SIMPÓSIO DE QUALIFICAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA
                                                      Florianópolis: EPAG...
Objetivo da apresentação
•   Comunicar a visão sistêmica da Plataforma Lattes (do ponto de vista dos
    concebedores/dese...
De onde veio a Plataforma Lattes

Cenário pré-Plataforma Lattes




                                       3
Plataforma Lattes (1998-2004):
               O que é, o que não é
•   Plataforma sociotecnológica de informação e conheci...
Plataforma Lattes (1998-2004):
                      Numa visão sistêmica*...
    Composição Pesquisadores e professores, ...
Plataforma Lattes: Um efeito sistêmico




                                         6
Plataforma Lattes (1998-2004): Arquitetura tecnológica


                                              Egressos




      ...
Plataforma Lattes: Institucionalização e
         internacionalização

•   Pressão das IES para obter informações curricul...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
    Para que preencher o currículo Lattes?

Para...
    –     Registrar minha at...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
   Para que preencher o currículo Lattes?

Para... responder a perguntas como:
 ...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
  Para que outros podem usar meu currículo

Para...
   – Conhecer meu histórico ...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
         Indicadores quantitativos


– Modalidades:
   •   categorias de produçã...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
               Dicionários

– Modalidades:
  •   Áreas do conhecimento*,
  •   (...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
  Verificação de duplicidade (talvez descontinuada)


– Utilidade: detectar inse...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
    Verificação de erros (talvez descontinuada)




                            ...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
Página web e enlaces (links, em português)


– Utilidade: dar mais visibilidade ...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
              CV-Résumé

– Modalidades atuais: Résumé Lattes, Résumé
  Portal In...
Potencial do CV-Lattes para o pesquisador
 CV-Perfil (detalhado, editável) (descontinuado)

– Utilidade: examinar detalhad...
CV-Lattes: Em resumo...

•   Usa linguagem acadêmica, mas é a fonte de informação tanto
    –   para portais acadêmicos (e...
Portal Inovação – www.portalinovacao.mct.gov.br




                                                  20
Portal Inovação




•   Espaço para interação e cooperação tecnológica entre empresas e
    comunidade de C&T
•   Projeto ...
Visão Geral: Atores e
    Informações




                        22
Processo de registro de
empresas no Portal Inovação




                              23
Perfil da empresa - competências,
        ofertas e demandas




                                24
Perfil da empresa – outras opções




                                    25
Mensagens e favoritos




                        26
Interação com outros atores




                              27
Sistemas de conhecimento




                           28
Portal Inovação – acesso aberto - buscas




                                           29
Portal Inovação – acesso aberto - buscas




                                           30
Portal Inovação – acesso restrito




                                    31
Portal Inovação – acesso restrito




                                    32
Potencial do CV-Lattes para a instituição


Modalidades de aproveitamento da informação
  curricular:
–   Extração dos reg...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
Com que facilidade e velocidade responde a...
•   Quem são os profissionais da i...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
Com que facilidade e velocidade responde a...
•   Qual é a distribuição anual da...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
Com que facilidade e velocidade responde a...
•   Qual é a distribuição anual da...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
3. Potencial do CV-Lattes para a instituição
    Repositório e sistema institucional




                                 ...
Potencial do CV-Lattes para a instituição
   Repositório e sistema institucional




                                     ...
Potencial do CV-Lattes para o Brasil
–   Fundamentos de uma plataforma e-gov bem-sucedida
–   Impactos de uma plataforma e...
Potencial do CV-Lattes para o Brasil
Por que deu certo: mercado da informação
  Mercados de commodities/átomos (ex. petról...
Bottom line...
                                              Macroeconomic and
                                           ...
Epílogo


– Pérolas esquecidas: tradução automática,
  busca com DeCS/MESH, redes sociais (alguns
  aplicativos foram desc...
Universidade Federal
    de São Paulo              Armando José D’Acampora

                       agt
          plc


   ...
Epílogo – Pérolas...




                       55
Malária
                   Búsqueda




                    DeCS


                         Salud

     Doutores in Salud
...
Resultado




                     Context Vector       3 idiomas +
                                      termos relaciona...
Co-
authors




          58
Epílogo – Quem somos
Instituto Stela:
   – Entidade privada sem fins lucrativos
   – Start-up: 2002, início em sede própri...
Obrigado!
            E-mail
                      kern@stela.org.br

            Home page
                      http://k...
Upcoming SlideShare
Loading in …5
×

Currículo Lattes e Portal Inovação: Oportunidades para o especialista e a instituição

4,598 views
4,418 views

Published on

Apresentação da concepção da Plataforma Lattes do ponto de vista da equipe concebedora/desenvolvedora (1998-2004), bem como do Portal Inovação (desde 2004) e dos recursos em ambas as plataformas para indivíduos e instituições

Published in: Technology, Education, Business
2 Comments
2 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
4,598
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
45
Actions
Shares
0
Downloads
80
Comments
2
Likes
2
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Currículo Lattes e Portal Inovação: Oportunidades para o especialista e a instituição

  1. 1. SIMPÓSIO DE QUALIFICAÇÃO DE PROJETOS DE PESQUISA Florianópolis: EPAGRI, 15-17/04/2009 Local: ASSEFAZ 16 de abril de 2009, 14:00-15:30 h Currículo Lattes e Portal Inovação: Oportunidades para o especialista e a instituição Vinícius Medina Kern* Viní Pesquisador (Instituto Stela) e professor (PPG Engenharia e Gestão do Conhecimento – EGC/UFSC) (Instituto Stela) EGC/UFSC) * Com material de vários autores do IS Agenda da apresentação: Plataforma Lattes - cenário anterior, concepção, razões do sucesso O currículo e a gestão curricular individual e institucional Portal Inovação - propósito, instrumentos para o especialista e a instituição Currículo Lattes, Portal Inovação e resultados para o Brasil Disponível no SlideShare (baixe o arquivo para ver com animações)
  2. 2. Objetivo da apresentação • Comunicar a visão sistêmica da Plataforma Lattes (do ponto de vista dos concebedores/desenvolvedores do Instituto Stela, 1998-2004) e do Portal Inovação como projetos nacionais de informação e conhecimento e... • ... informar sobre instrumentos e recursos de interesse do especialista (pesquisador, técnico, docente, estudante) e da instituição para... • ...fazer sentido. 2
  3. 3. De onde veio a Plataforma Lattes Cenário pré-Plataforma Lattes 3
  4. 4. Plataforma Lattes (1998-2004): O que é, o que não é • Plataforma sociotecnológica de informação e conhecimento em C&T • Inclui 138 artefatos tecnológicos, entre eles… – – Sistema de curríículo Lattes off-line (descontinuado) Sistema de curr culo Lattes off-line – Sistema de currículo Lattes on-line – Arquitetura de plataformas de e-gov – Diretório dos grupos de pesquisa no Brasil – Plano Tabular – – Esquema curricular consensual XML (Conscientias) (descontinuado) Esquema curricular consensual XML (Conscientias) • Não é: um programa, um sistema, um software, um “banco de dados”, um projeto de “informática” – Por que: A “informática” não tem recursos para conceber sistemas informática” sociotecnológicos; trata apenas de sistemas tecnológicos sociotecnológicos; tecnoló 4
  5. 5. Plataforma Lattes (1998-2004): Numa visão sistêmica*... Composição Pesquisadores e professores, gestores de instituições e programas de PG, estudantes e egressos, gestores das instituições de ensino e pesquisa, especialistas e profissionais, currículos individuais, registros no diretório de instituições e de grupos de pesquisa, aplicativos da Plataforma Lattes, funcionários e gestores do CNPq. Ambiente Instituições de ensino e pesquisa com seus técnicos e pessoal administrativo, agências de fomento, empresários, jornalistas, outras iniciativas da informação (que trocam dados com a Plataforma Lattes), infra-estrutura da TICs, a Web, cultura da comunidade de C&T. Estrutura Criação e atualização de currículos, acordos e links automáticos entre (ligações) currículos e fontes externas, submissão, avaliação, e feedback sobre propostas de pesquisa, coleta de informação para fins de avaliação, busca e uso de informação curricular, influência cultural. Mecanismo (1) Propriedade pessoal do currículo, (2) depósito mandatório e (processos atualização do currículo para solicitar financiamento, (3) pressão das geradores de instituições sobre o CNPq para obter informações curriculares de seus emergência) afiliados, (4) acordos com outras iniciativas que usam a informação curricular, por exemplo: Portal Inovação. 5 * Bunge, M. (2003) Emergence and convergence: qualitative novelty and the unity of knowledge. U. Toronto Press, 330 p. convergence: Press,
  6. 6. Plataforma Lattes: Um efeito sistêmico 6
  7. 7. Plataforma Lattes (1998-2004): Arquitetura tecnológica Egressos Investimentos Demografia Buscas DM Cv DM Gr DM Inst DM Proj CvDeGois Sistema Grupo CvLAC GrupLAC CvLattes CVs Grupos Instituições Projetos 7 Diretórios SCienTI
  8. 8. Plataforma Lattes: Institucionalização e internacionalização • Pressão das IES para obter informações curriculares – Resultado: Lattes institucional (acordos CNPq-instituições) • Interesse da OPAS (2000) e países ibero-latino-americanos – Resultado: Rede ScienTI (2002) – OPAS, CNPq, Bireme, Grupo Stela 8
  9. 9. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Para que preencher o currículo Lattes? Para... – Registrar minha atuação profissional, produção e conhecimentos. – Manter um histórico detalhado da carreira. – Poder submeter propostas a concorrências públicas em CT&I. – Ter uma página curricular na web, com links para meus registros em outros repositórios e bibliotecas (SciELO, INPI, Diretório dos Grupos de Pesquisa etc.). – Conhecer melhor minha própria produção, com ferramentas de busca e de sumarização (indicadores, résumés, perfil detalhado, dicionários de co-autores, palavras-chave etc.) – Tomar decisões esclarecidas relacionadas ao histórico da carreira (por exemplo, privilegiar as iniciativas que têm dado mais resultado). – Configurar e gerar facilmente meus relatórios de produção. – Dispor de ferramentas de apoio à gestão da qualidade da minha informação curricular (verificação de redundância, perfil editável etc.). – Ser encontrado pela busca criativa do Portal Inovação, para cooperação com empresas. – … 9
  10. 10. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Para que preencher o currículo Lattes? Para... responder a perguntas como: – Como sou visto pelos interessados na competência brasileira em CT&I? – Quais são meus principais co-autores? – Quais palavras-chave melhor descrevem a minha produção? – Como vem evoluindo o volume da minha produção? – Em quais áreas do conhecimento eu produzo resultados? (Combina com a(s) área(s) do conhecimento que declaro como área de atuação?) – Como preparar mais este relatório que me pedem para gerar com urgência e num formato que não tenho preparado de antemão? – (Professores) Minhas orientações de pós-graduação, graduação e iniciação científica geram resultados apropriados? 10 – …
  11. 11. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Para que outros podem usar meu currículo Para... – Conhecer meu histórico profissional e decidir entre indicar/buscar ou não a minha orientação acadêmica, serviços, parecer, conselho etc. • Em particular, empresas no Portal Inovação podem atender a minhas ofertas/demandas. – Selecionar palestrantes, pareceristas, consultores etc. – Avaliar minha proposta de financiamento de pesquisa. – Saber quais meus interesses e tópicos de produção técnica e acadêmica antes de entrar em contato. – ………… 11
  12. 12. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Indicadores quantitativos – Modalidades: • categorias de produção*, • co-autores, • áreas do conhecimento, • palavras-chave*, • setor de aplicação, • ano – Utilidade: coletar, indexar por diversos critérios e analisar as características da produção; salvar grades e gráficos para servir de insumo informacional a outros documentos 12
  13. 13. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Dicionários – Modalidades: • Áreas do conhecimento*, • (co-)Autores, • Cursos, • Eventos, • Instituições, • Palavras-chave, • Periódicos* – Utilidade: semelhante à dos indicadores quantitativos 13
  14. 14. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Verificação de duplicidade (talvez descontinuada) – Utilidade: detectar inserções duplicadas no currículo. 14
  15. 15. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Verificação de erros (talvez descontinuada) 15
  16. 16. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador Página web e enlaces (links, em português) – Utilidade: dar mais visibilidade à produção, favorecer a transparência e a qualidade da informação, inibir a fraude. – Enlaces com: SciELO, MedLine, Lilacs, INPI, Diretório dos Grupos de Pesquisa no Brasil, Fomento do CNPq, diversos bancos de teses e sistemas de gestão acadêmica, etc. 16
  17. 17. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador CV-Résumé – Modalidades atuais: Résumé Lattes, Résumé Portal Inovação – Utilidade: gerar texto em prosa que descreve o pesquisador/especialista, favorecer a leitura por seres humanos e a detecção de erros 17
  18. 18. Potencial do CV-Lattes para o pesquisador CV-Perfil (detalhado, editável) (descontinuado) – Utilidade: examinar detalhadamente muitos aspectos do currículo em formato apropriado para seres humanos (texto em prosa e não formulários parametrizados), corrigir automaticamente as impropriedades. 18
  19. 19. CV-Lattes: Em resumo... • Usa linguagem acadêmica, mas é a fonte de informação tanto – para portais acadêmicos (ex. Portal SINAES, Diretório de Grupos) Diretó – quanto para iniciativas focadas em inovação e desenvolvimento (ex. Portal inovaç Inovação) Inovaç • A existência do CV já garante algum nível de exposição no cenário de informação em CT&I, – mas uma participação mais efetiva em outras instâncias (por exemplo, interação participaç interaç com o setor produtivo no Portal Inovação) depende de registro e informações Inovaç informaç adicionais. 19
  20. 20. Portal Inovação – www.portalinovacao.mct.gov.br 20
  21. 21. Portal Inovação • Espaço para interação e cooperação tecnológica entre empresas e comunidade de C&T • Projeto do MCT contratado pelo CGEE e gerido pela ABDI; desenvolvido pelo Instituto Stela • Oferece conteúdo aberto e restrito (sob registro) • Principais atores (e ambientes): empresa, especialista, ICTI (inst. de CT&I, inclusive universidades), agente de inovação (organizações, redes e indivíduos ) 21
  22. 22. Visão Geral: Atores e Informações 22
  23. 23. Processo de registro de empresas no Portal Inovação 23
  24. 24. Perfil da empresa - competências, ofertas e demandas 24
  25. 25. Perfil da empresa – outras opções 25
  26. 26. Mensagens e favoritos 26
  27. 27. Interação com outros atores 27
  28. 28. Sistemas de conhecimento 28
  29. 29. Portal Inovação – acesso aberto - buscas 29
  30. 30. Portal Inovação – acesso aberto - buscas 30
  31. 31. Portal Inovação – acesso restrito 31
  32. 32. Portal Inovação – acesso restrito 32
  33. 33. Potencial do CV-Lattes para a instituição Modalidades de aproveitamento da informação curricular: – Extração dos registros na base Lattes relacionados à instituição – Construção de repositório e sistema curricular institucional – Gestão da informação curricular – Outras: simplificação da coleta de dados para o processo de avaliação da PG pela Capes; oportunidades no Portal Inovação: acompanhamento da cooperação, NIT, informações estratégicas 33
  34. 34. Potencial do CV-Lattes para a instituição Com que facilidade e velocidade responde a... • Quem são os profissionais da instituição que desenvolvem ou desenvolveram atividades profissionais ou tiveram alguma formação no exterior? • Quem são os especialistas em uma determinada área do conhecimento na instituição? • Quem são os doutores que realizam pesquisas em determinado assunto e falam alemão e espanhol? • Quem são os profissionais que orientam ou orientaram alunos em um determinado curso da instituição (ou em outra instituição)? • Quem são os profissionais da instituição que possuem produção bibliográfica (livro, capítulo de livro, artigo publicados no país ou exterior, etc.) em determinada área do conhecimento ou assunto no ano passado? 34
  35. 35. Potencial do CV-Lattes para a instituição Com que facilidade e velocidade responde a... • Qual é a distribuição anual da produção bibliográfica associada a cada órgão/unidade da instituição? • Qual é a distribuição da produção C,T&A dos doutores (ou mestres, especialistas...) em uma determinada área do conhecimento? • Qual é o perfil da pesquisa na instituição segundo a titulação, sexo e faixa etária das pessoas que estão publicando? • Quantos e quais projetos (desenvolvimento, extensão, pesquisa) estão sendo (ou foram) executados por profissionais da instituição nos últimos 5 anos? • Quantos e quem são os profissionais com formação acadêmica em uma determinada área e que estão desenvolvendo atividades de ensino ou desenvolvendo pesquisas em outras áreas do conhecimento? 35
  36. 36. Potencial do CV-Lattes para a instituição Com que facilidade e velocidade responde a... • Qual é a distribuição anual da produção bibliográfica associada a cada órgão/unidade da instituição? • Quem são os pesquisadores mais produtivos da instituição atualmente (em termos de publicação científica e tecnológica, orientações, condução de projetos)? • Quantos artigos, trabalhos de conclusão de curso, dissertações e teses foram geradas em um projeto apoiado pela instituição? • Qual foi a produção científica e tecnológica associada a uma determinada linha de pesquisa institucional neste ano? • Que instituições estão financiando os projetos desenvolvidos pelos profissionais da instituição e qual é a natureza e volume financeiro dos financiamentos? 36
  37. 37. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 37
  38. 38. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 38
  39. 39. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 39
  40. 40. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 40
  41. 41. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 41
  42. 42. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 42
  43. 43. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 43
  44. 44. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 44
  45. 45. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 45
  46. 46. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 46
  47. 47. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 47
  48. 48. 3. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 48
  49. 49. Potencial do CV-Lattes para a instituição Repositório e sistema institucional 49
  50. 50. Potencial do CV-Lattes para o Brasil – Fundamentos de uma plataforma e-gov bem-sucedida – Impactos de uma plataforma e-gov bem-sucedida – Qualidade e fidedignidade: instrumentos para promoção – Responsabilidade informacional – Ponto de apoio para a aproximação universidade-indústria Mais uma comparação com a Coréia: densidade populacional de RH para inovação – engenheiros e cientistas em P&D: • 1/3 da densidade coreana nas universidades • 1/4 da densidade coreana nos institutos de pesquisa • 1/30 da densidade coreana nas empresas 50
  51. 51. Potencial do CV-Lattes para o Brasil Por que deu certo: mercado da informação Mercados de commodities/átomos (ex. petróleo,, alimentos) petró leo alimentos) – Demanda dirige oferta – Aumenta demanda aumenta preço – Aumenta oferta baixa preço Mercado da informação/bits (ex. Google, World Wide Web Worm) – Oferta dirige demanda – Aumenta oferta aumenta demanda – Restringe oferta mata o negócio “Shared knowledge is double knowledge” (Barend Mons, 2006) knowledge” Economia digital transaciona bits, não átomos (Digital life, Nicholas Negroponte, 1995) 51
  52. 52. Bottom line... Macroeconomic and regulatory context Education and Communication Global training system innovation networks infrastructures Knowledge generation, diffusion & use innovation systems Firm’s Clusters of capabilities industries Regional & networks Other Science research system bodies Supporting institutions National innovation Product market system Factor market conditions conditions National innovation capacity COUNTRY PERFORMANCE 52 Growth, jobs, competitiveness
  53. 53. Epílogo – Pérolas esquecidas: tradução automática, busca com DeCS/MESH, redes sociais (alguns aplicativos foram descontinuados, p.ex. Lattes Egressos) – Quem somos – Perguntas e outras intervenções 53
  54. 54. Universidade Federal de São Paulo Armando José D’Acampora agt plc conclude obj doctorate scn tim Medicine 1996 54
  55. 55. Epílogo – Pérolas... 55
  56. 56. Malária Búsqueda DeCS Salud Doutores in Salud 56
  57. 57. Resultado Context Vector 3 idiomas + termos relacionados Resumé K no w le dg e Tr ee 57
  58. 58. Co- authors 58
  59. 59. Epílogo – Quem somos Instituto Stela: – Entidade privada sem fins lucrativos – Start-up: 2002, início em sede própria em 2005 – Cerca de 60 colaboradores, cerca de metade com nível de pós-graduação; forte atuação acadêmica – Engenharia e gestão (de ativos) de conhecimento – Missão: conjugar a pesquisa científica e a inovação tecnológica na geração de conhecimento para o desenvolvimento das organizações e da sociedade. 59
  60. 60. Obrigado! E-mail kern@stela.org.br Home page http://kern.ispeople.org/ Instituto Stela http://www.stela.org.br/ Talento é quando um atirador atinge um alvo que os outros não conseguem. Gênio é quando um atirador atinge um alvo que os outros não vêem. Irvin D. Yalom em A cura de Schopenhauer 60

×