Your SlideShare is downloading. ×
0
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Função Metalinguistica
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Função Metalinguistica

98,048

Published on

5 Comments
17 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
98,048
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
907
Comments
5
Likes
17
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Função Metalingüística <br />
  • 2. INTRODUÇÃO<br />Função metalingüística: centrada no código, serve para dar explicações ou dar precisão ao código utilizando pelo emissor. Metalinguagem é uma linguagem que fala da própria linguagem. Tem por objetivo a língua usada como forma de expressão.<br />Função Metalingüística<br />Ocorre quando o código é posto em destaque, ou seja, usa-se o código lingüístico para transmitir aos receptores reflexões sobre o próprio código lingüístico. Bons exemplos da função metalingüística são as aulas de línguas, gramáticas e o dicionário.<br />
  • 3. A linguagem pode ser usada de diferentes formas pelo emissor de uma mensagem durante um processo de comunicação. A escolha precisa da função da linguagem mais adequada aumenta a chance de êxito no processo de comunicação, ou seja, a reação desejada no receptor.<br />O código lingüístico é posto em destaque. Usa-se o código para falar dele mesmo. Exemplos: literatura, cinema, pintura, música e etc.<br />
  • 4. EXEMPLOS DE METALINGUAGEM<br />Na Literatura<br />Centralizada no código, usando a linguagem para falar dela mesma. A poesia que fala da poesia, da sua função e do poeta, um texto que comenta outro texto. Principalmente os dicionários são repositórios de metalinguagem. <br />Obs.: Em um mesmo texto podem aparecer várias funções da linguagem. O importante é saber qual a função predominante no texto, para então defini-lo.<br />
  • 5. Cinema<br />Os processos metalingüísticos não são, porém, exclusivos da literatura.  A metalinguagem se faz presente muito freqüentemente nos filmes e na propaganda. Desde o título, o filme “Cinema Paradiso” evidencia o procedimento metalingüístico uma vez que seu enredo  trata do próprio cinema.<br />O filme conta a história de um cineasta de sucesso retorna à sua cidade-natal quando é avisado da morte de um grande amigo de seu passado, que o ajudou a se apaixonar pelo cinema.<br />
  • 6. &quot;A NOITE AMERICANA“ de 1973<br />Um dos filmes que melhor representa as loucuras que se passam em um set de filmagem.<br />‘’DELÍRIOS DE HOLLYWOOD’’ de 1991<br />Conta a história de um roteirista que acaba sendo contratado por Hollywood para escrever um filme importante e se torna um mestre no cinema.<br />
  • 7. &quot;CREPÚSCULO DOS DEUSES’’ de 1950<br />É, quem sabe, a maior obra-prima da metalinguagem cinematográfica, e uma das maiores da história do cinema, independente de gênero ou época. Onde o diretor teve a coragem de retratar Hollywood com uma ironia ácida, corrosiva, e não poupou ninguém.<br />
  • 8. Pintura<br />Nas artes plásticas, tal recurso pode ser observado, por exemplo, no famoso quadro de Velásquez, “As meninas”, onde o pintor se retrata pintando o quadro. Num jogo de olhares com o espectador, ele o traz  para dentro do quadro, deslocando lugares instituídos. É a pintura retratando o ato de pintar, uma maneira mesmo de se encarar esse ato.<br />
  • 9. As meninas”, de Velásquez<br />
  • 10. René Magritte <br />
  • 11. Auto-Retrato, Van Gogh<br />Nesta tela a metalinguagem se manifesta em dois aspectos:<br />A tela tem por motivo a própria pintura ( o pintor em plena atividade)<br />Trata-se de um auto-retrato, ou seja, o pintor retratado é o pintor que pinta.<br />
  • 12. Música<br />Escrevi essa canção <br />Pra dizer que sinto por você<br />Estrela da manha<br />Só você faz nascer um novo dia<br />NOVO SOM<br />
  • 13. Eu vou equalizar você<br />Numa freqüência que só a gente sabe<br />Eu te transformei nessa canção<br />Pra poder te gravar em mim<br /> PITTY<br />
  • 14. CONCLUSÃO<br />METALINGÜÍSTICA é a utilização do código para falar dele mesmo: uma pessoa falando do ato de falar, outra escrevendo sobre o ato de escrever, palavras que explicam o significado de outra palavra.<br />Ocorre metalinguagem quando o poeta, num texto qualquer, reflete sobre a criação poética; quando um cineasta cria um filme tematizando o próprio cinema; quando um programa de televisão enfoca o papel da televisão no grupo social; quando um desenhista de quadrinhos elabora quadrinhos sobre o próprio meio de comunicação, etc. Em todas as situações citadas, percebe-se o uso do código.<br />

×