Levantamento de parâmetros de
usabilidade para o público brasileiro
em aplicativos da TV Digital
João Costa (CERTI / UFSC)...
A boa e velha TV Analógica...
Sistema	
  passivo
Imagem	
  e	
  som	
  com	
  interferências
A ótima e nova TV Digital...
4 16
3 9
Maior	
  área	
  de	
  visualização
A ótima e nova TV Digital...
Mobilidade	
  	
  /	
  portabilidade
A ótima e nova TV Digital...
Aplicações	
  interaDvas
Resumindo...
• O	
  sinal	
  é	
  realmente	
  de	
  qualidade
• A	
  imagem	
  é	
  muito	
  boa	
  e	
  vem	
  nos	
  fo...
Principais usuários da
TV Digital Brasileira
Principais usuários da
TV Digital Brasileira
112,7 milhões de brasileiros não
usam internet ainda, nunca usaram!
(Fonte: ComScore/2010)
• A	
  Televisão	
  está	
  pre...
Tipos de aplicativos
Aplicativos	
  com	
  
interatividade	
  remota
Aplicativos	
  com	
  
interatividade	
  local
Computador x Televisão
A5vo:	
  usados	
  geralmente	
  
para	
  aDvidades	
  bem	
  
definidas
Mul5-­‐tarefa:	
  Capacidad...
Objetivos da pesquisa
• Verificar	
  quais	
  os	
  melhores	
  sistemas	
  de	
  navegação	
  
para	
  determinadas	
  int...
Navegações estudadas
• Teclas	
  direcionais	
  (setas)	
  –	
  permite	
  navegar	
  entre	
  
as	
  respostas	
  com	
  ...
Perfil dos usuários
• Usuário	
  ocasional:	
  caracterizado	
  por	
  ter	
  um	
  contato	
  
ocasional	
  com	
  a	
  te...
Nosso laboratório
Nosso laboratório
Nosso laboratório
Aplicativo de teste
!
Tempo médio por ciclo
!
valores	
  em	
  segundos
Conclusões
• ParDcipantes	
  ocasionais	
  levaram,	
  em	
  média,	
  mais	
  
tempo	
  para	
  cada	
  ciclo	
  que	
  o...
Conclusões
• A	
  grande	
  maioria	
  dos	
  erros	
  ocorridos	
  com	
  os	
  
parDcipantes	
  foram	
  tentaDvas	
  de...
Obrigado! João Costa
jpc@certi.org.br
joao@joaocosta.com
@joaocosta
CCD – Centro de Convergência Digital
www.certi.org.br
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Levantamento de parâmetros de usabilidade para o público brasileiro em aplicativos da TV Digital

2,044

Published on

Artigo sobre o levantamento de parâmetros de usabilidade para o público brasileiro em aplicativos da TV Digital apresentado no EBAI 10 em São Paulo.

Published in: Design
1 Comment
6 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
2,044
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
42
Comments
1
Likes
6
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Levantamento de parâmetros de usabilidade para o público brasileiro em aplicativos da TV Digital

  1. 1. Levantamento de parâmetros de usabilidade para o público brasileiro em aplicativos da TV Digital João Costa (CERTI / UFSC) Alexandre Lemos (CERTI) Monica Stein (UFSC) MiltonVieira (UFSC)
  2. 2. A boa e velha TV Analógica... Sistema  passivo Imagem  e  som  com  interferências
  3. 3. A ótima e nova TV Digital... 4 16 3 9 Maior  área  de  visualização
  4. 4. A ótima e nova TV Digital... Mobilidade    /  portabilidade
  5. 5. A ótima e nova TV Digital... Aplicações  interaDvas
  6. 6. Resumindo... • O  sinal  é  realmente  de  qualidade • A  imagem  é  muito  boa  e  vem  nos  formatos SD,  HD  e  “FullHD”  1080i • O  som  é  mulDcanal  (5.1) • Suporta  múlDplos  programas • Permite  a  portabilidade  e mobilidade • Suporta  aplicaDvos  interaDvos
  7. 7. Principais usuários da TV Digital Brasileira
  8. 8. Principais usuários da TV Digital Brasileira
  9. 9. 112,7 milhões de brasileiros não usam internet ainda, nunca usaram! (Fonte: ComScore/2010) • A  Televisão  está  presente  em  95%  dos  lares brasileiros  (Fonte:  IBGE) • 80%  só  recebem  via  radiodifusão  terrestre (TV  aberta) Inclusão digital
  10. 10. Tipos de aplicativos Aplicativos  com   interatividade  remota Aplicativos  com   interatividade  local
  11. 11. Computador x Televisão A5vo:  usados  geralmente   para  aDvidades  bem   definidas Mul5-­‐tarefa:  Capacidade   de  executar  várias   aDvidades  ao  mesmo   tempo Individual:  Geralmente   uDlizado  por  apenas  um   indivíduo Passivo:  Busca  o   entretenimento,  assiste   sentado  em  um  sofá Sistema  embarcado:   Possui  pouca  flexibilidade     e  capacidade  de   processamento Social:  UDlizado  por  um   ou  muitos,  pois  não   necessita  sempre  de   feedback  para  funcionar
  12. 12. Objetivos da pesquisa • Verificar  quais  os  melhores  sistemas  de  navegação   para  determinadas  interfaces; • Observar  como  os  parDcipantes  interagem  com as  interfaces  e  com  o  controle  remoto; • Verificar  a  validade  de  recomendações  de   usabilidade  uDlizadas  em  outras  mídias  e  outros   países; • Validar  a  apropriação  de  paradigmas   computacionais  em  aplicaDvos  de  TV  Digital.
  13. 13. Navegações estudadas • Teclas  direcionais  (setas)  –  permite  navegar  entre   as  respostas  com  as  setas  para  cima  e  para  baixo   que  são  selecionadas  com  a  tecla  OK; • Teclas  coloridas  –  cada  resposta  é  associada  a  uma   cor; • Números  –  cada  resposta  é  associada  a  um  número; • “Push-­‐bu@on”  –  semelhante  as  teclas  direcionais   mas  com  a  necessidade  de  acionar  um  botão  de   confirmação  para  passar  à  próxima  opção.
  14. 14. Perfil dos usuários • Usuário  ocasional:  caracterizado  por  ter  um  contato   ocasional  com  a  tecnologia  no  seu  dia  a  dia  –  baixa   ou  nula  “alfabeDzação  digital”; • Usuário  freqüente:  tem  acesso,  como  usuário,  à   tecnologia  em  seu  ambiente  de  trabalho  –  média   “alfabeDzação  digital”; • Usuário  avançado:  tem  um  contato  intenso  com  a   tecnologia  e  domina  a  sua  produção  –  alta   “alfabeDzação  digital”;
  15. 15. Nosso laboratório
  16. 16. Nosso laboratório
  17. 17. Nosso laboratório
  18. 18. Aplicativo de teste !
  19. 19. Tempo médio por ciclo ! valores  em  segundos
  20. 20. Conclusões • ParDcipantes  ocasionais  levaram,  em  média,  mais   tempo  para  cada  ciclo  que  os  usuários  dos  demais   perfis; • Quanto  mais  habituado  a  tecnologia,  maior  a   ocorrência  de  uso  das  setas  para  navegar; • A  navegação  do  Dpo  “Push-­‐bulon”  mostrou-­‐se  eficaz   em  interfaces  com  muitas  informações;
  21. 21. Conclusões • A  grande  maioria  dos  erros  ocorridos  com  os   parDcipantes  foram  tentaDvas  de  usar  setas  em  ciclos   que  não  as  aceitavam; • A  maioria  dos  erros  concentraram-­‐se  na  primeira  tela   de  cada  ciclo,  ou  seja,  na  transição  entre  as  formas  de   navegação,  e  nenhum  erro  na  úlDma  do  ciclo  iniciado; • Houveram  muitos  erros  também  com  a  navegação   com  teclado  numérico.
  22. 22. Obrigado! João Costa jpc@certi.org.br joao@joaocosta.com @joaocosta CCD – Centro de Convergência Digital www.certi.org.br
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×