Di+írio de classe 08112012

164 views

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
164
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
1
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Di+írio de classe 08112012

  1. 1. Diário de Classe Por ........... No dia 08 de novembro de 2012, quinta-feira, reuniram-se na UniversidadeFederal do Pampa - Campus Jaguarão, os bolsistas do PIBID de Alfabetização eEducação Inclusiva para nosso encontro de formação semanal com nossoscoordenadores. Bom, começando nosso encontro a Prof. Patrícia fez a nossa leitura reflexivada semana, com o livro Um palito diferente, de Caio DussarratRiter, e nós refletimossobre a inclusão e as diferenças na sala de aula. Depois comentamos sobre alguns assuntos diversos sobre o SIEPE, como:colocar o nome na lista do ônibus e apresentações de trabalhos. E também algunsaspectos sobre os atendimentos na escola. Foram feitas sugestões sobre os turnos,tipo de atendimento que vai ser feito e a carga horária que talvez possa surtiralteração daqui a alguns encontros. Foi abordado também sobre nossa ida à Feira do Livro de Porto Alegre, quefoi muito proveitosa, podemos compartilhar da apresentação da Revista SérieAprendiz, da qual a Prof.ª Patrícia teve a oportunidade de fazer parte da elaboração,e também toda a euforia de irmos a Porto Alegre para passear um pouco. Foidebatida a situação das saídas para eventos e o respeito às normas daUniversidade quanto a isto, bem como os comportamentos e atitudes adequadosem tais situações. Foram combinados alguns assuntos devido à hospedagem, alimentação,pedido de verba e tudo mais para nossa viagem para o Maranhão e também nossaapresentação de projeto para o INTRAPIBID, em Bagé, juntamente com o SIEPE. Oprofessor Everton nos provocou, com o intuito de nos “virarmos” para arrecadardinheiro para esta viagem, trabalharmos duro para conseguimos o que querermos,e também sobre suas sugestões “aterrorizantes” de sustentação fora do Estado. (Aúltima frase foi descontração, hehe!).

×