CÍRCULO DE AMOR
Aquele homem estava um pouco apressado e quase não viu a senhora, com o carro parado no acostamento. Mas percebeu que ela ...
Assim, parou seu  carro e se aproximou. O carro da senhora era novo, mas estava com problemas.
Mesmo com o sorriso que o homem estampava na face, ela ficou preocupada.
Ninguém tinha parado para ajudar durante a última hora. Quais seriam as intenções daquele estranho? Pensou o senhora.
Ele percebeu que ela estava com muito medo e lhe disse: "eu estou aqui para ajudar, madame.
Pode esperar dentro do carro que está mais quentinho. A propósito, meu nome é Alfredo".
Bem, o problema era só um pneu furado, mas para uma senhora era ruim o bastante.
Alfredo abaixou-se, colocou o macaco e levantou o carro. Logo o pneu já estava trocado. Mas ele ficou um tanto sujo e aind...
Enquanto ele apertava as porcas da roda a senhora abriu a janela e começou a conversar com ele.  Contou que estava de pass...
Alfredo apenas sorriu enquanto se levantava. Ela perguntou quanto devia.
Qualquer quantia teria sido muito pouco para ela. Já tinha imaginado todas as terríveis coisas que poderiam ter acontecido...
Mas Alfredo não pensava em dinheiro. Aquilo não era um trabalho para ele.
Gostava de ajudar quando alguém tinha necessidade e Deus já lhe ajudara bastante. Aquele era seu modo de viver e nunca lhe...
"Se realmente quiser me reembolsar, disse Alfredo, da próxima vez que encontrar alguém que precise de ajuda, dê a ela...
Ele esperou até que ela saísse com o carro e também se foi.
Aquele havia sido um dia frio e cinzento, mas ele se sentia muito bem.
Não era um restaurante muito limpo, daqueles que ela costumava freqüentar.
A garçonete veio até ela e trouxe-lhe uma toalha limpa para que pudesse secar um pouco o cabelo molhado e lhe dirigiu um d...
Notou que a garçonete estava nos últimos meses de gravidez, e ainda assim não deixou a tensão e as dores mudarem sua atitu...
A senhora ficou curiosa em saber como alguém que tinha tão pouco, podia tratar tão bem a um estranho. Então se lembrou de ...
Depois que terminou a refeição, enquanto a moça buscava o troco para a nota de cem dólares, a senhora se retirou.
A garçonete voltou e procurou localizar a freguesa mas achou apenas algo escrito no guardanapo, sob o qual tinha mais 4 no...
Havia lágrimas em seus olhos quando leu o que estava escrito. O bilhete dizia o seguinte: "você não me deve nada, eu ...
Alguém me ajudou há pouco e da mesma forma estou lhe ajudando. Se você realmente quiser me reembolsar não deixe este círcu...
A garçonete ainda tinha muito trabalho a fazer naquela noite. Mesas para limpar, açucareiros para encher, e pessoas para s...
Mas quando foi para casa deitou-se ao lado do marido e ficou pensando no dinheiro e no que a senhora deixou escrito.
Como podia aquela senhora saber o quanto ela e o esposo precisavam de dinheiro? Com o bebê para o próximo mês, como estava...
Virou-se para o marido que dormia tranqüilamente ao lado, deu-lhe um beijo carinhoso e sussurrou:  "tudo ficará bem, ...
REFLETINDO...
O amor produz sempre um efeito positivo em quem o recebe e, de maneira mais intensa, em quem o pratica.
Por essa razão, o amor é, e sempre será, a melhor opção.
PENSEMOS NISSO!! Fonte: Site ‘ Momento Espírita” Formatação: jairowildgen2@hotmail.com
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Círculo de Amor

1,928

Published on

O amor produz sempre um efeito positivo em quem o recebe e, de maneira mais intensa, em quem o pratica.

Published in: Travel, Business
0 Comments
3 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

No Downloads
Views
Total Views
1,928
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
126
Comments
0
Likes
3
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Círculo de Amor

  1. 1. CÍRCULO DE AMOR
  2. 2. Aquele homem estava um pouco apressado e quase não viu a senhora, com o carro parado no acostamento. Mas percebeu que ela precisava de ajuda.
  3. 3. Assim, parou seu carro e se aproximou. O carro da senhora era novo, mas estava com problemas.
  4. 4. Mesmo com o sorriso que o homem estampava na face, ela ficou preocupada.
  5. 5. Ninguém tinha parado para ajudar durante a última hora. Quais seriam as intenções daquele estranho? Pensou o senhora.
  6. 6. Ele percebeu que ela estava com muito medo e lhe disse: "eu estou aqui para ajudar, madame.
  7. 7. Pode esperar dentro do carro que está mais quentinho. A propósito, meu nome é Alfredo".
  8. 8. Bem, o problema era só um pneu furado, mas para uma senhora era ruim o bastante.
  9. 9. Alfredo abaixou-se, colocou o macaco e levantou o carro. Logo o pneu já estava trocado. Mas ele ficou um tanto sujo e ainda feriu uma das mãos .
  10. 10. Enquanto ele apertava as porcas da roda a senhora abriu a janela e começou a conversar com ele. Contou que estava de passagem por ali, pois morava noutra cidade, e que não sabia como agradecer pela preciosa ajuda.
  11. 11. Alfredo apenas sorriu enquanto se levantava. Ela perguntou quanto devia.
  12. 12. Qualquer quantia teria sido muito pouco para ela. Já tinha imaginado todas as terríveis coisas que poderiam ter acontecido se Alfredo não tivesse parado.
  13. 13. Mas Alfredo não pensava em dinheiro. Aquilo não era um trabalho para ele.
  14. 14. Gostava de ajudar quando alguém tinha necessidade e Deus já lhe ajudara bastante. Aquele era seu modo de viver e nunca lhe ocorreu agir de outra maneira.
  15. 15. "Se realmente quiser me reembolsar, disse Alfredo, da próxima vez que encontrar alguém que precise de ajuda, dê a ela a ajuda que precisar". E acrescentou: "e pense em mim".
  16. 16. Ele esperou até que ela saísse com o carro e também se foi.
  17. 17. Aquele havia sido um dia frio e cinzento, mas ele se sentia muito bem.
  18. 18. Não era um restaurante muito limpo, daqueles que ela costumava freqüentar.
  19. 19. A garçonete veio até ela e trouxe-lhe uma toalha limpa para que pudesse secar um pouco o cabelo molhado e lhe dirigiu um doce sorriso, um sorriso que mesmo com os pés doendo por um dia inteiro de trabalho não pôde apagar.
  20. 20. Notou que a garçonete estava nos últimos meses de gravidez, e ainda assim não deixou a tensão e as dores mudarem sua atitude.
  21. 21. A senhora ficou curiosa em saber como alguém que tinha tão pouco, podia tratar tão bem a um estranho. Então se lembrou de Alfredo.
  22. 22. Depois que terminou a refeição, enquanto a moça buscava o troco para a nota de cem dólares, a senhora se retirou.
  23. 23. A garçonete voltou e procurou localizar a freguesa mas achou apenas algo escrito no guardanapo, sob o qual tinha mais 4 notas de $100 dólares.
  24. 24. Havia lágrimas em seus olhos quando leu o que estava escrito. O bilhete dizia o seguinte: "você não me deve nada, eu já tenho o bastante.
  25. 25. Alguém me ajudou há pouco e da mesma forma estou lhe ajudando. Se você realmente quiser me reembolsar não deixe este círculo de amor terminar com você".
  26. 26. A garçonete ainda tinha muito trabalho a fazer naquela noite. Mesas para limpar, açucareiros para encher, e pessoas para servir.
  27. 27. Mas quando foi para casa deitou-se ao lado do marido e ficou pensando no dinheiro e no que a senhora deixou escrito.
  28. 28. Como podia aquela senhora saber o quanto ela e o esposo precisavam de dinheiro? Com o bebê para o próximo mês, como estava difícil!
  29. 29. Virou-se para o marido que dormia tranqüilamente ao lado, deu-lhe um beijo carinhoso e sussurrou: "tudo ficará bem, Alfredo. Eu amo você."
  30. 30. REFLETINDO...
  31. 31. O amor produz sempre um efeito positivo em quem o recebe e, de maneira mais intensa, em quem o pratica.
  32. 32. Por essa razão, o amor é, e sempre será, a melhor opção.
  33. 33. PENSEMOS NISSO!! Fonte: Site ‘ Momento Espírita” Formatação: jairowildgen2@hotmail.com
  1. A particular slide catching your eye?

    Clipping is a handy way to collect important slides you want to go back to later.

×