Your SlideShare is downloading. ×
0
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Curitiba   encontro eng. produção - inovação colaborativa
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Curitiba encontro eng. produção - inovação colaborativa

1,123

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
1,123
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
19
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Inovação Colaborativa Dr. José Cláudio C. Terra Curitiba, 21/08/2010
  • 2. Para a maioria das organizações a inovação é uma atividade interna, mas para outras ... Inovação Fechada Inovação Aberta MODELO MENTAL: MODELO MENTAL: “Há uma série de razões, “As pessoas mais inteligentes e pessoais, profissionais, capacitadas do nosso setor e ambições, etc porque pessoas áreas de atuação trabalham muito talentosas, criativas e para nossa organização” capacitadas não vão trabalhar em nossas organização”
  • 3. Modelo de Inovação Aberta – O Funil de Inovação No modelo de inovação aberta, a organização mantém fortes relacionamentos com parceiros externos em diferentes fases do processo de desenvolvimento de inovação Pesquisa Desenvolvimento Comercialização Joint Venuture Licencing External Technology Insourcing Spin-in Merge and Aquisitions INTERNAL MARKET R&D Divest Spin-off Licencing R&D Services
  • 4. Inovação 2.0
  • 5. Inovação 2.0: um novo conceito  Para suportar os processos da Inovação Aberta, um novo conceito tem sido explorado: a Inovação 2.0.  A inovação 2.0 se utiliza da Web 2.0 para:  Observar discussões, opiniões e interesses de grupos de consumidores.  Entender tendências tecnológicas por acesso a grupos de discussão com participantes de comunidades científicas espalhados pelo mundo.  Receber ideias de qualquer pessoa no mundo.  Realizar desenvolvimento de projetos com parceiros à distância antes dificilmente acessíveis.  Colaborar e discutir com pessoas e organizações a respeito dos seus produtos e ideias.  Capacitar-se em tecnologias à distância.  Formar / prospectar parcerias em tecnologias específicas.  Comercializar tecnologias sem precisar estar fisicamente próximo.
  • 6. Modelo de Inovação 2.0 – TerraForum Inovação 2.0 - © TerraForum Inteligência Comercialização Ideias e Insights P&D&I Testes e Pilotos Competitiva e Scaling Up Detecção de Busca de ideias Materialização das Realização de Soluções oportunidades e ideias em: testes e pilotos comerciais tendências. em campos de Conceitos prova. Combinação de ideias Fórmulas Plano de Definição onde e Comunicação em quais Protótipos mercados a atenção da Ideias de outros Processos empresa estará mercados Distribuição produto focada. / serviço 6
  • 7. Modelo de Inovação 2.0 – TerraForum Inovação2.0 - © TerraForum Inteligência Comercialização Ideias e Insights P& D &I Testes ePilotos Competitiva e Scaling Up  Previsão  Ideias  Investimento  Opinião lead-users  Comercialização  Opiniões  Concursos  Co-desenvolvimento  Plantas pilotos de tecnologias  Tendências  Tecnologias  Soluções pontuais  Feedbackem  Marketing viral  Transferênciasde massa tecnologia Web 2.0 Centros de Clientes Universidades Parceiros Concorrentes Fornecedores Pesquisa 7
  • 8. Exemplos – Inovação 2.0 nas organizações 8
  • 9. Inteligência Competitiva Inteligência Competitiva para que? Trend Hunter Estar atento as novas tendências do mercado permite Site especializado em busca de novas definir estratégias que ofereçam vantagem tendências. competitiva. Desenvolver análises estratégicas, descobrir oportunidades e mapear riscos. Usuários cadastram as tendências Vídeos e newsletters de tendências mais interessantes; Compilação de relatórios anuais das tendências de maior impacto. Utilizado: por JW Thompson e MTV como inspiração 26 mil usuários para áreas de marketing; 43 mil tendências por CNN, The Financial Times, CBC para jornalistas encontrarem novidades. 8 milhões de visitas/ mês http://www.trendhunter.com 9
  • 10. Ideias e Insights De onde surgem os insights para inovação? Dell IdeaStorm Funcionários Acesso aberto a todos usuários para idéias, críticas e sugestões à Dell. Benchmark Cada usuário pode:  Publicar idéias Fornecedores  Comentar idéias postadas Pesquisadores  Votar nas idéias para promovê-las ou rebaixá-las Clientes A navegação do site o torna mais eficiente, pois permite visualizar as idéias:  por produto,  por data mais recente 12 mil idéias  por popularidade 347 idéias implementadas  por número de comentários 84 mil comentários http://www.ideastorm.com 10
  • 11. Ideias e Insights Natura  Programa que visa estimular a geração colaborativa de Inovação Tecnológica, unindo a Natura a instituições acadêmicas e órgãos de apoio à pesquisa.  O programa é aberto a pesquisadores e estudantes de Instituições de Ciência e Tecnologia reconhecidas pelo governo brasileiro.  Projetos são enviados pelo site.  Os melhores projetos concorrem ao Prêmio Natura de Inovação Tecnológica, que paga R$ 40 mil ao grupo de trabalho vencedor.  Em 2007, 20% das propostas de projeto recebidas foram aprovadas internamente pela Natura.
  • 12. Ideias e Insights Samarco: Inovação com Fornecedores  Programa que utiliza o conceito de Web 2.0 para se aproximar de seus fornecedores  Parceiros podem enviar e ajudar a implementar ideias, gerando melhorias para a Samarco e oportunidades de negócios para os fornecedores.  Trabalha com 75 parceiros de grande importância estratégica.  Pouco tempo depois do seu lançamento o Programa já trouxe várias ideias com potencial de gerar milhões de reais em benefícios para a Samarco.
  • 13. P&D&I InnoCentive O que fazer quando a estrutura interna de Levando os problemas até a solução. P&D não está capacitada a solucionar um Empresas publicam seus problemas de forma problema? anônima. Pesquisadores e universidades buscam soluções em troca de prêmios de até Utilizar infra-estrutura de universidades US$ 1 milhão. Fazer parcerias com pesquisadores altamente Dessa forma, conseguem: qualificados  Aumentar a rede de contatos  Melhorar a qualidade e velocidade das soluções  Reduzir os investimentos em P&D O site conta com :  Desafios cadastrados  Possibilidade de cadastrar idéias 70 mil pesquisadores  Espaços para discussões 50 universidades Grandes empresas como Basf, Syngenta e DuPont participam. http://www.innocentive.com 15
  • 14. Testes e Pilotos Testes e pilotos para que? Kraft first taste Reduzir os riscos de fracasso no lançamento Comunidade para discussão de produtos ainda não lançados. Permite o aperfeiçoamento dos produtos com o feedback dos próprios clientes A Kraft lançou uma comunidade para o público interessado em conhecer seus novos Avaliar as necessidades específicas do momento de produtos. lançamento . Na comunidade qualquer usuário pode:  Dar feedbacks sobre os produtos  Trocar opiniões sobre os produtos  Conhecer outras pessoas Os usuários mais ativos são chamados para provar os novos produtos. Assim, a Kraft aperfeiçoa seus produtos, utilizando a experiência do consumo de seus próprios clientes e capturando as http://www.kraftfirsttaste.com particularidades de cada consumidor. 16
  • 15. Comercialização & Scaling up Yet2.com Quais os benefícios de comercializar as Propriedade Intelectual em Negociação tecnologias desenvolvidas ? Empresas compram e vendem licenças para o uso de tecnologias de patentes ou as patentes Buscar o retorno do investimento feito em si. Reduzir tempo de desenvolvimento e Dessa forma, as empresas conseguem: investimento necessário em P&D  Lucrar com tecnologias desenvolvidas que não estão alinhadas com sua estratégia  Inovar sem pesquisar ou desenvolver internamente novas tecnologias O site conta com :  Espaço para disponibilizar e pesquisar novas tecnologias,  Especialistas em avaliação, licenciamento e aquisição de tecnologias, 90% empresas da Fortune 500  Parceria com DuPont, P&G e Honeywell. 40% capacidade mundial de P&D Grandes empresas como Bayer, Microsoft, Panasonic, Philips, Rhodia, Samsung, http://www.yet2.com Siemens e Sony participam. 17
  • 16. Apresentação de Caso
  • 17. Batalha Vopak Criação de um sistema rápido de aquecimento de produtos armazenados em tanques, Desafio com a finalidade de aquecer somente o volume necessário para abastecer um ou poucos caminhões, sem alterar as especificações do produto. O produto a ser tomado como referência é a Estearina (podemos usar como referência os seguintes valores: ponto de fusão 50ºC, calor específico 0,47+0,00073*tempºC expresso em Kcal/KgºC, densidade (25 a 75ºC) de 0,9244- 0,00067*tempºC expresso em Kg/m³, viscosidade 80 cP a 45º e condutividade térmica 0,1 BTU/ft.h.ºF quando em fase líquida), que necessita estar com Especificação temperatura ao redor de 70ºC para ser movimentado. O aquecimento é feito através de vapor saturado a 150°C gerado por uma caldeira, e a bomba utilizada para a transferência possui 70 m³/hora de vazão. Tomaremos como referência tanques sem isolamento interno com 14 m de diâmetro e 14 m de altura, volume nominal de 2300 m³, densidade de projeto de 1500 kg/m³, material aço carbono.
  • 18. Batalha Rijkswaterstaat Como o Ministério dos Transportes e Águas pode reduzir o consumo de energia e de emissão de CO2 em sua infra- estrutura? Com o slogan “Boas idéias não valem nada Desafio se não usadas” a Rijkswaterstaat convida os participantes que tiverem as três melhores idéias para fazerem uma apresentação demonstrando como suas idéias funcionam na prática. Restrições e escopo: a Rijkswaterstaat expõe que não pretende implementar projetos como colocar moinhos de vento ou geradores de energia com biodiesel – Especificação “Os moinhos de vento terão a resistência dos moradores e o biodiesel não é uma solução porque não há auto-suficiência e tem que ser comprado”. Prêmios 1e prijs 1.500 euro 2e prijs 750 euro 3e prijs 350 euro nrs. 4 t/m 10 prijs 200 euro nrs. 11 t/m 20 prijs 100 euro
  • 19. Batalha Movares Como melhorar a concorrência entre o uso do transporte público e o uso de carros Desafio particulares, no transporte de casa para o trabalho e vice-versa? Quer, não apenas quer uma solução para a infra-estrutura, mas também ser uma alternativa para possíveis soluções, em qualquer área de mobilidade. Poderá ser uma solução técnica inteligente ou uma solução que motive as pessoas a não viajarem na mesma hora. Regras Especiais: Especificação Os custos têm que estar em linha com os resultados obtidos. Têm que ser realizáveis dentro de cinco anos Têm que ser inovadoras Têm que ser idéias claras para obterem sucesso Prêmios 1e prijs € 1.800,- 2e prijs € 900,- 3e prijs € 420,- 4e t/m 10e prijs € 240,- 11e t/m 20e prijs € 120,-
  • 20. Batalha Eneco Desafio Desenhar um veículo novo movido a eletricidade. Eneco produz mobilidade elétrica – bicicletas, scooters, motores movidos à eletricidade. Visualiza três etapas: 1)Mudar a frota existente para eletricidade e pontos de carga; 2)Oferecer pontos de carga para as empresas; Especificação 3)Oferecer pontos de carga para consumidores particulares. O projeto pode ser referente a um veículo novo ou uma adaptação de um veículo já existente. O conceito que será apresentado precisa ser inovador e ter a possibilidade de ser adicionado às área de conforto, preço, desenho, velocidade etc., dos produtos já existentes. Além disso, o seu conceito tem que ser real e baseado na tecnologia existente mas, caso você tenha uma tecnologia nova, também poderá usá-la. O objetivo é que o seu veículo seja desejado pelo cliente e contribua para a aceitação de veículos movidos à eletricidade. Prêmios 1e prijs 1.500 euro 2e prijs 750 euro 3e prijs 350 euro nrs. 4 t/m 10 prijs 200 euro nrs. 11 t/m 20 prijs 100 euro
  • 21. Batalha Eneco Procurar novas idéias para reutilização de plataformas (ou parte delas) de gás ou Desafio petróleo em alto mar O que fazer com as plataformas de gás ou de petróleo? Elas não são apenas feias, também podem se tornar uma ameaça para o meio ambiente. Alguns fatores importantes: Especificação Execução técnica , Bem estar e segurança, Meio ambiente A pergunta constante é: Como retirar as instalações obsoletas? Elas precisam, necessariamente, virar ferro velho ou podem ser reutilizadas? Pesquisas realizadas nos últimos dez anos, demonstram que houve algumas reutilizações como Brent Spar, que se transformou em cais na Noruega e também outras idéias, como arrecifes, prisões e pisciculturas.
  • 22. Conclusão Inovação 2.0  A mudança de paradigma das empresas para a Inovação Aberta tem trazido benefícios significativos para empresas que a utilizam de forma estruturada.  A Web 2.0, por sua vez, vem desempenhando um papel significativo neste novo contexto.  No Brasil, a Inovação Aberta ainda começa a se tornar um conceito aceito.  A Inovação Aberta potencializada pela Web 2.0 demonstra um grande potencial para aumentar o entendimento das oportunidades, diminuir os custos de desenvolvimento e aumentar a probabilidade de sucesso e aceitação pelos usuários finais. 25
  • 23. Jose Claudio Terra jcterra@terraforum.com.br 11-3088-6021 www.slideshare.net/jcterra www.terraforum.com.br/inove
  • 24. Muito obrigado! José Cláudio C. Terra jcterra@terraforum.com.br 11-3088-6021 Download Apresentação www.slideshare.net/jcterra Portal sobre Inovação www.terraforum.com.br/inove Slide 27

×