Your SlideShare is downloading. ×
0
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Ti aplicada  log
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Ti aplicada log

1,164

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,164
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
89
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Tecnologia da Informação Aplicada à Logística Prof. Fernando Augusto Silva Marins www.feg.unesp.br/~fmarins fmarins@feg.unesp.brEste material foi adaptado de apresentação de Marco Aurelio Meda
  • 2. Como garantir eficiência nos processos de suprimento de produtos e materiais por toda a Cadeia de Abastecimento, em tempo satisfatório, no menor custo, nas condições de qualidade e competência esperada ? Combinação de duas Ciências... Logística Tecnologia da Informação 2
  • 3. LOGÍSTICAConceitoFluxo de Fluxo deMATERIAIS INFORMAÇÕESAgregar valor Eliminar do Processode LUGAR tudo que não tenhade TEMPO valor para o Clientede QUALIDADE Reduzir Custosde INFORMAÇÃO 3
  • 4. Logística e Operações Globais Integração Geográfica Da logística local para a logística global Modelo Estratégico Integração Gestão da Funcional Logística Da logística guiada pela Função para a logística guiada por Processos Integração Setorial Da logística baseada nosetor (produção / distribuição) para a logística entre setores 4
  • 5. Supply ChainRedes de Varejo Centros de Distribuição Indústria FocalFornecedores IndústriaMatéria-Prima Transportadoras 5
  • 6. Gestão da Supply Chain (SCOR Model) PLANEJAMENTOCOMPRA PRODUÇÃO VENDA Retorno 6
  • 7. Gestão da Supply Chain PLANEJAMENTO COMPRA PRODUÇÃO VENDA PLANEJAMENTO v RetornoCOMPRA PRODUÇÃO VENDA PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO COMPRA PRODUÇÃO VENDA COMPRA PRODUÇÃO VENDACOMPRA PRODUÇÃO VENDA v Retorno v Retorno v Retorno PLANEJAMENTO PLANEJAMENTO COMPRA PRODUÇÃO VENDACOMPRA PRODUÇÃO VENDA PLANEJAMENTO v Retorno v Retorno COMPRA PRODUÇÃO VENDA 7
  • 8. Logística e Operações GlobaisSCM - Supply Chain Management Evolução dos conceitos tradicionais Evolução dos fluxos globais Logística como ferramenta para gerenciar os fluxos globais ao longo da Cadeia de Abastecimento Integração Colaboração Globalização Relacionamentos 8
  • 9. A Evolução para SCM“SCM é a integração dos processos industriais e comerciais, partindo do consumidor final e indo até os fornecedores iniciais, gerando produtos, serviços e informações que agreguem valor para o cliente.”Fórum de SCM realizado naOhio State University em 2000 9
  • 10. Gestão da TI na Supply Chain Indústria Agente para Banco Comércio Exterior VANVarejo Internet EDI Fax Mensageiro Rede Consumidor Privati va Correio Operador Fornecedor Logístico 10 Atacadista
  • 11. Gestão da TI na Supply Chain SCM Internet Supply ChainSistemasProprietários ERP Management e-Business MRP Foco na Foco na Competitividade da Competitividade da Organização Supply Chain 11
  • 12. Gestão da TI na Supply Chain Comunidade de Negócios Agente Indústria para Banco Comércio Exterior ConsumidorVarejo SCM FornecedorOperadorLogístico Atacadista 12
  • 13. Gestão da TI na Supply Chain Integração de Processos Indústria Agente para Banco inf. Comércio inf. financ. produção Inf. Exterior EmbarqueVarejo posição de estoque SCM CRM Cliente cotação, Inf. Carga ordem de limites de compra crédito OL Fornecedor Atacadista 13
  • 14. Gestão da TI na Supply Chain Fornecedores, Operadores Logísticos,Criando comunidades Representantes e Clientes, otimizando os negócios, cooperando dentro de uma Cadeia de Valor. SCM SCM SCM SCM Fonte: Mário Persona 14
  • 15. A TI na LogísticaA comunicação... A comunicação entre as empresas tem sido tradicionalmente o fator limitador do desempenho da cadeia de abastecimento Comunicação deficiente por motivos Tecnológicos e Culturais Razões Tecnológicas: A comunicação eficiente depende de uma infra-estrutura que só se tornou economicamente eficaz e amplamente difundida com o advento da Internet Razões Culturais: Mais complexas Cultura de “esconder as informações” Relutância quanto à transparência e colaboração 15
  • 16. A TI na LogísticaA Supply Chain só pode funcionar baseada em tecnologias e soluções de TI Através de soluções integradas de TI, é possível atingir o balanceamento de todas as relações fornecedor / cliente Cada entidade da cadeia, só compra, produz e vende aquilo que os elos anteriores e posteriores necessitam Obter redução de Custos e Perdas Ganhos em escala para o Cliente Final Fornecedores e Clientes acessam um único fluxo de informações Fluxo confiável, rápido, contínuo e seguro. 16
  • 17. A TI na LogísticaFalhas no processo... Falta de integração ao longo da cadeia Eliminar barreiras internas nas empresas Eliminar barreiras entre as empresas Informação não flui Informação não é pública Informação não é compartilhadaÉ Preciso... Transparência entre os fornecedores e clientes da cadeia Informação acessível para toda a cadeia As empresas atuarem de forma coordenada e integrada 17
  • 18. A TI na LogísticaÉ Preciso De nada adianta Buscar melhorias investir em TI se os Otimização de Processos problemas estão Otimizar Recursos em processos Benchmarking Desenvolver Processos padronizados O desenho de processosNeste sentido deve ocorrer de forma A TI é utilizada para a integrada por toda a informação fluir cadeia, envolvendo todos os participantes 18
  • 19. Recursos de Tecnologia daInformação Aplicados à Logística
  • 20. Supply Chain ManagementSCM - Agilizar e Otimizar o fluxo de informações, produtos e valores entre fornecedores, produtores, distribuidores e consumidores. Eliminar etapas que não agregam valor Eliminar etapas repetitivas e não produtivas na Cadeia de Abastecimento Integração da rede logística Construir parceiros comerciais Buscar aliados no processo 20
  • 21. Sistemas de Informações Logísticas Ferramentas para dar suporte a toda a gestão logística da cadeia de abastecimento Ferramentas que compõem uma solução de SCM Nível Estratégico Nível Operacional 21
  • 22. ERP - Enterprise Resource PlanningSistemas de Gestão Empresarial, visam a gestão da empresa como um todo, integrando todas as áreas funcionais da empresa, criando um fluxo contínuo de processos na empresa.ComprasVendasAdministrativoFinanceiroContábilFiscalProduçãoRecursos Humanos 22
  • 23. WMS - Warehouse Management System• Controle de Portaria • Captação de Pedidos• Recebimento de Mercadorias • Formação de Cargas• Conferência de Mercadorias • Separação de Mercadorias• Movimentação e Armazenagem • Conferência de Mercadorias• Endereçamento Automático • Expedição / Carregamento• Ressuprimento • Controle e Gestão de Custos• Gestão do Paletizado • Produtividade 23
  • 24. WMS - Warehouse Management SystemAgilidade no Produtividade AgilidadeRecebimento na Movimentação no Picking e Armazenagem 24
  • 25. IMS - Inventory Management System• Operações de Estoques• Gestão de Inventários• Controle de Perdas e Avarias• Integração com WMS 25
  • 26. OMS - Order Management System• Gerenciamento de Ordens de Serviços• Captação dos Pedidos• Formação de Cargas• Integração com WMS 26
  • 27. TMS - Transportation Management System• Gerenciamento de Fretes• Gerenciamento de Frotas• Controle de Viagens• Roteirizadores Sistemas de otimização derotas de entregas e coletas• GPS - Geography Position System Monitoramento de Veículos ViaSatélite 27
  • 28. SFA - Sales Force Automation• Palm Tops• Handhelds• Captação de Pedidos de Vendas• Roteiro de Visitas• Banco de Clientes• Lista de Produtos• Lista de Preços 28
  • 29. KPI - Key Performance IndicatorsEIS - Executive Information SystemDSS - Decision Suport SystemAPS – Advanced Planning SystemsLES - Logistic Executive System• Sistemas de apoio no processo detomada de decisão 29
  • 30. Entidades Externas OMS - Sistema de Gerenciamento de Ordens / Pedidos Adm/Fin FiscalWMS - Gerenciamento IMS - Gerenciamento TMS - Gerenciamento AFV Contábil de Armazéns de Estoques de Transportes RH Produção ERP GPS Roteirizador LES - Logistic Executive System 30
  • 31. EDI - Electronic Data Interchange WEB EDI• Comunicação entre os participantes daCadeia• Troca de Arquivos (pedidos, NFs, Docs.)• Sistemas de Caixas Postais• VAN - Redes de Valor Agregado - Serviços de Tradução - EDIFACT / EANCOM 31
  • 32. Código de Barras Rádio Freqüência• Monitoramento e Automação de Armazéns,Depósitos e Centros de Distribuição• Controle efetivo das operações• Controle de produtividade de pessoal 32
  • 33. RFID - Radio Frequency IdentificationEtiquetas colocadas em produtos, caixas ou paletes.Dotadas de um Microchip capaz de ser rastreado por ondas de RF.Funciona como um “RG” dos produtos com informações de preço, prazo de validade, número de lotes etc.Tecnicamente um número quase infinito de produtos identificados podem ser lidos simultaneamente em apenas 01 segundo.Rastreamento de um objeto desde a fabricação até a produção.Empresas pioneiras, testes e projetos pilotos: Gillete, Wal Mart, Procter & Gamble, Unilever, Basf, Philips e Infraero.Padronização de Códigos: EPC – Electronic Product Code 33
  • 34. EPC – Electronic Product CodeEPC – Electronic Product CodeCódigo Eletrônico de ProdutosCódigo Eletrônico de Produtos• Tecnologia de Rádio Frequência.• RFID.• Etiquetas de identificação por Rádio Freqüência.• Substituição dos atuais Códigos de Barras.• Rastreamento total em toda a cadeia logística.• Aplicação Logística: - Fase atual: Identificação de caixas e paletes - Segunda fase: produtos finais• Necessidade de novos equipamentos: - Leitores - Aplicação de Tags nos produtos, caixas ou paletesOrganização pela EPCglobal (EAN e UCC): www.epcglobalinc.org 34
  • 35. Etiquetas Inteligentes Brasil integra conselho para integração de etiquetas inteligentes • Acordo entre a EAN International e UCC • Acordo entre 03 associações mundiais: • EAN International Reino Unido • EAN Internation Japão • EAN Brasil “...as etiquetas inteligentes conterão todas as informações e funcionalidades dos produtos, possibilitando sua identificação por radiofreqüência e rastreabilidade, garantindo máxima segurança e fluxo contínuo de informações".Computerworld – 09/10/2003 Sérgio Ribinik, CEO da EAN Brasil 35

×