Eduardo Rios - A Crise de Audiência no Ensino Médio: Abandono e Evasão

  • 990 views
Uploaded on

Apresentação feita por Eduardo L. G. Rios Neto, pesquisador da UFMG, sobre o abandono e evasão escolar durante o 2º Educação em Pauta 2010: A Crise da Audiência no Ensino Médio

Apresentação feita por Eduardo L. G. Rios Neto, pesquisador da UFMG, sobre o abandono e evasão escolar durante o 2º Educação em Pauta 2010: A Crise da Audiência no Ensino Médio

More in: Education , Spiritual
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
990
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
32
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. A Crise de Audiência no Ensino Médio: Abandono e Evasão Eduardo L.G. Rios-Neto 16-junho-2010
  • 2. A Probabilidade de Progressão por Série nas Transições Chaves School progression probability: 1st grade of Elementary School (e0), 5th grade of Elementary School, 1st grade of High School (e8) and College (e11). Brasil, 1981-2008. 1.00 0.80 0.60 0.40 0.20 0.00 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 e0 e4 e8 e11
  • 3. A Probabilidade de Progressão na Primeira Série do EF não é mais Problema Probabilidade de progressão para a 1a série do EF por faixas da renda familiar per capita real. Pop. 7 a 29 anos. Brasil, 1986 a 2008 1.0 0.8 0.6 0.4 0.2 0.0 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 1a faixa 2a faixa 3a faixa
  • 4. A Probabilidade de Progressão na 5a Série está deixando de ser Problema mas ainda é diferenciada por Renda Familiar Probabilidade de progressão para a 5a série do EF por faixas da renda familiar per capita real. Pop. 7 a 29 anos. Brasil, 1986 a 2008 1.0 0.8 0.6 0.4 0.2 0.0 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 1a faixa 2a faixa 3a faixa
  • 5. A Probabilidade de Progressão por Série para o Ensino Médio ainda é um Gargalo, como PORTA DE ENTRADA NO MÉDIO Probabilidade de progressão para a 1a série do EM por faixas da renda familiar per capita real. Pop. 7 a 29 anos. Brasil, 1986 a 2008 1.0 0.8 0.6 0.4 0.2 0.0 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 1a faixa 2a faixa 3a faixa
  • 6. Um ENORME Problema no Brasil é a Progressão para o Ensino Superior, dado que o Médio seja concluído, principalmente para os segmentos de renda familiar média e baixa Probabilidade de progressão para o Ensino Superior por faixas da renda familiar per capita real. Pop. 7 a 29 anos. Brasil, 1986 a 2008 1.00 0.80 0.60 0.40 0.20 0.00 1981 1982 1983 1984 1985 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 Source: PNAD 1981 a 2008 1a faixa 2a faixa 3a faixa
  • 7. O Resultado das Progressões em termos de Anos de Estudo e Diferenciais Anos médios de estudo por faixas da renda familiar per capita real. Pop. 7 a 29 anos. Brasil, 1986 a 2008 10.0 8.0 6.0 4.0 2.0 0.0 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 1a faixa 2a faixa 3a faixa
  • 8. O Hiato de Gênero está Crescendo!! Anos médios de estudo por sexo. Pop. 7 a 29 anos. Brasil, 1986 a 2008 8.0 6.0 4.0 2.0 0.0 1986 1987 1988 1989 1990 1992 1993 1995 1996 1997 1998 1999 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 Homens Mulheres
  • 9. A Questão da Transição do Ensino Médio para o Superior e a Ampliação do Superior é Extremamente Preocupante Prevalência de jovens entre 20 e 24 anos que estejam cursando, ou tenham completado o ensino superior (IO = 0,143) - Brasil, 2008. 0.70 0.66 0.60 0.50 0.38 0.40 0.30 0.20 0.20 0.16 0.09 0.10 0.07 0.03 0.05 0.02 0.02 0.00 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Decil Prevalência média
  • 10. Brasil 2008 (Percentual de estudantes) Maternal e creche público Masc Maternal e creche particular Masc Ens Fund Público Masc 90+ Ens Fund Particular Masc 80 - 84 Ens Médio Público Masc Ens Médio Particular Masc 70 - 74 Ens Superior Público Masc Ensino Superior Particular 60 - 64 Outros Público Masc Outros Particular Masc 50 - 54 Maternal e creche público Fem 40 - 44 Maternal e creche particularFem Ens Fund Público Fem 30 - 34 Ens Fund Particular Fem Ens Médio Público Fem 20 - 24 Ens Médio Particular Fem Ens Sup Público Fem 10 - 14 Ens Sup Particular Fem 0-4 Outros Público Fem 15 10 5 0 5 10 15 Outros Particular Fem
  • 11. Brasil 2008 - Primeiro quintil de renda (Percentual de estudantes) Maternal e creche público Masc Maternal e creche particular Masc Ens Fund Público Masc Ens Fund Particular Masc 90+ Ens Médio Público Masc Ens Médio Particular Masc 80 - 84 Ens Superior Público Masc 70 - 74 Ensino Superior Particular Outros Público Masc 60 - 64 Outros Particular Masc 50 - 54 Maternal e creche público Fem Maternal e creche particularFem 40 - 44 Ens Fund Público Fem 30 - 34 Ens Fund Particular Fem Ens Médio Público Fem 20 - 24 Ens Médio Particular Fem Ens Sup Público Fem 10 - 14 Ens Sup Particular Fem 0-4 Outros Público Fem 15 10 5 0 5 10 15 Outros Particular Fem
  • 12. Brasil 2008 - Quinto quintil de renda (Percentual de estudantes) Maternal e creche público Masc Maternal e creche particular Masc Ens Fund Público Masc 90+ Ens Fund Particular Masc 80 - 84 Ens Médio Público Masc Ens Médio Particular Masc 70 - 74 Ens Superior Público Masc Ensino Superior Particular 60 - 64 Outros Público Masc Outros Particular Masc 50 - 54 Maternal e creche público Fem 40 - 44 Maternal e creche particularFem Ens Fund Público Fem 30 - 34 Ens Fund Particular Fem Ens Médio Público Fem 20 - 24 Ens Médio Particular Fem 10 - 14 Ens Sup Público Fem Ens Sup Particular Fem 0-4 Outros Público Fem 15 10 5 0 5 10 15 Outros Particular Fem