Your SlideShare is downloading. ×

Julgamento com sanita acaba com ameaças de morte

262

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
262
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Alfacoop – Cooperativa de Ensino crl Externato Infante D. Henrique Avª Comendador Padre David | 4709-008 Ruílhe | Tel.253 959 000 Fax.253 951 701 | www.eidh.eu email: cfa@alfacoop.pt EIXO 2. Adaptabilidade e Aprendizagem ao Longo da Vida | 2.2 Educação e Formação de Adultos Julgamento com sanita acaba com ameaças de morte Conflito entre vizinhos levou-os à barra do tribunal. Sessão terminou com desacatos obrigando, à intervenção de uma brigada rápida da PSP Julgamento de um conflito de vizinhos que tem levado uma advogada a transportar uma sanita para tribunal foi interrompido esta quarta-feira por ameaças de morte, desacatos e insultos, na sequência da expulsão de um dos arguidos. A situação obrigou à intervenção de uma brigada rápida da PSP, quando o arguido saiu da sala de audiências exaltado, batendo com a porta e aos sido atiradas contra a sua casa e para o pontapés, seguido por outras pessoas, pátio da moradia, na Conchada, em familiares dos acusados, ouvindo-se Coimbra. insultos e ameaças de morte dirigidas à advogada queixosa. A advogada justifica tratar-se de elementos de prova - que a juíza tem Cremilda Ferreira, advogada de impedido de levar para a sala de profissão, queixa-se de estar a ser vítima audiências - e afirma que para o pátio da de vandalismo e de ameaças de morte sua moradia foram atirados também pelos vizinhos e tem-se feito sacos com fezes, garrafões com urina e acompanhar de uma sanita portátil e de outros objectos, há cerca de um ano. um saco com pedras que alega terem Conflito interpessoal, classificado como perder-perder. Desentendimento de vizinhos onde uma advogada (vizinha) foi alvo de vandalismo devido a sua participação no processo anteriormente existente. Trabalho realizado por: Bruno Oliveira Samuel Fernandes Tatiana Guimarães

×