Jornal educacao digital

929
-1

Published on

- Realizado por Néia Gava Rocha, Gislane Maria de Almeida Néspoli Mendonça e Gabriela Néspoli Mendonça e colaboradora Priscyla Cogo - Produção de educadores no curso Aluno Monitor Vargem Alta/ES - Microsoft e Instituto Crescer - http://www.institutocrescer.org.br

Published in: Education, Technology
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
929
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
8
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Jornal educacao digital

  1. 1. Vargem Alta-ES Outubro de 2010 Edição Mensal Ano I N° 001 Responsáveis: Néia Gava Rocha, Gislane Maria de Almeida Néspoli Mendonça e Gabriela Néspoli Mendonça O Jornal Educ@ç@o Didit@l não se trata de mais um veículo de comunicação. Ele é um caminho que aponta a direção que vem seguindo a educação nos parâmetros da digitalização. O Educ@ç@o Didit@l visa atingir professores, alunos e demais profissionais e estudantes da educação interessados em assuntos referentes ao mundo digital. Assim, este meio de comunicação se trata de uma inovação em informações, uma vez que traz em suas páginas um conteúdo centrado na educação da era digital. Para tanto, busca informações que valorizam os avanços tecnológicos e plurissignificância no mundo contemporâneo, no qual a globalização é a marca do momento. E a educação é o segmento social que mais reflete esta mudança significativa, pois é através dela que há a divulgação e a “disseminação”de tantas inovações e suas aplicabilidades. @@@@@@@@@@ Aluno Monitor em Vargem Alta Primeira turma do curso Aluno Monitor O município de Vargem Alta, localizado no sul no Espírito Santo, levou para os seus profissionais da educação o curso Aluno Monitor. O curso tem o objetivo de promover a formação em conceitos básicos de tecnologia, o gerenciamento do laboratório de informática das escolas e a multiplicação de conhecimentos para educadores e alunos. E é preocupado com o enriquecimento de conhecimentos de seus profissionais, Vargem Alta permitiu a implantação deste curso no município. Dezenas de professores estão participando, o que lhes confere mais conhecimentos para aplicarem à sua prática cotidiana na sala de aula. Produção de educadores no curso Aluno Monitor Vargem Alta/ES – Microsoft/Instituto Crescer – http://www.institutocrescer.org.br
  2. 2. O curso acontece via internet e tem uma aula presencial, a qual foi aplicada pela tutora Estela Pin Canal. A ação é fruto de iniciativas em parceria com o Instituto Crescer desde 2008. @@@@@@@@@@ OJornal Educ@ç@o Digit@l realizou entrevista com Gislane Maria de Almeida Néspoli Mendonça, Coordenadora Pedagógica da Secretaria Municipal de Educação de Vargem Alta, sobre “A inserção da informática nas escolas do município”. Educ@ç@o Digit@l: Quantas escolas possuem, atualmente, laboratórios de informática no município? Gislane: O município de Vargem Alta conta, hoje, com 13 Laboratórios de Informática. Educ@ç@o Digit@l: Quando se percebeu a necessidade de levar esses laboratórios de informática para as escolas? Gislane: Através do Avanço Tecnológico, o Prefeito Elieser Rabello juntamente com o Secretário Municipal de Educação perceberam a necessidade de desenvolver ações para a efetiva inserção das Tecnologias de Comunicação e Informação (TIC) nos estabelecimentos públicos de ensino da municipalidade, manifestando interesse em aderir ao PROINFO (Programa Nacional de Informática na Educação/SEED – Secretaria de Educação a Distância do Ministério da Educação - MEC). Educ@ç@o Digit@l: Em que ano as escolas do município começaram a ser informatizadas? Gislane: O Termo de Adesão ao referido Programa foi assinado desde 25 de fevereiro de 2008. A partir desta adesão as escolas começaram a ser selecionadas de acordo com o Censo Escolar e o IDEB do município. Hoje, 80% das escolas de Educação Infantil e Escolas Rurais de Ensino Fundamental – séries iniciais já foram adequadas pelo município e contempladas com os equipamentos de informática. “Estamos aguardando a equipe do MEC ainda este mês de outubro/2010 para montagem dos laboratórios nas Escolas Rurais”. Educ@ç@o Digit@l: Como estes laboratórios estão contribuindo para a melhoria da educação municipal? Gislane: Todas as escolas que têm laboratório de informática proporcionam a todos os alunos desde a Educação Infantil até as Séries Iniciais do Ensino Fundamental, uma revolução no ensino- aprendizagem, possibilitando aos professores e alunos o uso de ferramentas que auxiliam tanto no repasse dos conteúdos das mais diversas áreas, como na assimilação dos conteúdos repassados para os educandos. A utilização dos softwares educacionais do Sistema Microkids é mais um recurso que estimula a construção de conceitos; a aprendizagem significativa e apoio à prática pedagógica na escola, o que oportuniza aos alunos momentos descontraídos, com atividades criativas e de entretenimento, além de propiciar o desenvolvimento natural das Produção de educadores no curso Aluno Monitor Vargem Alta/ES – Microsoft/Instituto Crescer – http://www.institutocrescer.org.br
  3. 3. habilidades intelectuais e técnicas dos alunos, tornando o processo ensino- aprendizagem inovador, dinâmico, participativo e interativo. Educ@ç@o Digit@l: Os profissionais da educação recebem cursos de capacitação para trabalharem com seus alunos a informatização? Quais? Gislane: Sim. Os profissionais da educação do município de Vargem Alta já participaram de duas capacitações para trabalharem com o Sistema Microkids – Tecnologia Educacional. O município adquiriu kits para todos os alunos e professores. Todo trabalho desenvolvido nas escolas são registrados bimestralmente pelos professores, que encaminham à SEME para análise e controle do desempenho dos alunos e, posteriormente, encaminhados ao Sistema Microkids do Espírito Santo. O município de Vargem Alta implantou, também, o curso Aluno Monitor para profissionais da educação, com o objetivo de promover a formação em conceitos básicos de tecnologia, o gerenciamento do laboratório de informática das escolas e a multiplicação de conhecimentos para educadores e alunos, via internet. Veja blog do Instituo Crescer para a Cidadania sobre educação e tecnologia. Educ@ç@o Digit@l: Enquanto Coordenadora Pedagógica, o que você tem a dizer sobre a importância da informática nas escolas? Gislane: A informática na escola é extremamente importante, porém, para que a aquisição do conhecimento aconteça precisamos selecionar e organizar pedagogicamente a informação que será disponibilizada pela tecnologia, além de desenvolver estratégias pedagógicas que permitam aos alunos interagir com ela, transformando-a, criando condições para que nossos alunos desenvolvam competências que lhes possibilitem transformar estas informações em conhecimentos. @@@@@@@@@@ Tecnologia e educação Estamos vivendo a era da informação, os recursos tecnológicos mudaram muito nossa concepção de tempo e espaço. Não nos basta somente a formação acadêmica, temos que aprender selecionar informações relevantes e também articular essas informações. Hoje, a internet faz parte da nossa vida, fazemos compras, pesquisas. Através da tecnologia nos relacionamos com o mundo dos sonhos e fantasias que ela nos apresenta. Os recursos tecnológicos são instrumentos culturais da nossa época. Por isso, devemos nos apropriar deles. Como educadores podemos utilizá-los ao lado de nossos alunos para que os mesmos estejam sempre inseridos nesta era tecnológica. Hoje em dia, crianças vivem no mundo dos jogos, estes geram prazer e interesse, auxiliando ao mesmo tempo na aquisição do autoconhecimento, momento em que lidam com símbolos e desenvolvem seu raciocínio. A criança passa a ter contato com regras e a lidar com elas. O jogo é um importante instrumento didático que pode ser utilizado na educação. Segundo Vygotsky (1982) “a atividade criadora é uma manifestação do ser Produção de educadores no curso Aluno Monitor Vargem Alta/ES – Microsoft/Instituto Crescer – http://www.institutocrescer.org.br
  4. 4. humano, pois só este tem a capacidade de criar algo novo a partir do que já existe”. Assim, mesmo com toda esta evolução tecnológica não podemos deixar de brincar com nossos alunos, não podemos deixar de contar-lhes histórias,não podemos deixar de tocar-lhes, não podemos deixar de falar-lhes, não podemos deixar de fazer om que acreditem que a vida é bela e que vale a pena vivê-la. Enfim, como disse Charles Chaplin “mais que máquinas precisamos de humanidade. Mais do que inteligência, precisamos de inteligência, precisamos de afeição e doçura. Sem essas virtudes a vida será de violência e tudo estará perdido”. Priscyla Cogo de Castro Tezolin – é aluna do curso de Psicologia, na São Camilo, e graduada em Psicopedagogia. @@@@@@@@@@ A era da digitalização O mundo atual exige muitos conhecimentos acerca da informática. A sociedade está atravessando um período em que a tecnologia invade as nossas casas, a qual está inserindo a humanidade na era da informatização. Trata-se de u momento em que quem não tem celular, computador e internet se sente excluído. É raro encontrar alguma pessoa que não tem um celular. Todavia, é tão raro quanto encontrar alguma pessoa que não tem um celular com câmeras, mais de um chip, internet e muitas outras alegorias que fazem deste meio de comunicação um acessório de soberba. Outra consequência da informática são os relacionamentos e contatos virtuais, para os quais existem os muitos sites que dão suporte, tais como: orkut, msn, facebook, badoo, twitter, entre muitos outros. Estas opções para os relacionamentos virtuais distanciam o contato humano, porém caracteriza uma nova tendência, à qual já estamos submersos. E como resultado dessa evolução tecnológica várias empresas e instituições já estão oferecendo cursos online, o que exige dos interessados o acesso ao mundo digital, pois é impossível realizar alguns desses cursos e quaisquer outras opções de relacionamentos virtuais sem possuir um computador, internet e estar interligados às redes sociais. Assim, o que se observa é que a tendência atual é estar inserido no mundo digital, onde a tecnologia predomina em todos os segmentos sociais (educação, política, saúde, relacionamentos, entre outros, fazendo com que a informação seja transmitida rapidamente. Néia Gava Rocha – graduada em Letras (Literatura e Língua Portuguesa), Pós- Graduada em Letras (Literatura e Língua Portuguesa) e em Gestão Escolar: Orientação, Inspeção e Supervisão. Diretoras: Néia Gava Rocha, Gislane Maria de Almeida Néspoli Mendonça e Gabriela Néspoli Mendonça Circulação: Vargem Alta-ES Contato: 028 – 3528 1339 E-mail: neiavgava@hotmail.com Fonte de pesquisa: http://perdigital.wordpress.com Colaboradores: Gislane Maria de Almeida Néspoli Mendonça, Priscyla Cogo, Néia Gava Rocha. Produção de educadores no curso Aluno Monitor Vargem Alta/ES – Microsoft/Instituto Crescer – http://www.institutocrescer.org.br

×