Entendendo o exame de papanicolaou2
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×
 

Entendendo o exame de papanicolaou2

on

  • 106,746 views

 

Statistics

Views

Total Views
106,746
Views on SlideShare
106,746
Embed Views
0

Actions

Likes
2
Downloads
168
Comments
2

0 Embeds 0

No embeds

Accessibility

Upload Details

Uploaded via as Microsoft PowerPoint

Usage Rights

© All Rights Reserved

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel

12 of 2

  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Processing…
Post Comment
Edit your comment
  • O Sistema Bethesda introduzido em 1988 é um sistema puramente citológico de classificaçao. Não considerou o diagnóstico histológico. Enfatizou as similaridades da apresentação citológica entre condiloma e CIN I chamando-os em conjunto de SIL.

Entendendo o exame de papanicolaou2 Entendendo o exame de papanicolaou2 Presentation Transcript

  • Entendendo o Exame de Papanicolaou Luiz M. Collaço UFPR-FEPAR
  • EXAME CITOPATOLÓGICO
  • Finalidades do Exame Citopatológico
    • 1- Pesquisa de células neoplásicas ou pré-neoplásicas;
    • 2- Avaliação de Microflora;
    • 3- Auxílio na avaliação hormonal
  • Objetivo “ O esfregaço cérvico-vaginal tem como finalidade rastrear as lesões pré-neoplásicas antes que progridam para carcinoma invasor” The Journal of Family Practice,vol42,n4,391-399,1996
  • HISTÓRICO
    • 1908/1910- Schauestein, Rubin – relatos de lesões pré-neoplásicas na histopatologia
    • 1928- Papanicolaou e Babes – “pap test”
    • 1945- Surgem os programas de triagem
    • 1955 – Redução da mortalidade
    • Falso-Negativos
  • BABES
  • Exame Citopatológico
    • Método de screening
    • Falso-negativos (10%)
    • Falso-positivos (>4%
  • Guide to Clinical Preventive Services, Second Edition Neoplastic Diseases Screening for Cervical Cancer U.S. Preventive Services Task Force by Steven H. Woolf, MD, MPH.
  • Exame Citopatológico Problemas
    • Coleta
    • Maior causa de falso-negativos
    Citologia convencional
  • CITOLOGIA EM MEIO LÍQUIDO
  • “ As mudanças nas nomenclaturas em citologia cérvico-vaginal criam no clínico um sentimento de confusão ou imprecisão ” Gompel e Koss
  • Papanicolaou – 1943 (classes)
    • CLASSE I
    • CLASSE II
    • CLASSE III
    • CLASSE IV
    • CLASSE V
  • Richart-1967 (NIC)
    • HPV
    • NIC I
    • NIC II
    • NIC III
    • Carcinoma invasor
  • BETHESDA
    • 1988
    • 1991
    • 2001
  • NOMENCLATURA BRASILEIRA Qualidade da amostra Satisfatória Insatisfatória Descritivo Dentro do limites da normalidade Alt. Celulares Benignas Microflora Células Atípicas Sign. Indeterminado Escamosas Glandulares Origem Indefinida Atipias Células Escamosas Lesão Intra-Epitelial Baixo Grau (HPV/ NIC I ) Allto Grau(NIC II/ NIC III ) Alto Grau não podendo excluir invasão Carcinoma Escamoso Atipias Celulas Glandulares Adenoca in situ Adenoca invasor: Endocervical Endometrial Outros Avaliação Pré-Analítica
  • Qualidade da Amostragem Baixo grau Alto Grau Atipias Indeterminadas Sistema Bethesda
  •  
  •  
  • Adequabilidade da Amostra endocervicais MODIFICAÇÃO DO CRITÉRIO NUMÉRICO metaplásicas
  •  
  • Adequabilidade da Amostra má- fixação hemorrágico
  • Adequabilidade da Amostra purulento citólise
  • Adequabilidade da Amostra esfregaço espesso contaminante
  • Dentro dos Limites da Normalidade
  • Alterações celulares benignas
    • Inflamação
    • Reparação
    • Metaplasia escamosa imatura
    • Atrofia com inflamação
    • Radiação
    • Outras (especificar)
  • Inflamatório Atrófico
  • Metaplasia escamosa Reparo
  • Microbiologia
    • Lactobacillus sp
    • CocosBacilos Sugestivo de Gardnerella vaginalis
    • Candida sp
    • Trichomonas vaginalis
    • Sugestivo de Chlamydia sp
    • Actinomyces sp
    • Efeito citopático compatível com vírus do grupo Herpes
    • Outros
  •  
  •  
  •  
  •  
  • Células atípicas de significado indeterminado-
    • Células Escamosas
    • Células Glandulares
    • Origem Indefinida
  • Células Escamosas Atípicas de Significado Indeterminado (ASC) refere à alterações citológicas sugestivas de Lesão Intra-Epitelial Escamosas, que são qualitativa ou quantitativamente insuficientes para uma interpretação definitiva. B ethesda,2001
  • Células atípicas de significado indeterminado- Escamosas
    • Possivelmente não neoplásicas;
    • - Não se pode afastar lesão intra-epitelial de alto grau.
  • Atipias Indeterminadas
    • ASC-US
    • ASC-H
    não pode excluir Lesão de Alto Grau de significado indeterminado 95% 5%
  • DEFINIÇÃO (AGUS)
    • “ Células mostrando diferenciação endocervical ou endometrial com atipia nuclear que excede, obviamente, a alterações reativas ou reparatórias, mas que carecem de características inequívocas de adenocarcinoma invasivo “
    • Bethesda
  • Células atípicas de significado indeterminado- Glandulares
    • - Possivelmente não neoplásicas;
    • - Não se pode afastar lesão intra-epitelial de alto grau.
  • Células atípicas de significado indeterminado- de origem indefinida
    • - Possivelmente não neoplásicas;
    • - Não se pode afastar lesão intra-epitelial de alto grau.
  • Lesão Intra-Epitelial Cervical Conceito
    • Espectro de anormalidades não invasivas epiteliais cervicais tradicionalmente classificadas como condilomas planos,displasia/ carcinoma in situ e NIC.
    • ( Sistema Bethesda)
  •  
  • Classificação das Lesões Escamosas Sistema Bethesda atipia citológica Kurman e Solomon 1992 LSIL HSIL
  •  
  •  
  •  
  • Atipias celulares: Em Células Glandulares
    • -Adenocarcinoma “in situ”
    • -Adenocarcinoma invasor:
    • Cervical Endometrial Sem outras especificações
  •  
  •  
  •  
  • Outras Neoplasias Malignas Tuba uterina Ovário Metástases
  • Como Interpretar o Laudo Citopatológico
    • Manter a propedêutica básica
  •  
  • Taxa de mortalidade por Câncer de Colo Uterino Brasil, 1980-1995 Fonte: SIM/DATASUS/MS 80 81 82 83 84 85 86 87 88 89 90 91 92 93 94 95 Ano 1 /100.000 habitantes 5 4 3 2 1 0
  •  
  • Coeficiente de mortalidade por Câncer Uterino, Paraná, 1997 a 2007 (por 100.000 mulheres) Dados de mortalidade de 2008 não estão fechados
  • “ Para o clínico o que primeiro interessa é saber se o exame de Papanicolaou é Negativo. Informações sobre a microflora e a presença de alterações reacionais podem auxiliar, no entanto são secundárias ” Diane Davey Diagnostic Cytopathology,vol.26,n3 -2002