Uploaded on

Aula de segurança de redes

Aula de segurança de redes

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
103
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
4
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Segurança de Dados : Tecnologia de segurançaJorge Ávila
  • 2. Como se prevenir de ataques?• “O Brasil é um dos países onde há maior risco de ataques cibernéticos. “Em nossos laboratórios de pesquisa conseguimos mapear as regiões do mundo onde mais ocorrem ataques cibernéticos. E o Brasil é hoje não apenas um dos principais alvos, mas também um grande pólo gerador de ataques cibernéticos. Acredito que um dos fatores para essa maior vulnerabilidade é o crescente acesso à Internet por parte da população, graças à expansão do mercado de computadores, smartphones e, mais recentemente, tablets. Quanto mais pessoas estiverem conectadas, maior será o risco, especialmente quando ainda não há uma consciência por parte da população quanto à importância de se proteger contra esse tipo de ameaça invisível”, explica Ascold Szymanskyj, vice-presidente da F-Secure para a América Latina.
  • 3. Como se prevenir de ataques?• Para diminuírem os ataques é fundamental em primeiro lugar rever a política de segurança das empresas, sejam públicas ou privadas.
  • 4. Como se prevenir de ataques?• “É preciso um combate rigoroso a esses criminosos, inclusive no que diz respeito às leis de combate aos crimes eletrônicos, que devem ser revistas e atualizadas. É necessária uma cooperação internacional para rastrear e frear esse tipo de prática ilegal”. Um ataque a uma caixa de e- mails de alguma autoridade pode gerar sérios prejuízos à administração de uma cidade, estado ou país. Szymanskyj enfatiza: “Imagine que o criminoso pode enviar e-mails em nome da autoridade, modifica ou apagar arquivos, instalar aplicativos maliciosos que podem danificar e roubar documentos importantes de determinado órgão público. É um tipo de prejuízo incalculável, sem contar a sensação de insegurança para a população que um episódio como este acarreta”.
  • 5. E quanto aos nossos computadores decasa?• Outro ponto a ser ressaltado é que os usuários domésticos de PCs, smartphones e tablets também estão vulneráveis a esse tipo de crime. No Brasil, a maioria das pessoas ainda não possui um software de segurança adequado e não faz backup dos seus dados, especialmente nos smartphones. Existe a falsa impressão de que o risco maior está no desktop ou no notebook, mas a partir do momento em que o dispositivo está conectado à Internet, seja wi-fi ou via banda larga móvel, ele já está sujeito ao ataque de hackers e crackers
  • 6. E quanto aos nossos computadores decasa?• “Estes são os dois tipos de modalidades de criminosos cibernéticos. Podemos comparar os hackers aos pichadores, pois eles entram nas máquinas, em sites ou servidores, e deixam a sua marca. Já os crackers tem como objetivo fazer uma varredura em informações que podem ter algum tipo de valor comercial, como números de contas e senhas bancárias, número de cartões de crédito, dados de cadastro de usuários, informações comerciais importantes etc. Há muitas formas de se receber um vírus em um computador ou dispositivo móvel, podendo ser desde um link recebido via mensagem pelo celular até um e-mail aparentemente inofensivo, que remete à instalação automática de um aplicativo malicioso. Ou ainda por meio das redes sociais, as quais tem sido uma forma muito comum de propagação de vírus”
  • 7. E quanto aos nossos computadores decasa?• Ele expõe que para se proteger, em primeiro lugar é fundamental possuir um software de segurança associado ao dispositivo e mantê-lo sempre atualizado. “Além disso, é importante tomar outras precauções, como evitar abrir e-mails e links de desconhecidos. Se desconfiar, não abra. Nas redes sociais, use todos os filtros de proteção que elas oferecem e evite expor-se desnecessariamente, sem critérios. É importante lembrar que não apenas seus amigos podem visualizar os seus posts, logo não há controle sobre quem vai acessar àquela informação”.
  • 8. Qual sistema é mais seguro, Linux ouWindows?
  • 9. Qual sistema é mais seguro, Linux ouWindows? O Linux é mais seguro que o Windows por não ter vírus ?
  • 10. Qual sistema é mais seguro, Linux ouWindows?• O Linux é mais seguro que o Windows por não ter vírus ? ▫ A afirmação que o Linux é mais seguro que o Windows porque não tem vírus é um tanto polêmica. Bom, isso é verdade porque as pessoas que criam os vírus de computador criam para que ele contamine o maior número de computadores possíveis. Como hoje o sistema operacional mais usado é disparado o Windows, os vírus são criados para ele.
  • 11. Qual sistema é mais seguro, Linux ouWindows?• O Linux é mais seguro que o Windows por não ter vírus ? ▫ O Linux e o Apple MacOSX tem pouquíssimos vírus, comparado com o Windows é quase zero, apesar de opiniões contrárias. Se tivermos milhares de vírus para Windows contra dúzias de vírus para Linux, obviamente sabemos quem está mais vulnerável.
  • 12. Qual sistema é mais seguro, Linux ouWindows?• O Linux é mais seguro que o Windows por não ter vírus ? ▫ Hoje o Windows possui perfil de administrador e de usuário, assim como o Linux possui uma certa hierarquia de privilégios de acesso. Assim como o Windows oferece algumas brechas de através de DLL’s um programa comum obter um privilégio alto, o Linux tem falhas de acesso a bibliotecas que podem fazer algo semelhante. ▫ Com isso, em ambos sistemas operacionais os administradores precisam atualizar sempre que possível para evitar problemas. ▫ Uma máquina com uma instalação padrão está bem vulnerável, tanto em Windows como em Linux, ficando a cargo do usuário corrigir essa deficiência.
  • 13. Qual sistema é mais seguro, Linux ouWindows?• O principal fator que torna o Linux mais seguro, mais estável e mais eficiente que o Windows é o fato de que ele tem seu código- fonte aberto, sendo possível qualquer pessoa que tenha conhecimento, corrigir seus problemas e compartilhar as soluções com usuários do mundo todo. Cada um ajuda um pouco, seja na hora de fazer testes, na resolução dos problemas etc.
  • 14. Qual sistema é mais seguro, Linux ouWindows?• Já o Windows é um software proprietário, ou seja, somente a MS pode fazer alterações no mesmo, é por isso que algumas falhas ficam dias ou até semanas sem correção efetiva. Por isso, do meu ponto de vista considero o Linux amplamente mais seguro que o Windows, levando em consideração uma configuração adequada para o mesmo.
  • 15. Soluções Coorporativas• Firewall• VPN• IDS(Sistema de Detecção de Intrusão)/IPS(Sistema de Prevenção de Intrusão)• Honeypot
  • 16. Video• firewall
  • 17. FIREWALL• Definição de Firewall ▫ É um sistema de proteção que vem evoluindo continuamente suas tecnologias. ▫ Com muita fama, erroneamente causa a falsa expectativa que apenas sua presença resolve todos os problemas de segurança. ▫ Diversos conceitos estão vinculados ao nome FIREWALL ▫ As vezes é vítima de sua própria eficiência – “Nunca fui invadido, posso tirar este Firewall daí...”
  • 18. FIREWALL• Definição – Cheswick e Bellovin ▫ Firewall é um ponto entre duas ou mais redes, no qual circula todo o tráfego. A partir desse único ponto, é possível controlar e autenticar o tráfego, além de registrar, por meio de logs, todo o tráfego da rede, facilitando sua auditoria.
  • 19. FIREWALL• Definição – Chapman ▫ Firewall é um componente ou conjunto de componentes que restringe o acesso entre uma rede protegida e a Internet, ou entre outros conjuntos de redes.
  • 20. FIREWALL• Definição –Organizacional ▫ Sistema ou grupo de sistemas que reforça a política de controle de acesso entre duas redes e, portanto, pode ser visto como uma implementação da P.S. O firewall é tão seguro quanto a política de segurança com que ele trabalha
  • 21. FIREWALL
  • 22. FIREWALL