Your SlideShare is downloading. ×
0
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Renascimento Cultural
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Renascimento Cultural

188

Published on

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
188
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
2
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. “Que o teu trabalho seja perfeito para que, mesmo depois da tua morte, ele permaneça.” Leonardo daVinci
  • 2. Boticelli: O nascimento deVênus, 1485.
  • 3.  As mudanças nas relações de poder  Crise no feudalismo  Mudanças políticas, econômicas, sociais e culturais
  • 4. VALORES MEDIEVAIS O tempo divino. É pecado emprestar dinheiro com juros. A fé é mais relevante que a razão. Exaltação do espírito coletivista. Todas as pessoas são consideradas integrantes da cristandade (coletivismo). Deus é o centro de todas as coisas (teocentrismo). O corpo constitui fonte do pecado. VALORES DA MODERNIDADE O tempo pertence ao homem e este deve usufruí-lo em benefício próprio. A razão e a fé são importantes. Há uma valorização da observação e da experiência. A criatividade e a originalidade do homem são valorizadas (individualismo). O homem é o centro de tudo (antropo-centrismo). O corpo simboliza a fonte da beleza e do prazer.
  • 5.  Múltiplas dimensões  Curiosidade  Interesses pelas artes, invenções técnicas, política e ciências  Regaste da cultura greco-romana  Exaltação do novo e do moderno  Razão e antropocentrismo  Oposição aos costumes do medievo
  • 6.  Hedonismo  Classicismo  Racionalismo  Neoplatonismo  Individualismo  Otimismo  Naturalismo  Ideal de universalidade  Humanismo
  • 7. David, Michelângelo.
  • 8. O fruto proibido, Michelângelo.
  • 9. Michelangelo: O Juízo Final, 1534-41
  • 10. Bronzino: Alegoria do triunfo deVênus, 1540- 1545.
  • 11. O homem vitruviano de Leonardo daVinci sintetiza o ideário renascentista: humanista e clássico
  • 12.  O revigoramento comercial e urbano  A prosperidade das cidades italianas  O mecenato
  • 13. Os artistas renascentistas  Itália - Pintura: Giotto, Donatello, Sandro Boticelli, Masaccio, Leonardo DaVinci, Rafael Sanzio, Michelangelo,Ticiano eTintoretto - Literatura: Dante Alighieri, Francesco Petrarca, Giovanni Bocaccio,TorquatoTasso, Ludovico Ariosto - Filosofia, política e ciência: Giordano Bruno, Tommaso Campanella, Nicolau Maquiavel, Galileu Galilei
  • 14. A expansão do Renascimento  Sacro Império (Alemanha): Albrecht Durer e Hans Holbein; Lucas Cranach  Países Baixos: HybertVan Eyck e Jan van Eyck; Robert Campin, Pieter Bruegel e Hieronymus Boch; Erasmo de Roterdã  França: François Rabelais e Michel Montaigne  Inglaterra:Thomas Morus eWilliam Shakespeare  Portugal: GilVicente , Luis de Camões.  Espanha: El Greco e Miguel de Cervantes
  • 15. O Renascimento científico  Nicolau de Cusa e Nicolau Copérnico “Heliocentrismo”  Paracelso (manual de cirurgia, a função da química no campo da medicina)  Miguel Servet eWilliam Harvey (circulação sanguínea)  Eustáquio (ligação entre o ouvido médio e a garganta)  Mundinus (dissecação de cadáveres)  Falópio (ovidutos “Trompas de Falópio”)  AndreasVesálio “Anatomia humana”  Gesner e Rondelet (estudos da fauna)
  • 16. Rafael: Madonna Cowper, 1504/1505.
  • 17. Giotto: Deposição de Cristo, ciclo de afrescos na Capela Scrovegni (1304-1306), Pádua
  • 18. Masaccio: Cristo e o tributo, 1425-1428. Capela Scrovegni
  • 19. Michelangelo: O Juízo Final, 1534-41. Capela Sistina
  • 20. Mona Lisa (1503-1507—Louvre) é o retrato que mais tem gerado em termos de literatura -tem dado origem a contos, romances, poemas e até mesmo óperas- e paródia -desde seu tempo, como a Monna Vanna de Salai- em toda a história da arte.
  • 21. Leonardo pintou A Última Ceia, um incrível trabalho, o mais sereno e distante do mundo temporal, durante anos caracterizados por conflitos armados, intrigas, preocupações e emergências.
  • 22. Estudos de embriões.
  • 23. Jan van Eyck. O Casal Arnolfini
  • 24. A Abertura do Quinto Selo, 1608/14
  • 25. Michelangelo: Baco, Museu del Bargello
  • 26. Michelozzo Michelozzi: Palazzo Medici- Riccardi
  • 27. Palladio:Villa Capra
  • 28. Michelangelo: A criação de Adão, Capela Sistina

×