Descodificacao Clc Maceira

3,357 views
3,222 views

Published on

Descodificação CLC

Published in: Education, Technology, Business
0 Comments
1 Like
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
3,357
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
76
Comments
0
Likes
1
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Descodificacao Clc Maceira

  1. 1. Agrupamento de Escolas de Maceira <br />
  2. 2. Referencial de Competências-Chave<br />Nível Secundário<br />Documento formal que contém directrizes acerca da forma de actuar e procedimentos a ter em conta neste processo de reconhecimento de competências de nível secundário. <br />
  3. 3. O Referencial de Competências-Chavetem 3 áreas:<br />CLC<br />Cultura, Língua e Comunicação<br />STC<br />Sociedade, Tecnologia e Ciência<br />CP<br />CidadaniaeProfissionalidade<br />
  4. 4. REPRESENTAÇÃO GRÁFICA DAS TRÊS ÁREAS DE COMPETÊNCIAS-CHAVE<br />
  5. 5. Em CLC/STC há sete núcleos geradores*( *Tema abrangente a partir do qual se podem evidenciar competências)<br />Equipamentos e Sistemas Técnicos (EST)<br />Ambiente e Sustentabilidade (AS)<br />Saúde (S)<br />Gestão e Economia (GE)<br />Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC)<br />Urbanismo e Mobilidade (UM)<br />Saberes Fundamentais (SF)<br />
  6. 6. Área de Competência Cultura, Língua e Comunicação (CLC) – Núcleos Geradores (NG)<br /><ul><li>Equipamentos e Sistemas Técnicos: compreender o funcionamento de equipamentos domésticos e profissionais; identificar as transformações e evoluções técnicas.
  7. 7. Ambiente e Sustentabilidade: identificar questões relacionadas com o consumo energético, resíduos, reciclagem, recursos naturais e clima.
  8. 8. Saúde: identificar cuidados básicos e preventivos de saúde.
  9. 9. Gestão e Economia: definir orçamentos, preencher formulários, domínio de terminologias que facilitem cálculos; perceber os impactes das evoluções técnicas na gestão do tempo. </li></li></ul><li><ul><li>Tecnologias de Informação e Comunicação: comunicar através de meios tecnológicos; compreender símbolos e suportes de comunicações; lidar com micro e macro electrónica; relacionar-se com os mass media; perceber os impactos das redes de internet.
  10. 10. Urbanismo e Mobilidade: participar no processo de planeamento e construção de edifícios; identificar sistemas de administração territorial; relacionar mobilidades e fluxos migratórios.
  11. 11. Saberes Fundamentais: formular opiniões, críticas, demonstrar saberes e competências culturais, linguísticas e comunicacionais; identificar principais factores que influenciam a mudança social, reconhecendo nessa mudança o papel da cultura, língua e comunicação. </li></li></ul><li>Todos os núcleos têm Domínios de Referência (DR’s) iguais, que são:<br />DR1– Contexto Privado <br /> “Grande diversidade de experiências e saberes de foro privado, adquiridos na vida quotidiana.”<br />DR2– Contexto Profissional<br />“Competências adquiridas em contextos socioprofissionais e/ou interacções quotidianas com profissionais de diferentes áreas…”<br />
  12. 12. Todos os núcleos têm Domínios de Referência (DR’s) iguais, que são ( cont.):<br />DR3– Contexto Institucional ( Saberes, Podres e Instituições<br />“Interacções entre os indivíduos e instituições diversas…”<br />DR4– Contexto Macro-Estrutural ( Estabilidade e Mudança: da Sociedade ao Universo)<br />“ Compreensão do indivíduo como elemento de um Universo e de uma sociedade em permanente mudança…&quot;<br />
  13. 13. Enquanto que os Domínios de Referência são iguais para todos os núcleos, o mesmo não acontece com os Temas.<br />STC e CLC têm 28 temas (7 núcleos x 4 DR’s) <br />
  14. 14.
  15. 15.
  16. 16. Para a Certificação é necessário:<br /><ul><li>Trabalhar todos os Núcleos Geradores (NG).
  17. 17. Por cada Núcleo Gerador trabalhar 2 DR’s, pelo menos.
  18. 18. Atingir o elemento de Complexidade tipo III em pelo menos uma das dimensões ( Cultura, Língua, Comunicação)
  19. 19. Obter 44 créditos ( no mínimo):
  20. 20. 16 a CP
  21. 21. 14 a CLC
  22. 22. 14 a STC</li></li></ul><li>Exemplo 1<br />NÚCLEOS GERADORES (NG)<br />NG1<br />NG2<br />NG3<br />NG4<br />NG5<br />NG6<br />NG7<br />NG8<br />Neste caso o adulto é certificado, porque atingiu 44 créditos (ultrapassou até) e trabalhou, pelo menos, 2 DR’sem cada Núcleo Gerador.<br />
  23. 23. Exemplo 1<br />NÚCLEOS GERADORES (NG)<br />NG1<br />NG2<br />NG3<br />NG4<br />NG5<br />NG6<br />NG7<br />NG8<br />Neste caso o adulto nãoé certificado, porque embora tenha atingido mais de 44 créditos, não trabalhou pelo menos 2 DR’s em cada Núcleo Gerador.<br />
  24. 24. Perfil de competências (CLC)<br /><ul><li>Interagir em língua portuguesa, com clareza e correcção, evidenciando espírito crítico, responsabilidade e autonomia.
  25. 25. Compreender textos longos em língua portuguesa e/ou língua estrangeira, reconhecendo os seus significados implícitos, as suas tipologias e respectiva funcionalidade.
  26. 26. Evidenciar reflexão sobre o funcionamento da língua portuguesa, apreciando-a enquanto objecto estético e meio privilegiado de expressão de outras culturas.</li></li></ul><li><ul><li>Compreender as ideias principais de textos em língua estrangeira e expressar-se oralmente e por escrito com à-vontade sobre diferentes temáticas.
  27. 27. Evidenciar conhecimento sobre várias linguagens, em diferentes suportes, que lhe permitam perceber as diferenças socioculturais, sociolinguísticas e técnico-científicas, visando uma tomada de consciência da sua própria identidade e da do outro.
  28. 28. Reconhecer o impacto das novas tecnologias de comunicação no acentuar de alguns traços característicos (flexibilidade, pluriactividade) da organização do trabalho cultural.</li></li></ul><li>FIM<br />A Formadora<br />Isabel Santos<br />

×