Loading…

Flash Player 9 (or above) is needed to view presentations.
We have detected that you do not have it on your computer. To install it, go here.

Like this presentation? Why not share!

Uma perspectiva economica

on

  • 969 views

 

Statistics

Views

Total Views
969
Views on SlideShare
969
Embed Views
0

Actions

Likes
0
Downloads
9
Comments
0

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Uma perspectiva economica Uma perspectiva economica Presentation Transcript

    • Jornada de reflexão Casinha Desporto
    • Jornada de reflexão sobre o desporto no Sal CASINHA
    • COMO FINANCIAR AS ORGANIZAÇÕES DESPORTIVAS
      • UMA PERSPECTIVA ECONÓMICA
    • Desporto (características)
      • Complexo económico desportivo
      • Factor dinâmico na industria do entretenimento
      • Valorização do espectáculo e do ídolo (estrela) desportivo
    • Complexo económico desportivo
      • Amplo fenómeno de consumo de massas, com uma dinâmica associada a diferentes mercados:
        • textil e confecções
        • equipamentos
        • fármacos
        • turismo
        • lazer
        • Saúde
        • Calçado, etc.
    • Objectivo (complexo económico desportivo)
      • Comercialização do espectáculo
    • Factor dinâmico da industria do entretenimento
      • Entretenimento – maior industria do mundo em volume de negócios e número de emprego
      • Desporto – é o segundo maior ramo depois da industria do turismo
      • Futebol – modalidade de maior impacto económico.
    • A valorização do espectáculo e do ídolo desportivo
      • É através do ídolo (forma concreta) que o capital investido no espectáculo desportivo tem o seu retorno assegurado.
      • Público + médias popularidade ao espectáculo
    • Condições:
      • Desporto precisa de empresas profissionais na organização das competições e na realização dos espectáculos, para que se tenha a valorização económica do ídolo (estrela) e do capital.
      • Hoje o desporto enquanto espectáculo, indústria, é muito profissionalizado.
      • O espectáculo desportivo moderno necessita de estádios e arenas desportivas que possam receber o público, o que inclui:
      • - horários dos jogos
      • - venda antecipada de bilhetes
      • - estacionamento no local
      • - boas condições de transporte
      • - calendário bem organizado
    • Como financiar as organizações desportivas
      • Até anos 70
      • Modelo simples:
      • Cotização
      • Bilheteiras
      • Mecenas
      • A partir dos anos 80:
      • Novo modelo (bastante complexo):
      • publicidade
      • merchandising
      • mercado de capitais
      • subsídios
      • Transferência de jogadores
      • Bilheteiras: forte quebra nestas receitas
      • Ex: França redução de Bilhetiras 80% (1980) para 20% (1997)
      • Publicidade e merchandising passam a ser receitas correntes mais imoportantes no financiamento dos clubes desportivos
      • Ex: Manchester, receitas de merchandising representam 40% do total
      • Mercado de capitais: o desporto é hoje um dos principais e mais rentáveis produtores de conteúdos para a comunicação social (imprensa, rádio, tv e internet)
      • Muitas empresas investem no mercado do desporto, nomeadamente as empresas de comunicação social.
      • Subsídios:
      • directo
      • indirecto
      • doações de terrenos, alterações de PDMs para valorizar activos dos clubes, reconhecendo que a actividade dos clubes/associações desportivas é importante para sociedade.
      • formação + prática desporto melhoria saúde, combate a vícios (droga, alcoolismo, sedentarismo, etc.),
      • Transferência de jogadores
      • a maior fonte de receita dos clubes portugueses
      • está relacionada relacionada com:
      • formação
      • prospecção
      • capacidade de negociação
    • Que caminho para as associações amadoras/semiprofissionais
      • 1) Manter fiéis às formas e fontes de financiamento tradicionais
      • Consequências
      • Negativas :
      • - ultrapassado pelos adversários.
      • - a sociedade pode virar-lhes as costas
      • Positivas:
      • Manterão vivos os valores do associativismo e da carolice
      • 2) Evolução para uma crescente profissionalização da gestão:
      • Consequências
      • Positivas:
      • - atrair investidores
      • - atrair anunciantes
      • - Melhoria das infra-estruturas
      • - Melhoria das prestações competitivas
      • Negativas:
      • Transformar em entidades que pouco tem a ver com o romantismo e o bairrismo de outrora.
      • Caminho:
      • No início do século XXI é a profissionalização dos dirigentes desportivos e e a adopção de um modelo empresarial que resguarda a história dos clubes e permite a modernização da sua gestão.
      • A intervenção do estado não pode ser alheia e será fundamental para acelerar e ajudar nessa transição (ex: Inglaterra 1989, Football Spectators Act. (código de direito dos torcedores)