Doutorando em Ciências de Educação –AOE- UCM (UCP-FEP- PORTO) Tutor:  Prof.Doutor José Joaquim Matias Alves<br />Rovira, J...
Cc jjma
Cc jjma
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Cc jjma

320

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
320
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Cc jjma

  1. 1. Doutorando em Ciências de Educação –AOE- UCM (UCP-FEP- PORTO) Tutor: Prof.Doutor José Joaquim Matias Alves<br />Rovira, J.P. (2004). Educação em valores e Fracasso Escolar. In Marchesi, A., Hérnandez G. et al (2004). Fracasso Escolar – Uma Perspectiva Multicultural. Artmed Editota. Porto Alegre. Brasil. Pp.82-90.<br />TESES<br />A Educação em valores tem uma influência marcante no fracasso escolar <br />É necessária construção de uma biografia satisfatória para evitar o fracasso escolar<br />Uma comunidade escolar moralmente densa limita o fracasso escolar<br />PALAVRAS-CHAVES<br />Fracasso escolar; educação em valores; biografia satisfatória; comunidades escolares moralmente densas; comunidade democrática<br />OCORRÊNCIAS DAS CITAÇÕES BIBLIOGRÁFICAS<br /> AAVV (2); M.Weber (2); J.Puig (2) e outros foram citados somente uma vez, caso de A.Marchesi; E.Morin; R.Frondizi; J.V.Werrsch; Rowls e A.Gidden.<br />RESUMO: <br />Rovira inicia sua abordagem falando da problemática antiga e muito discutida no processo de ensino e aprendizagem, que é o fracasso escolar. É o fenómeno que não-se deve deixar de falar pelo seu impacto social que está provocando. Mas esse problema já é sobejamente conhecido por todos. O que não têm sido frequentemente discutidos segundo a autora é relação entre o fracasso escolar e a educação em valores. As pessoas falam do fracasso escolar no sentido de baixo rendimento académico e abandono prematuro dos estudos, entretanto, não conseguem visualizar que fracasso escolar também é a deficiente adaptação das normas nos centros educativos.<br />A educação de valores é um dos vectores preponderante para o fracasso escolar, pois, se as certas configurações de valores estão bem determinadas há maior possibilidade do aluno terminar com êxito a sua passagem pela escola, o inverso também é válido.<br />Afirma-se que o aluno amado pelos seus parentes, onde o vínculo de afecto é segurança permite uma socialização sadia e que inspira que quando adulto será valioso e ele ama as normas em evidências está se colocando as bases para uma biografia satisfatória. Portanto, a qualidade dessa biografia numa determinada comunidade constitui um factor causal de êxito e/ou do fracasso escolar.<br />Remata o autor dizendo que, quando o sujeito é capaz de integrar o passado, reconhecer o presente, antecipar a possibilidade de alcançar resultados desejados e inserir esses resultados num projecto vital motivado alcança êxitos. Uma biografia supõe conhecer e aceitar, ver-se capaz, e esboçar um projecto de segurança.<br />Comunidades escolares moralmente densa, capaz de estabelecer práticas que facilitam as relações cara-a-cara entre os seus componentes, diálogo aberto e livre de todos os participantes.<br />É preciso estabelecer uma política educativa e umas formas de intervenção escolar que desenhem as linhas que definam uma comunidade escolar moralmente densa ou uma comunidade escolar democrática.<br />O texto termina com o termo comunidades escolares democráticas, para referir escolas plurais onde convivem professores e alunos com distinta procedência étnica, diferentes raízes culturais e com valores também diferentes, mas a relação afectiva, o diálogo e a cooperação lhes ajudam a obter êxito no processo ensino-aprendizagem<br />Comentário Crítico<br />. A Educação em valores tem uma influência marcante no fracasso escolar <br />Observa-se hoje em dia famílias “turbos profissionais” onde o tempo, o serviço, a produção e a produtividade são a prioridade dos pais e encarregados da educação. Os que vivem principalmente nas cidades os seus filhos são entregues a empregado(a) domésticos, creches, avós e outros, mas, menos os pais. Nessa situação que modelos de filhos se espera ter no futuro? O mais grave ainda em Moçambique é que estes empregados domésticos não são profissionais, os avós não estão preparados, as creches são caros para os pais com vencimento básico. Quem vai transmitir essas crianças o afecto e segurança que precisam como os futuros membros da comunidade escolar. Consequentemente criamos crianças com atitudes que “caem de pára-quedas”, sem convicções nem virtudes e por conseguinte sem paradigma de vida. Na escola não-se adapta as normas escolares estabelecidas e consequentemente fracas notas académicas e/ou abandona prematuramente a escol a– fracasso escolar, <br />É necessária construção de uma biografia satisfatória para evitar o fracasso escolar<br />No entanto parece que os pais estão ocupados durante 24 horas. É o mito industrial de que não há tempo e que todo mundo está super ocupado consome óptimo biografia . A bíblia diz que há tempo para tudo, em particular para moçambicanos e em especial para os nampulenses. O mito de que não há tempo deve ser expurgado e começar a tomar conta dos filhos. Transmitir o afecto e a segurança neles. Devem sentir-se capazes que são valiosos no futuro, para isso, pai e mãe são mola mestra para o efeito. Se queremos evitar o fracasso escolar deve haver constantemente pai e mãe presentes.<br />Uma comunidade escolar moralmente densa limita o fracasso escolar<br />O mundo tornou-se muito pequeno para todos nós. Interacção Social é uma prioridade entre seres humanos principalmente. A escola deve criar estratégias para constante comunicação entre todos os membros da comunidade. A acção social escolar deve ser mutuamente bem orientada. A comunicação é fundamental para o homem, enquanto ser social, e para a cultura. E quando se trata de alunos e professores ainda mais, pois, o professor é continuação dos pais na escola mas sem eles. É sobejamente conhecido e já se disse no resumo que o contactocara-a-cara, o dialogo aberto e livre, a transmissão do afecto e segurança aos alunos constituem factores que beneficiam o sucesso escolar falando de uma maneira já positiva. É por isso a selecção da direcção da escola deve ser cuidadosamente criteriosa, os professores além da formação psicopedagógica devem ter outras virtudes para o magistério de ensino, se realmente a sociedade pretende êxito no ensino e reduzir drasticamente o fracasso escolar. É devido a isso que a formação de professores em Moçambique está conhecer constantes Metamorfoses. É com vista a melhorar o trabalho do professor na sala de aula, porque é na sala de aula onde há todo o segredo do processo ensino-aprendizagem.<br />Portanto, o relacionamento profícuo na comunidade escolar é o segredo do êxito escolar, além de outros factores já mencionados. Mas uma comunidade escolar desorientada e autocrática não pode limitar o fracasso escolar.<br />

×