Redes Mesh - Protocolos de Roteamento

7,192 views
6,999 views

Published on

Tipos de Protocolos de Roteamento

Published in: Technology
0 Comments
7 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total views
7,192
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
3
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
7
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Redes Mesh - Protocolos de Roteamento

  1. 1. Redes Mesh Protocolos de Roteamento Túlio César Faria Pinto
  2. 2. Rede ad hoc <ul><li>Uma rede ad hoc é um conjunto de dispositivos de rede que pretendem se comunicar, mas que não possuem infra-estrutura fixa disponível e não possuem organização pré-determinada de links de comunicação disponíveis. </li></ul><ul><li>Aplicações: computação móvel em áreas remotas,emprego militar,redes temporárias em salas de reuniões,etc. </li></ul>
  3. 3. Protocolos de Roteamento <ul><li>Em relação ao algoritmo de roteamento, existem duas categorias: </li></ul><ul><ul><li>Roteamento Plano </li></ul></ul><ul><ul><li>Roteamento Hierárquico </li></ul></ul>
  4. 4. Roteamento Plano <ul><li>Nós apresentam as mesmas responsabilidades </li></ul><ul><li>Todos possuem visão geral da rede </li></ul><ul><li>Constante troca de informações a respeito da topologia </li></ul><ul><li>Processo de descoberta de rotas simplificado </li></ul>
  5. 5. Roteamento Hierárquico <ul><li>Nós divididos em zonas </li></ul><ul><li>Cada zona conhece detalhes para rotear pacotes para os demais </li></ul><ul><li>Em cada zona um nó é designado a ser o gateway, promovendo a comunicação em zonas distintas </li></ul>
  6. 6. Protocolos de Roteamento <ul><li>Os protocolos de roteamento das redes ad hoc são divididos em duas grandes categorias: </li></ul><ul><li>Unicast </li></ul><ul><li>Multicast </li></ul>
  7. 7. Protocolos Unicast <ul><li>Principal funcionamento é na camada de rede </li></ul><ul><li>Transmissão de pacotes de um nó de origem, até um nó de destino, através dos nós intermediários </li></ul><ul><li>Se realiza com o nó intermediário comparando o endereço constante do cabeçalho de pacotes de dados com as entradas existentes em sua tabela de roteamento, através do qual, obtém a indicação do próximo nó (nó intermediário ou nó de destino) </li></ul>
  8. 8. Protocolos Unicast <ul><li>Com relação a construção de rotas os protocolos de redes unicast ad hoc são divididos em: </li></ul><ul><li>Pró – Ativos </li></ul><ul><li>Reativos </li></ul><ul><li>Híbridos </li></ul>
  9. 9. Protocolos Pró - Ativos <ul><li>São baseados em tabelas pré-definidas </li></ul><ul><li>A cada mudança na topologia da rede dispara atualizações </li></ul><ul><li>Sobrecarga na largura de banda e energia dos nós </li></ul><ul><li>As rotas estão sempre disponíveis sem perda de tempo em busca </li></ul><ul><li>Não adequados se houver alta taxa de mobilidade ou número grande de nós </li></ul>
  10. 10. Protocolos Reativos <ul><li>Mecanismo de descoberta é disparado quando precisa se comunicar com um destino de caminho desconhecido </li></ul><ul><li>A descoberta é feita através de flooding </li></ul><ul><li>Geram menor overhead que os pró-ativos, porem embutem um maior atraso sempre que é necessário conhecer um novo caminho </li></ul>
  11. 11. Protocolos Híbridos <ul><li>Combinam as melhores características dos protocolos pró-ativos e reativos </li></ul><ul><li>Os nós, dentro de certa distância de um nó específico, ou dentro de uma determinada região geográfica, pertencem à zona de roteamento daquele nó.Para nós dentro ou fora desta zona, são aplicadas metodologias distintas entre características dos protocolos pró-ativos e reativos. </li></ul>
  12. 12. Comparação entre os tipos Tipos de Protocolos de Roteamento Unicast
  13. 13. Protocolos Unicast <ul><li>OLSR(Optimized Link State Routing) – </li></ul><ul><li>Pró - Ativo </li></ul><ul><li>AODV(Ad Hoc On-Demand Distance Vector) </li></ul><ul><li>Reativo </li></ul>
  14. 14. Protocolos Multicast <ul><li>Transmissão de pacotes de dados de um nó de origem para múltiplos nós de destino identificados por um único endereço </li></ul><ul><li>Em ambientes wireless ad hoc é muito mais vantajoso do que vários unicast, pois a banda é limitada </li></ul><ul><li>Atualmente não é utilizado comercialmente </li></ul>
  15. 15. Protocolos Multicast <ul><li>Os protocolos Multicast são divididos em: </li></ul><ul><li>tree-based </li></ul><ul><li>Mesh-based </li></ul>
  16. 16. Tree Based <ul><li>Existe somente um caminho entre um nó de origem e o nó de destino </li></ul><ul><li>Apresentam uma altíssima eficiência na vazão dos dados </li></ul>
  17. 17. Mesh Based <ul><li>Existem vários caminhos entre um nó de origem e o nó de destino </li></ul><ul><li>Apresentam altíssima robustez devido à disponibilidade de múltiplos caminhos entre os nós de origem e destino </li></ul>
  18. 18. Comparação entre os tipos Tipos de Protocolos de Roteamento Multicast
  19. 19. Protocolos Multicast <ul><li>MAODV ( Multicast Ah Hoc On Demand Distance Vector) </li></ul><ul><li>AMRoute( Ad Hoc Multicast Routing Protocol) </li></ul><ul><li>AMRIS(Ad Hoc Multicast Routing Protocol Utilizing Increasing ID-Numbers) </li></ul>
  20. 20. Conclusão <ul><li>Unicast e Multicast apresentam vantagens e desvantagens </li></ul><ul><li>Não existe protocolo que se encaixe perfeitamente em todos os ambientes </li></ul><ul><li>O protocolo Reativo apresenta menor overhead, porém apresentam maior latência na construção de rotas </li></ul><ul><li>O desempenho do protocolo Híbrido é pouco explorado </li></ul>
  21. 21. Próximos Estudos <ul><li>Qualidade de Serviços </li></ul><ul><li>Segurança </li></ul>

×