Tendências e oportunidades
Saúde conectada, sensores e m-health:
Tendências, desafios, oportunidades
e o que isso tem a ve...
Conceito
Não podemos olhar a saúde como algo isolado.
Ela não está apenas no consultório médico. Ela é
presente onde vivem...
…e também não restringí-la ao
consultório médico.
A saúde está presente onde vivemos,
...onde trabalhamos,
…onde nos divertimos,
…e claro quando estamos com
nossa família e amigos.
Hoje ela é capaz de estar conectada e
ser monitorada por sensores,
…smartphones e aplicativos.
E acima de tudo, por nós
mesmos.
Bem-vindo à era Self-tracking
Bilhões de celulares
Fonte: Mobithinking
Cloud computing cada vez
mais popular e barata
Conectividade cada vez mais rápida e móvel
E porque monitorar dados
sobre nossa saúde?
Se você não mede, não consegue melhorar
Self tracking não é algo novo. A maioria
das pessoas já usam ferramentas
manuais…
…mas o preço de sensores, cloud
computing e smartphones estão mudando
este cenário
Presente/Futuro: Rastreamento
passivo com menor esforço e
conectividade
Passado/presente: Coleta de dados
manual e off-line
Sensores 1.0
Capacidade de medir
e gravar sinais
Sensores 2.0
Sensores conectados a web
Compartilhamento
Sensores 3.0
Cole...
Com toda esta tecnologia, o
que estamos monitorando?
Nossa atividade
física,
…o que comemos,
…e também lembrar que remédios
tomamos (ou a hora que tomar).
Usuário
(ex: Atleta, maratonista etc)
Computação em nuvem
(tempo real ou assíncrono)
Interface do usuário
(web ou mobile)
...
Big Data
Agregação de dados
Você
Média
Tendência : Inteligência coletiva e compartilhada
Bem estar Crônicos Diagnóstico Monitoramento
Para cada público,um sensor específico
Tendências
Em 2017
+ 170 Milhões de unidades de sensores
Em 2017,
Fonte: MobiHealtnews
80% das pessoas
que se exercitam mais de uma vez por semana e possuem um smartphone
pagariam USD 140
por uma solução combi...
Sensores têm que ser “fashion”, sem fio,
…baratos….
…e acessíveis.
Pacientes
(seguindo prescrição médica)
- Asma
- Cancer
- Diabéticos
Adeptos a “self-tracking”
(early adopters)
- Calorias
...
Adoção em massa (drivers)
Diminuição do custo dos sensores e melhorar a tecnologia de baterias
Reduzir as barreiras de ent...
Barreiras de mercado
Falta de atenção e
iniciativa do consumidor
Falta de incentivos para que as
pessoas usem o sistema de saúde
de maneira preventiva e não reativa
Barreiras regulatórias da
ANVISA e ANATEL para
homologação de tecnologias
Modelos de negócios
sustentáveis e atraentes
ainda não comprovados
Sensores estão
ficando, cada vez mais
baratos, menores e
confiáveis
Evolução dos
smartphones, redes sem fio
e tecnologias das baterias
têm melhorado o valor do
produto
Vendas de produtos de prateleiras = ampla distribuição
Aumento da tendência de
“self-tracking” inserida no
cotidiano dos usuários e em
seus diversos contextos
Gamification é um conceito
que facilita o uso de
tecnologia de maneira
lúdica e divertida da
promoção da saúde
Inserir a socialização através da
participação de amigos e família em
esforços coletivos diminui o abandono de
programas d...
E quais oportunidades posso começar a
explorar ?
# Oportunidade 1: Desenvolvimento de acessórios (hardware) que use o
smartphone como processamento de biomedidas na nuvem
# Oportunidade 2: Gamification em apps para engajar crianças e
adolescentes na promoção da saúde
# Oportunidade 3: Usar APIs públicas para realizar cruzamento de
biomedidas e gerar mais conhecimento sobre saúde no usuár...
Considerações
Fitness e Bem-estar: segmentos mais populares
TOP biomedidas: Batimento cardíaco e Calorias
Mercado de alto ...
Tendências e oportunidades
Saúde conectada, sensores e m-health:
Tendências, desafios, oportunidades
e o que isso tem a ve...
Saúde conectada, sensores e mhealth : Tendências, oportunidades, desafios e o que isto tem a ver com você
Saúde conectada, sensores e mhealth : Tendências, oportunidades, desafios e o que isto tem a ver com você
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Saúde conectada, sensores e mhealth : Tendências, oportunidades, desafios e o que isto tem a ver com você

648
-1

Published on

Apresentação sobre mhealth | Campus Party Recife

Published in: Technology
2 Comments
4 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total Views
648
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
1
Actions
Shares
0
Downloads
32
Comments
2
Likes
4
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Saúde conectada, sensores e mhealth : Tendências, oportunidades, desafios e o que isto tem a ver com você

  1. 1. Tendências e oportunidades Saúde conectada, sensores e m-health: Tendências, desafios, oportunidades e o que isso tem a ver com você Jacques Chicourel Gerente de inovação @jcnv | jacques.vaz@telefonica.com
  2. 2. Conceito Não podemos olhar a saúde como algo isolado. Ela não está apenas no consultório médico. Ela é presente onde vivemos, onde trabalhamos, onde nos divertimos e na nossa família. Hoje ela é capaz de estar conectada e ser monitorada por sensores, smartphones e aplicativos. E acima de tudo, por nós mesmos. Não podemos olhar a saúde como algo isolado…
  3. 3. …e também não restringí-la ao consultório médico.
  4. 4. A saúde está presente onde vivemos,
  5. 5. ...onde trabalhamos,
  6. 6. …onde nos divertimos,
  7. 7. …e claro quando estamos com nossa família e amigos.
  8. 8. Hoje ela é capaz de estar conectada e ser monitorada por sensores,
  9. 9. …smartphones e aplicativos.
  10. 10. E acima de tudo, por nós mesmos.
  11. 11. Bem-vindo à era Self-tracking
  12. 12. Bilhões de celulares Fonte: Mobithinking
  13. 13. Cloud computing cada vez mais popular e barata
  14. 14. Conectividade cada vez mais rápida e móvel
  15. 15. E porque monitorar dados sobre nossa saúde?
  16. 16. Se você não mede, não consegue melhorar
  17. 17. Self tracking não é algo novo. A maioria das pessoas já usam ferramentas manuais…
  18. 18. …mas o preço de sensores, cloud computing e smartphones estão mudando este cenário
  19. 19. Presente/Futuro: Rastreamento passivo com menor esforço e conectividade Passado/presente: Coleta de dados manual e off-line
  20. 20. Sensores 1.0 Capacidade de medir e gravar sinais Sensores 2.0 Sensores conectados a web Compartilhamento Sensores 3.0 Coleta passiva de dados Big data Evolução dos sensores
  21. 21. Com toda esta tecnologia, o que estamos monitorando?
  22. 22. Nossa atividade física,
  23. 23. …o que comemos,
  24. 24. …e também lembrar que remédios tomamos (ou a hora que tomar).
  25. 25. Usuário (ex: Atleta, maratonista etc) Computação em nuvem (tempo real ou assíncrono) Interface do usuário (web ou mobile) Sensores E como estes sensores funcionam ?
  26. 26. Big Data Agregação de dados Você Média Tendência : Inteligência coletiva e compartilhada
  27. 27. Bem estar Crônicos Diagnóstico Monitoramento Para cada público,um sensor específico
  28. 28. Tendências
  29. 29. Em 2017 + 170 Milhões de unidades de sensores Em 2017, Fonte: MobiHealtnews
  30. 30. 80% das pessoas que se exercitam mais de uma vez por semana e possuem um smartphone pagariam USD 140 por uma solução combinada de sensor + software Fonte: MobiHealtnews
  31. 31. Sensores têm que ser “fashion”, sem fio,
  32. 32. …baratos….
  33. 33. …e acessíveis.
  34. 34. Pacientes (seguindo prescrição médica) - Asma - Cancer - Diabéticos Adeptos a “self-tracking” (early adopters) - Calorias - Exercício - Sono João, 40 anos. Diabético tipo 1 Marcos, 25 anos. Maratonista "Zona cinza” Gestão de doenças, saúde preventiva, assistência e monitoriamento, detecção e diagnóstico, medicina personalizada, prevenção e controle de surtos Mercado – Cenário atual
  35. 35. Adoção em massa (drivers) Diminuição do custo dos sensores e melhorar a tecnologia de baterias Reduzir as barreiras de entrada para uso (compliances e homologações de ANATEL/ANVISA) Movimento de ”self-tracking" em direção ao mercado de massa Distribuição em canais off-line (varejistas e e-commerce) de alto volume Mercado – Cenário futuro
  36. 36. Barreiras de mercado Falta de atenção e iniciativa do consumidor
  37. 37. Falta de incentivos para que as pessoas usem o sistema de saúde de maneira preventiva e não reativa
  38. 38. Barreiras regulatórias da ANVISA e ANATEL para homologação de tecnologias
  39. 39. Modelos de negócios sustentáveis e atraentes ainda não comprovados
  40. 40. Sensores estão ficando, cada vez mais baratos, menores e confiáveis
  41. 41. Evolução dos smartphones, redes sem fio e tecnologias das baterias têm melhorado o valor do produto
  42. 42. Vendas de produtos de prateleiras = ampla distribuição
  43. 43. Aumento da tendência de “self-tracking” inserida no cotidiano dos usuários e em seus diversos contextos
  44. 44. Gamification é um conceito que facilita o uso de tecnologia de maneira lúdica e divertida da promoção da saúde
  45. 45. Inserir a socialização através da participação de amigos e família em esforços coletivos diminui o abandono de programas de saúde e da tecnologia
  46. 46. E quais oportunidades posso começar a explorar ?
  47. 47. # Oportunidade 1: Desenvolvimento de acessórios (hardware) que use o smartphone como processamento de biomedidas na nuvem
  48. 48. # Oportunidade 2: Gamification em apps para engajar crianças e adolescentes na promoção da saúde
  49. 49. # Oportunidade 3: Usar APIs públicas para realizar cruzamento de biomedidas e gerar mais conhecimento sobre saúde no usuário My App
  50. 50. Considerações Fitness e Bem-estar: segmentos mais populares TOP biomedidas: Batimento cardíaco e Calorias Mercado de alto volume (varejo) O médico precisa estar mais envolvido Adoção depende de custo, usabilidade e disponibilidade
  51. 51. Tendências e oportunidades Saúde conectada, sensores e m-health: Tendências, desafios, oportunidades e o que isso tem a ver com você Jacques Chicourel Gerente de inovação @jcnv | jacques.vaz@telefonica.com

×