Brotero - Apresentação 2 Vídeo
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Brotero - Apresentação 2 Vídeo

on

  • 2,186 views

Brotero - Apresentação 2 Vídeo

Brotero - Apresentação 2 Vídeo

Statistics

Views

Total Views
2,186
Views on SlideShare
2,146
Embed Views
40

Actions

Likes
0
Downloads
82
Comments
0

2 Embeds 40

http://www.joaoleal.net 34
http://www.slideshare.net 6

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Adobe PDF

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

Brotero - Apresentação 2 Vídeo Brotero - Apresentação 2 Vídeo Presentation Transcript

  • MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO DIRECÇÃO REGIONAL DE EDUCAÇÃO DO CENTRO ESCOLA SECUNDÁRIA DE AVELAR BROTERO Curso Profissional de Técnico de Multimédia Ano Lectivo 2009/2010 Técnicas de Multimédia Professor: João Leal
  • Vídeo www.joaoleal.net Professor: João José Leal 2
  • Hardware Sistema de Vídeo É composto por: •Placa de Vídeo •Monitor •Drivers www.joaoleal.net Professor: João José Leal 3
  • Sistema de Vídeo Monitor •Tipos: CRT (Cathode Ray Tube) LCD (Liquid Crystal Display) o TFT,… Plasma •Tamanho (Diagonal) www.joaoleal.net Professor: João José Leal 4
  • • Monitor - Conceitos: Píxel – cada ponto do ecrã é “iluminado” através da combinação de 3 cores primárias (RGB). A imagem de ecrã é formada à custa da activação ou não dos seus píxeis. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 5
  • www.joaoleal.net Professor: João José Leal 6
  • •Taxa de refrescamento (Refresh rate – em Hz) – número de “varrimentos” por segundo. Ex: se a resolução for 800×600 a 90 Hz o canhão de electrões é utilizado 43 200 000 vezes por segundo. •Se o refrescamento for insuficiente a imagem poderá tremer. Maiores taxas de refrescamento implicam maior qualidade de imagem. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 7
  • www.joaoleal.net Professor: João José Leal 8
  • Profundidade de cor (bit depth) – número de bits utilizados para representar todas as cores possíveis no ecrã. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 9
  • Profundidade de cor – cada píxel no ecrã é composto por 3 mini pontos, que estão tão próximos que são vistos como um único píxel. Intensidades diferentes desses 3 pontos (vermelho, verde e azul) produzem as cores possíveis para o píxel. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 10
  • Monitor 15” www.joaoleal.net Professor: João José Leal 11
  • • O Monitor não afecta o desempenho do computador; • A qualidade da imagem é a resolução, ou seja, a quantidade de pontos (pixels) que o monitor consegue exibir. • 640x480, 800x600 e 1024x768 são valores comuns para a resolução dos monitores actuais. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 12
  • • Pixel: ponto mínimo da imagem do monitor. • Quanto maior a resolução, menores os pixels, e, portanto, menores os objectos mostrados na tela. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 13
  • • Placa gráfica: www.joaoleal.net Professor: João José Leal 14
  • •Grandes consumos de memória vídeo; uma imagem de 1024×768×16 bits ocupa 1,5 Mb. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 15
  • • Utilização de placas aceleradoras para aumentar a performance do sistema de vídeo. Menos trabalho para a CPU – apenas define as novas alterações de imagem para imagem. Isto em conjunto com buses mais rápidos (PCI, AGP). www.joaoleal.net Professor: João José Leal 16
  • • Placa Gráfica: •Memória vídeo necessária oEx: para 1024×768×16 bits são necessários 2MB oSe usar 3D é preciso muito mais: VRML, Quake,.. oTipo de Memória= EDO RAM, VRAM, WRAM, SGRAM •Marcas oS3, ATI, Cirrus Logic, Tseng, Matrox, Nvidia, Intel www.joaoleal.net Professor: João José Leal 17
  • Placa Gráfica •A função das placas gráficas é a de construir as imagens que são apresentadas nos monitores dos computadores. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 18
  • •O conteúdo dessa memória está sempre a ser actualizado pela placa gráfica e por ordem do processador. •Quanto mais memória de vídeo existir no sistema, melhor é a resolução e mais cores são possíveis de representar. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 19
  • Placas de Vídeo • MDA(Monocrome Display Adapter) – primeira placa lançada no inicio dos anos 80 usada para monitores monocromáticos. • CGA(Color Graphics Adapter) – com 16 cores, possuía 16 kB de memória vídeo e permitia algumas resoluções. • HGA(Hercules GA) – monocromático, possuía 64 kB de memória vídeo. • EGA(Enhanced GA) – permitia resoluções de 640x350 pixeis com 64 cores. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 20
  • • Já existem a bom preço placas de vídeo digital, que usam um socket de 24 pinos (HDI), e que permitem altas resoluções (ex. 2048x1536) suportadas por monitores digitais TFT. • Uma resolução também muito em voga é a 1366x768, específica da HDTV (televisão digital). Esta também possui também um socket próprio (HDMI). www.joaoleal.net Professor: João José Leal 21
  • • VGA(Vídeo Graphics Array) – permitia resoluções de 640x480 pixeis com 256 cores, e possuía memória de 256kB. O padrão actual é o SVGA, com resoluções inicialmente 1024x768, mas agora superiores a partir de maiores capacidades de memória (basicamente com a mesma tecnologia embora existam outra designações, como XGA, WXGA,...) www.joaoleal.net Professor: João José Leal 22
  • • Para VGA ou SVGA com 16 cores, são necessários 256kB de memória VRAM, mas para 256 cores na resolução 1024x768 será necessário 1MB, e assim sucessivamente. Os adaptadores VGA básicos necessitam de 4 bits por pixel para representar 16 cores(2x2x2x2=24=16), 8 bits(=1 byte) para 256 cores(28=256), ..., e 24 bits para 16,7 milhões de cores (224=16,78 milhões) ou 3 bytes por pixel (24bits=3x8bits=3bytes). www.joaoleal.net Professor: João José Leal 23
  • • Já existem a bom preço placas de vídeo digital, que usam um socket de 24 pinos (HDI), e que permitem altas resoluções (ex. 2048x1536) suportadas por monitores digitais TFT. • Uma resolução também muito em voga é a 1366x768, específica da HDTV (televisão digital). Esta também possui também um socket próprio (HDMI). www.joaoleal.net Professor: João José Leal 24
  • Placas de Vídeo Resolução Chamamos de resolução o conjunto de linhas formados por pixels na tela do monitor, considerando as posições horizontais e verticais. Assim, quando dizemos que a resolução está em 800x600, estamos dizendo que há 800 pixels na horizontal e 600 na vertical. Assim, quanto maior for a quantidade de pixels, melhor será a definição da imagem na tela. Pixel “picture element” é a unidade básica de programação de cor em um diplay ou imagem de computador. Sendo uma unidade lógica e não uma unidade física. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 25
  • O número de pixels mostrados por unidade de comprimento impresso de uma figura é medido em pixels por polegada (ppi: pixel per inch). O número de cores que cada placa de vídeo suporta depende do número de bits por pixel. Na época em que monitores monocromáticos eram usados, era necessário apenas 1 bit por pixel, pois essa quantidade permitia representar duas cores, sendo o preto e banco. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 26
  • Para uma placa suportar 256 cores, é necessário que ela tenha 8 bits (1byte) por pixel. Hoje em dia, as combinações mais comuns em placas de vídeo são: ● 16 bits por pixel - 65.536 cores ● 24 bits - 16.777.216 cores ● 32 bits - 4.294.967.296 cores ● 64 bits - ??? cores www.joaoleal.net Professor: João José Leal 27
  • Quando a placa de vídeo está devidamente configurada, é possível selecionar, pelo sistema operacional, a quantidade de cores desejada, desde que a placa de vídeo suporte. Para saber a quantidade de cores, basta fazer 2 elevado à quantidade de bits. Ou seja, usando 16 bits, fazemos 216 = 65.536. Este valor indica a quantidade de cores. Quando temos 32.768 e 65.536 cores, chamamos essas configurações de Hi-Color. Acima de 16.777.216, chamamos True Color. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 28
  • Padrões de Vídeo CGA: Color Graphics Arrays Lançado em 1981 pela IBM; Quatro cores; Resolução máxima: 320x200 ppi; EGA: Enhanced Graphics Adapter Lançado em 1984 pela IBM; 16 cores; Resolução máxima: 640x350 ppi www.joaoleal.net Professor: João José Leal 29
  • VGA: Video Graphics Array A resolução máxima depende das cores que estão sendo exibidas; 16 cores: Resolução máxima 640 x 480 ppi; 256 cores: Resolução máxima 320 x 200 ppi; Posteriormente, o VGA foi aperfeiçoado e passou a suportar resoluções de até 800x600 com 16 cores. XGA: Extended Graphics Array Lançado, em 1990 pela IBM. XGA-2 :Uma versão posterior do XGA ofereceu: 65536 cores : resolução de 1024 x 768; True color (16 milhões de cores): resolução de 800x600ppi www.joaoleal.net Professor: João José Leal 30
  • SVGA: Super Video Graphics Array A Vídeo Electronics Standards Association (VESA) estabeleceu uma interface padrão programável para dispositivos SVGA chamada extensão VESA BIOS. Tipicamente, um sistema SVGA pode suportar 16 milhões de cores, embora a quantidade de memória em um computador, em particular possa limitar o número de cores exibidas; 16 milhões de cores: 800x600ppi (14”); 16 milhões de cores: 1600 x 1200 (20”). Quanto maior for a medida da diagonal da tela do monitor SVGA, maior será a quantidade de pixels dispostos horizontalmente e verticalmente. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 31
  • Para trabalhar com resoluções altas e grande quantidade de cores, as placas de vídeo SVGA precisam de pelo menos 1 MB de memória. As antigas placas no padrão VGA trabalhavam com 256 KB de memória, suportando, no máximo, a resolução de 800x600 com 16 cores. Hoje em dia, é necessário uma placa de vídeo com pelo menos 32 MB de memória, para que seja possível rodar aplicações cotidianas com um mínimo de conforto visual. Os tipos de memória usadas costumam ser as encontradas para uso pelo computador, com as memórias SDRAM e DDR. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 32
  • Envio de Imagem para o Monitor Para o computador enviar as imagens para o monitor, é necessário passar por 3 fases. ► Na primeira, o processador envia os dados ao barramento usado pelo vídeo (ISA, PCI ou AGP). Estes dados chegam ao chipset da placa de vídeo e lá são processados. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 33
  • ► Na fase seguinte, o chipset envia os dados processados para a memória do vídeo, para guardar a imagem que será mostrada no monitor. ► Na terceira fase, a imagem é transmitida para o conversor digital/analógico (DAC - Digital Analog Converter), que converterá os dados da imagem de formato digital para um formato analógico, suportado pelo monitor. Este, por sua vez, recebe as imagens do DAC. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 34
  • Em A o processador é encaixado. Em B - encaixe das memórias. Em C, a placa de vídeo (slot AGP). D mostra os slots PCI. www.joaoleal.net Professor: João José Leal 35