Grupo de teatro formado por alunos do primeiro período do currículo novo, em peçasobre “Doação de Órgãos”, apresentado no auditório do PRPCAPE, atendendo asolictação da Enfermeira Graça Washington. Mesa redonda composta por Participação da professora estudandes com experiência em Betise Furtado que apresentou Bolsa Bia, Monitoria, Iniciação sua tese Científica, Projeto de extensão, representante do 1º período do currículo novo e egresso mestrando, para troca de experiências.. Momento em que os estudantes realizaram uma homenagem os funcionários Gilson e Vanda 15
  16. 16. Foto – Cerimônia de encerramento da 71ª Semana Brasileira de Enfermagem, com a presença do Reitor Professor Carlos Calado e entrega das premiações as turmas vencedoras na gincana e sorteio entre os discentes participantes do evento de materiais e livros. Foto – Grupo EnfeARTE com a peça: “Vozes da profissão”Evento 2. 10ª Semana Universitária da UPE / FENSG – A UPE COMPARTILHANDO COMPETÊNCIAS EM TEMPOS E ESPAÇOS GLOBALIZADOS 16
  17. 17. A realização deste evento constituiu uma mobilização de toda comunidade daUniversidade de Pernambuco, instituições de ensino e serviços de saúde, na construçãode um espaço compartilhado no ensino, na pesquisa, na extensão. O tema aprovado paraeste ano vem consolidar a dimensão e o significado da UPE no contexto social e políticodo Estado de Pernambuco. É momento de celebração e fortalecimento na ciência, nacultura, na formação e na assistência à saúde e acolhimento da população, fomentandouma leitura da realidade pactuada com propostas de transformação. Nesta 10ª SEMANA UNIVERSITÁRIA, a enfermagem encontra-se festiva, aoiniciar neste ano seu Programa Associado de Mestrado, e compartilha o êxito destepleito com todos que fazem a UPE, agradecendo o apoio integral. O evento aconteceu entre os dias 18 e 22 de Outubro de 2010, onde teve aparticipação do CISAM (Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros), PROCAPE(Pronto Socorro Cardiológico Professor Luiz Tavares da Silva), HUOC (HospitalUniversitário Oswaldo Cruz), FENSG (Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora dasGraças), o Diretório Acadêmico IdentiDAde (Diretório acadêmico dos estudantes daFENSG). A parceria foi estabelecida desde a programação até a participação comoconferencistas, na coordenação de mesa redonda, realização de cursos, entre outros. PROGRAMAÇÃO De 18/10/10 à 22/10/10 CURSO 3- Leitura e de 8:00 às 12:30h Interpretação de (TURMA 01) e Imagens das 14:00 às 18:30h Radiográficas do (TURMA 02) Tórax CURSO 1- Palestrante: Cyntia Atendimento Pré- Angélica Ramos de hospitalar Oliveira Palestrante:Professor a Elizabeth Amorim CURSO 4- A2ª Feira (18/10/10) - 2ª Feira (18/10/10) Enfermagem naABERTURA Promoção doSOLENE às 9:00 De 13:30 às 17:30 Autocuidado aohoras no Auditório horas AdolescenteÊnio Cantarelli Palestrante: Isabele(PROCAPE) CURSO 2- Shantala Gouveia Muniz Palestrante: Maria Aparecida Beserra 3ª Feira (19/10/10)- 17
  18. 18. Palestrante: JonasDe 8:00 às 17:30 Welton Pankararu CURSO 14-Inovaçãohoras De 8:00 às 17:30 Tecnológica no horas Cuidado ao PacienteCURSO 5 – de AltaElaboração de CURSO 9- ComplexidadeProjeto de Pesquisa Prevenção e Palestrante: VerônicaPalestrante: Combate a Incêndio Maria de FreitasWaldemar Brandão, (PEPEAV)Andréa Rosane e Palestrante: Militar do CURSO 15 (TURMAEstela Meirelles Corpo de Bombeiros 2)- Atualização em Sala de VacinaCURSO 6- CURSO 10- Palestrante: SandraAtualização em Manipulação de AndradePrevenção do cateter Semi eCâncer do Colo Totalmente 6ª Feira (22/10/10)-Uterino na Atenção ImplantadoBásica Palestrante: Katiuscia De 8:00 às 11:00Palestrante: Estela Araújo de Miranda horasRodrigues Paiva Lopes Apresentação dosAlves Trabalhos Científicos 5ª Feira (21/10/10)- (Banner)De 13:30 às 17:30horas De 8:00 às 12:00 De 8:00 às 17:00 horas horasCURSO 7- Leitura eInterpretação de CURSO 11- CURSO 15 (TURMAGasometria Metodologia em 2)- Atualização emPalestrante: Cyntia Pesquisa-Ação Sala de VacinaAngélica Ramos de Palestrante: Raul Palestrante: SandraOliveira Amaral AndradeCURSO 8- Terapias CURSO 13- CURSO 16-Holísticas Consulta de Metodologia daComplementares: Enfermagem em Assistência daBiodança Puericultura EnfermagemPalestrante: Marília Palestrante: Sandra Palestrante: Maria doCavalcanti Borba Trindade Low Amparo Souza Lima ENCERRAMENTO ás4ª Feira (20/10/10) – De 8:00 às 17:30 17:00 horas horasDe 8:00 às 12:00horas CURSO 12- Assistência IntegralCURSO 17 – A ao Portador daIntegralidade na Doença de ChagasAtenção Primária à Palestrantes:Saúde das Veridiana CâmaraPopulações Furtado e ValdineteIndígenas Paiva Arantes 18
  19. 19. ORGANIZAÇÃO: FACULDADE DE ENFERMAGEM NOSSA SENHORA DA GRAÇAS PERÍODO: 18 à 22 DE OUTUBRO DE 2010 HOSPITAL UNIVERSITÁRIO OSWALDO CRUZ LOCAL DE REALIZAÇÃO DOS CURSOS: Campus Santo TEMA: Amaro naPRONTO-SOCORRO CARDIOLÓGICODE PERNAMBUCO PROF. LUIZ TAVARES Compartilhado Faculdade de Competências Enfermagem em Tempos e Nossa Senhora Espaços das Graças – Globalizados FENSG/UPECENTRO INTEGRADO AMAURY DE MEDEIROSRelação dos cursos Atendimento Pré-hospitalar (duas turmas) Coordenadora do PPAV:Professora Elizabeth Amorim junto com corpo de Bombeiros e monitores. Leitura e Interpretação de Imagens Radiográficas do Tórax Ministrante: Cyntia Angélica Ramos de Oliveira (Enfermeira Convidada com Residência em Pneumologia) A Enfermagem na Promoção do Autocuidado ao Adolescente Ministrantes: Estela Mª L. Meirelles Monteiro(Docente FENSG), Waldemar Brandão e Andrea Rosane (Mestrandos do Programa Associado de Enfermagem UPE/ UEPB) 19
  20. 20. Elaboração de Projeto de Pesquisa Ministrantes: Waldemar Brandão, Andréa Rosane (Mestrandos do Programa Associado de Enfermagem UPE/ UEPB) e Estela Meirelles (Docente FENSG) Atualização em Prevenção do Câncer do Colo Uterino na Atenção Básica Ministrante: Estela Rodrigues Paiva Alves (Mestranda do Programa Associado de Enfermagem UPE/ UEPB) Leitura e Interpretação de Gasometria Ministrante: Cyntia Angélica Ramos de Oliveira (Enfermeira Convidada com Residência em Pneumologia) A Integralidade na Atenção Primária à Saúde das Populações Indígenas Palestrante: Jonas Welton Pankararu (Enfermeiro de etnia indígena) Prevenção e Combate a Incêndio (PEPEAV) Ministrante: Militar do Corpo de Bombeiros Manipulação de cateter Semi e Totalmente Implantado Ministrante: Katiuscia Araújo de Miranda Lopes (Docente FENSG) Metodologia em Pesquisa-Ação Ministrante: Raul Amaral (Residente PROCAPE) Consulta de Enfermagem em Puericultura Ministrante: Sandra Trindade Low (Docente FENSG) Assistência Integral ao Portador da Doença de Chagas Ministrante: Veridiana Câmara Furtado (Professora de Petrolina) e Valdinete Paiva Arantes (Enfermeira do HUOC) Atualização em Sala de Vacina Ministrante: Sandra Andrade (Docente FENSG) Metodologia da Assistência da Enfermagem Ministrante: Maria do Amparo Souza Lima (Docente FENSG)Oficinas Shantala Ministrante: Maria Aparecida Beserra (Docente FENSG) Terapias Holísticas Complementares: Biodança Ministrante: Marília Cavalcanti Borba (Egressa da FENSG, Residente em Psiquiatria) 20
  21. 21. Foi o oferecido uma capacitação em atendimento Pré-hospitalar oriundo doPrograma PPAV sob a coordenação da Professora Elizabete Amorim em parceria com oCorpo de Bombeiros do Recife, ocorreram mais16 cursos de atualização na área de saúde. Sargento Alberto e a professora Momentos de teoria e de aulas práticas do curso de Elizabeth coordenadora do Atendimento Pré-hospitalar (APH) realizado pelo Programa PPAV, reponsáveis PPAV pela organização do curso de Atendimento Pré-hospitalar (APH) O curso de Atendimento Pré Hospitalar (APH) este ano, devido a procura, foiofertado em duas turmas, com carga horária de 30 horas cada. Concluíram o curso 70participantes e mobilizou uma equipe de aproximadamente 30 profissionais entreprofessores e monitores. A Coordenadora do PEPEAV/UPE, professora Elizabet Amorim realizou inúmerosCursos de Socorrista, com carga horária de 240 horas, por constituir uma referência naregião. E esta iniciando este ano uma seleção para Residência em Atendimento Pré-Hospitalar.Segue alguns registros fotográficos:Curso Violência contra acriança e o adolescente,professora Aparecida Beserrarealizado no auditório doPROCAPE 21
  22. 22. Assistência Integral aoPortador da Doença de Assistência Integral ao Portador daChagas Doença de Chagas,Veridiana Câmara Furtado. Metodologia em Pesquisa- Atualização em Prevenção do Câncer Ação, Raul Amaral do Colo Uterino na Atenção Básica, (Residente PROCAPE) Estela Rodrigues Paiva Alves Prevenção e Combate a Incêndio (PEPEAV), Ministrante: Militar do Corpo de BombeirosElaboração de Projeto de Pesquisa, A Enfermagem na Promoção do Autocuidado aoAndréa Rosane Adolescente, Waldemar Brandão 22
  23. 23. Biodança, Marília Cavalcanti Borba Manipulação de cateter Semi e Totalmente Implantado, Katiuscia Araújo de Miranda Lopes O último dia da Semana Universitária foi celebrado com apresentação dos projetosextensionistas e trabalhos científicos, compuseram a Comissão de Avaliação dos trabalhoscientíficos o corpo docente e convidados especiais: 1. Vera Rejane do Nascimento Gregório 2. Jael Maria de Aquino 3. Mirian Domingos Cardoso 4. Sandra Trindade Low 5. Maria Suely Medeiros Corrêa 6. Lígia Maria de Almeida 7. Claudia Alves de Sena 8. Maria Joana Pereira Neta 9. Andréa Rosane Sousa Silva 10. Marta Úrsula Barbosa de Moraes 11. Veridiana Câmara Furtado 12. Waldemar Brandão Neto 13. Jonas Welton Barros de Oliveira 14. Estela Maria Leite Meirelles Monteiro Destacamos o empenho e dedicação da funcionária de firma terceirizada Wanderluce, para a participação exitosa da FENSG na 10ª SU da UPE. 23
  24. 24. ANAIS DA 10ª SEMANA UNIVERSITÁRIA DA UPE Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças da Universidade de Pernambuco - FENSG / UPE Período: 18 a 22 de outubro de 2010 TEMÁTICA: Compartilhando Competências em Tempos e Espaços GlobalizadosReitor: Carlos CaladoVice-Reitor: Reinaldo InojosaPró-Reitor de Extensão e Cultura (PROEC): Álvaro Antônio Vieira Cabral de MelloCoordenador Geral de Extensão: Roberto TorresCoordenadora Geral de Cultura: Paula Gonçalves da SilvaDiretora da FENSG: Vera Rejane Gregório do NascimentoVice-Diretora da FENSG: Viviane Tannure Ferreira Lima FalcãoCoordenação de Graduação: Claudia Alves de SenaCoordenação de Curso: Jael Maria de AquinoCoordenadora de Extensão e Cultura: Estela Maria Leite Meirelles MonteiroBibliotecária: Roseane AlmeidaPresidente do Diretório Acadêmico de Enfermagem: Débora Mendonça AmaralCorpo docente e convidados especiais componentes da Comissão de Avaliação dostrabalhos científicos  Vera Rejane do Nascimento Gregório  Jael Maria de Aquino  Mirian Domingos Cardoso  Sandra Trindade Low  Maria Suely Medeiros Corrêa  Lígia Maria de Almeida  Marta Úrsula Barbosa De Moraes  Maria Joana Pereira Neta  Andréa Rosane Sousa Silva  Marta Úrsula Barbosa de Moraes  Veridiana Câmara Furtado  Waldemar Brandão Neto  Jonas Welton Barros de Oliveira  Estela Maria Leite Meirelles MonteiroRELAÇÃO DOS TRABALHOS DE EXTENSÃO APRESENTADOS NAMODALIDADADE POSTER DIALOGADO NA 10ª SEMANA UNIVERSITÁRIA DAUPE, no dia 22 de outubro, das 08:00 as 11:00 horas, na FENSG. 24
  25. 25. E 01 - OFICINA DE TRABALHO SOBRE O ESTATUTO DA CRIANÇA E DOADOLESCENTE – RELATO DE EXPERIÊNCIA DE UM PROJETO DEEXTENSÃO Maria Aparecida Beserra Fernanda Beserra Caraciolo Iracema de Jesus Almeida Alves Laísa de Veras dos Santos Vanessa Ferreira da Silva Taisa Ferreira Lima, Roberto José de SantanaE 02 - PROJETO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA VIOLÊNCIA CONTRAPESSOA IDOSA: VAMOS ROMPER COM ESSE CICLO Cláudia Alves de Sena Mônica Lima Santana Maria Raquel Vasconcelos Gomes Soares Shênnya Rafaella Barros da Silva Thaisa Remígio Figueiredo Vera Rejane do Nascimento GregórioE 03 - ATIVIDADES COMPLEMENTARES EXTENSIONISTA DE ENFERMAGEMEM UM HOSPITAL PÚBLICO UNIVERSITÁRIO: RELATO DE EXPERIÊNCIA Sandra Trindade Low Lucélia Silveira Pereira Vanessa Maria Ferreira Da Silva (Relatora)Natália Gomes de Souza Irinês Martins Viana Deusany Bezerra de Melo LeãoE 04 - ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM EM UMA CRECHE PÚBLICA DACIDADE DO RECIFE: PROJETO CRECHENDO SAUDÁVEL 25
  26. 26. (Orientadora) Sandra Trindade Low (Relatora) Débora Gomes Farias Jeane Maria Ribeiro de Melo Paula Andréa dos Santos Genésio Simone Sá Gomes Teixeira Maria Joana Pereira NetaE 05 - EDUCAR HANSEN: CAPACITAÇÂO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DESAÚDE COMO MULTIPLICADORES DE INFORMAÇÃO PARA CONTROLE DAHANSENÍASE EM PERNAMBUCO. Mirian Domingos Cardoso (Orientadora) (Relatora) Émilli Natália dos Santos Nunes Amanda Rodrigues da Coimbra Pinto da Fonseca Janaina Raimunda de Lima Raíza Souza Landim Rosimery Tavares Santiago Denise Rodrigues Lima dos SantosE 06 - EXPERIÊNCIA DE ACADÊMICOS DE ENFERMAGEM NO PROJETOLAISM: LABORATÓRIO DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DA MULHER* Maria Suely M. Corrêa (Relatora) Kamila Fortuna de M. Passos Evelyne Nascimento Pedrosa Débora Gomes Farias Gabriela Leite Rabêlo Luzia Cristina L. Freire Renata Maria M. WanderleyE 07 -TEATRO INTERATIVO: REVIVENDO/RECONSTRUINDO CENÁRIOS NATERCEIRA IDADE Estela Maria Leite Meirelles Monteiro (Relatora) Cássia Noele Arruda Campos Izaura Cleone Ferreira dos Santos Ludmila Capistrano dos Santos Milena Ribeiro de Moura Lucas dos Santos Feitosa Adelina Fernanda Pereira CabralE 08 - EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA O CONTROLE DA HANSENÍASE EMESCOLAS DO MUNICÍPIO DE RECIFE (Orientadora) Vera Rejane do Nascimento Gregório Larissa Cristina Carneiro Cavalcanti Priscilla de Oliveira Florêncio (Relatora) Regina Celi de Lira Neves 26
  27. 27. Sâmia Tavares Rangel Teonila Paula de Araújo LunaRELAÇÃO DOS TRABALHOS CIENTÍFICOS APRESENTADOS NAMODALIDADADE POSTER DIALOGADOC 09 - SISTEMATIZAÇÃO DA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM NOSHOSPITAIS PÚBLICOS UNIVERSITÁRIOS DE PERNAMBUCO Jael Maria de Aquino Maria do A. de Souza Lima 2 Andréa de Souza Ferreira Deisyelle Magalhães Barbosa (Relatora) Janaina Raimunda de LimaC 10 - DIAGNÓSTICO DE ENFERMAGEM EM PACIENTES COM INFARTOAGUDO DO MIOCÁRDIO (IAM) ATENDIDOS NA EMERGÊNCIACARDIOLÓGICA. Raphaella Patrícia Torres Bertolini (RELATORA) Rayanne Krishna da Silva França Regina Celi de Lira Neves Mariella Santos Oliveira Simone Maria Muniz da Silva BezerraC 11 - HUMANIZAÇÃO NA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEMPERIOPERATÓRIA A UMA PACIENTE SUBMETIDA À REMOÇÃO DENÓDULOS MAMÁRIOS (Relatora) Michelle Caroline da Silva Santos Raphaella Patrícia Torres Bertolini Marla Geórgia Monteiro Barros Amanda de Melo França Estela Maria Leite Meirelles MonteiroC 12 - SUBSÍDIOS PARA ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM PERIOPERATÓRIAEM CIRURGIA CARDÍACA (Relatora)Eduarda Nascimento Carneiro Leão Marla Geórgia Monteiro Barros 27
  28. 28. Michelle Caroline da Silva Santos Simone Maria Muniz Silva Bezerra Hilda Silva Carrilho Barbosa Eliane MotaC 13 - UMA VISÃO MULTIDISCIPLINAR NO ENSINO COM PORTADORES DESÍNDROME DE DOWN João Ferreira da Silva (Orientador) Anderson Adelson de Oliveira Éricka Noêmia Gomes da Silva Maria Tathiane da Silva (Relatora) Thamyres do Nascimento Juvenal Yane Ferreira CardosoC 14 - A BIOSSEGURANÇA EM UNIDADES DE SAÚDE DA FAMÍLIA EM DOISMUNICÍPIOS DO AGRESTE DE PERNAMBUCO EM 2009. Cíntia de Carvalho Silva Roberta Fabíola Marins de Oliveira Pedro Henrique de Barros Falcão Morgana de Freitas Caraciolo Ariane de Carvalho MagalhãesC 15 - O FLAGELO DA DESNUTRIÇÃO INFANTIL AINDA PRESENTE: UMRELATO DE CASO Adriana Lopes Ferreira Sandra Trindade Low Maria Joana Pereira Neta Rute Ivete Andrade das Chagas Leda CantaruttiC 16 - RELATO DE EXPERIÊNCIA DAS ATIVIDADES NA MORITORIA DE CME Estela Maria Leite Meirelles Monteiro (orientadora) Jael Mª de Aquino (orientadora) Vanessa Louis Camilo Rocha Elizama de Souza Oliveira Priscilla Cabral Ferreira Tsai Luana Medeiros de França Rebeca Barroso Batista Luana Soares BezerraC 17 - CONVIVENDO COM AS DIVERSIDADES HUMANAS Natália Gomes de Souza Vanessa Maria Ferreira da Silva Rafaela Gomes Ribeiro de Sá Rafaela de Morais Cavalcanti Ralph Manuela Gurjão Gondim 28
  29. 29. Marcelle Luana Carneiro Lemos Orientadores: João Ferreira da SilvaC 18 - RELATO DE EXPERIÊNCIA DA ENFERMAGEM NA LIGA DE CIRURGIADE HÉRNIA INGUINAL Orientadores: Estela Maria Leite Meirelles Monteiro Orientadores: Jael Mª de Aquino Orientadores: Luiz Eduardo Correia de Miranda Adrienny Nunes da Silva Tavares Amanda Maria Albuquerque de Aguiar Angélica Sobral Ferraz Cruz Cavalcanti Graziele Fonseca Cysneiros Joana de Faria Oliveira Bezerra Michelline Santos de FrançaC 19 - DESCARTE DOS RESÍDUOS QUÍMICOS: UMA QUESTÃO DESEGURANÇA AMBIENTAL. (Orientadora) Kedma de Magalhães Lima Lígia de Oliveira Braga Jacira Theodósio Mendes Lins Rafaela Araújo Maranhão (Relatora) Maíra Danielle Gomes de Souza Amanda Pontes de Sá MarquimC 20 - GERENCIAMENTO DE RESÍDUOS HOSPITALARES E A ENFERMAGEM:UMA QUESTÃO AMBIENTAL. (Orientador) Kedma de Magalhães Lima Lígia de Oliveira Braga Jacira Theodósio Mendes Lins Rafaela Araújo Maranhão Maíra Danielle Gomes de Souza (Relator) Amanda Pontes de Sá MarquimC 21 – PERFIL EPIDEMIOLÓGICO DA DOENÇA DE CHAGAS NO MUNICÍPIODE CABROBÓ (PE), NO PERÍODO DE 1999-2009, COM ÊNFASE EM UMTRABALHO DE EDUCAÇÃO EM SAÚDE Maria Beatriz Araújo Silva Maria Auxiliadora Vieira Caldas Maria Cândida Dias de França Cavalcanti Taciana Albuquerque Campos Ferraz (Relatora) Vanessa Karla de Andrade SilvaC 22 - INTEGRANDO A EXTENSÃO, O ENSINO E A PESQUISA A PARTIR DAPRÁTICA PROFISSIONAL EM SAÚDE DA FAMÍLIA: UM RELATO DEEXPERIÊNCIA. Itamar Lages (orientador) 29
  30. 30. Marcelo Freire Frazão (relator) Émilli Natalia dos Santos Nunes Romena Figueiredo Machado Carvalho Ingrid D’avilla Freire PereiraC 23 - SISTEMATIZAÇÃO DAS ATIVIDADES DE ENFERMAGEM NO PROCESSODE IDENTIFICAÇÃO DOS PORTADORES DA DOENÇA DE CHAGAS NOAMBULATÓRIO DE CHAGAS (HUOC/PROCAPE) Valdinete Paiva Veridiana Câmara Furtado Ana Claudia Araújo da Silva Ana Claudia Oliveira de Moraes Gabriela Lopes de Almeida Nathália Queiroz Fernandes GonçalvesC 24 - EPIDEMIOLOGIA DAS HEPATITES VIRAIS DE UM HOSPITALUNIVERSITÁRIO DA CIDADE DO RECIFE Estela Rodrigues Paiva Alves Aurélio Molina da Costa (Relatora) Tuana Sampaio de Souza Fernandes Renata Vilarindo Seabra Mayara Melo da Silva Camilla de Godoy MacielC 25 - MASTECTOMIA: ESTUDO DE CASO REALIZADO EM UM HOSPITALUNIVERSITÁRIO DE PERNAMBUCO Estela Rodrigues Paiva Alves (Relatora) Renata Vilarindo Seabra Aurélio Molina da Costa Camilla de Godoy Maciel Mayara Melo da Silva Tuana Sampaio de Souza FernandesC 26 - TRATAMENTO DE FERIDAS SOB A ÓTICA DO PROCESSO DEENFERMAGEM Estela Rodrigues Paiva Alves Aurélio Molina da Costa (Relatora) Izabelly Cristiny Cavalcanti da Silva Camilla de Godoy Maciel Mayara Melo da Silva Renata Vilarindo Seabra 30
  31. 31. C 27 - APLICAÇÃO DO PROCESSO DE ENFERMAGEM: UM ESTUDO DE CASOSOBRE COLECISTITE Estela Rodrigues Paiva Alves (Relatora) Camilla de Godoy Maciel Fátima Maria da Silva Abrão Joana D’arc Vila Nova Jatobá Renata Vilarindo Seabra Tuana Sampaio de Souza FernandesC 28 - HIPERTENSÃO ARTERIAL: UM ESTUDO DE CASO Estela Rodrigues Paiva Alves (Relatora) Mayara Melo da Silva Fátima Maria da Silva Abrão Hilda Silva Carrilho Barbosa Camilla de Godoy Maciel Tuana Sampaio de Souza FernandesC 29 - RELATO DE EXPERIÊNCIA DAS ATIVIDADES NA MORITORIA DESEMIOLOGIA E SEMIOTÉCNICA Viviane Tannuri Ferreira Lima Falcão (Orientadora) Deyse Queiroz Nogueira Isabelle do Nascimento Alves Larissa Cristina Carneiro Cavalcanti Mayara Cedrim SantosC 30 - PORTADORES DE SÍNDROME DE DOWN COM CARDIOPATIA EMATENDIMENTO MULTIDISCIPLINAR NO PROCAPE: UMA ANÁLISEBIOANTROPOLÓGICA Maria do Carmo Tinoco Brandão (Orientadora) Viviane Tannuri Ferreira Lima Falcão (Co-orientadora) Ana Raquel Xavier Ramos Anderson Adelson de Oliveira Éricka Noêmia Gomes da Silva Maria Tathiane da Silva Thamyres do Nascimento Juvenal Yane Ferreira Cardoso (Relatora)C 31 - A IMPORTÂNCIA DA ENFERMAGEM NA EDUCAÇÃO EM SAÚDEPARA O DIAGNÓSTICO PRECOCE DO CÂNCER DE MAMA NO MUNICÍPIODE MORENO, PERNAMBUCO Magaly Bushatsky Andréa Rosane Sousa Silva Denise Rodrigues Lima dos Santos 31
  32. 32. (Relatora) Amanda de Melo França Ana Claudia Araújo da Silva Amanda Regina da Silva Góis Antonio Simão dos Santos Figueira FilhoC 32 - ATIVIDADES DE ENFERMAGEM NA LIGA ACADÊMICA DOPROGRAMA DE TRANSPLANTE DE FÍGADO DO HOSPITAL UNIVERSITÁRIOOSWALDO CRUZ (HUOC/UPE) (Relatora) Ana Claudia Oliveira de Moraes Andreia Soares Da Silva Juliana Duque Da Silva Kelly Reis De Menezes Cláudio Moura Lacerda Bernardo David SabatC 33 - ESTUDANTES DE ENFERMAGEM NA COMPREENSÃO DA OBESIDADEMÓRBIDA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA Edivânia Felix dos Santos (Relatora) Denise Rafaela C. Guerra Maria Joana Perreira NetaC 34 - SEQUELAS PRECOCES E ÓBITOS EM CASOS DE MENINGITEBACTERIANA MENORES DE 15 ANOS INTERNADOS EM UM HOSPITAL DEREFERÊNCIA DE RECIFE, PE NO ANO DE 2009 Mirian Domingos Cardoso Zenize Rocha da Silva Costa (Relatora) Deisyelle Magalhaes Barbosa Ana Paula da Conceição Justino RamosC 35 - OPORTUNIDADES DAS ACADÊMICAS DE ENFERMAGEM EM UMAMONITORIA NA ATENÇÃO À SAÚDE DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE: UMRELATO DE EXPERIÊNCIA Sandra Trindade Low Ana Carla Oliveira de Sousa (Relatora) Karina Thereza da Silva Lidianna Coelho Pereira Paula Andréa dos Santos Genésio Andreia Gregório LimaC 36 - DO DIREITO A SAÚDE: CONTORNOS JURÍDICOS DA INTEGRALIDADEDA ATENÇÃO À SAÚDE NO SUS 32
  33. 33. Caroline Leite Meirelles Monteiro Alan Leite Meirelles Monteiro João Paulo Fernandes de Souza Allain Teixeira Estela Maria Leite Meirelles MonteiroC 37 - CENTRAL DE MATERIAL E ESTERILIZAÇÃO: DESAFIOS EPERSPECTIVAS PARA AVANÇOS Estela Maria Leite Meirelles Monteiro (Relatora)Verônica Mirelle Alves Oliveira Pereira Laís Naiara Cézar Cabral Maria Fernanda Spinelli Moura Vanessa Laís Leão Raposo MarquesC 38 - MONITORIA EM SOCORROS DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DOPEPEAV: RELATO DE EXPERIÊNCIA Elizabeth De Souza Amorim, (Relatora) Mariana Sousa Arruda Barros, Mônica Fidelis De Ataíde, Amanda Rodrigues Coimbra Pinto Da Fonseca,C 39 - BANHO NO LEITO: A IMPORTÂNCIA DE UM CUIDADO HUMANIZADO (Relatora) Michelle Caroline da Silva Santos Michelline Santos de França Mayara Barbosa da Silva Estela Maria Leite Meirelles Monteiro Regina Célia de Oliveira Dando continuidade a mobilização cultural pela comunidade discente da FENSG,estimulando as potencialidades e habilidades artísticas culturais dos mesmos. Houvenecessidade de renovação com ingresso de novos alunos na composição do grupo musical,formado por violão, bateria, teclado e vocal. O projeto para aquisição de instrumentais, aprovado em 2008, finalmente teve aaquisição dos instrumento e equipamentos solicitados, adquiridos pelo IAUPE com verba doPrograma de Fortalecimento acadêmico da Universidade de Pernambuco (PFA-UPE).Recebemos 03 violões elétricos, uma caixa de som, uma bateria, jogo de luzes e microfone. Neste ano os alunos da FENSG mobilizados pela realização do Festival de Arte eCultura, expressaram o desejo de formar um grupo cultural de maracatu, que denominaramde MaracaFENSG. Os instrumentais foram adquiridos por uma mobilização da Coordenaçãode Extensão, docentes e discentes com apóio do Diretório Acadêmico da FENSG. 33
  34. 34. Alunos participantes do GRUPO de MÚSICA e CANTO (MARACAFENSG) 1. Douglas Miguel do Prado, 2. Ihkaro Gutemberg Brandão Azevedo, 3. Débora Mendonça Amaral, 4. Carolina Piedade Moraes de F. S. Silva, 5. Lucas dos Santos Feitosa, 6. Nauã Rodrigues de Souza, 7. Emanuela Cordeiro de Sousa, 8. William de Oliveira Ribeiro, 9. Mayara Kelly Lima da Conceição, 10. Thays Gonçalves de Lima, 11. Kenned da Silva Teixeira 12. Cássia Camilly Silva Souza. A primeira apresentação do Maracafensg foi em momento cultural junto com a FOPno auditório da FCM, apesar de não ter sua inscrição aceita no Festival de Arte e Cultura pornão ter sido avaliado como atividade cultural, conseguimos junto a Coordenação setorialpermissão para que eles se apresentassem no pátio da FECAP mobilizando toda comunidadepara o evento. O MARACAFENSG em comemoração ao “Dia da Consciência Negra” apresentou-se na casa de semiliberdade CASEM I – Recife, Fundação de Atendimento Socioeducativo -FUNASE/PE, fruto de um projeto de parceria que temos com essa entidade, observar fotos aseguir. Reunião dos professores da FENSG com Transporte do grupo para a equipe do CASEM 1 Apresentação no CASEM 1 34
  35. 35. Apresentação do MaracaFENSG em Direção e Equipe técnica da CASEM I e comemoração ao Dia da Consciência Negra o GRUPO MaracaFENSG Alunos participantes do GRUPO de MÚSICA e CANTO (BANDA) em apresentaçãocultural durante a 10ª Semana Universitária da UPE, realizado no auditório da FCM e nacerimônia de encerramento realizada na FENSG. O grupo é composto por: 1. Ihkaro Gutemberg Brandão Azevedo (Bateria e canto), 2. Klébia Kelly Oliveira de Lima (Teclado), 3. Juliana Menezes Soares de Souza (Canto), 4. Moisés Correia da Silva Neto (Canto), 5. Rodrigo Barbosa de Oliveira (Violão) Apoio do Diretor da FCM durante as apresentações artísticas culturais na 10ª SU da UPE Apresentação da Grupo musical da FENSG no auditório da FCM 35
  36. 36. Diretora da FENSG Professora Vera Gregório Apresentação da Grupo musical da FENSG em pronunciamento na Cerimônia de no auditório da FCM encerramento da 10ª SU da UPEAtividade de Extensão A FENSG este ano formou no dia 10 de dezembro, 26 alunos no Ensino Médio,através do Programa Telessala, tendo como Coordenadora do projeto a ProfessoraDeuzany Bezerra Leão. Este projeto é fruto de uma parceria da FENSG e HUOC-UPEcom a Secretaria de Educação do Estado de Pernambuco, Nilton da Mota Silveira Filho, eDiretoria da Escola Aníbal Fernandes, Prof. Gilmar Tavares. Entre os concluintesdestacamos o funcionário da FENSG Marcos.I Festival de Arte da UPE A Universidade de Pernambuco (UPE), por intermédio da Pró-Reitoria de Extensão eCultura (PROEC), tornou público o Edital para a inscrição na mostra competitiva doFestival de Arte da UPE. As categorias propostas foram as seguintes linguagens artísticas:artes cênicas, literatura, fotografia e música. O Festival de Arte aconteceu nos dias 10 a 12 de novembro de 2010, na Faculdade deCiências da Administração de Pernambuco. A FENSG participou com apresentação do 36
  37. 37. Grupo MaracaFENSG, com o Grupo de teatro EnfeARTE e com o Grupo de teatro de Idososda comunidade de Santo Amaro. Como visualizamos nos registros fotográficos a seguir. FOTOS do Grupo MaracaFENSGFOTOS do Grupo de teatro EnfeARTE 37
  38. 38. FOTOS do Grupo de teatro de Idosos da comunidade de Santo Amaro (fruto de um projeto de extensão) Premiações no I Festival de Arte da UPEFOTO - Professora e Orientadora do Projeto FOTO – Professora Isabelle Barros (UPE,de Extensão em Artes Cênicas Estela campus Caruaru) orientadora do Projeto deMeirelles, junto com demais Coordenadores Extensão Modateca, responsável pelade Extensão e Cultura Setoriais, recebendo criação e confecção da bolsa para compor oda Coordenadora de Cultura da PROEC kit de premiaçãoPaula Gonçalves, do Pró-Reitor Álvaro Vieirade Mello, e do Coordenador Geral deExtensão e Cultura da UPE, Roberto Torres apremiação para a melhor atriz, que foi umaaluna da FENSG. A aluna do 8º período do curso de graduação em enfermagem da FENSG-UPE, membro do grupo de teatro ENFEARTE, Milena Ribeiro de Moura (no centro) recebeu o prêmio de melhor atriz pela sua participação na peça Mitos e Verdades no primeiro Festival de Arte e Cultura da UPE. Ela foi escolhida como melhor atriz tanto pela comissão julgadora quanto pelo público. A peça foi idealizada para esclarecer sobre os mitos que cercam a saúde “Como a idéia de que comer manga com leite faz mal”, lembra Milena. A junção entre artes cênicas e a enfermagem possibilita transmitir o conhecimento 38
  39. 39. acadêmico de uma forma mais acessível para o público. Além disso, é possível perceber osresultados mais facilmente. O grupo também foi convidados pela Secretaria de Saúde para apresentar uma peçasobre a Rubéola, mobilizando e esclarecendo a população com uma linguagem valorativa dosaber e da cultura popular. A aluna apresentou o seguinte depoimento: “eu vivenciei muitas coisas durante ocurso na FENSG, mas poder unir o teatro e a enfermagem foi uma experiência única”. O espetáculo Mitos e Verdades foi composto por alunos do oitavo, quarto e segundoperíodo, pois estamos sempre inserindo novos componentes de períodos iniciantes para darcontinuidade ao projeto, pois todos os alunos do projeto inicial em 2008 já concluíram ocurso. . Para esses alunos que darão continuidade ao trabalho, Milena deixa um recado“Gostaria que o valor do teatro não ficasse nas ruas, as artes cênicas podem ser aliadas aonosso programa de curso no que se refere à educação e saúde. Explorem, vivenciem a arte.Ela tem muito a acrescentar para a sua formação profissional”.Alunas do grupo de artes Cênicas, EnfeARTE Ludmila, Milena e Cassia Noele recebendo premiaçãoda Diretora (Professora Vera Gregório) e Vice-diretora (Professora Viviane Tannuri). Matéria divulgadano Blog da Faculdade de Enfermagem Nossa Senhora das Graças FENSG – UPE, em 21 dedezembro de 2010. Disponível em: http://jornalfensg.blogspot.com/2010/12/aluna-da-fensg-e-premiada-no-festival.html. RELAÇÃO DOS PROJETOS DE EXTENSÃO DESENVOLVIDOS EM 20101 - AÇÕES EDUCATIVAS EM SAÚDE ÀS USÚARIAS ATENDIDAS NOLABORATÓRIO DE ATENÇÃO INTEGRAL À SAÚDE DA MULHER – LAISM. 39
  40. 40. DocentesOrientadora - Maria Suely M. CorrêaCo-orientadora - Edilene Maria da S. BarbosaDiscentesPoliana Sibell B. PatriotaValeria Maria Ferreira2 - CRECHENDO SAUDÁVELDocentesOrientadora - Sandra Trindade LowDiscentesCristiane Ribeiro de LemosRomena Figueiredo Machado CarvalhoMarcely Munique Trindade MaiaAndreia Gregório LimaIzabelly CavalcantiRaquel de Almeida3- CRIANÇAS: CONHECENDO OS MEUS DIREITOSDocentesOrientadora - Maria Aparecida BeserraCo-orientadora - Maria Joana Pereira NetaDiscentesLuciana Alves SantosCamila Helena Marques dos SantosCamila Lins VianaEveline Barbosa Costa Silva 40
  41. 41. 4 - EDUCAR HANSEN: CAPACITAÇÃO DE AGENTES COMUNITÁRIOS DESAÚDE COMO MULTIPLICADORES DE INFORMAÇÃO PARA CONTROLE DAHANSENÍASE EM PERNAMBUCO. Coordenador: Mirian Domingos Cardoso – FENSG Bolsista(s): Émilli Natália dos Santos Nunes. Outros participantes: Amanda Rodrigues da Coimbra Pinto da Fonseca Denise Rodrigues Lima dos Santos Janaina Raimunda de Lima Raíza Souza Landim Rosimery Tavares SantiagoAtividades realizadas: Encontros com Gerentes de Território do Distrito III para identificação das Unidadesde Saúde (US) adscrita ao territtório, atualização dos contatos e endereços das US edefinição de equipes de ACS a serem capacitados. Capacitação dos ACSs das unidades do PSF de Guabiraba, Joaquim da Costa Carvalho noAlto do Mandu, Bola na Rede, Alto do Eucalipto, Córrego da Bica, Sítio dos Pintos Foramcapacitados 46 ACSs.6 –TALENTOS CULTURAIS EM SAÚDE: A ARTE CÊNICA COMOINSTRUMENTO DE COMUNICAÇÃO E INTEGRAÇÃO NA EDUCAÇÃO EMSAÚDEDocentesOrientadora - Estela Mª Leite Meirelles MonteiroCo-orientadora - Jael Mª de AquinoDiscentesMilena Ribeiro de MouraCássia Noele Arruda CamposIzaura Cleone Ferreira dos Santos 41
  42. 42. 7 - Termômetro da Saúde – UPEDocentesOrientadora - Sandra Trindade LowCo-orientadora - Maria Joana Pereira NetaDiscentesThesses da Silva LopesLidianna Coelho PereiraLucilla Rafaella Pacheco da SilvaEdna Rodrigues de MeloBárbara Nayara Bezerra MunizAna Raquel Novaes de Barros LimaCaio de Sousa Costa GonçalvesKariny Milfont de PaivaMárcio Bastos de Nazaré Filho Projeto de Extensão iniciado no segundo semestre de 2010, sem bolsa.E 08 - EDUCAÇÃO EM SAÚDE PARA O CONTROLE DA HANSENÍASE EMESCOLAS DO MUNICÍPIO DE RECIFE (ORIENTADORA)Vera Rejane do Nascimento Gregório Larissa Cristina Carneiro Cavalcanti Priscilla de Oliveira Florêncio (Relatora) Regina Celi de Lira Neves Sâmia Tavares Rangel Teonila Paula de Araújo Luna Márcia Noelle Cavalcante Medeiros Marla Geórgia Monteiro Barros Thaís Carla Cordeiro de Melo Isadora Batista de |Oliveira Giully Tavares Cardoso da Silva Eliadja Raiany da Silva Freire 42
  43. 43. Isabelle do Nascimento Alves Angélica Sobral Ferraz Cruz Cavalcanti Joana D´Arc de Oliveira Michel Gomes de Melo Marcella Amorem de Arruda Priscilla de Oliveira Florêncio Taciana Targino de Lima Sâmia Tavares Rangel Fernanda Andrade Leite de Melo Sue Ellen Luna do Nascimento Bárbara Kelly de Sousa Bispo Gabriela Lopes de AlmeidaDivulgação e publicação de Projeto de Extensão Dando continuidade a divulgação e publicação de estudos resultantes de projetosextensionistas, os docentes continuam empenhados. Foram enviados artigos de projetos de2009 para composição de livro a ser editado pela EDUPE, organizado pela PROEC, napessoa da Professora Delma Maria de Albuquerque. Vários estudos foram apresentados emeventos científicos contribuindo para maior visibilidade da nossa Universidade. O Instituto Internacional para o Desenvolvimento da Cidadania (IIDAC) – eObservatório Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, parabeniza e divulga aintegração e as experiências que representaram os Núcleos, por meio de suas Comunidadesde Prática, que já pertencem à Rede nos estados, localizados nas doze UniversidadesEstaduais parceiras do Projeto Nacional, para 2011. No estado de PERNAMBUCO aUniversidade: UPE tem como articuladora do Núcleo: professora Maria Jaidene Pires. Foi selecionada para ser apresentada em Brasília, de 06 a 08 de dezembro, A BoaPrática: Jovens de Unidades Socioeducativas em regime de semiliberdade da FUNASE,Recife – PE: Vivências e Expectativas, tendo como responsável Institucional: prof. EstelaMaria Leite Meirelles Monteiro. 43
  44. 44. Gilson Scharnik, diretor-presidente do Professora Estela Meirelles Monteiro IIDAC, Professora Marluce apresentando Boa Prática selecionada Tavares(FCM), Professora Maria Jaidene para representar a Universidade de Pires(ESEF) e Professora Estela Pernambuco Meirelles Monteiro (FENSG)Propostas da Coordenação de Extensão e Cultura para 20111. Ampliação na participação de docentes e discentes em projetos de extensão2. Estimular os docentes e discentes na produção e publicação de artigos científicos oriundosdos projetos de extensão realizados em 2011.3. Aquisição de um estagiário para a Coordenação de extensão4. Construir projeto de extensão reconhecendo as ações culturais desenvolvidas peloMaracaFENSG.5. Manter parceria com os serviços de saúde da UPE e DA de Enfermagem na programaçãoda 72ª Semana de Enfermagem e IV Seminário de Integração Docente Assistencial deEnfermagem da UPE.6. Compor comissões de trabalho na PROEC e em órgãos de fomento.7. Acompanhar e apoiar os projetos de extensão recomendados para realização com ou sembolsa para o estudante.8. Ampliar a articulação entre os projetos e produções de extensão com os grupos depesquisa.9. Ampliar a visibilidade das atividades de extensão desenvolvidas na FENSG estabelecendoum calendário para divulgação no Jornal Eletrônico da FENSG e no site da UPE pelaPROEC.10. Elaborar projetos para financiamento de ações de extensão pela FENSG-UPE. 44
  45. 45. Considerações Finais Finalizo este relatório destacando um trecho do artigo Extensão Universitária:opinião de estudantes do campus saúde de uma instituição pública da regiãometropolitana do Recife-PE de autoria de Monteiro et al., publicado na Revista Mineira deEnfermagem (REME), v.13, n.3 de 2009, e disponível on line, o qual destaca que aparticipação em projetos de extensão e pesquisa contribui na formação por possibilitar aofuturo profissional de saúde uma postura crítica, política, criativa e inovadora, com enfoquena ações de educação em saúde, “requerendo uma re(elaboração) das abordagens e doscenários de ensinar e aprender, que tenham como estratégia norteadora, a construçãoconjunta e contextualizada de conhecimento teórico e prático, em que discentes, docentes ecomunidade sejam sujeitos ativos do processo ensino-aprendizagem”. Este relatório foi elaborado por: Dra. Estela Maria Leite Meirelles Monteiro Professor Adjunto da FENSG-UPE Docente do Programa Associado de Mestrado em Enfermagem UPE/UEPB Coordenadora Setorial de Extensão e Cultura Coren:38474-PE Matrícula: 7037-8 45

×