Placa Mãe
Definição• Também conhecida como "motherboard" ou "mainboard", a placa-mãe é, basicamente, a responsável pela interconexão...
Definição• A primeira placa mãe surgiu inicialmente em um computador daempresa IBM, no ano de 1982. O design das placas mã...
Definição• As placas mãe estão presas a evolução de outros Hardwares.Quando é lançado um novo processador, dificilmente es...
Função dentro do computador• A placa-mãe tem a função de garantir a conexão entre todos oscomponentes do computador: HD, m...
FuncionamentoUm pouco sobre o que a placa mãe faz com cada peça conectada: Processador: A placa mãe transmite os “pedidos...
• Todos os processos citados não seriam possíveissem a placa mãe para transmitir os dados. Casofossem ligados entre si, to...
Placas-mãe Onboard e Offboard• "Onboard" é o termo empregado para distinguir placas-mãe quepossuem dispositivos de expansã...
Placas-mãe Onboard e Offboard• Se um computador é comprado para uso em uma loja ouem alguma aplicação que não requer muito...
ModelosAT• AT é a sigla para Advanced Tecnology. Trata-se de um tipo de placa-mãe jáantiga. Seu uso foi constante de 1983 ...
AT
ModelosAT e ATX (simultaneamente)• Modelo de transição entre o AT e o ATX, uma vez que as duas tecnologiassão encontradas ...
ModelosATX• ATX é a sigla para "Advanced Technology Extended". Pelo nome, é possívelnotar que trata-se do padrão AT aperfe...
ModelosATX
ModelosBABY AT• Como o nome leva a deduzir,é uma versão de tamanho reduzido da placa-mãe padrão AT original. Essa redução ...
ModelosITX• É um padrão de placa-mãe criado em 2001 pela VIA Technologies destinadaa computadores altamente integrados e c...
ModelosITX
ModelosNLX• A placa-mãe NLX é muito recente e foi criada para microcomputadores queusam processadores Pentiun III e 4. Est...
Conectores da placa mãe1) LAN (conector de rede)É usada por cabos de rede para conectar o computadorà internet. É importan...
Conectores da placa mãe6) S/PDIFEnquanto o HDMI envia imagem e áudio digitais, oconector S/PDIF transmite apenas áudio de ...
Conectores da placa mãe9) PS/2Usada para periféricos como teclados e mouses. Éidentificado pelas cores verde (mouse) e rox...
Slots de expansãoSlots de expansão são padrões de comunicaçãoutilizados em computadores para a interconexão dosmais variad...
Slots de expansãoBarramento ISA (Industry Standard Architecture)• O barramento ISA é um padrão não mais utilizado, sendo e...
Slots de expansãoBarramento PCI (Peripheral Component Interconnect)• O barramento PCI surgiu no início de 1990 pelas mãos ...
Slots de expansãoBarramento AGP (Accelerated Graphics Port)• Para lidar com o volume crescente de dados gerados pelos proc...
Slots de expansão• Quanto ao slot, o AGP é ligeiramentemenor que um encaixe PCI. No entanto,como há várias versões do AGP,...
Slots de expansãoBarramento PCI Express• O padrão PCI Express (ou PCIe ou, ainda, PCI-EX) foi concebido pela Intelem 2004 ...
Slots de expansão• O PCI Express 16x, por exemplo, é capaz de trabalhar com taxa detransferência de cerca de 4 GB por segu...
Slots de expansãoBarramentos AMR, CNR e ACR• Os padrões AMR (Audio Modem Riser), CNR (Communications andNetwork Riser) e A...
Socket• O socket (ou soquete em português) é o local onde seinstala um processador na placa mãe, ele possui umacerta quant...
Socket• Nem sempre as placas mães possuíam socket. No começo, não existia osocket para o processador como hoje em dia, naq...
Socket• Nem sempre as placas mães possuíam socket. No começo, não existia osocket para o processador como hoje em dia, naq...
Socket• Na geração do 80486 surgiu o socket. A partir daí o usuário poderia fazerum upgrade, ou seja, trocar o processador...
Chipset• O chipset é um componente fundamental para o funcionamento do PC. Onome se refere a um conjunto de circuitos inte...
Chipset
BIOS• Por definição, o BIOS é um software, mas, como de praxe, ele ficagravado em um chip espetado na placa-mãe. Na grande...
Slide placa mãe
Slide placa mãe
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Slide placa mãe

1,731

Published on

Published in: Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,731
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
201
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Slide placa mãe

  1. 1. Placa Mãe
  2. 2. Definição• Também conhecida como "motherboard" ou "mainboard", a placa-mãe é, basicamente, a responsável pela interconexão de todas aspeças que formam o computador. O HD, a memória, o teclado, omouse, a placa de vídeo, enfim, praticamente todos os dispositivos,precisam ser conectados à placa-mãe para formar o computador.
  3. 3. Definição• A primeira placa mãe surgiu inicialmente em um computador daempresa IBM, no ano de 1982. O design das placas mãe continuabasicamente o mesmo das primeiras, até os dias atuais. A placa daIBM assim como as sucessoras tem portas e slots para vários tiposde Hardwares, que são ligados nela para que a comunicação entre oscomponentes seja possível.
  4. 4. Definição• As placas mãe estão presas a evolução de outros Hardwares.Quando é lançado um novo processador, dificilmente esteprocessador será compatível com uma placa anterior, mesmo se estafor nova. Estes problemas de compatibilidade, juntado ao problemade algumas placas não aceitarem processadores de outras empresas,faz com que seja necessário trocar, algumas vezes, o computadorinteiro. Ainda tem melhorias nos pentes de memória, HD’s leitores,gravadores e placa de vídeo.
  5. 5. Função dentro do computador• A placa-mãe tem a função de garantir a conexão entre todos oscomponentes do computador: HD, memórias, placa de vídeo,processador e outros periféricos que são capazes de trabalhar juntosatravés da placa-mãe.• Para que isso seja possível, a placa-mãe possui diversos espaçosonde devem ser conectados todos os periféricos. Há diversos tiposde periféricos que podem ser aceitos por cada placa-mãe.• HDs podem ser: IDE ou SATA, já as memórias podem ser DIMM,SDRAM, DDR2 ou ainda DDR3. Os processadores variamprincipalmente entre Intel ou AMD e há ainda placas de vídeo AGP,PCI ou PCI-E. Apesar de todas essas opções, toda placa-mãe possuiconexões para processador, memórias, dispositivos dearmazenamento e leitura de dados e eventuais placas adicionais.
  6. 6. FuncionamentoUm pouco sobre o que a placa mãe faz com cada peça conectada: Processador: A placa mãe transmite os “pedidos” de dados para a memóriaRAM e para o HD, e transfere estes dados para o processador Placa de vídeo: A placa mãe envia as informações e dados do Processador eHD para a placa de vídeo, e a placa de vídeo envia estes para o monitor. Memória RAM: A memória RAM sempre precisa de dados do HD, estesdados passam pela placa mãe para chegarem á memória. HD: A placa mãe pega as informações e dados do HD quando a memóriaRAM precisa. Leitor de CD/DVD: Quando o leitor interpreta os dados do CD ou DVD, eleenvia estes dados para a memória RAM, que por sua vez manda para oprocessador. Estes dados são enviados para a placa de vídeo, que ostransmite pelo monitor. Gravador de CD/DVD. Embora seja feito pelo mesmo equipamento, osistema de gravação age diferente. O processador manda os dados á seremgravados para o gravador, que interpreta e grava os dados.
  7. 7. • Todos os processos citados não seriam possíveissem a placa mãe para transmitir os dados. Casofossem ligados entre si, todos os equipamentosteriam de ter memórias para guardar os dados, etodos os dados iam passar por peças as quaisnão existiria necessidade de passar.
  8. 8. Placas-mãe Onboard e Offboard• "Onboard" é o termo empregado para distinguir placas-mãe quepossuem dispositivos de expansão integrados. Como modelos quetêm placa de vídeo, placa de som, modem ou placa de rede naprópria placa-mãe.• A vantagem de se utilizar modelos onboard é a redução de custo docomputador, uma vez que deixa-se de comprar determinadosdispositivos porque estes já estão incluídos na placa-mãe. Noentanto, é necessário ter cuidado: quanto mais itens onboard umaplaca-mãe tiver, mais o desempenho do computador serácomprometido. Isso porque o processador acaba tendo que executaras tarefas dos dispositivos integrados. Na maioria dos casos, placasde som e rede onboard não influenciam significantemente nodesempenho, mas placas de vídeo e modems sim.
  9. 9. Placas-mãe Onboard e Offboard• Se um computador é comprado para uso em uma loja ouem alguma aplicação que não requer muito desempenho,a compra de um computador com placa-mãe onboardpode ser viável. No entanto, quem deseja uma máquinapara jogos e aplicações mais pesadas deve pensarseriamente em adquirir uma placa-mãe "offboard",isto é, com nenhum item integrado, ou no máximo, complaca de som ou rede onboard.
  10. 10. ModelosAT• AT é a sigla para Advanced Tecnology. Trata-se de um tipo de placa-mãe jáantiga. Seu uso foi constante de 1983 até 1996. Um dos fatores que contribuírampara que o padrão AT deixasse de ser usado (e o ATX fosse criado), é o espaçointerno reduzido, que com a instalação dos vários cabos do computador ,dificultavam a circulação de ar, acarretando, em alguns casos danospermanentes à máquina devido ao super aquecimento.• Os modelos AT geralmente são encontrados com slots ISA, EISA, VESA nosprimeiro modelos e, ISA e PCI nos mais novos AT (chamando de baby ATquando a placa-mãe apresenta um tamanho mais reduzido que os dos primeirosmodelos AT).
  11. 11. AT
  12. 12. ModelosAT e ATX (simultaneamente)• Modelo de transição entre o AT e o ATX, uma vez que as duas tecnologiassão encontradas simultaneamente. Esta é uma estratégia criada pelosfabricantes para obterem maior flexibilidade comercial.
  13. 13. ModelosATX• ATX é a sigla para "Advanced Technology Extended". Pelo nome, é possívelnotar que trata-se do padrão AT aperfeiçoado. Um dos principaisdesenvolvedores do ATX foi a Intel. O objetivo do ATX foi de solucionar osproblemas do padrão AT (citados anteriormente), o padrão apresenta umasérie de melhorias em relação ao anterior. Atualmente a maioria doscomputadores novos vêm baseados neste padrão.• Nestas placas serão encontrados slots de memória SDRAM, Rambus, DDR,DDR2 ou DDR3, podendo vir com mais de um dos padrões na mesmaplaca-mãe. Geralmente os slots de expansão mais encontrados sãoos PCI, AGP, AMR/CNR e PCI-Express. As placas mais novas vêm comentrada na própria placa-mãe para padrões de disco rígido IDE, Serial ATAou Serial ATA II.
  14. 14. ModelosATX
  15. 15. ModelosBABY AT• Como o nome leva a deduzir,é uma versão de tamanho reduzido da placa-mãe padrão AT original. Essa redução foi possível com miniaturização demuitos componentes internos.• BTX é um formato de motherboards criado pela Intel e lançado em 2003para substituir o formato ATX. O objetivo do BTX foi aperfeiçoar odesempenho do sistema e melhorar a ventilação interna. Atualmente, odesenvolvimento desse padrão está parado.
  16. 16. ModelosITX• É um padrão de placa-mãe criado em 2001 pela VIA Technologies destinadaa computadores altamente integrados e compactados, com a filosofia deoferecer não o computador mais rápido do mercado, mas sim o mais barato,já que na maioria das vezes as pessoas usam um computador para podernavegar na Internet e editar textos.• A intenção da placa ITX é ter tudo on-board, ou seja, vídeo, áudio, modem erede integrados na placa-mãe.• Outra diferença dessa placa-mãe está em sua fonte de alimentação. Comopossui menos periféricos, reduzindo assim o consumo de energia, sua fontede alimentação pode ser fisicamente menor, possibilitando montar umcomputador mais compacto.
  17. 17. ModelosITX
  18. 18. ModelosNLX• A placa-mãe NLX é muito recente e foi criada para microcomputadores queusam processadores Pentiun III e 4. Este design agrupa os melhoresrecursos do ATX e do LPX.
  19. 19. Conectores da placa mãe1) LAN (conector de rede)É usada por cabos de rede para conectar o computadorà internet. É importante não confundir essa entradacom a do Fax Modem, que é menor.2) USBUsadas por diversos aparelhos, as entradas USB temmodelos diferentes, que apresentam variações develocidade (vide USB 2.0 e USB 3.0).3) VGA (D-Sub)Conector mais comum para monitores e projetores.4) DVIUsada por monitores, realiza a transmissão digital deimagem, melhor que a exibida através do conector VGA.5) HDMIUsada para transmissão de imagem e áudio em altadefinição.
  20. 20. Conectores da placa mãe6) S/PDIFEnquanto o HDMI envia imagem e áudio digitais, oconector S/PDIF transmite apenas áudio de altaqualidade, através de cabos TOSLINK. É encontradoem dois modelos: óptico e coaxial.7) eSATAAbreviação de “External SATA”. É uma maneira deconectar HDs SATA sem precisar instalá-los dentro doseu gabinete. Tem vantagem em cima dos discos rígidosexternos conectados via USB por ter uma taxa detransmissão de dados bem maior (até 300 MB/s emcomparação aos 60 MB/s da conexão USB).8) JACK DE ÁUDIO (três conectores e 5.1)São as saídas de áudio do computador. As configuraçõesmais comuns são as com três conectores e as com seis.As cores de cada conector têm funções diferentes: verde(caixas frontais/fone), azul (entrada de linha), rosa(microfone), laranja (subwoofer e central) e cinza(caixas laterais).
  21. 21. Conectores da placa mãe9) PS/2Usada para periféricos como teclados e mouses. Éidentificado pelas cores verde (mouse) e roxa (teclado).Em algumas placas-mãe, são encontrados conectoreshíbridos que podem ser usados tanto por tecladosquanto por mouses. Existem adaptadores com entradaUSB para conectores PS/2.10) PORTA SERIALUtilizada para conectar diversos equipamentos comomouses, scanners, entre outros. Entrou em desusodevido ao surgimento de alternativas melhores (como oUSB).11) PORTA PARALELAAssim como o conector serial, era utilizada paraconexão de equipamentos como impressoras escanners,mas entrou em desuso com o surgimento de tecnologiasmelhores.12) GAME PORTComumente utilizado para conectar joysticks emcomputadores antigos.
  22. 22. Slots de expansãoSlots de expansão são padrões de comunicaçãoutilizados em computadores para a interconexão dosmais variados dispositivos. Os principais barramentospresentes nos PCs são ISA, AGP, PCI, PCI Express eAMR. Note que muitos desses padrões já não sãoutilizados em computadores novos, mesmo assim,conhecê-los é importante.
  23. 23. Slots de expansãoBarramento ISA (Industry Standard Architecture)• O barramento ISA é um padrão não mais utilizado, sendo encontradoapenas em computadores antigos. Seu aparecimento se deu na época doIBM PC e essa primeira versão trabalha com transferência de 8 bits por veze clock de 8,33.
  24. 24. Slots de expansãoBarramento PCI (Peripheral Component Interconnect)• O barramento PCI surgiu no início de 1990 pelas mãos da Intel. Suasprincipais características são a capacidade de transferir dados a 32 bits eclock de 33 MHz, especificações estas que tornaram o padrão capaz detransmitir dados a uma taxa de até 132 MB por segundo. Os slots PCI sãomenores que os slots ISA, assim como os seus dispositivos, obviamente.• Uma característica marcante do PCI é a sua compatibilidade com o recursoPlug and Play (PnP. Com essa funcionalidade, o computador é capaz dereconhecer automaticamente os dispositivos que são conectados ao slot PCI.
  25. 25. Slots de expansãoBarramento AGP (Accelerated Graphics Port)• Para lidar com o volume crescente de dados gerados pelos processadoresgráficos, a Intel anunciou em meados de 1996 o padrão AGP, cujo slot serveexclusivamente às placas de vídeo.• A primeira versão do AGP (chamada de AGP 1.0) trabalha a 32 bits e temclock de 66 MHz, o que equivale a uma taxa de transferência de dados deaté 266 MB por segundo, mas na verdade, pode chegar ao valor de 532 MBpor segundo. Explica-se: o AGP 1.0 pode funcionar no modo 1x ou 2x. Com1x, um dado por pulso de clock é transferido. Com 2x, são dois dados porpulso de clock.Slot AGP 8x (3.0)
  26. 26. Slots de expansão• Quanto ao slot, o AGP é ligeiramentemenor que um encaixe PCI. No entanto,como há várias versões do AGP, hávariações nos slots também. Essasdiferenças ocorrem principalmente porcausa das definições de alimentaçãoelétrica existentes entre os dispositivosque utilizam cada versão. Há, porexemplo, um slot que funciona para oAGP 1.0, outro que funciona para o AGP2.0, um terceiro que trabalha com todasas versões (slot universal) e assim pordiante. A ilustração ao lado mostratodos os tipos de conectores:
  27. 27. Slots de expansãoBarramento PCI Express• O padrão PCI Express (ou PCIe ou, ainda, PCI-EX) foi concebido pela Intelem 2004 e se destaca por substituir, ao mesmo tempo, os barramentos PCIe AGP. Isso acontece porque o PCI Express está disponível em váriossegmentos: 1x, 2x, 4x, 8x, 16x e 32x. Quanto maior esse número, maior é ataxa de transferência de dados. Como mostra a imagem abaixo, esse divisãotambém reflete no tamanho dos slots PCI Express:Slots PCI Express 16x (branco) e 1x (preto)
  28. 28. Slots de expansão• O PCI Express 16x, por exemplo, é capaz de trabalhar com taxa detransferência de cerca de 4 GB por segundo, característica que o faz serutilizado por placas de vídeo, um dos dispositivos que mais geram dados emum computador. O PCI Express 1x, mesmo sendo o mais "fraco", é capaz dealcançar uma taxa de transferência de cerca de 250 MB por segundo, umvalor suficiente para boa parte dos dispositivos mais simples.• Com o lançamento do PCI Express 2.0, que aconteceu no início de 2007, astaxas de transferência da tecnologia praticamente dobraram.
  29. 29. Slots de expansãoBarramentos AMR, CNR e ACR• Os padrões AMR (Audio Modem Riser), CNR (Communications andNetwork Riser) e ACR (Advanced Communications Riser) são diferentesentre si, mas compartilham da ideia de permitir a conexão à placa-mãe dedispositivos Host Signal Processing (HSP), isto é, dispositivos cujo controleé feito pelo processador do computador. Em geral, esses slots são usadospor placas que exigem pouco processamento, como placas de som, placas derede ou placas de modem simples.
  30. 30. Socket• O socket (ou soquete em português) é o local onde seinstala um processador na placa mãe, ele possui umacerta quantidade específica de contatos elétrico com oprocessador.• Uma placa mãe não aceita qualquer tipo de processador,o que vai determinar qual processador será compatívelserá o socket, e mesmo assim, o fato do processadorencaixar não significa que vai funcionar, temos tambémde observar as características do chipset da placa mãe,graças à ele sabemos quais características uma placa mãeterá.
  31. 31. Socket• Nem sempre as placas mães possuíam socket. No começo, não existia osocket para o processador como hoje em dia, naquela época quandocomprava uma placa mãe o processador já vinha embutido, não permitindoo seu upgrade, ou seja, o processador era onboard.
  32. 32. Socket• Nem sempre as placas mães possuíam socket. No começo, não existia osocket para o processador como hoje em dia, naquela época quandocomprava uma placa mãe o processador já vinha embutido, não permitindoo seu upgrade, ou seja, o processador era onboard.
  33. 33. Socket• Na geração do 80486 surgiu o socket. A partir daí o usuário poderia fazerum upgrade, ou seja, trocar o processador por um melhor. Nesta mesmaépoca surgiu também o cooler, componente essencial para a dissipação decalor do processador (naquela época já estava começando a preocupaçãocom o super aquecimento do processador por conta do clock "maiselevado").
  34. 34. Chipset• O chipset é um componente fundamental para o funcionamento do PC. Onome se refere a um conjunto de circuitos integrados que são responsáveispor fazer com que todos os componentes do computador, desde o discorígido até o processador, possam trocar informações e assim realizar astarefas que exigimos deles.• O chipset é dividido em dois componentes principais: pontenorte (northbridge) e ponte sul (southbridge).• A ponte norte fica responsável por controlar todos os componentesrápidos do computador, como processador, placa de vídeo (AGP e PCIExpress) e memória RAM, fazendo com que eles solicitem informaçõesdo disco rígido (que está na ponte sul), as carregue na memória e divida oque será processado entre a CPU e a placa de vídeo, determinando qual seráo desempenho final do computador.• A ponte sul fica responsável pelos componentes lentos do PC, tambémconhecidos como dispositivos de E/S (entrada/saída), o que inclui os discosrígidos (SATA e IDE), portas USB, pararela e PS/2 (utilizada em teclados emouses antigos), slots PCI e ISA (padrão da IBM, hoje em desuso).
  35. 35. Chipset
  36. 36. BIOS• Por definição, o BIOS é um software, mas, como de praxe, ele ficagravado em um chip espetado na placa-mãe. Na grande maioria doscasos, o chip combina uma pequena quantidade de memória Flash(256, 512 ou 1024 KB), o CMOS, que é composto por de 128 a 256bytes de memória volátil e o relógio de tempo real. Nas placasantigas era utilizado um chip DIP, enquanto nas atuais é utilizadoum chip PLCC (plastic leader chip arrier).
  1. ¿Le ha llamado la atención una diapositiva en particular?

    Recortar diapositivas es una manera útil de recopilar información importante para consultarla más tarde.

×