Relacoes abioticas
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Relacoes abioticas

on

  • 5,039 views

 

Statistics

Views

Total Views
5,039
Views on SlideShare
4,986
Embed Views
53

Actions

Likes
3
Downloads
188
Comments
0

1 Embed 53

http://8ainthebest.blogspot.com 53

Accessibility

Categories

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment

    Relacoes abioticas Relacoes abioticas Presentation Transcript

    • A Dinâmica dos Ecossistemas Factores abióticos
    • Termos e conceitos
      • Espécie
      • Comunidade
      • Ecossistema
      • População
      • Habitat
      • Factores abióticos (edáficos e climáticos)
    • Ecossistema
      • Ecossistema – é o sistema formado pelos seres vivos e pelo seu ambiente.
      • Existem dois tipos de ecossistemas: o ecossistema aquático e o ecossistema terrestre.
    • Ecossistema aquático
    • Ecossistema terrestre
      • Espécie – grupo de indivíduos semelhantes que se reproduzem entre si, originando descendência fértil.
      • Por vezes duas espécies diferentes podem cruzar-se, mas a sua descendência não é fértil, originando os chamados híbridos. Como acontece, por exemplo, entre uma égua e um burro.
      Égua Burro Mula
      • População – é o conjunto de seres vivos da mesma espécie que vivem no mesmo habitat.
      Cardume Rebanho
      • Comunidade – é o conjunto de populações que vivem no mesmo local, inter-relacionando-se.
      • Habitat – é o local em que o organismo habita
      • Factores abióticos – são os componentes físicos e químicos do ambiente
      Climáticos Humidade Luz Temperatura Edáficos Solo
      • Temperatura – a actividade dos seres vivos é fortemente influenciada pela temperatura do ambiente.
      Tolerância de temperatura da chinchila Espécies estenotérmicas – apenas suportam reduzidas variações de temperatura. Por exemplo a chinchila dos Andes (Chinchilla lanigera).
      • Espécies euritérmicas – toleram grandes variações de temperatura. Por exemplo o Robalo.
      Robalo Temperatura
    • Para sobreviver , cada organismo tem de ser capaz de resistir às variações de temperatura que ocorrem no seu habitat. Hibernar Estivar Migrar Adaptar-se morfologicamente Para isso podem:
      • Hibernação - é a forma que alguns animais encontram para preservar a energia de modo a ultrapassar as adversidades do Inverno, principalmente, quando sentem dificuldades para encontrar alimento.
      Muscardino
      • Estivação – algumas espécies de animais dormem durante a estação quente e seca, devido às altas temperaturas e à escassez de água. Por exemplo os caracóis.
      Caracóis
      • Migração – muitos animais deslocam-se na procura de zonas mais favoráveis, com melhores temperaturas e mais alimento. Por exemplo as aves migradoras ou até as baleias.
      Flamingos Baleia Pelicanos
      • Adaptações morfológicas – quando sujeitos a temperaturas extremas, alguns animais sofrem adaptações morfológicas.
      Foca Raposa do Árctico Por exemplo, para resistir ao frio, pode ocorrer:
      • o aumento da camada subcutânea de gordura;
      • o revestimento do corpo de pêlos e penas;
      • a diminuição das extremidades (focinho, orelhas).
    • Um exemplo de adaptação ao calor é o revestimento do corpo dos répteis por escamas. Crocodilo
      • Influência da temperatura nas plantas
      Árvores de folha persistente
            • Folhagem
              • Persistente – existem principalmente em regiões em que neva no inverno, com forma cónica para a neve escorregar sem partir os ramos.
              • Folhagem Caduca – as árvores mantêm-se em vida latente até que a temperatura seja favorável.
      Árvores de folha caduca Influência da temperatura nas plantas
      • Influência da luz nas plantas
      Orquídea Begónia
            • Plantas de sombra ou esquiáfitas – encontram-se nos estratos inferiores ou nas fendas de rochas, pois precisam de muito pouca luz.
        • Plantas de luz ou heliófitas – tendem a situar-se nos estratos superiores das florestas ou em terrenos abertos pois precisam de muita luz.
      • Influência da luz nos animais
      Migração das andorinhas
            • Migrações – um aumento do fotoperíodo leva à migração das aves para norte, enquanto que o movimento para sul é determinado pela diminuição do fotoperíodo.
      • Influência da luz nos animais
            • - Cor da pelagem – alguns animais mudam de pelagem consoante a estação do ano. Por exemplo: arminho e raposa do Árctico.
            • - Bioluminescência – devido à escuridão existente nas profundidades dos oceanos, alguns animais são capazes de emitir luz através de órgãos apropriados.
      • Influência da luz nos animais
      • Influência da água nas plantas
      Alga Cacto Hidrófitas – plantas aquáticas, vivem no interior de massas de água
            • Xerófitas – plantas de clima seco, adaptadas à captação e armazenamento de água
            • Impermeabilização do tegumento para evitar a perda de água. Exemplo: Escorpião
            • Diminuição da produção de urina. Exemplo: Rato-canguru
      • Influência da água nos animais
      • Solo
      Parte não viva Parte viva
      • Partículas de rochas
      • Matéria orgânica
      • Água
      • Ar
      Vários organismos Húmus Decomposição