Your SlideShare is downloading. ×
Visa perspectivas do turismo no Brasil 2011
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Visa perspectivas do turismo no Brasil 2011

2,264

Published on

Estudo da VISA sobre os gastos dos estrangeiros no Brasil e brasileiros no exterior em 2010

Estudo da VISA sobre os gastos dos estrangeiros no Brasil e brasileiros no exterior em 2010

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
2,264
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
4
Actions
Shares
0
Downloads
44
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. PERSPECTIVAS DO TURISMOBrasilJULHO 2011
  • 2. P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O | b R A S I l IntroduçãoCom a realização de megaeventos esportivos como a Copa do Mundo FIFA 2014™ Embora o turismo seja, em todas as instâncias, um componente vital do crescimentoe os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos, o Brasil terá a oportunidade de se projetar econômico, para as nações emergentes, cada transação nesse segmento representapara o mundo e construir uma imagem de modernidade aliada às já conhecidas uma oportunidade de se posicionar entre os destinos internacionais mais procurados dobelezas naturais e culturais do país. Momentos como esses são capazes de mostrar mundo. Para um país em franco crescimento como o Brasil, eleito país-sede da Copa doa competência que o Brasil tem para receber grandes eventos, além de transformar Mundo FIFA 2014™ e dos Jogos Olímpicos Rio 2016, esses eventos representam umacidades, alavancar o turismo e outros setores da economia. oportunidade extraordinária de ampliar seu faturamento com o turismo e promover suaO Brasil não será mais o mesmo depois de sediar, com intervalo de apenas dois anos, reputação como um dos países que mais prosperam no mundo.os dois maiores eventos esportivos do planeta. Até 2016, serão cinco anos de grandes Como patrocinadora da Copa do Mundo e dos Jogos Olímpicos, e pilar histórico do crescimento do turismoinvestimentos em infraestrutura, mobilidade, projetos ambientais, qualificação de internacional, a Visa está particularmente qualificada para ajudar nações emergentes, como o Brasil, apessoal e renovação de áreas urbanas. A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) entender os investimentos em infraestrutura que se farão necessários para receber o grande fluxo deplanejou as estratégias, metas e objetivos de marketing internacional do turismo turistas que está por vir. As soluções de pagamento eletrônico mundialmente aceitas da Visa proporcionambrasileiro e ações que serão implementadas durante esta década. desde uma forma segura e conveniente para comprar lembranças, até um trabalho conjunto com empresasCom a criação do Ministério do Turismo em 2003, a Embratur recebeu a missão exclusiva e entidades de turismo voltado a analisar e acompanhar os padrões de gastos dos consumidores nasde promover o Brasil como destino turístico no exterior. O Instituto pretende aumentar em Olimpíadas e Copas do Mundo passadas. A Visa está comprometida em munir as entidades de turismo113% o turismo internacional de 2010 a 2020. O objetivo é chegar a 11,1 milhões de visitantes brasileiras com as ferramentas necessárias para receber seus visitantes globais.estrangeiros no final da próxima década. A expectativa é, ainda, receber 600 mil turistas Para provar esse compromisso, tenho o grande prazer de apresentar o relatório Perspectivas do Turismo:internacionais no Brasil durante a Copa do Mundo de 2014 e fazer com que 25% deles Brasil, publicação que detalha os gastos internacionais dos portadores do cartão – focando tanto nos gastosviajem para outras cidades além daquelas que serão sedes de jogos. dos brasileiros que viajaram para fora do país quanto nos dos estrangeiros que vieram ao Brasil – nos últimosAs cidades-sede têm, desde já, a oportunidade de mostrar ao mundo toda a diversidade dois anos. O relatório utiliza dados de consumo reais, pagos com um cartão Visa. Conhecidos como VisaVuenatural e cultural de cada região. Bilhões de pessoas irão acompanhar os jogos pela TV, Travel, esses dados nos permitem destacar várias informações relevantes sobre os visitantes – de onde elesInternet, jornais e revistas. Estes espectadores não assistirão apenas às competições, mas vêm, quanto gastam e o que estão comprando.terão acesso também à divulgação da cultura e da forma de viver do povo brasileiro, além Segundo o relatório deste ano, em 2010, os turistas internacionais que vieram ao Brasil aumentaram seusdos principais atrativos turísticos e das paisagens diversas que o país oferece. gastos com o cartão Visa em 12%1, mantendo o histórico de crescimento em relação aos anos anteriores.A Embratur agradece à Visa por contribuir com este material de importância Os gastos dos turistas nos 10 principais segmentos de mercado também subiram em 2010.1 Mas o fatoexcepcional para atrair o interesse mundial para o Brasil, especialmente para o turismo. mais notável de 2010 foi o aumento nos gastos dos portadores brasileiros nos vários destinos globais por eles visitados. No ano passado, os brasileiros aumentaram seus gastos no exterior em 58%.1Flávio Dino, A Visa colabora com instituições financeiras clientes e parceiros do mundo todo para desenvolverPresidente da Embratur programas inovadores e agregar novas funcionalidades às suas soluções de pagamento. De olho no crescimento dos pagamentos eletrônicos no Brasil e na entrada de novos estabelecimentos comerciais na rede da Visa, seguiremos trabalhando com nossos parceiros na indústria do turismo e nossas instituições financeiras e estabelecimentos comerciais para garantir que usuários locais e visitantes desfrutem de todos os benefícios dos pagamentos eletrônicos no Brasil. Todos os valores mostrados neste relatório estão em dólares. Rubén Osta Diretor-geral da Visa do brasil 1 Dados VisaVue Travel, 2009-2010
  • 3. P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O | b R A S I l Sumário Executivo Segundo o relatório deste ano, 2010 foi um ano memorável para o Brasil. O país se firmou como um destino turístico atraente e foi um forte aliado da economia global do turismo.Em dezembro e janeiro de 2010,os portadores do cartão Visa ÉPOCA DE VIAGEMvindos do exterior gastaram RECE P TIVO E MISSIVOUS$421M no Brasil. 58% 12% CRESCIMEnTO 20 0 9 $1.8B CRESCIMEnTO 20 0 9 $ 3 .1 B $421M 2 0 1 0 2 0 1 0 $ 2 .1 B $4.8B Os gastos dos portadores do cartão Mas o mais impressionante foram os Por estar localizado ao sul da Linha do Visa que vieram ao Brasil subiram de gastos dos brasileiros que viajaram Equador, o Brasil é um destino atraente $1.8 bilhão em 2009, para $2,1 bilhões para o exterior, comparados aos gastos para os turistas que querem fugir do em 2010. 2 dos turistas que vieram ao Brasil. Os frio do inverno do hemisfério norte, em gastos dos brasileiros com o cartão Visa dezembro e janeiro. Nesse período, os subiram de US$3,1 bilhões em 2009, estrangeiros em visita ao Brasil gastaram para US$4,8 bilhões em 2010. 2 US$421 milhões com seus cartões Visa, dos quais US$42 milhões vieram dos portadores americanos. Com as Olimpíadas e a Copa do Mundo cada vez mais próximas, é fundamental que o Brasil entenda onde e como os visitantes estão gastando seu dinheiro a fim de manter o ritmo de crescimento dos últimos anos. Esse conhecimento permite que as empresas aprimorem suas opções de produto e estratégias de marketing, e adotem as ferramentas e os modelos de negócio adequados para atrair um fluxo sustentável de visitantes. A Visa está comprometida em trabalhar com autoridades do turismo local e nacional para apoiar o crescimento continuado do setor, fornecendo não apenas uma moeda conveniente para as transações internacionais, mas toda a experiência acumulada pela empresa ao longo de várias Olimpíadas e Copas do Mundo, além de acesso a milhões de portadores de cartões em todo o mundo e informações sobre seus hábitos de consumo. 2 Dados VisaVue Travel, 2009-2010. 5
  • 4. P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O | b R A S I l Os portadores do cartão Visa gastaram US$2,1 bilhões no Brasil em 2010. Rio Gastos dos Estrangeiros de Janeiro e São Paulo, duas das maiores no Brasil cidades do país e dois dos destinos mais populares, receberam juntos US$1,2 bilhão de dólares em 2010. Os dados do VisaVue de 2010 indicam que o Brasil foi um destino bastante atraente para os Essas duas metrópoles sediarão as portadores do cartão Visa vindos do exterior. competições da Copa do Mundo FIFA 2014™ e hospedarão as 32 seleções que Os gastos desses visitantes internacionais disputarão o torneio. cresceram de US$1,8 bilhão em 2009, para US$2,1 bilhões em 2010. De todo o montante Fatos sobre o Rio gasto por esses portadores, a maior fatia veio • Os americanos gastaram US$ 89,4 milhões dos norte-americanos, que gastaram US$ com seus cartões Visa no Rio em 2010, fazendo dos EUA o país de origem dos visitantes que 480 milhões com seus cartões Visa em 2010, mais gastaram na cidade e no país. seguidos dos franceses (US$165 milhões), • Embora os viajantes vindos de 6 dos 10 britânicos (US$152 milhões), portugueses principais países emissores de turistas para (US$129 milhões) e italianos (US$126 milhões). o país tenham gastado menos com seus cartões Visa no Rio em 2010 do que em Top 2010 Na comparação ano a ano, os turistas vindos 2009, no total, os gastos dos portadores que Países de Origem dos Visitantes visitaram o Rio aumentaram US$4 milhões de Angola – país africano que compartilha a em 2010. Estado Unidos | +5% $480M língua portuguesa e outros laços históricos com $457M • O valor médio das transações com o cartão o Brasil – foram, dentre os 10 grupos que mais Visa também aumentou de 2009 para 2010. França | +3% $165M visitam o Brasil, os que mais aumentaram seus O aumento foi observado entre os portadores $160M de todos os 10 países que mais enviam gastos no país. As relações comerciais entre esse turistas para o Brasil Reino Unido | +21% $152M país da África Ocidental e o Brasil começaram $126M a aumentar em 2000. Os portadores do cartão Fatos sobre São Paulo Portugal | -3% $129M $133M Visa vindos de Angola aumentaram seus gastos • Ao contrário do Rio, os viajantes de 9 dos 10 em 94%, saindo de US$58 milhões para mais de principais países emissores de turistas para Itália | -3% $126M $130M US$113 milhões. Boa parte desse montante foi o Brasil gastaram mais com seu cartão Visa em São Paulo em 2010 do que em 2009. Os gasto em itens de vestuário. italianos foram os únicos visitantes que não Angola | +94% $113M $58M aumentaram seus gastos. Além disso, houve um crescimento anual Espanha | +5% $92M • Houve um aumento de 15% nos gastos dos significativo nos gastos dos visitantes dos 25 estrangeiros que usaram o cartão Visa em $88M principais países emissores de turistas para São Paulo, que consumiram na cidade US$ Alemanha | +10% $85M o Brasil. Os aumentos mais impressionantes 829 milhões em 2010 e US$ 718 milhões $77M em 2009. foram os dos turistas da Coreia do Sul (101 %), Argentina | +13% $78M • Em 2010, os gastos dos americanos em São Angola (94%), China (51%), Uruguai (36%) e $69M Paulo ultrapassaram a soma dos 4 outros Paraguai (31%). países que mais enviam turistas para o Brasil. Suiça | +11% $75M $68M6 2010 2009 Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010
  • 5. P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O | b R A S I l Gastos dos Brasileiros no Exterior Tendo em vista o forte crescimento econômico do Brasil em 2010, os portadores do cartão Visa que viajaram para o exterior contribuíram para a economia global do turismo em 2010 e aumentaram seus gastos em no mínimo 42% – chegando a 109% – em relação a 2009, nos 10 países mais visitados. Como nos anos anteriores, os EUA foram o destino internacional preferido dos portadores brasileiros. Os turistas brasileiros aumentaram seus gastos nos EUA em 63% Como nos anos anteriores, os em 2010, gastando US$1,9 bilhão – mais do que o total combinado dos outros 10 maiores EUA foram o destino internacional emissores de turistas para o país. preferido dos brasileiros Argentina (US$410 milhões), França (US$289 milhões), Paraguai (US$217 milhões), portadores do cartão Visa. Itália (US$207 milhões), Uruguai (US$176 milhões), Reino Unido (US$174 milhões), Espanha (US$160 milhões), Portugal (US$134 milhões) e Canadá (US$117 milhões) foram os outros destinos internacionais mais visitados pelos brasileiros. Na Argentina, os brasileiros aumentaram seus gastos com o cartão Visa em impressionantes 109%. Top 2010 Principais Países de Destino Dentre os 25 principais destinos dos brasileiros, a África do Sul, onde o Brasil chegou Estados Unidos | +63% $1.9B às quartas de final na Copa do Mundo FIFA 2010™, viu os gastos desses portadores $1.2B crescerem 112% em relação ao ano anterior. Outros países onde os gastos dos brasileiros Argentina | +109% $410M aumentaram significativamente em relação a 2009 foram Emirados Árabes Unidos $196M (99%), México (85%) e Turquia (75%). França | +54% $289M $188M Paraguai | +69% $217M $128M Itália | +42% $207M $146M Uruguai | +62% $176M $108M Reino Unido | +47% $174M $118M Espanha | +42% $160M $113M Portugal | +48% $134M $90M Canadá | +50% $117M $78M8 2010 2009 Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010
  • 6. Gastos dos Turistas por Segmento de Mercado em 2010 Estrangeiros no Brasil Em termos coletivos, as compras no varejo portadores de cartão que vieram ao Brasil em geral são os gastos mais comuns dos não estavam interessados apenas em portadores do cartão Visa no exterior. itens do varejo tradicional. Embora ainda Entretanto, segundo os dados de 2010, não figure entre as principais categorias, outros segmentos de mercado, incluindo um segmento de mercado que cresceu de o varejo não tradicional — que abrange forma impressionante foi o de pagamento caixas eletrônicos, livrarias e joalherias, de pedágios (181%). Isso mostra que mais hospedagem, restaurantes e supermercados viajantes do que nunca estão interessados – estiveram entre as categorias de em ver tudo que o país tem a oferecer. gasto mais populares, sugerindo que os R E S TA U R A n T E S HOS PE DAG E M SUPERMERCADOS 20% 24% 17% CRESCIMEnTO CRESCIMEnTO CRESCIMEnTO 2009 e 2010 Volume das Transações dos Estrangeiros nos Maiores Segmentos de Mercado no Brasil OUTROS MERCADOS O U T R O S T I P O S D E VA R E J O Outros Mercados* | +10% $1B Inclui ferrovias, marinas, saques Inclui mercadorias em geral, confeitarias, padarias, $925M em caixas eletrônicos, instituições suprimentos para a casa, madeira, tinta, equipamentos financeiras, seguro, transferência de jardinagem, vestuário, software, música, vinho/ Hospedagem | +24% $282M de fundos, etc. bebidas alcoólicas, antiguidades, livrarias, jóias, $227M brinquedos, equipamentos e materiais fotográficos, Outros Tipos de Varejo* | +5% $265M malas/artigos de couro, artigos de vidro, cosméticos, $253M bancas de revistas, etc. 10% 5% Restaurantes | +20% $137M CRESCIMEnTO $114M CRESCIMEnTO Supermercados | +17% $73M $63M 2010 2009 Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010 * Mais detalhes no Anexo da página 2210
  • 7. Gastos dos Turistas por Segmento de Mercado em 2010 Brasileiros no Exterior De modo geral, as compras no varejo Os dois segmentos de mercado que mais pagas pelos brasileiros com um cartão cresceram em 2010 foram as lojas de Visa subiram de US$777 milhões em eletrônicos (90%) e de materiais esportivos 2009 para US$1,3 bilhão, representando (69%), o que mostra que os brasileiros estão extraordinários 73% dos gastos de viagem otimistas com a recuperação econômica desses viajantes internacionais em 2010. e, consequentemente, investindo em sua qualidade de vida. no geral, os cinco principais segmentos de mercado foram: RÁDIO, TV & SOM l O J A S D E D E P A R TA M E n T O HOS PE DAG E M 90% 78% 53% CRESCIMEnTO CRESCIMEnTO CRESCIMEnTO2009 e 2010Volume das Transações dos Brasileiros nos Maiores Segmentos de Mercado no Exterior OUTROS MERCADOS O U T R O S T I P O S D E VA R E J O Inclui ferrovias, marinas, saques Inclui mercadorias em geral, confeitarias, padarias, suprimentos em caixas eletrônicos, instituições para a casa, madeira, tinta, equipamentos de jardinagem, vestuário,Outros Tipos de Varejo* | +73% $1.3B $777M financeiras, seguro, transferência de software, música, vinho/bebidas alcoólicas, antiguidades, livrarias, fundos, etc. joias, brinquedos, equipamentos e materiais fotográficos,Outros Mercados* | +33% $846M malas/artigos de couro, artigos de vidro, $637M cosméticos, bancas de revistas, etc.Hospedagem | +53% $565M $369M 33% CRESCIMEnTOLojas de Eletrônicos (Rádio, TV & Som) | +90% $307M 73% $161M CRESCIMEnTOLojas de Departamento | +78% $290M $162M 2010 2009 Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010 * Mais detalhes no Anexo da página 22 12 13
  • 8. Patrocinadora Mundial dos Jogos Olímpicos e Parceira da Copa do Mundo FIFA™ O Impulso das Olimpíadas e da Copa do Mundo Como país-sede da Copa do Mundo FIFA 2014™ e dos Jogos Olímpicos Rio 2016, o Brasil tem uma oportunidade de crescimento tremenda, em inúmeras áreas. Só a Copa do Mundo deve injetar R$ 183,2 bilhões na economia brasileira.3 Os eventos transformarão o Brasil em uma espécie de porto de chegada de viajantes internacionais, inspirando turistas de todas as partes do mundo a conhecerem o país e o continente sul-americano. Para se preparar para receber esse enorme fluxo de viajantes, é mais importante do que nunca que o país analise cuidadosamente o que motiva um visitante a gastar e o cenário dos próximos anos. É igualmente importante que o Brasil aprenda com outros países que já sediaram uma Copa do Mundo FIFA™ou Olimpíada, para se preparar e administrar o grande aumento no fluxo de turistas, receita, investimento em imóveis e obras de infraestrutura que estão por vir. 2010 Comparativo Mês a Mês dos Gastos Por exemplo, o Brasil costuma ser um destino popular entre os turistas que querem fugir do frio de dezembro e janeiro; portanto, muitos setores turísticos do país reforçam Janeiro | +22% $212M $173M seu contingente durante esse período tradicionalmente forte. Entretanto, a abertura da Fevereiro | +24% $191M Copa do Mundo FIFA 2014™ será em junho, mês em que os portadores do cartão Visa $154M menos viajam. Da mesma forma, a abertura dos Jogos Olímpicos será em agosto, que Março | +27% $194M embora não esteja entre os meses em que os estrangeiros menos visitam o Brasil, ainda $153M é bem menos aquecido do que os meses de dezembro a março. É importante que as Abril | +22% $164M empresas e entidades de turismo brasileiras entendam essas nuances agora, a fim de $134M se prepararem para receber um grande volume de turistas em meses considerados de Maio | +18% $151M baixa temporada, nos próximos anos. $128M Como patrocinadora de longa data dos Jogos Olímpicos e recente patrocinadora da Junho | +5% $133M $127M Copa do Mundo FIFA™, a Visa sabe muito bem o quanto esses eventos esportivos são Julho | +5% $157M importantes para mostrar ao mundo os potenciais do país-sede, atrair visitantes e aumentar $149M sua receita com o turismo. A Visa está comprometida em ajudar o Brasil a aproveitar essas Agosto | +3% $172M oportunidades, fornecendo às empresas e governantes informações e conhecimentos $167M relevantes sobre os gastos dos turistas internacionais e os projetos de infraestrutura Setembro | +10% $154M necessários, além do aumento na aceitação e no uso dos pagamentos eletrônicos. $140M Outubro | +1% $161M $159M Novembro | +7% $177M $166M 3 “Impacto Econômico da Copa do Mundo no Brasil”, Ministério dos Esportes, abril 2010 Dezembro | +3% $209M $203M14 2010 2009 Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010
  • 9. P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O | b R A S I l A curiosidade e a expectativa aumentarão o interesse Metodologia pelo Brasil nos próximos anos. A data de interesse e as Os dados dos gastos aqui citados intenções de viagem ao Brasil, bem como os atuais gastos baseiam-se na análise dos pagamentos dos turistas estrangeiros no Brasil, servirão de base para efetuados com um cartão Visa no uma avaliação do impacto – potencial e de longo prazo – Brasil, por portadores vindos de alguns de não apenas um, mas dois megaeventos esportivos. países-chave, durante os anos de 2009 (1º de janeiro a 31 de dezembro de A Visa está comprometida em trabalhar com as 2009) e 2010 (1º de janeiro a 31 de autoridades do turismo local e nacional e visitors bureaus março de 2010). As conclusões deste do Brasil para apoiar o crescimento continuado do setor, relatório baseiam-se em dados do oferecendo uma moeda conveniente para as transações VisaVue® Travel. A Visa apresentou os relatórios do VisaVue® Travel a internacionais e dando acesso a milhões de portadores organizações do setor de turismo de cartões em todo o mundo. em 2008 e, desde então, continua a Para mais informações sobre o relatório Perspectivas do fornecê-los aos clientes da comunidade de marketing dos países de destino que Turismo: Brasil e as iniciativas da Visa na indústria do assinam o serviço. turismo, contate ssciama@visa.com ou globalmedia@visa.com.16
  • 10. P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O | B R A S I LAnexos
  • 11. Anexos Anexos PRINCIPAIS PAÍSES DE ORIGEM EM 2010 COMPARATIVO MÊS A MÊS DOS GASTOS DOS TURISTAS INTERNACIONAIS NO BRASIL País Emissor 2010 2009 % de Crescimento (+/-) Mês 2010 2009 % de Crescimento (+/-) 1 Estados Unidos $480M $457M 5% • Janeiro $212M $173M 22% 2 França $165M $160M 3% • Fevereiro $191M $154M 24% 3 Reino Unido $152M $126M 21% • Março $194M $153M 27% 4 Portugal $129M $133M -3% • Abril $134M $164M 22% 5 Itália $126M $130M -3% • Maio $128M $151M 18% 6 Angola $113M $58M 94% • Junho $127M $133M 5% 7 Espanha $92M $88M 5% • Julho $149M $157M 5% 8 Alemanha $85M $77M 10% • Agosto $167M $172M 3% 9 Argentina $78M $69M 13% • Setembro $140M $154M 10% 10 Suiça $75M $68M 11% • Outubro $159M $161M 1% Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010 • novembro $166M $177M 7% • Dezembro $203M $209M 3% Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010 PRINCIPAIS PAÍSES DE DESTINO EM 2010 País Emissor 2010 2009 % de Crescimento (+/-) 1 Estados Unidos $1.9B $1.2B 63% 2 Argentina $410M $196M 109% 3 França $289M $188M 54% 4 Paraguai $217M $128M 69% 5 Itália $207M $146M 42% 6 Uruguai $176M $108M 62% 7 Reino Unido $174M $118M 47% 8 Espanha $160M $113M 42% 9 Portugal $134M $90M 48% 10 Canadá $117M $78M 50% Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-201020 21
  • 12. Anexos Anexos TRANSAÇÕES DOS ESTRANGEIROS NOS MAIORES SEGMENTOS DE METODOLOGIA MERCADO NO BRASIL EM 2009 E 2010 Os gastos no Brasil dos portadores do cartão Visa vindos do exterior citados nas páginas anteriores Segmento de Mercado 2010 2009 % de Crescimento (+/-) foram avaliados nas seguintes categorias de mercado: 1 Outros Mercados $1.0B $925M 10% • Companhias Aéreas 2 Hospedagem $282M $227M 24% • Locadora de Carros 3 Outros Tipos de Varejo $265M $253M 5% • Hospedagem 4 Restaurantes $137M $114M 20% • Saúde 5 Supermercados $73M $63M 17% • Business to Business Inclui impressão, frete, produtos comerciais, suprimentos industriais, papelaria, suprimentos de escritório, uniformes, etc. Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010 • Outros Tipos de Varejo Inclui mercadorias em geral, empresas contratadas, confeitarias, padarias, suprimentos para a casa, madeira, tinta, equipamentos de jardinagem, vestuário, software, música, vinho/bebidas TRANSAÇÕES DOS BRASILEIROS NOS MAIORES SEGMENTOS DE alcoólicas, antiguidades, livrarias, jóias, brinquedos, equipamentos e materiais fotográficos, malas/artigos de couro, MERCADO NO EXTERIOR EM 2009 E 2010 artigos de vidro, cosméticos, bancas de revistas, etc. Segmento de Mercado 2010 2009 % de Crescimento (+/-) • Outros Mercados Inclui ferrovias, marinas, caixas eletrônicos, instituições 1 Outros Tipos de Varejo $1.3B $777M 73% financeiras, seguro, transferência de fundos, etc. 2 Outros Mercados $846B $637M 33% • Outros Segmentos Emergentes Inclui transporte local, táxis, etc. 3 Hospedagem $565M $369M 53% • Viagem e Entretenimento (Outros) Inclui ônibus, locação de barcos, compras no aeroporto, compras no duty free shop, mobiliário para a casa, catering, bares, 4 lojas de Eletrônicos (Rádio, TV & Som) $307M $161M 90% cassinos, campos de golfe, etc. 5 lojas de Departamento $290M $162M 78% • Navios/Cruzeiros Fonte: Dados VisaVue Travel, 2009-2010 • Pagamento de Contas Inclui serviços de mensageiro, guarda/armazenamento, serviços de telecomunicação, serviços de internet e utilidades • Agências de Viagem • Pedágios em Estradas e Pontes • Clubes atacadistas • Lojas de Desconto • Lojas de Departamento • Supermercados • Combustível • Lojas de Móveis/Equipamentos • Lojas de Eletrônicos (rádio, TV, som) • Restaurantes • Fast-Foods • Farmácias e Drogarias • Lojas de Artigos Esportivos • Marketing Direto • Governo22 23
  • 13. P E R S P E C T I VA S D O T U R I S M O | b R A S I l© 2011 Visa Inc. Todos os Direitos Reservados.

×