Loading…

Flash Player 9 (or above) is needed to view presentations.
We have detected that you do not have it on your computer. To install it, go here.

Like this presentation? Why not share!

Conhecimento

on

  • 1,443 views

A apresentacao inicial foi adaptada para fins didáticos

A apresentacao inicial foi adaptada para fins didáticos

Statistics

Views

Total Views
1,443
Views on SlideShare
1,375
Embed Views
68

Actions

Likes
0
Downloads
11
Comments
0

6 Embeds 68

http://joaojosefonseca1.blogspot.com.br 32
http://joaojosefonseca1.blogspot.com 18
http://planeta.edublogosfera.com.br 15
http://www.joaojosefonseca1.blogspot.com 1
http://joaojosefonseca1.blogspot.pt 1
http://www.joaojosefonseca1.blogspot.com.br 1

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Conhecimento Conhecimento Presentation Transcript

    • Educação Corporativa & Tecnologia
      Marisa Eboli
      FEA/ USP
      II Fórum Inteligência Corporativa
      Rio de Janeiro, RJ
      13 de Março de 2009
      Fonte: Pesquisa da Universidade da Carolina do Norte (1998)
    • Tópicos
      • Educação no Brasil: os desafios permanecem
      • Educação Corporativa: relembrando conceitos e princípios de sucesso
      • Melhores práticas de Conectividade e Disponibilidade
      • Tendências, desafios, mitos e verdades
    • Educação na Sociedade do Conhecimento
      A nova sociedade tem novos requerimentos para a educação:
      formar o cidadão capaz deproduzir, consumir e participar da vida social, o que não pode mais ser feito apenas durante uma etapa da vida.
      (Paulo Renato Souza, 2005)
    • Educação em um mundo global
      Desenvolver em todas as pessoas a capacidade de aprender.
    • VEJAEdição 20726 de agosto de 2008
      Entrevista: Andreas Schleicher
      Medir para avançar rápido
      O físico alemão que comanda os rankings de educaçãoda OCDE diz que o Brasil precisa copiar práticas que dão certo em outros países para deixar de vez o grupo dos piores
      Nenhum indicador sobre a qualidade de ensino tem tanto peso e repercussão quanto o Pisa, sigla em inglês para programa internacional de aferição de estudantes, que está sob os cuidados do físico alemão Andreas Schleicher, 44 anos. Há oito, ele é o responsável pela aplicação da prova, uma iniciativa da OCDE (organização que reúne as trinta nações mais desenvolvidas do mundo). Na comparação com 57 países, o Brasil sempre aparece entre os últimos colocados em todas as disciplinas. Situação que Schleicher conhece não apenas por estatísticas mas por suas viagens ao Brasil. Desde que assumiu o cargo, ele já visitou escolas em mais de 100 países.
    • NINTENDO Generation
      Reclamações dos professores:
      • Impertinentes
      • Arrogantes
      • Impacientes
      • Imediatistas
      • Sem capacidade de atenção e concentração
      Fonte: Pesquisa da Universidade da Carolina do Norte (1998)
    • NINTENDO Generation
      Porém com atributos como:
      • Têm habilidade para enfrentar estratégias em mudança
      • Têm destreza para aprender dentro de ambiente muito competitivo
      • Têm reações rápidas e sabem tomar decisões rápidas
      • Conseguem antecipar as estratégias dos inimigos
      • Lidam com uma complexidade e multiplicidade de variáveis simultaneamente
      • Sentem-se à vontade com tecnologia e têm a expectativa que ela avance cada vez mais
      • Aprendem em ambientes de ritmo acelerado e impulsionados pela tecnologia
    • VEJAEdição 20726 de agosto de 2008
      Comportamento
      Tudo ao mesmo tempo - e agora
      Pelo computador e pelo celular, as crianças conversamcom vários amigos, jogam videogame e ainda discutemcom os pais. Agora você pelo menos sabe o nome disso:seu filho é multitarefas.
      Oscar Cabral
      Otavio Dias de Oliveira
      Fotos Oscar Cabral e Lailson Santos
    • Educação e tecnologia precisam se encontrar no Brasil
      quarta-feira, 11 de março de 2009
      Já há algum tempo, o Brasil é um dos países onde as pessoas permanecem mais tempo conectadas à rede mundial de computadores. No entanto, quando o assunto é o uso da internet para auxiliar o processo de ensino, o País ainda tem um longo caminho a percorrer. É o que mostra o livro "A Geração Interativa na Ibero-América: crianças e adolescentes diante das telas", um estudo realizado com mais de 25 mil estudantes com idade entre 6 e 18 de escolas públicas e privadas da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México, Peru e Venezuela e que traz informações sobre o uso de diferentes tecnologias por parte desse público.
       
      De acordo com a pesquisa, no Brasil, quase metade dos estudantes afirmam que nenhum professor utiliza a internet para explicar a matéria dada ou estimula o uso da rede. O dado mostra o descompasso entre a velocidade de penetração da tecnologia no dia-a-dia dessas crianças e adolescentes (segundo a pesquisa quase 70% dos estudantes têm computador em casa e navegam mais de duas horas por dia) e a capacidade das instituições de ensino em incorporar esses recursos para melhorar e tornar mais interessante para esses jovens o processo de aprendizado.
    • Nova Onda de Conceitos Educacionais
      Conectividade
      Customização
      Multimídia
      Prontidão
      Portátil
      Distribuição Diversificada
      Simultaneidade
      Campus Virtual
      Interatividade
      Marisa Eboli
      FEA - USP
      Aprendizagem Contínua
      Colaboração
    • ESPIRAL DO CONHECIMENTO
      SOCIALIZAÇÃO
      EXTERNALIZAÇÃO
      INTERNALIZAÇÃO
      COMBINAÇÃO
    • INTERAÇÕES NA ESPIRAL DO CONHECIMENTO
      Interações Coletivas
      Interações Individuais
      Interações Face a Face
      SOCIALIZAÇÃO
      Compartilhamento do conhecimento
      tácito entre os indivíduos
      EXTERNALIZAÇÃO
      Promoção de conversas em grupo para a formação de conceitos (interlocução)
      Interações Virtuais
      INTERNALIZAÇÃO
      Reconversão do novo conhecimento explícito em conhecimento tácito
      COMBINAÇÃO
      Conversão do conhecimento em formas explícitas (documentação)
      Fonte: Krogh & Ichijo & Nonaka. Facilitando a criação de conhecimento. Rio de Janeiro: Campus, 2001.
    • PARA CONSTRUIR UM BRASIL MELHOR
      MAIS DO QUE ECONOMIAS COMPETITIVAS...
      SISTEMAS EDUCACIONAIS COMPETITIVOS!
    • SER PORTÁTIL E
      APRENDER A QUALQUER HORA E EM QUALQUER LUGAR
      TER ORIENTAÇÃO AO CLIENTE
    • APROVEITAR BEM O TEMPO
    • ESTAR CONECTADO NO MUNDO
    • IDENTIFICAR E CAPTURAR CONHECIMENTO
    • TRABALHAR EM REDES
    • ATUAR DE FORMA COLABORATIVA E INTEGRADORA
    • INCORPORAR O NOVO
    • TER A ATITUDE DE APRENDER SEMPRE
    • Muito Obrigada!
      MARISA EBOLI
      meboli@usp.br