Your SlideShare is downloading. ×
8ano atividade 18
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

8ano atividade 18

992

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
992
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
3
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Atividade 18 As políticas agrícolas e a agroindústria P. 236
  • 2.
    • 01. Teve início quando os homens fixaram-se na terra e ocorreu a transição do nomadismo para o sedentarismo.
    • 02. O homem precisou desmatar a vegetação nativa e passou a ser um dos principais agentes transformadores da natureza
  • 3.
    • 03. instituiu a propriedade privada, e os trabalhadores do campo passaram a perder suas terras. Essa lei teve como consequências a destruição da comunidade rural tradicional e a desestruturação do campesinato, provocando o êxodo rural.
  • 4.
    • 04.
    • A) volantes
    • B) agroindústrias da cana-de-açúcar.
    • 05. A luta de camponeses e pequenos agricultores para se manterem na terra com autonomia e liberdade;a questão da terra está fundamentada em decisões políticas
  • 5.
    • 06. Muitas pessoas não tem acesso aos alimentos produzidos e comercializados, porque não têm condições econômicas adequadas (renda insuficiente), já que parte da população mundial, vive abaixo da linha da pobreza
  • 6.
    • 07. Problemas ambientais, êxodo rural, a não resolução do problema da fome e da miséria social.
    • 08.
    • a) farmer.
    • B) fazendas empresariais ; alimentos .
    • C) vale do rio São Lourenco e as planicies centrais (prairie) .
  • 7.
    • 08. d) altamente mecanizadas ; plantation ; exportação .
  • 8. Atividade 19 Os fatores climáticos – Latitude e altitude Exercícios de Aplicação p.203
  • 9.
    • 01. Grande parte de seu território está situada em altitudes superiores a 2 mil metros.
  • 10.
    • 02. As regiões semiáridas localizam-se entre as montanhas elevadas na parte chamada de sotavento, que não recebe ventos úmidos. A parte voltada para os ventos úmidos recebe o nome de barlavento, que retém a umidade e impede a passagem dos ventos úmidos para o interior.
  • 11.
    • 03. Isso é explicado pela posição geográfica do continente americano (fator latitudinal).
    • 04. A. A. D. C. B.
  • 12. Atividade 20 Os fatores climáticos – Maritimidade e correntes marítimas Exercícios de Aplicação P. 204
  • 13.
    • 01. Maritimidade corresponde à influência das águas oceânicas e marítimas nas áreas próximas do litoral. A continentalida de é a distância em relação ao mar e ao oceano.
  • 14.
    • 02. As correntes marítimas são massas de água que se deslocam continuamente na mesma direção e com a mesma velocidade dentro dos oceanos. Elas se caracterizam pelas diferenças de temperatura, cor, densidade, salinidade e composição em relação às águas marinhas que as cercam.
  • 15.
    • 03. B. A. D. C. E
    • 04. B. B. A. A. B. A. B. A
    • .
  • 16.
    • 05.
    • Correntes frias:
    • Corrente do Labrador, Corrente de Humboldt, Corrente das Falklands e Corrente da Califórnia.
    • Correntes quentes :
    • Corrente do Golfo e Corrente do Brasil, Corrente as Guianas e Corrente Pacifico Norte
  • 17. Atividade 21 Dinâmica atmosférica – As massas de ar Exercícios de Aplicação p.207
  • 18.
    • 01. A- Chuva frontal. Ela se forma quando os ventos alísios úmidos encontram elevações e sobem. Ao encontrar uma camada de ar mais frio, sua umidade se condensa.
    • B- Chuva de convecção. É aquela formada próximo ao Equador. Os ventos alísios, ao se aproximarem do Equador, encontram uma zona de calmaria, onde estacionam os ventos do norte e do sul
  • 19.
    • 02. No inverno, as massas polares penetram por esse corredor no sentido norte-sul, chegando até o sul dos Estados Unidos.
    • No verão, o sentido das massas se inverte e as massas tropicais penetram do sul para o norte, provocando chuvas abundantes na península da Flórida.
  • 20.
    • 03. São características próprias de temperatura, umidade e pressão atmosférica, principalmente. Exemplos: as massas de ar polar são frias e podem ser de origem oceânica ou continental, e as massas de ar equatorial ou tropical são quentes e podem ser também de origem oceânica ou continental .
  • 21.
    • 04.
    • A) Clima;
    • B) sul da Argentina;
    • Brasil;
    • Serras Gauchas;
    • Menor latitude;
    • Ação da maritimidade .
  • 22.
    • 05. Quando qualquer vento forte gira em torno de um centro de baixa pressão atmosférica.
    • 06. Furacões e são muito comuns no final do verão, entre agosto e setembro.
    • 07. Tufões.
  • 23. Atividade 22 Os tipos de clima do continente americano Exercícios de Aplicação p.209
  • 24.
    • 01. Subpolar, frio de montanha, temperado frio, temperado, mediterrâneo, semiárido, desértico, subtropical, tropical, equatorial.
  • 25.
    • 02. Tempo atmosférico, porque os fatores climáticos (chuva, temperatura, pressão, vento, umidade do ar) alteram constantemente o comportamento da atmosfera
  • 26.
    • 03. Clima é a sequência habitual de mudança do tempo meteorológico num período de tempo.
    • 04.
    • A) Equatorial e tropical ;
    • B) Desértico ; semidesértico ou semiarido .
  • 27.
    • 04.
    • C) temperado ou subtropical ;
    • D) frio , subpolar , polar ou glacial e montanha .
    • 05. B. A. D. C.
  • 28.
    • 06. Os climas áridos aparecem no oeste norte-americano e nas latitudes subtropicais da região Andina e da Patagônia e estão associados à atuação das Correntes frias da Califórnia e do Peru (ou de Humboldt) e à presença de elevadas cordilheiras (altitude) nas proximidades da costa.
  • 29.  
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.  
  • 33.  

×