Diretor: João Filipe
             Jornal de distribuição gratuita
             Nº 317
             De 17 a 23 de
         ...
2|              DOMINGO
                17 • JANEIRO • 2010                                                               ...
entrevista                                                                                                                ...
4|       DOMINGO
         17 • JANEIRO • 2010                                                                             ...
sete dias                                                                                                                 ...
6|   DOMINGO
                    17 • JANEIRO • 2010         TEMA CAPA
                   SER FELIZ...
                 A ...
tema capa                                                                                                                 ...
8|             DOMINGO
                                       17 • JANEIRO • 2010
                                        ...
Folha
                                         CENTRO DE AJUDA
                                                           ...
2i |                 DOMINGO
                     17 • JANEIRO • 2010                                   superação




  De...
reflexão                                                                 DOMINGO
                                         ...
4i |           DOMINGO
               17 • JANEIRO • 2010                                                                 ...
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Folhaportugal317
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Folhaportugal317

689

Published on

0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
689
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
7
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Folhaportugal317

  1. 1. Diretor: João Filipe Jornal de distribuição gratuita Nº 317 De 17 a 23 de Janeiro de 2010 SEMPRE EDIÇÃO NACIONAL AO SEU LADO 50.000 E X E M P L A R E S folhadeportugal.pt TRABALHO: fonte de felicidade FOTO: D.R. Psicólogos, empresas e universidades acreditam nesta premissa: ser feliz no trabalho é possível! E, para os mesmos, trata-se apenas de uma questão de treino. Tornar esta meta acessível a toda a população ativa é um objetivo essencial e estratégico nos tempos difíceis que correm TEMA CAPA...PÁGS. 06/07 AS CRIANÇAS E A VIOLÊNCIA NA TV ESPALHAR A Este continua PALAVRA DE DEUS a ser um tema Pelos quatro cantos do Mundo, controverso, existem cada vez mais pessoas a procurar livros evangélicos pois há quem FOTO: CARLA VAZ CAPA CENTRO DE AJUDA...PÁG . 1I diga que afeta negativamente e INEM VIRA DÉFICE DA quem afirme que TÁXI DEMOCRACIA ajuda a sublimar 60 por cento dos doentes O sistema judicial português os instintos transportados pelo Instituto padece de “uma cegueira” não são urgentes para os problemas sociais FOTO: D.R. PORTUGAL EM XEQUE...PÁGS. 10/11 ASSUNTO POLÉMICO...PÁG. 08 SOCIEDADE...PÁG. 09 PUB
  2. 2. 2| DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 opinião EDITORIAL JOÃO FILIPE Diretor Foto da Semana Trabalhar com prazer ou por OBRIGAÇÃO? L onge vão os tempos em que a pessoa tinha uma profissão para a vida, que passava de pais para filhos e em que existia prazer em representar uma classe profissional. Mas, com o tempo, este conceito foi-se desvanecendo ao ponto de, nos dias que correm, as pessoas se formarem numa determinada área não porque gostem do que irão fazer, mas sim porque têm ou não saída no mercado de trabalho, ou então, formam-se e depois sujeitam-se a qualquer coisa que apareça. Sem menosprezo por qualquer profissão, mas uma pessoa perde tempo, sacrifica anos e anos da juventude, para depois não poder exercer na área para a qual estudou. Com a evolução dos tempos, também as sociedades sofreram um processo de evolução e, embora a evolução não seja algo Mas, de que forma mau, consigo poderá a pessoa se pode trazer coisas más, tais motivar se ela não como a instabilidade está a fazer o que laboral, que faz com 30 BOMBAS lhe dá realmente que as pessoas vivam prazer? mais stressadas e surge também agora ATÓMICAS uma doença chamada de depressão dominical, que consiste no estado de espírito da pessoa começar a ficar angustiada por se FOTOS: EPA/ORLANDO BARRÍA/MATTHEW MAREK estar a aproximar o primeiro dia de trabalho. Ora, se falarmos com as pessoas mais velhas ou mais experientes, elas apelidam “O Parlamento ruiu, os hospitais colapsaram. Muitas escolas estão repletas de cadáveres”, esta doença de “futilidades”, mas, à parte disso, pode-se afirmava o presidente, que aproveitou compreender que isso se fica a dever ao facto de muitas pessoas a ocasião para apelar à comunidade não poderem fazer o que gostam. internacional que ajudasse o seu país, Haiti, após um sismo de 7.0 na escala de Richter Algumas pessoas, quando iniciaram a sua vida escolar, tinham o ter atingido no dia 12 de Janeiro, às 16h53 uma ideia, um sonho ou uma vontade de estudar e ter uma (locais). Estima-se que o impacto equivalente à ação de 30 bombas atómicas possa ter formação, mas, com o passar do tempo, por um motivo ou provocado entre 100 a 500 mil vítimas. por outro, os sonhos foram-se desvanecendo e os estudos foram abandonados, por rebeldia, por forma de afirmação ou, simplesmente, por necessidades económicas, para poder ajudar a manter as despesas da casa. Mas, de que forma a pessoa se pode motivar se não está a fazer o que lhe dá realmente prazer? A pessoa ou começa a lutar para entrar na área de trabalho que realmente gostaria _ mesmo se para isso tiver de fazer uma licenciatura pós-laboral, ou até mesmo de iniciar um negócio dentro da sua área profissional _ ou então, deverá tentar fazer o trabalho que lhe é pedido com a maior dedicação, esforço e profissionalismo. Tenha uma boa leitura! Leia a opinião do Bispo EDIR MACEDO na página 3i, do caderno Folha Centro de Ajuda ACORDO ORTOGRÁFICO: Informamos os nossos leitores de que já começámos a aplicar algumas das alterações do Novo Acordo Ortográfico. Folha de Portugal: Edifício Entreposto, Praça José Queirós, piso 5, 1800-237 Lisboa Tel: 210 300 978/80 Fax: 210 300 999 Diretor: João Filipe direccao@folhadeportugal.pt Editor: IURD Redação: Carla Vaz, Nilza Vaz, Isabel Barbosa Paginação: Carlos Paredes, Eliane Rosa FOLHA DE PORTUGAL Título registado no ERC com o nº 125046 Propriedade: IURD Correio do Leitor: Sede administrativa: Praceta Professor Francisco Gentil, nº3 - Póvoa de Santo Adrião - Lisboa NIPC: 592001679 online@folhadeportugal.pt Publicidade: Periodicidade: Semanal Impressão: Rafik Comunicação e Imagem Unipessoal, Lda. - Sítio da Bemposta, nº 1, 1A, 1B. publicidade@folhadeportugal.pt Longo da Vila - Mafra Tiragem: 50 000 exemplares Distribuição: Gratuita Circulação: Portugal Continental e Ilhas A FOLHA DE PORTUGAL NÃO SE RESPONSABILIZA NEM PELAS INFORMAÇÕES CONTIDAS NAS CARTAS DOS LEITORES, POIS ELAS NÃO EMITEM NECESSARIAMENTE A OPINIÃO DO JORNAL, NEM PELA AUTENTICIDADE DOS ANÚNCIOS PUBLICADOS
  3. 3. entrevista DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 |3 10 PERGUNTAS a CÉSAR CASANOVA “Sabia o que queria” O LOCUTOR DE RÁDIO FALA SOBRE O INÍCIO DA SUA CARREIRA, DO DESAFIO QUE FOI VIR PARA PORTUGAL, DO CARINHO DOS OUVINTES E SOBRE O FUTURO VIVIAN JACOB cantora Milene Macedo, que tinha acabado (Marketing da TV Record Internacional) de ser capa de uma revista masculina. Estava a suar frio (risos). Gostaria de entrevistar C ésar dos Santos tanta gente. Mas, sem dúvida, o Sílvio Santos Conceição nasceu em e o Jô Soares. Osasco, São Paulo (Brasil). Iniciou a sua 7 – Já se viu em algum carreira de locutor nos anos 90, na momento “saia justa” em alguma rádio Difusora Oeste, em Osasco, entrevista? fazendo imitações. Em 1995, veio Não, mas já coloquei alguns entrevistados para Portugal para trabalhar na nessas situações. Principalmente, quando rádio Cidade FM. Atualmente, o assunto é sobre relacionamentos; além de apresentar o programa tem entrevistado que enrola, enrola “Piratas no Ar”, ao lado do colega e passa à frente (risos). MC André, na rádio Record FM, de segunda a sexta-feira, das 13 às 15 horas, Casanova também TUDO O QUE participa do “Programa da Tarde”, PLANEEI ACONTECEU na TV Record e faz trabalhos de locução para publicidades. AO CONTRÁRIO. PREFIRO DEIXAR 1 – Porquê o nome Casanova? O BARCO CORRER, Quando iniciei a minha carreira de locutor AFINAL, ‘O QUE TIVER nos anos 90 decidi ter um pseudónimo. O meu programa de estreia foi na frequência QUE SER, SERÁ’ AM, comunicando para as donas de casa. Chamavam-me Pedro de Alencar. 8 – Pode-nos contar algum Curiosamente, à noite, em frequência grande “mico” que pagou FM, apresentava um programa romântico durante algum programa ao vivo? FOTO: RODOLFO SOUSA chamado “Clube da Insónia” e, então, virava E nas “pegadinhas” já apanhou Marcelo Ribeiro. Mudava o meu nome feio de algum participante? porque era um estilo diferente daquele que Este aconteceu no “Piratas no Ar”: a fazia à tarde. Chegou uma altura em que não cantora Marina Elali estava no programa e a queria mais essa confusão de troca de nomes primeira coisa que perguntei foi se o avô dela e adotei Casanova como segundo nome e já estava bem e ela responde: “Sim, está do lado não troco mais. 4 – Como surgiu a oportunidade nas ruas? E das fãs? de Deus, pois já faleceu”. Nossa! Não sabia de vir para Portugal? Sim, é muito prazeroso receber o carinho onde colocar a minha cara. O avô da Marina 2 – Como foi o início da sua Em 95, recebi o convite do então e o reconhecimento das pessoas. Sobre as fãs, foi um grande compositor e eu confesso que carreira? proprietário da Rádio Cidade FM, o Sr. Rui elas olham e começam a rir, porque dizem dei uma bola fora. Foi ótimo, pois sabia o que queria. Duarte, e vim para Portugal. E também devo que nunca sabem quando estou a falar a Quando às “pegadinhas”, apanhar feio, Comecei na rádio Difusora Oeste, em Osasco, ao meu amigo Marcelo Dias, grande pessoa verdade ou a brincar. não. Mas já levei uns tapas bem doloridos. no Brasil, atendendo o telefone e fazendo e profissional. Vim para ficar um ano e já Tem mulher que parece que carrega chumbo imitações. Foi uma época muito boa, na estou cá há quase 14 e com muita alegria, 6 – Qual foi a entrevista mais na bolsa (risos). qual aprendi uma série de coisas com grandes pois tenho passado bons momentos e aprendo difícil que já fez? E quem gostaria profissionais. todos os dias. Foi uma aposta que fiz na de entrevistar, que ainda não teve 9 – Você imaginou ou procurou minha vida e não me arrependo! a oportunidade? trabalhar na televisão? 3 – Quando começou a fazer Sem dúvida, foi a primeira, em 92. Tremia Sempre deixei rolar esta questão. Mesmo imitações, qual foi a primeira 5 – Já sente o carinho dos fãs mais que varas verdes. Entrevistei a modelo e no Brasil, quando fiz alguns trabalhos na TV, personagem? Tem algum cuidado estes aconteceram sem eu ter que correr atrás. especial com a sua voz? JÁ ESTOU CÁ [EM PORTUGAL] HÁ QUASE Foi natural. Desde garoto sempre gostei de imitar vozes de desenhos animados. E, claro, a primeira 14 ANOS E COM MUITA ALEGRIA, POIS TENHO 10 – O que podemos esperar imitação tinha que ser do “Homem do Baú”, PASSADO BONS MOMENTOS E APRENDO TODOS para projetos futuros? o Sílvio Santos. Imitador que é imitador tem Vou ser sincero: tudo o que planeei que homenagear o “Tio Sílvio”, né?! OS DIAS. FOI UMA APOSTA QUE FIZ NA MINHA aconteceu ao contrário. Prefiro deixar Quanto à voz, procuro não fumar e evito o barco correr, afinal, “o que tiver líquidos gelados. É um cuidado bem básico. VIDA E NÃO ME ARREPENDO! que ser, será”.
  4. 4. 4| DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 SETE DIAS aconteceu Possível Aumento de 300 rutura climática milhões por mês em 2050 O crédito malparado continua a crescer a FOTO: D.R. um ritmo acelerado nas empresas, tendo abrandado um pouco no crédito à habitação e subido no crédito ao consumo dos particulares A cada mês que passa, cresce de euros de empréstimos para 3,8 mil milhões de em 200 milhões de euros o em cobrança duvidosa, euros. As dívidas já fora de Um estudo realizado crédito em incumprimento segundo os últimos dados prazo de pagamento para por investigadores das empresas e em 100 do Banco de Portugal. a compra de automóvel, norte-americanos e europeus milhões o dos particulares. Os montantes dos eletrodomésticos ou outro veio alertar os responsáveis No total, as famílias e o empréstimos em tipo de equipamentos já governamentais para a setor empresarial somam incumprimento das atingiram 1,1 mil milhões necessidade de fazerem tudo FOTO: D.R. mais de 9 mil milhões famílias subiram 26%, de euros. o que puderem para reduzir as emissões de gases com efeito de estufa nos próximos Já é possível marcar consultas on-line 40 anos, a fim de evitar um ponto de não retorno a longo prazo. Com a ajuda de um modelo informático, os Após um período experimental nas qualquer pessoas que se encontre inscrita no Serviço investigadores examinaram administrações regionais de saúde de Lisboa Nacional de Saúde (https://servicos.portaldasaude.pt/). a forma como diferentes e Vale do Tejo, no ano passado, agora também é De acordo com o vice-presidente da Administração níveis de emissões de gases possível marcar consultas médicas on-line em todos Central do Sistema de Saúde, este novo serviço “para poluentes em 2050 podem os centros de saúde do País. O eAgenda permitirá os utentes é bom, porque os dispensa de ir aos centros impedir o objetivo de limitar aos doentes crónicos pedir a renovação de receitas de saúde marcar consultas, e para os médicos também, o aumento da temperatura a médicas através da Internet, para além de possibilitar porque evita consultas [para renovação de receitas aos 2 ou 3 graus acima dos valores o agendamento de consultas por este meio a doentes com patologias prolongadas] que não o são ”. da era pré-industrial. PUB
  5. 5. sete dias DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 |5 MAIS ARMAS a sua carreira FO TO :S XC apreendidas A PSP apreendeu 242 armas nas escolas, sendo 71 por cento armas brancas e cinco por cento de fogo O número de armas apreendidas nas escolas aumentou no último ano letivo, sendo a maioria POSITIVIDADE armas brancas. A informação é avançada pela Lusa, que cita a responsável pelo programa “Escola Segura” da PSP, a subintendente Virgínia da Cruz. FOTO: D.R. A também chefe da Divisão de Prevenção Pública e Proximidade da PSP remete para o relatório da “Escola Segura” do ano letivo 2008/09, que será apresentado no início de Fevereiro, adiantando que, se aumentaram as armas apreendidas, diminuiu o número de casos de posse de arma, relativamente A qualidade de vida no trabalho hoje pode ser definida ao ano letivo anterior. No ano letivo 2007/08, a PSP apreendeu 242 armas nas escolas, sendo 71 por como uma forma de pensamento envolvendo pessoas, cento armas brancas e cinco por cento de fogo. trabalho e organizações, onde se destacam dois aspetos importantes: a preocupação com o bem-estar do trabalhador e com a eficácia organizacional; e a ANÚNCIOS NO participação dos trabalhadores nas decisões e problemas do trabalho. Valorizar os aspetos negativos pode afetar a saúde mental TELEMÓVEL, NÃO do funcionário e diminuir o desempenho profissional. Para ter uma equipa com um bom rendimento, os líderes não devem focar os problemas, mas sim as soluções. “O papel do líder é encorajar, servir de exemplo e motivar para que os colaboradores alcancem os melhores M a i s de 11 m i l ano, tendo acolhido desde resultados usando os seus talentos. Mas também é SERVIÇOS: por t ug ueses já se então, e até ao dia 8 deste mês, preciso haver um equilíbrio entre os dois: motivar os Mensagens inscreveram na lista da 11.277 subscrições, disse à Lusa resultados positivos e alinhar os pontos que precisam ser curtas e mensagens Direcção-geral do Consumidor fonte da secretaria de Estado. melhorados”, orienta a psicóloga Vivian Maerker Faria, multimédia tornaram-se que rejeita a receção de A Internet e os serviços de especialista em gestão de carreira. veículos publicitários mensagens publicitárias através mensagens curtas e mensagens Os profissionais que são constantemente pressionados atrativos do telemóvel, segundo dados multimédia tornaram-se podem ter várias reações, entre elas: baixa auto-estima, da Secretaria de Estado do veículos publicitários atrativos, baixa resiliência (capacidade de recuperação), falta de foco Comércio, Serviços e Defesa permitindo aos anunciantes e sintomas de stress. do Consumidor. A lista, criada chegar a um grande número “Se o profissional realmente for menos resiliente, o líder em Março de 2008, começou a de consumidores a um custo acaba ‘massacrando’ a criatividade, a inovação e a essência FOTO: PA funcionar em Maio do mesmo reduzido. deste funcionário”, ressalta Vivian. Crescimento em 2010 PUB e maior endividamento O Banco de Portugal projeta um crescimento de 0,7 por cento da economia portuguesa este ano e uma aceleração para 1,4 por cento em 2011, bem como a continuação do aumento do endividamento este ano e no próximo, de acordo com os números divulgados no seu Boletim Económico de Inverno. a descoberta TELEVISÃO: a mais faz mal ao coração Para quem passa mais de quatro horas por equipa de investigadores de Melbourne, dia diante da televisão, a probabilidade Austrália. Segundo o mesmo trabalho, de sofrer de doenças coronárias é 80 por o risco de morte aumenta 46 por cento. cento mais elevada. A conclusão resulta As perspetivas são pouco animadoras, de um estudo conduzido por uma ou seja, por cada hora que passa a ver o seu telejornal ou programa favorito, a sua esperança média de vida decai em 11 por cento. O cientista David Dunstan justifica os resultados do estudo: quanto mais televisão, menos mobilidade, menos capacidade para o organismo processar saudavelmente açúcares e gorduras. FOTO: D.R.
  6. 6. 6| DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 TEMA CAPA SER FELIZ... A TRABALHAR EM MÉDIA,  NILZA VAZ nilza.redaccao@folhadeportugal.pt que as doenças ligadas ao trabalho são as queixas mais comuns nos seus PASSAMOS DOIS consultórios. P TERÇOS DAS NOSSAS ara a grande maioria, trabalhar é sinónimo de ARMAS A USAR VIDAS NO LOCAL obrigação e, por isso, desde Otimismo, bom humor, auto-estima DE TRABALHO, logo associa-se uma atividade rotineira, irritante ou entediante, apenas e inteligência emocional são as armas que María Jesús Álava Reyes aconselha MOTIVO MAIS DO suportável pela necessidade de se a utilizar para vencer a batalha contra QUE SUFICIENTE receber um salário. E é para essa mesma maioria que o trabalho é a maior fonte os maus chefes, colegas invejosos e adversidades no emprego. “Temos de PARA TENTARMOS de infelicidade da sua vida. “É verdade. trabalhar com inteligência emocional Cerca de 40 por cento das depressões e deixar de lado a ideia de que se as SER UM POUCO estão relacionadas com problemas condições laborais são difíceis, não FELIZES NAQUILO de trabalho”, confirma a psicóloga podemos estar bem”, salienta a psicóloga. espanhola María Reyes, que lançou, Na sua visão dos problemas e por mais QUE FAZEMOS PARA no ano passado, o livro Trabalhar Sem adversas que as condições possam ser, o O NOSSO SUSTENTO Sofrer. Na sua obra, a psicóloga admite trabalhador pode sempre sentir-se bem que muitos dos casos que lhe vão parar no seu local de trabalho. às mãos – desde problemas conjugais até doenças mentais – “têm componentes SUPERAR A PRESSÃO ligadas a dificuldades com o trabalho”. E A COMPETIÇÃO Para María Reyes, hoje trabalha-se INFELICIDADE = mais horas, com maior intensidade e . R DOENÇAS D. mais pressão. Um trabalhador tem, S: TO Ao longo da vida, “é normal muitas vezes, de lidar com a falta de FO encontrar maus chefes, reconhecimento por parte de chefias e colegas invejosos e colegas, acrescida de dificuldades em outros problemas”, diz conciliar a família com a profissão. María Reyes. E, tendo Tudo isto se passa “num meio muito em consideração que competitivo, onde há quem queira subir um trabalhador a todo o custo e onde existe inveja”, mé d io pa s s a salienta. dois terços da Na luta contra invejosos e sua vida no manipuladores, a psicóloga aconselha a seu local de técnica da assertividade, que consiste em trabalho, esses dizer as coisas claramente, no momento problem a s adequado e da forma mais oportuna tendem a para conseguir os fins em vista. É preciso afetar mais saber dizer não sem ter de se justificar ou do que à sentir-se mal por isso. primeira v i s t a poderia MANDAMENTOS parecer razoável. TRABALHE MENOS Dores A palavra-chave é produtividade. “A otimi- lombares zação do tempo de trabalho e o aumento da devido produtividade deveriam ser os principais fo- a más cos dos portugueses. Se estivermos focados posturas, na inovação e na melhoria dos métodos de dores de trabalho, poderemos trabalhar um tempo cabeça e visão pré-definido, ao mesmo tempo que aumen- def iciente por tamos o valor do que produzimos”, explica excesso de tempo à Pedro Queiroga Carrilho, autor do primeiro frente do computador, guia de finanças pessoais português. complicações de foro respiratório causados pelo CORTE NAS COMUNICAÇÕES ar condicionado e o stress são Por muito produtivo que seja , se for sempre algumas das mais frequentes interrompido não consegue fazer nada. Des- doenças registadas pelos médicos, ligue o correio eletrónico: os especialistas di- que atendem trabalhadores de zem que o ideal é consultá-lo três ou quatro todas as idades e que reconhecem
  7. 7. tema capa DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 |7 A felicidade é “produtiva”! Já se sabia que um trabalhador feliz trabalha Por outro lado, quem trabalhe num ambiente de forma mais eficiente. Agora, um estudo hostil, com uma exigência obsessiva com a da Regus revela que o stress tem aumentado rentabilidade não se consegue concentrar tão entre os trabalhadores espanhóis a um ritmo bem no trabalho. próximo do resto do Mundo, durante esta A China é o país com maior nível de stress, ainda decorrente crise financeira. afetando 86% dos inquiridos no estudo. Do O trabalho com menos pressão e lado oposto estão a Holanda e a Alemanha, com menos incertezas quanto ao futuro com a menor percentagem de tensão no local profissional produz melhores resultados. de trabalho. TRUQUES A LIÇÃO PARA OS ALGUMAS PESSOAS COLOCAR LÍDERES TENTAM VENDER A IDEIA DE QUE É POSSÍVEL ESTAR SEMPRE FELIZ A TODA A EM PRÁTICA Na “Happy Conference”, que teve lugar pela HORA. O OBJETIVO DA primeira vez em Portugal, em Setembro de 2009, Tal Ben-Shahar, ex-professor de PSICOLOGIA POSITIVA É O EQUILÍBRIO. ❶ Desligar-se do traba- lho assim que sai; Harvard, quis fazer passar aos vários líderes ADICIONAR O POSITIVO e gestores de topo que encheram o auditório do Teatro Tivoli que um bom líder deve AO NEGATIVO ❷ Guardar trinta minutos por dia para si próprio; liderar por exemplo. Um gestor que procura uma força de trabalho feliz e motivada, ❸ Dizer não aos TAL BEN-SHAHAR tem de começar por fazer essa mudança em si mesmo. “Gestores chefes, colegas e líderes devem perguntar o que ERROS A EVITAR e mesmo aos clientes; funciona nas suas organizações  Afastar o pessimismo e quais são os seus pontos fortes enquanto líderes. O que estou a fazer bem enquanto líder”,  Valorizar-se sempre  Não deixar cair a auto-estima  Não falar mal dos colegas ➍ Não cair em provocações; apontou. “Trabalhadores felizes  Não perder a alegria são mais produtivos e criativos, não estamos a falar de escolher  Recuperar as forças com o bom humor  Não se menosprezar Atuar com entre ser feliz ou ser produtivo”.  Não se esgotar perante as adversidades inteligência O professor salientou, no entanto, que esta felicidade não tem de ser emocional e constante ou baseada em falsa alegria. >>>REGRAS A APLICAR conseguir que o “Um líder tem de tomar algumas LEMBRAR-SE QUE: “o trabalho é importante, mas decisões pouco populares. Se um líder não é o mais importante na vida. Existem muitas seu bem-estar precisa sempre que gostem dele, isso é pessoas que se confundem e acabam por não dependa de si! uma receita para o fracasso”. viver a sua vida”, diz Maria Reyes ENTOS PARA SER MAIS FELIZ vezes por dia. Junte essas consultas no início gue ter uma perceção mais positiva do seu tarefas (a não ser que deixe do dia ante- ou no final de períodos de trabalho, como desempenho e da sua eficácia, com um im- rior). É por isso que deve agendar para a logo de manhã, antes e depois do almoço pacto muito positivo na redução de stress manhã os trabalhos mais intensivos em e no fim do dia. O correio eletrónico não é o e ansiedade”, conta a psicóloga Catarina recursos cerebrais e deixar para a tarde único a interrompê-lo: telefone, telemóvel, Rivero. Se for trabalhar a pensar que o dia as reuniões e os trabalhos de repetição. twitter, mensageiros instantâneos e, até, os nunca mais acaba, é natural que o tempo post-its colados ao monitor são fontes de demore mais a passar. QUEBRE ROTINAS quebra de produtividade. E GOZE A VIDA DELEGUE Está provado que a quebra de rotina con- PENSE POSITIVO Delegue no trabalho. Se tem trabalhadores limpezas em casa. Contrate um contabilista segue aumentar o bem-estar das famílias. O otimismo ajuda-o no dia-a-dia. “Num es- às suas ordens ou colegas que participam que lhe trate dos impostos. Faça as compras Se procurar gozar a vida, verá que mesmo os tudo foi demonstrado que cultivar emoções no mesmo projeto, divida o trabalho. Não on-line com a entrega em casa. pequenos momentos compensam o tempo positivas (como a alegria, o contentamento, pense que tem de fazer tudo. Se for preci- que gasta a trabalhar. “As pessoas mais feli- a serenidade, o entusiasmo, o prazer) alarga so, dê formação antes de distribuir tarefas. APROVEITE AS MANHÃS zes são aquelas que têm uma vida social rica a capacidade de resolver problemas. Nes- Delegue em casa. É o que se chama “com- Dizem os especialistas que a manhã é o me- e preenchida”, avisa Gabriela de Abreu, da se sentido, há efetivamente um contributo prar tempo”: pague para ter tempo livre. lhor período para trabalhar, porque a cabeça Associação Portuguesa de Estudos e Inter- para o bem-estar no trabalho, já que conse- Contrate alguém que lhe faça as grandes está fresca e porque ainda não se acumulou venção em Psicologia Positiva.
  8. 8. 8| DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 escândalo geral assunto POLÉMICO Mais de metade FOTO: D.R. não são urgentes INEM está a servir de táxi gratuito aos utentes. Casos de perigo ficam a descoberto, dizem técnicos  ISABEL BARBOSA isabel.redaccao@folhadeportugal.pt acrescentando que a maioria das queixas para o INEM são O caso é grave e precisamente de pessoas a sério. A maioria lamentarem o facto de não terem dos doentes sido transportadas. t r a n s p or t ado s De acordo com os números do pelo Instituto Nacional de INEM, citados pelo JN, em 2008, Emergência Médica (INEM) 3.861 doentes foram atendidos FOTO: LUSA/MIGUEL A. LOPES não são urgentes. Os técnicos diariamente no CODU, tendo sido das ambulâncias garantem acionados, por dia, 2.178 meios. que transportam de tudo, até Os meios de socorro do INEM pessoas para consultas. dispõem de 289 ambulâncias, Os Técnicos de Ambulância estando 202 sediadas nas e Emergência (TAE) do INEM corporações de bombeiros. estão cansados de “servir de MISSÃO DO INEM: Socorrer e transportar doentes urgentes, em risco de vida, mas a realidade não é essa Certo é que, muitas pessoas táxi”. A sua missão é socorrer chamam o INEM por ser um e transportar doentes urgentes, estão as decisões dos médicos do seja urgente ou não. Às vezes ambulâncias façam sempre o serviço gratuito e por terem a em risco de vida, mas a realidade CODU (Centro de Orientação levamos o doente e no carro transporte para evitar falhas. convicção errada de que serão não é essa. “Cerca de 60% dos de Doentes Urgentes), que atrás vão os familiares”, critica. mais rapidamente atendidas transportes que fazemos não pertence ao INEM, depois dos O dirigente sindical explica que INEM NEGA CIFRA no hospital se chegarem de deviam ser feitos pelo INEM. DE 60 POR CENTO ambulância. Andamos a transportar pessoas O TRANSPORTE DE DOENTES NÃO URGENTES Confrontado com as críticas, o Além de desvirtuar a função com unhas encravadas, com atual director do INEM, Abílio para que o INEM foi criado, dores nas costas ou dores de ACARRETA CUSTOS PARA O ESTADO – CADA Gomes, referiu não existir uma o transporte de doentes não ouvidos e até, por mais caricato VIAGEM DE DOENTE EM AMBULÂNCIA norma interna que obrigue as urgentes acarreta custos para o que pareça, pessoas que vão ambulâncias a transportarem Estado – cada viagem de doente para as consultas externas dos CUSTA EM MÉDIA 25 EUROS – E AJUDA todos os casos, falando apenas em ambulância custa em média hospitais”, afirma Ricardo A ENTUPIR AS URGÊNCIAS DOS HOSPITAIS numa recomendação para que, 25 euros – e ajuda a entupir as Rocha, presidente do Sindicato em caso de dúvida, o doente seja urgências dos hospitais. dos Técnicos de Ambulância técnicos avaliarem no local este modo de funcionamento foi transportado. Mais grave é o facto das e Emergência, ao Jornal de o estado de saúde da vítima. aplicado pela direção anterior, A mesma fonte classifica ambulâncias poderem não estar Notícias. “Para evitar falhas, mandam- que terá dado ordens aos de exagerada a cifra de 60 por disponíveis quando há casos Mas ainda há pior. Em causa -nos transportar sempre, médicos do CODU para que as cento, apontada pelo sindicato, realmente urgentes. ESPEROU HORA E MEIA POR ASSISTÊNCIA Um homem epilético que se sentiu mal e caiu junto aos sem dificuldade”, tendo sido “aconselhado o contato Restauradores, em Lisboa, só foi auxiliado pelo INEM com o corpo de Bombeiros”, disse fonte do Instituto. uma hora e meia depois, quando os sintomas se agrava- Contatados pela Lusa, fonte do Regimento de Sapado- ram. Segundo disse à Lusa uma fonte policial, o indiví- res Bombeiros de Lisboa confirmou que, na altura, não duo não recebeu auxílio médico de imediato, porque o estavam disponíveis quaisquer ambulâncias dos bom- FOTO: LUSA/MÁRIO CRUZ INEM entendeu que o seu estado não era grave e por- beiros voluntários para ir socorrer o indivíduo. que não havia ambulâncias disponíveis. Quando não há emergência que, segundo o INEM, pres- Quase uma hora e meia depois dos primeiros sintomas, supõe “critérios de perigo de vida ou que pusessem em o indivíduo foi socorrido por um médico do INEM, que causa uma função vital do doente”, estas são as opções confirmou que “não se tratava de uma situação emer- dadas ao cidadão: desistir, esperar ou arranjar forma de TRANSPORTAR TUDO: Os Técnicos de Ambulância e Emergência (TAE) do INEM estão cansados de "servir de táxi" gente, e que o doente acabou por se levantar e andar chegar ao hospital pelos seus próprios meios.
  9. 9. Folha CENTRO DE AJUDA LEIA MAIS: 4i – CONGRESSO FINANCEIRO: Curso de Marketing Pessoal 7i – ENCONTRO DAS FAMÍLIAS Nº 317 • DOMINGO • 17 • JANEIRO • 2010 ESPALHAR A PALAVRA DE DEUS POR TODO O MUNDO BIBLIOGRAFIA Tem sido este um dos objetivos da Igreja Universal do Reino de Deus, o qual tem EDIR DE levado cada vez mais pessoas a experimentar uma verdadeira mudança de vida MACEDO  CARLA VAZ carla.redaccao@folhadeportugal.pt Escritor evangélico com TOP DOS P mais de 10 milhões de livros resente em centenas de países e em todos LIVROS vendidos, divididos em 34 títulos, destacando-se os continentes, a DOS MAIS os best-sellers “ORIXÁS, Igreja Universal VENDIDOS CABOCLOS E GUIAS” e do Reino de Deus tem tido “NOS PASSOS DE JESUS”, como grandes objetivos não só ganhar almas, mas também criar uma literatura 1 Melhor dosapatos comprar que Cristiane Cardoso ambos com mais de 3 milhões de exemplares vendidos só no Brasil. FOTOS: CEDIDAS/CARLA VAZ cristã de elevado gabarito para ajudar todos aqueles que OBRAS: desejam compreender melhor  A Excelência da Sabedoria a Palavra e os Ensinamentos  A Libertação da Teologia  Aliança com Deus  Doutrinas da IURD O LIVRO “NOS TRADUÇÕES: Escritas originalmente em português, são cada vez mais as obras de cariz evangélico a serem traduzidas para outras línguas, como o inglês e o espanhol (Volumes 1, 2 e 3) PASSOS DE JESUS”  Estudo do Apocalipse É O CAMPEÃO DE VENDAS NO 2 Série Perfil Edir Macedo em português, pela Unipro Editora, principalmente os da autoria do Bispo Edir Macedo. está a ser traduzida para inglês e espanhol, e outros títulos da série ‘Caráter de Deus’ estão  Mensagens  Mensagens que Edificam  Nos Passos de Jesus ESTRANGEIRO 3 Somosde Deus Filhos todos Edir Macedo Trabalho esse que depois é enviado para o Brasil, onde é formatado e adaptado ao a ganhar as suas versões em inglês”.  O Avivamento do Espírito de Deus  O Caráter de Deus de Deus. Através da Unipro layout original, encontrando-se O PROCEDIMENTO  O Despertar da Fé Internacional, este trabalho tem conhecido uma surpreendente expansão. 4 Série Caráter de Deus Edir Macedo nesse processo dezenas de publicações. Para o jornalista e tradutor OPOSTO A obra “Crentes Possessos” e a série de banda desenhada  O Discípulo do Espírito Santo  O Espírito Santo Mauro Rocha, responsável “Alberto”, sucessos de vendas  O Perfeito Sacrifício EM DIFERENTES LÍNGUAS Membros da Igreja Universal residentes noutros países têm 5 O Santo Jejum Célio Lopes pela Unipro Internacional, estas atividades deverão ser reforçadas nos próximos meses: nos seus países de origem, foram traduzidas pela Unipro Editora e lançadas no Brasil, com grande  O Perfil da Família de Deus  O Perfil da Mulher de Deus  O Perfil do Homem de FONTE: UNIPRO BRASIL traduzido os livros publicados, “A biografia do Bispo Macedo impacto. Deus  O Poder Sobrenatural da Fé Fé e Sacrifício Nesta obra, o autor aborda os dois tipos de fé - a emotiva e a racional, explicando a razão O NOVO LIVRO DO BISPO  O Princípio Das Dores  Orixás, Caboclos e Guias - Deuses ou Demónios?  O Senhor e o Servo de algumas pessoas não serem abençoadas e não receberem de Deus o que desejam. À EDIR  As obras da Carne e os luz da Bíblia, ensina como usar a fé com sabedoria e inteligência, citando situações e casos MACEDO Frutos do Espírito de personagens bíblicos, com o intuito de ensinar aos leitores como definir e traçar os seus  Os Mistérios da Fé objetivos, para não viverem à mercê da sorte, mas na certeza da fé. Nesta obra, destaca o sacrifício,  Seminário do Espírito Santo citado na Bíblia como entrega, doação, dedicação de si mesmo e de tudo o que se tem para com Deus,  Somos Todos Filhos de motivado pelo compromisso, pelo amor recebido e pelo amor que se quer dar. “Foi assim que o Senhor Deus? Jesus Cristo se fez sacrifício por nós e é isso o que espera de cada um dos Seus seguidores”.  Vida com Abundância
  10. 10. 2i | DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 superação De desempregado a profissional disputado PERDER O EMPREGO É SEMPRE UMA SITUAÇÃO DIFÍCIL DE ENFRENTAR, SOBRETUDO SE JÁ SE ULTRAPASSOU A FASE DA JUVENTUDE E SE SE ESTÁ A VIVER UMA CRISE FINANCEIRA A NÍVEL MUNDIAL. NO ENTANTO, EXISTEM SEMPRE PESSOAS QUE NÃO SE DEIXAM ABATER PELAS DIFICULDADES E FAZEM DAS ADVERSIDADES OPORTUNIDADES PARA ALCANÇAREM OS SEUS SONHOS  CARLA VAZ c a r l a . re d a cc a o @ fo l h a d e p o r t u g a l . p t como não vou viver apenas seis meses, P era chegada a hora de tomar uma ara muitas famílias, o decisão. Por isso, decidi sacrificar na desemprego é uma triste e Fogueira Santa e disse a Deus: ‘O Senhor dura realidade, a qual ameaça vai ter que me honrar.’ Para além de ter a paz, a harmonia e a felicidade decidido entregar a indemnização que de muitos lares. Então, quando existem tinha recebido, ainda resolvi sacrificar filhos, os progenitores sofrem ainda mais uma jóia de família que tinha um grande com a incerteza diária de conseguir ou valor sentimental para mim, pois foi isso não colocar comida em cima da mesa. que o Senhor me indicou”. Dia após dia, mês após mês, ano após ano, procurando uma oportunidade A RESPOSTA de sustentar a sua família e de poder “Sei que entreguei o meu voto na voltar a sentir-se útil e produtivo, uma segunda-feira à noite e, na terça-feira situação que só tende a ser ainda mais de manhã, o meu marido já estava dificultada quando a idade já é um fator negativo. Era esta a dramática situação ERA CHEGADA A HORA vivida por Maria Aparecida, DE TOMAR UMA DECISÃO. pelo seu marido e filhos. “O meu marido estava POR ISSO, DECIDI SACRIFICAR desempregado há cinco anos e fartava-se de procurar NA FOGUEIRA SANTA trabalho, mas, com 52 anos, era muito difícil encontrar alguma coisa. empregado e a ganhar duas vezes mais Todos os dias, ele saía para procurar do que aquilo que estava à procura. emprego, pesquisava na Internet e não Chegou mesmo ao ponto de estarem conseguia nada”. duas empresas a brigar para dar emprego ao meu marido, tanto que UMA DIFÍCIL DECISÃO quando ele ia para uma entrevista, “Entretanto, recebi uma indemnização ligaram-lhe da outra empresa a dizer FOTO: ISABEL REIS que dava para resolver a minha vida que lhe pagavam o dobro do que lhe com os meus cinco filhos, durante pelo oferecessem ali. A verdade é que Deus menos uns seis meses. Mas, pensei que responde!” MARIA APARECIDA
  11. 11. reflexão DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 | 3i O CENTRO DE AJUDA ESPIRITUAL (IURD) NÃO COBRA: mensagem 1.Para realizar casamentos 21.Para manter a Fazenda BISPO EDIR MACEDO 2.Para realizar batizados Nova Canaã AÇÃO (adultos) 22.Para a realização de 3.Para dar aconselhamento cursos informáticos matrimonial 23.Para aconselhar e apoiar ou 4.Para aconselhar e na escolha de uma carreira acompanhar indivíduos profissional toxicodependentes 2 4 . P a r a a te n d i m e n to oração? 5.Para aconselhamento telefónico 24 horas pastoral 25.Para apoio a mulheres 6.Para participar na Santa vítimas de abusos Ceia 26.Para apoio e S 7.Para a realização da unção aconselhamento a indivíduos com óleo dependentes alcoólicos aber separar o momento Na retaguarda, sob o comando do próprio 8.Para visitas ao domicílio 27.Para visitas a lares de certo entre oração e atitude é Faraó, vinha o furioso exército egípcio armado 9.Para visitas a doentes no terceira idade fundamental na conquista dos até aos dentes. Moisés não tinha armas nem hospital 28.Para dar alimento aos 10.Para visitas a presidiários sem-abrigo benefícios da fé. Muitas vezes exército para se defender. 11.Para distribuição de 29.Para apoio em catástrofes apela-se à oração quando se A dificuldade de locomoção não lhe permitia cestas básicas às famílias 30.Para a realização deveria tomar uma atitude. fugir. Tecnicamente, não havia nenhuma saída. carenciadas de atividades lúdicas e Outras, toma-se uma atitude quando se deveria Muitas vezes deparamo-nos com situações 12.Para distribuição de desportivas com os jovens orar. Por conta disso, as oportunidades são des- semelhantes. O que fazer? A gravidade daqueles bens (roupas, mobílias, 31.Para aconselhamento e perdiçadas e as derrotas acrescentadas. momentos era tão intensa que Moisés nem orou. eletrodomésticos, etc.) a campanhas na prevenção O exemplo de Moisés serve como lição. Ao sair Mas clamou. pessoas carenciadas do HIV “Por que clamas a mim? 13.Para acolher o Instituto 32 .Pelo transpor te de Mande o povo seguir em Português do Sangue nas pessoas com dificuldades frente. E você estenda “ suas instalações para a doação de sangue de locomoção 33.Pelo estacionamento no DEUS TEM PROVIDO O SEU o cajado, toque o Mar e divida-o para o povo passar 14.Para ajudar a manter o parque da Igreja POVO DO CAJADO DA FÉ. TAL , foi a resposta Divina (Êxodo Lar de Idosos Universal 34.Pelos Estudos Bíblicos 14. 15-16). 15.Para a apresentação de realizados FERRAMENTA EXIGE ATITUDE. Deus tem provido o Seu crianças (não batiza crianças, 35.Pela entrada e somente adultos) par ticipação no Maior FÉ É AÇÃO povo do cajado da fé. Tal 16.Para participar no Grupo Congresso Financeiro do País ferramenta exige atitude. Fé de Jovens "Força Jovem" 36 .Pela realizaç ão de é ação. Se há certeza absoluta, 17.Para a realização de funerais do Egito, chegou diante do Mar Vermelho lide- há fé. E se há fé, porquê orar ou mesmo clamar orações 37.Pela distribuição do Óleo rando três milhões de pessoas, dentre as quais quando se sabe o que deve ser feito? 18.Para a entrada nas igrejas Santo de Israel anciãos, grávidas, crianças, recém-nascidos, e participação nos cultos 38.Pelos cursos de Teologia além dos seus pertences e animais. Que Deus abençoe a todos abundantemente. 19.Para a participação em (IBURD) Concentrações, em locais 39.Pelos milagres que como: Coliseu dos Recreios, acontecem em todos os Pavilhão Rosa Mota, Estádios, Centros de Ajuda espalhados Pavilhão Atlântico, etc. pelo Mundo. 20.Para ajudar a manter a Sociedade “Pestallozi” Só ensina às pessoas a (presta assistência aos VERDADE. O dízimo, portadores da síndrome de como também as ofertas, Down) são mandamentos PUB
  12. 12. 4i | DOMINGO 17 • JANEIRO • 2010 TEMPLO M Optar entre duas alternativas não é algo fácil de se fazer, no entanto, com ponderação e a orientação adequadas, torna-se mais simples tomar a decisão certa, no momento certo  CARLA VAZ carla.redaccao@folhadeportugal.pt Q ue a vida é feita de escolhas, todos nós s abemos , porém, nem todos conseguimos tomar as decisões mais acertadas. Tudo isto acontece porque, muitas vezes, escolhemos dar ouvidos às vozes de quem nos rodeia ou aos nossos próprios sentimentos, em vez de escutarmos a Voz da Razão. Quando deixamos que o medo ou as dúvidas se FOTO: JOÃO FILIPE apoderem de nós, acabamos SEJA UMA por ser influenciados por elas e por tomar más decisões, as quais acarretarão consequências negativas. “Quando a pessoa PESSOA não supera as suas emoções ou os seus impulsos, ela acaba por se arrepender amargamente, pois tudo o que é feito com base na dúvida e na incerteza CONGRESSO não funciona. Afinal, os nossos maiores inimigos estão dentro PARTICIPE NESTE CURSO TAMBÉM FINANCEIRO de nós mesmos”, explicou o orador, Pr. Walber Barboza, NAS SEGUINTES SEDES REGIONAIS: Templo Maior: Rua Dr. José Espírito Santo, 36, Freguesia de Marvila na última lição do Curso de PORTO S.J. DO ESTORIL Marketing Pessoal, realizado no Templo Maior, na passada CONQUISTAS segunda-feira, pelas 20 horas. FINANCEIRAS MUDE O SEU FUTURO No Centro de Ajuda Espiritual mais próximo de “Uma decisão tomada hoje tem si, para mais informações: o poder de mudar o seu futuro”, podia-se ler na 10ª lição do Curso de Marketing Pessoal, a qual alertou também para o facto de caber a cada um de nós o I U R D. P T papel de investir e de aproveitar todas as oportunidades que forem surgindo ao longo do nosso caminho. “Para ser bem- -sucedido é necessário saber FOTOS: CEDIDAS pensar e ouvir para, em seguida, tomar a decisão certa”, concluiu o orador. RIO DE MOURO “Não tinha casa própria e vivia num local cheio de bichos”  “Antes de conhecer o CENTRO DE AJUDA ESPIRITUAL elocalme tornarbichos, onde osaratosfiel totalmente destruída. Não tinha casa própria e vivia num de cheio de dizimista, tinha a vida passeavam pelas paredes e onde até me chegaram a entrar cobras. Mas, depois de começar ser a Deus com os meus dízimos, para além de conseguir comprar a minha casa, ainda adquiri dois “ ...E, SE ALGUÉM ME SERVIR, carros e uma moto. Também abri a minha própria empresa, pois Deus está comigo!” O PAI O HONRARÁ.” (JOÃO 12.26) LEONOR SANTOS – MARINHA GRANDE

×