• Save
Aprendizagem baseada em problemas
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Like this? Share it with your network

Share

Aprendizagem baseada em problemas

on

  • 13,158 views

Aprendizagem baseada em problemas

Aprendizagem baseada em problemas

Joao Jose Saraiva da Fonseca

http://joaojosefonseca1.blogspot.com/

Statistics

Views

Total Views
13,158
Views on SlideShare
12,529
Embed Views
629

Actions

Likes
16
Downloads
0
Comments
0

4 Embeds 629

http://joaojosefonseca1.blogspot.com.br 427
http://joaojosefonseca1.blogspot.com 144
http://www.slideshare.net 49
http://joaojosefonseca1.blogspot.pt 9

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Aprendizagem baseada em problemas Presentation Transcript

  • 1. O QUE É O PBL? João José Saraiva da Fonseca
  • 2.
    • O PBL (Aprendizado baseado em Problemas) é um método de aprendizado centrado no aluno, tem o problema com elemento motivador do estudo e integrador do conhecimento.
  • 3. Contexto
  • 4. De la société industrielle à la société post-moderne
    • Technologie de la machine
    • de production en série
    • Hiérarchisation
      • des cultures et des savoirs
      • des classes sociales
      • de l’ instruction
    • discrimination de la connaissance
    • Technologie de la connaissance
    • (Société de la connaissance)
    • Relation
      • des cultures et des savoirs
      • des classes sociales
      • de l’ offre de formation
      • dissémination de la connaissance
  • 5. Formation
    • Éducation formelle
    • l’ensemble des contenus
    • codifiés à apprendre est validé
    • Instruction et
    • formation professionnelle
    Formation de l’individu l’ensemble des connaissances individuelles et collectives métabolisées et constitutives de la personnalité est accréditée Apprentissage tout au long de la vie
  • 6. De la transmission des Au développement du contenus potentiel de connaissances Théorie
    • Idéologie de la reproduction
    • culturelle
    • Intellectuel isolé
    • rationalité autoréférencielle
    • spécialisation divisée
    • Éducation
    • “ mémorisée”
    • Approche scientifique
    • du constructivisme
    • Intellectuel intégré
      • esprit de relation
      • esprit participatif
      • Sujet autoformateur
  • 7. De la logique de la À la logique de séparation la relation Dispositifs
    • Systèmes d’instruction et
    • Formation professionnelle
    • centralisés
    • autoréférenciels
    • rigides
    • hiérarchisés
    • fondés sur la tâche
    • déresponsabilisants
    • Systèmes d’éducation
    • Éducation extrascolastique
    • Formation professionnelle et
    • continue
    • Éducation des adultes et
    • des populations
    • décentralisés
    • hétéroréferenciels
    • flexibles
    • collaboratifs
    • fondés sur la résolution
    • des problèmes
    • partecipatifs
  • 8. De l’exclusivité À la facilitation de l’enseignement de l’apprentissage Pratique
    • Administration des programmes
    • abscence de la demande
    • offre indifferenciée
    • unicité du corps enseignant
    • unicité des contenus
    • unicité des locaux
    • faible profil technologique
    • faible investissement des ressources
    • évaluation sommative
    • gestion formelle des
    • apprentissages
    • Organisation de l’apprentissage et de la connaissance
    • analyse de la demande
    • offre fondée sur les besoins
    • équipe de formateurs facilitateurs
    • intégration des contenus et des
    • sujets dans l’apprentissage
    • services d’accompagnement
    • de l’apprentissage
    • haut profil technologique
    • haut investissement des ressources
    • évaluation formative
    • gestion du développement de l’esprit
  • 9. Aprendizado baseado em Problemas
    • Métodos activos
      • Aprendizaje cooperativo, método del caso, PBL, etc.
    • Aprendizaje basado en problemas (PBL)
      • El profesor encamina al estudiante en su aprendizaje
      • Más importancia en las habilidades y capacidades (hacer) que en los conocimientos (saber)
      • Empleado desde 1980 en universidades de todo el mundo
  • 10.  
  • 11. CARACTERÍSTICAS DOS MÉTODOS DE APRENDIZAGEM
  • 12. CARACTERÍSTICAS DO ENSINO TRADICIONAL
    • É centrado no professor
    • É baseado em aulas expositivas
    • Privilegia a reprodução do conhecimento
    • É dirigido para as avaliações
    • A motivação é extrínseca
    • A organização é Departamental/disciplinar
    • O professor tem grande autonomia na sala de aula, é senhor do conteúdo que ministra, quase independente do currículo.
  • 13. PRINCÍPIOS DO PBL
    • É centrado no aluno
    • O aprendizado independente é estimulado e recompensado
    • O currículo é temático, interdisciplinar e não disciplinar
  • 14. Aluno centro das atenções Professor facilitador da aprendizagem (tutor) Aluno passivo Professor centro das atenções Tutorias Aulas expositivas Módulos temáticos “problemas” Disciplinas Aprender a aprender Ensinar  aprender PBL TRADICIONAL
  • 15. MODELO PEDAGÓGICO DO PBL
    • O trabalho é em pequenos grupos e individual
    • O professor é facilitador do processo de aprendizagem
    • O aprendizado é baseado em problemas
  • 16. ED traditionnel “ Étudiants ” “ Tuteur ”
  • 17. ED APP “ Étudiants ” “ Tuteur ”
  • 18.  
  • 19. OS SETE PASSOS
  • 20. Comment un expert résout des problèmes? (La mémoire contient des cas résolus et une connaissance de base intériorisée) Evalue Observe le problème Recherche dans sa mémoire un problème en rapport et sa solution Le compare avec le problème présent Trouve un problème le plus ressemblant possible Adapte la solution du problème précédent au problème présent Exécuter la solution Affine la recherche dans sa mémoire Observe mieux le problème présent
  • 21. OS SETE PASSOS Ler atentamente o problema e esclarecer os termos desconhecidos 1 Identificar as questões (problemas: dimensão biológica, psicológica, social?) propostas pelo enunciado 2 Oferecer explicações para estas questões com base no conhecimento prévio que o grupo tem sobre o assunto (BRAINSTORM) 3 Resumir estas explicações 4 Estabelecer objetivos de aprendizagem que levem o aluno ao aprofundamento e complementação destas explicações 5 Estudo individual respeitando os objetivos alcançados 6 Rediscussão no grupo tutorial dos avanços do conhecimento obtidos pelo grupo . 7 1ª SESSÃO TUTORIAL ESTUDO INDIVIDUAL 2ª SESSÃO TUTORIAL
  • 22. PROCESSO DO PBL
    • Preparado por grupo de professores
    • descrição de um fenômeno
    • Motiva/direciona o alto-aprendizado
    • Ativação dos conhecimentos prévios
    • O que conhecemos sobre o problema?
    • Metas de estudo - o que mais precisamos conhecer?
    Problema Grupo tutorial - discussão Grupo tutorial - rediscussão Auto-aprendizagem Adquirimos uma melhor compreensão do problema? Fontes de aprendizagem - integração
  • 23.  
  • 24.  
  • 25. Étapes de l’APP
    • Partie 1
    • 1. Lecture du problème
    • 2. Formulation du problème + Questions
    • 3. Hypothèses
    • 4. Organisation des hypothèses
    • 5. Objectifs et compétences
    • Partie 2
    • 6. Autoapprentissage + Schéma
    • 7. Retour au problème
    • 8. Bilan de groupe
    • 9. Bilan personnel
  • 26.  
  • 27.  
  • 28.
    • Os grupos tutoriais são constituídos por 10 alunos e um tutor e duram 4 horas.
  • 29.  
  • 30.  
  • 31.  
  • 32.  
  • 33. 1. Leitura do problema, identificação e esclarecimento de termos desconhecidos
  • 34.  
  • 35.  
  • 36.  
  • 37. 2. Identificação dos problemas propostos pelo enunciado (dimensão biológica, psicológica, social)
  • 38.  
  • 39.  
  • 40.  
  • 41. 3. Formulação de hipóteses explicativas para os problemas identificados no passo anterior (os alunos se utilizam nesta fase dos conhecimentos de que dispõem sobre o assunto)
  • 42.
    • Os grupos tutoriais são constituídos por 10 alunos e um tutor e duram 4 horas.
  • 43.  
  • 44.  
  • 45.  
  • 46. 4. Resumo das explicações (das hipóteses)
  • 47.  
  • 48.  
  • 49.  
  • 50. 5. Formulação dos objetivos de aprendizado (trata-se da identificação do que o aluno deverá estudar para aprofundar os conhecimentos incompletos formulados nas hipóteses explicativas)
  • 51.  
  • 52.  
  • 53.  
  • 54. 6. Estudo individual dos assuntos levantados nos objetivos de aprendizado
  • 55.  
  • 56.  
  • 57.  
  • 58. 7. Retorno ao grupo tutorial para rediscussão do problema frente aos novos conhecimentos adquiridos na fase de estudo anterior
  • 59.  
  • 60.  
  • 61.  
  • 62. O PROBLEMA
  • 63. CARACTERÍSTICAS DO PROBLEMA
    • Consiste em uma descrição neutra de um fenômeno
    • É formulado em termos concretos
    • É curto
    • Não contém distratores
    • Dirige o aprendizado a um número limitado de itens
    • Facilita a formulação de hipóteses baseadas no conhecimento prévio
    • Requer em torno de 16 horas de estudo
  • 64. ESTRUTURA DO PROBLEMA
    • COMPOSIÇÃO:
    • TÍTULO - Um foco sobre a questão principal
    • HISTÓRIA - Descrição dos fenômenos ou eventos, que funcionem como pistas para a discussão
    • INSTRUÇÕES - Indicação de que ações devem ser tomadas pelos alunos
  • 65. ESTRUTURA DO PROBLEMA
    • ORIENTAÇÕES ADICIONAIS
    • Referências bibliográficas e recursos para o aprendizado (áudio-visuais,computacionais, especialistas disponíveis, entre outros)
    • Instruções para o tutor
    • Objetivos educacionais que deverão ser alcançados
    • Questões de auto-avaliação após cada problema
    • Questões de conteúdo para avaliações gerais
  • 66.  
  • 67.  
  • 68.  
  • 69. PAPÉIS E TAREFAS DO TUTOR 
  • 70. - Solicitar ao grupo que indique um coordenador de atividades e um secretário para cada problema a ser trabalhado; - Garantir a rotação destes papéis entre os alunos do grupo durante o tutorial.
  • 71. - Facilitar a discussão dos alunos de modo a que os mesmos possam identificar o que precisam estudar para aprender os fundamentos científicos sobre aquele tema. - Formular questões apropriadas para que os alunos enriqueçam suas discussões, quando necessário.
  • 72. NÃO É PAPEL DO TUTOR  
  • 73. - Dar uma aula sobre o tema ou os temas dos problemas - Intimidar os alunos com seus próprios conhecimentos
  • 74. PAPÉIS DO ALUNO   COORDENADOR  
  • 75. - Coordenador é um aluno do grupo tutorial - Coordenador deve orientar os colegas na discussão do problema, segundo a metodologia dos 7 passos, favorecendo a participação de todos e mantendo o foco das discussões no problema - Desestimular a monopolização ou a polarização das discussões entre poucos membros do grupo, favorecer a participação de todos.
  • 76. - Apoiar as atividades do secretário - Estimular a apresentação de hipóteses e o aprofundamento das discussões pelos colegas
  • 77. PAPÉIS DO ALUNO  SECRETÁRIO  
  • 78.
    • - Anotar as discussões e os eventos ocorridos no grupo tutorial de modo a facilitar uma boa visão dos trabalhos por parte de todos os envolvidos.
    • Ser claro e conciso em suas anotações e fiel às discussões ocorridas
    • Evitar privilegiar suas próprias opiniões ou as opiniões com as quais concorde.