Auditoria em saude
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Like this? Share it with your network

Share
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
628
On Slideshare
628
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Melhores Práticas e Soluções emAUDITORIA PARA ACADEIA DE SAÚDE12 e 13de Junhode 2013Blue Tree PaulistaSão Paulo - SPApresentação de estudos atuais, casos reais e experiências de sucesso que trarão respostasàs principais divergências de interpretação entre os atores do mercado de saúde!A cadeia de saúde se reunirá no evento que permitirá instituições e profissionais incorporarem as melhores práticas domercado em auditoria, desde o planejamento e negociação até aplicações práticas nas áreas médica e de enfermagem!Participe de sessões específicas para as diversas áreas de auditoria!12 de Junho 13 de JunhoMercado e Regulação Sob a Ótica da AuditoriaAuditoria Médica Auditoria deEnfermagem e FarmáciaWorkshop: Auditoria e Conflitos deInteresse em OPMEsRealização: Apoio:Confira algumas instituições confirmadasAgência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA)MINISTÉRIO DA SAÚDESULAMÉRICAGREEN LINE SISTEMAS DE SAÚDEFEDERAÇÃO DAS UNIMEDSUNIMED ARARASUNIMED BELO HORIZONTEHOSPITAL ALBERT EINSTEINHOSPITAL BENEFICÊNCIA PORTUGUESAHOSPITAL SÃO CAMILOHOSPITAL NOVE DE JULHOREDE D´ORBRADESCO SAÚDECIRCULAR PARA:• Responsáveis por: auditoria médica e de enfermagem, auditoria de contas, área de negociações, relacionamento, custos, faturamento, compras e suprimentos.• Diretoria: comercial, clínica, técnica, médica e financeira.
  • 2. QUARTA-FEIRA, 12 DE JUNHO DE 2013SESSÃO: MERCADO E REGULAÇÃO SOB A ÓTICA DA AUDITORIAAdrianos Loverdos, SuperintendenteSanta Casa de Misericórdia de JacareíAbertura pelo Presidente de MesaAS NOVIDADES DA SAÚDE SUPLEMENTAR E SEUS IMPACTOS EMAUDITORIATenha um Panorama Geral Sobre as Regulamentações e Iniciativas dosÓrgãos Reguladores, Antecipe-Se Quanto a Possíveis Mudanças, Estime oImpacto Destas na Sua Instituição, Planeje as Negociações com Parceiros eDesenvolva Uma Auditoria Preventiva.• Conheça as possíveis inclusões no próximo rol de procedimentos da ANS e saiba como atuarpreventivamente para se enquadrar nas novas resoluções• Quais medicamentos e procedimentos devem ser incorporados e como o auditor devepreparar-se tecnicamente• Como o TISS e TUSS impactam na auditoria em saúde• Como podemos avaliar e monitorar os impactos regulatórios no setorIvo Bucaresky, Secretário Executivo da Câmara de Regulação do Mercado deMedicamentos (CMED)ANVISAANS – AGÊNCIA NACIONAL DE SAÚDE SUPLEMENTARA SAÚDE BASEADA EM EVIDÊNCIA NO PROCESSO DE AUDITORIA EM SAÚDEConheça Estudos Recentes e Veja Como Minimizar as Divergências EntreOperadoras e Prestadores De Serviços em Relação à Utilização da MedicinaBaseada em Evidência.• Saiba como as operadoras de planos de saúde e hospitais aplicam o conceito nos processos de auditoria• Conheça as principais controvérsias entre operadores e prestadores de serviço, identifique asprincipais lacunas entre evidência e prática clínica e encontre soluções práticas a partir dediferentes perspectivas• Conheça estudos científicos recentes e atualize-se quanto a novas técnicas e tratamentosFlávia Tavares Elias, CoordenadoraAVALIAÇÃO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE (ATS), MINISTÉRIO DA SAÚDEOtávio Clark, DiretorEVIDÊNCIAS - CREDIBILIDADE CIENTÍFICACoffee BreakAUDITORIA E AVALIAÇÃO DE NOVAS TECNOLOGIASDiscuta as Novas Tecnologias de Inovação, as Controvérsias Inerentes aosProcessos de Negociação, se Há ou Não Evidência de Superioridade DianteÀ Tecnologia Existente, Qual o Ganho Real em Saúde e Veja Como a AuditoriaPode Ser uma Ferramenta de Incorporação de Tecnologia.• Conheça estratégias, metodologias e estudos para avaliação de novas tecnologias eatualize-se quanto às medidas mais modernas• Tenha acesso a casos concretos que podem facilitar a tomada de decisão dentro da sua instituição• Saiba o que está por vir e antecipe-se às mudanças e desafios: qual a nova fronteira deinovação em tecnologia em saúde?Como incluir Dados da Vida Real?Eduardo Coura Assis, Especialista em Engenharia ClínicaAVALIAÇÃO DE TECNOLOGIAS EM SAÚDE (ATS), MINISTÉRIO DA SAÚDEGabriela Tannus, DiretoraAXIA.BIO FARMACOECONOMIA E PESQUISA EM SAÚDENEGOCIAÇÃO COMERCIAL NA AUDITORIA EM SAÚDEConheça as Questões Essenciais para Melhorar o Relacionamento entrePrestadores e Operadoras, Identifique os Principais Pontos de Divergêncianas Negociações e Desenvolva Parcerias de Longo Prazo.• Identifique as principais divergências contratuais em relação às normas emitidas pela ANS epela ANVISA e conheça as alternativas para superar esses desafios. Como envolver os parceirosnesse processo de mudança de normativa de forma a melhorar a qualidade do serviço prestado?• Saiba como promover o alinhamento entre as áreas comerciais de operadores e prestadoresde serviços•Veja como calcular o impacto de cada negociação na empresa e obtenha acordos mutuamente benéficos• O papel das Centrais de ComprasEduardo Medeiros, Administrador HospitalarREDE D´ORTereza Cristina de Miranda Chaves, Superintendência de Liberação e Eventos MédicosBRADESCO SAÚDEAlmoçoADVISORS: Enfª MSc.Helena Maria Romcy, PresidenteAssociação Cearense dos Enfermeiros Auditores08h2008h3014h0014h3016h0016h3017h3018h3010h0010h4511h1512h1513h00PaineldeAberturaPaineldeDebatesPaineldeVisõesPaineldeEstudosdeCasoPAPEL DO AUDITOR EM NOVOS MODELOS DE REMUNERAÇÃO EPAGAMENTO POR PERFORMANCEO Atual Modelo de Remuneração, Além de Não Refletir a Produtividade doProfissional e Não Estimular a Administração dos Recursos, Gera DiversosConflitos entre Médicos, Hospitais e Operadoras, de Forma que o Debate deModelos Alternativos é Indispensável.Saiba Quais São os Modelos Discutidos naAtualidade,Seus Desafios e Benefícios,e Veja Como Eles Impactam na Auditoria.• Discuta os principais desafios dos modelos mais frequentes de remuneração(fee-for-service, diárias globais e pacotes, capitation, transferências orçamentárias),compartilhe experiências e leve novas perspectivas para dentro de sua instituição• Entenda o novo modelo de remuneração de hospitais proposto pela ANS e saiba comoinfluenciará nas contas hospitalares e nos processos de auditoria.• Entenda o papel do auditor em pagamentos por performance: desafios, benefícios e soluçõesÉrika Fuga Teixeira, Superintendente de Operações e Análises MédicasSULAMERICAAUDITORIA E CONFLITOS DE INTERESSES EM ONCOLOGIAConheça os Principais Conflitos de Interesse Entre Operadoras, Prestadores DeServiços e Indústria Farmacêutica em Relação aos Medicamentos Oncológicose Saiba Implementar Processos de Auditoria em Conformidade com asRegulamentações e que Busque a Qualidade da Assistência.• Prescrição de off label• Os medicamentos acessórios devem ser considerados como medicamento oncológico?• Quimioterapia oral• Como são baseadas as negativasAlberto Palma, Auditor em OncologiaFEDERAÇÃO DAS UNIMEDSAndré Luiz Gumiero, Coordenador Serviço Próprio de QuimioterapiaUNIMED ARARASRoberto Porto Fonseca, Médico CancerologistaUNIMED BELO HORIZONTECoffee BreakBIOÉTICA, AUDITORIA, REGULAÇÃO E CONTRATOS: EXISTEMANEIRA DE CONCILIÁ-LOS?Os Aspectos Bioéticos da Auditoria em Saúde Impactam nas Atividadesdos Médicos, Pacientes, Prestadores de Serviço e Operadoras de Planos deSaúde. Saiba Como Conciliar as Diversas Partes Envolvidas a fim deGarantir Boas Práticas em Auditoria.• A negativa para o tratamento "off label" reconhecidamente eficaz: aspectos bioéticos,jurídicos e de auditoriaSílvia Archero, Médica AuditoraBRASILMEDSAIBA COMO A AUDITORIA PODE CONTRIBUIR PARA EVITAR ERESPONDER CASOS DE JUDICIALIZAÇÃO E DE NIPS DA ANSA Judicialização na Saúde Significa um Risco À Sustentabilidade Financeiradas Operadoras e Prestadores de Serviços. A Auditoria Vista de FormaAmpla Pode Contribuir para a Prevenção de Casos de Judicialização e Ajudarem Termos Técnicos a Responder a Essas Demandas. Tenha Acesso a CasosPráticos e Recorrentes e Veja Como o Auditor se Insere nesse Debate.• Qual o papel do auditor na mitigação de riscos? Como pode oferecer informaçõestécnicas-médicas, centradas em evidências clínicas, ao poder judiciário em caso de demanda?• Como operadoras e hospitais podem atuar em parceria no sentido de minimizar os riscos dejudicialização? Como podem agir em parceria para adequar-se à Resolução Normativa 259 eevitar às NIPS? Desenvolva estratégias para estabelecer o relacionamento entre a cadeia,facilitara operacionalização e diminuir a judicialização.• Conheça casos emblemáticos e recorrentes de judicialização, identifique as questõescríticas e antecipe-se a possíveis casos de judicialização: o fornecimento de órtese, prótese eendoprótese, procedimentos com robótica e vídeo.• E quando o judiciário erra?Luiz Celso D. Lopes, Superintendente de Relações com a ANSSULAMERICAOlinda Maria Xavier Figueroa, Médica AuditoraHOSPITAL SÃO CAMILOEncerramento
  • 3. QUINTA-FEIRA, 13 DE JUNHO DE 2013Abertura pelo Presidente de MesaVERTICALIZAÇÃO DO SISTEMA DE SAÚDE, IMPACTOS EENSINAMENTOS DA AUDITORIA CORPORATIVACom a Verticalização do Sistema de Saúde, é Possível Identificar NovasEstratégias e Soluções Compartilhadas em Termos de Auditoria. Veja ComoSão Resolvidos os Principais Conflitos de Negociação, Conheça os Desafiose Benefícios da Auditoria Corporativa, Aumente a Segurança e Qualidade doAtendimento e Melhore os Resultados em Termos de Custos.Cristine de Queiroz Fernandes, Coordenadora de Contas MédicasOPERADORA BRASILEIRA DE PLANOS DE SAÚDEENVIO DE PACIENTES PARA SEGUNDA OPINIÃO MÉDICAO Envio de Pacientes para Segunda Opinião Gera Conflitos entre Médicos,Operadoras e Prestadores de Serviços. Saiba Como essas DivergênciasPodem Ser Superadas Garantindo a Melhor Assistência ao Paciente.• Papel da auditoria na agilização e controle dos processos• Como obter a segunda opinião dentro do prazo da RN 259• Ética médica no envio de pacientes para segunda opiniãoWanderley Resende, Consultor Técnico/MédicoBRADESCO SEGUROS, MEDISERVICE, FIOSAUDECoffee BreakPAINEL DE ESTUDOS DE CASOS: CIRURGIAS DE GRANDE PORTESaiba Como Novas Técnicas, Procedimentos e Tecnologias GeramDivergências de Interpretação entre Operadoras e Prestadores de Serviços.Desenvolva uma Análise Crítica de Evidências e Encontre Soluções Práticasque Propiciarão uma Auditoria de Contas Médicas Mais Eficiente.• Cirurgia e Traumatologia Buco Maxilo FacialMarcelo Marotta Araújo, Prof. Doutor da Disciplina de Cirurgia Buco-maxilo-facialUNESP• Cirurgia Cardíaca e HemodinâmicaHélio Castello, Diretor de Qualidade ProfissionalSOCIEDADE BRASILEIRA DE HEMODINÂMICA E CARDIOLOGIA INTERVENCIONISTA (SBHCI)PROTOCOLOS MÉDICOS E DUTS COMO SUPORTE DE AUDITORIA DECONTAS MÉDICAS E DE QUALIDADEEntenda a Importância de Estabelecer Protocolos e Transformar asDiretrizes de Utilização (DUT) em Ferramentas Operacionais Visando Tanto aQualidade da Conta Médica Auditada Como do Serviço Prestado e Facilite oEntendimento entre Auditores Internos e Externos.• Muitas das dificuldades em auditoria vêm da utilização de novos insumos, materiais emedicamentos sem adequado protocolo científico. Identifique as áreas mais críticas naatualidade e desenvolva novas estratégias de indicação de contas.• Identifique glosas e erros mais frequentes na conta hospitalar e saiba como o estabelecimentode protocolos e DUT podem sanar esse problema.Viviane Cordeiro Veiga, Coordenadora do grupo de PCR, Médica Intensivista e CardiologistaHOSPITAL BENEFICÊNCIA PORTUGUESAA IMPORTÂNCIA DA AUDITORIA EM FISIOTERAPIAEm Fisioterapia, as Fraudes e Erros em Contas Médicas Acontecem emPequenas Quantidades, Fazendo com que a Área Não Receba a DevidaImportância no Processo de Auditoria. Veja, com Base em Casos Práticos,que, Devido à Alta Frequência dos Erros e Fraudes em Fisioterapia, umaAuditoria Eficiente na Área é Indispensável.• Veja, através de estudos baseado em evidências, quais os resultados de uma auditoriaeficiente em fisioterapia.• Identifique as dificuldades técnicas da auditoria em fisioterapia e encontre soluções práticas• Conheça com mais detalhes a Resolução COFFITO n° 416/12, que dispõe sobre a atuação doFisioterapeuta como auditor.Érica Pacheco Heredia, Professora e FisioterapeutaUNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIROAlmoçoAUDITORIA EM CIRURGIAS ROBÓTICA E MINIMAMENTE INVASIVASA Utilização de Equipamentos Cirúrgicos Modernos e da Robótica Possibilitam oAvanço Contínuo da Cirurgia Minimamente Invasiva.Conheça Casos Práticos,DiscutaSe Há Superioridade em Relação às Técnicas Convencionais, Veja os Benefícios eDesafios,e Saiba Como Preparar-se Para uma Auditoria Eficiente Neste Contexto.Nestor Kisilevzky,Diretor Médico e Especialista em Radiologia Intervencionista e Cirurgia EndovascularENDOVASCULAR CENTERCoffee Break08h5009h0009h3010h3011h0012h0012h3013h0014h1515h30SESSÕES PARALELAS: GESTÃO DA AUDITORIA EM SISTEMAS DE SAÚDESESSÃO DE AUDITORIA MÉDICAAbertura pelo Presidente de MesaAUDITANDO MEDICAMENTOS: ENTENDA CONCEITOS E APLICAÇÕESDE FARMACOECONOMIAA Aplicação da Economia a Estudos de Medicamentos Estão Cada Vez MaisFrequentes e Visa Melhorar a Eficiência dos Gastos no Sistema de Saúde. ParaProcessos Eficientes de Auditoria, é Indispensável que Auditores de Operadorase Prestadores de Serviços Tenham Conhecimento de Farmacoeconomia.• Conheça conceitos, aplicações e metodologias novas que influenciarão diretamente no seu dia-a-dia.• Saiba desenvolver métodos que auxiliam na tomada de decisões do ponto de vista econômicodentro da sua instituição através da auditoria baseada em estudos de farmacoeconomiaEstamos buscando a melhor opção para apresentar esse tema. Para a programaçãocompleta acesse: www.informagroup.com.br/auditoriaemsaude. Caso tenha interesse empalestrar, encaminhe um e-mail para: jackline.conca@ibcbrasil.com.brESTUDO DE CASO: MEDICINA BASEADA EM EVIDÊNCIAConheça o Processo de Incorporação do Rituximab e Trastuzumab para oTratamento de Pacientes com Linfomas e Neoplasias Malignas Mamárias Sob aPerspectiva da Medicina Baseada em Evidência.Maria Inez Pordeus Gadelha, AssessoraDAE/SAS/MINISTÉRIO DA SAÚDECoffee BreakAUDITORIA DE MEDICAMENTOS DE ALTO CUSTO: PAINEL DEESTUDOS DE CASOTenha Acesso a Estudos de Caso que Mostrarão os Pontos e Divergências nasNegociações entre Operadoras e Prestadores de Serviços em Relação àPrescrição de Medicamentos de Alto Custo e Leve para Dentro da Sua InstituiçãoNovas Práticas e Lições Aprendidas que Aumentarão a Eficiência da Auditoria.• Uso de Fitoterápicos em protocolos de FlebiteLeandro Ribeiro, Enfermeiro AuditorHOSPITAL NOVE DE JULHO• ImunobiológicosPaulo Pardi, Professor da Disciplina de Patologia e do Mestrado e Doutorado em BiotecnologiaUNIBANSEGURANÇA NO PROCESSO DE MEDICAMENTOSTenha um Panorama de Erros de Medicação no Brasil e no Mundo, Conheçaos Custos Associados a Erros de Medicação e Desenvolva Iniciativas eProcessos Mais Seguros.Fábio Teixeira Ferracini, Coordenador de Farmácia ClínicaHOSPITAL ALBERT EINSTEINAlmoçoOS DESAFIOS DA DESOSPITALIZAÇÃO: COMO GARANTIR SUCESSONOS PROGRAMAS DE ATENÇÃO DOMICILIAR?Veja Como o Auditor Pode Contribuir Para a Minimização dos Riscos,Diminuição dos Prejuízos da Prestação da Assistência, Aumento daQualidade de Vida e Melhorias no Atendimento Realizado aos Pacientes.Salomón Soriano Ordinola Rojas, Coordenador UTI NeurológicaHOSPITAL BENEFICÊNCIA PORTUGUESAMODALIDADES DE AUDITORIA EM ENFERMAGEMConheça Experiências de Sucesso, os Principais Desafios e Benefícios emTermos de Racionalização dos Custos e Agilização dos Processos.• Auditoria presencial: Saiba como a implantação do modelo pode melhorar os processosbilaterais, diminuir a evasão de recursos, garantir as normas contratuais e favorecer a realizaçãode uma auditoria preventiva.• Identifique e supere os principais desafios envolvendo enfermeiros e médicos assistentes.Helena Maria Romcy, Presidente e Supervisora do Setor de NegociaçãoASSOCIAÇÃO CEARENSE DOS ENFERMEIROS AUDITORES E CAFAZ SAÚDECoffee Break08h5009h0010h3010h0012h1513h0014h0014h4515h3011h00SESSÃO DE AUDITORIA DE ENFERMAGEM E FARMÁCIA
  • 4. WORKSHOP: AUDITORIA E CONFLITOS DE INTERESSEEM OPMESO surgimento de tecnologias e recursos direcionados à saúde fazcom que os tratamentos tornem-se cada vez mais caros,principalmente na área de órteses, próteses e medicamentoespeciais (OPME). É necessário encontrarmos estratégiaseficazes que possam identificar as principais divergências entreoperadoras de planos de saúde, hospitais, corpo clínico efornecedores nos processos de auditoria de OPMES e solucionaros conflitos de interesse de forma a incentivar uma gestão maissustentável dos recursos em saúde.Participe deste workshop e tenha acesso a casos práticos quepermitirão conhecer as melhores práticas em auditoria deOPMES e levar soluções para dentro da sua instituição.Principais tópicos abordados:• Conheça as melhores práticas do mercado em negociação eoperacionalização e saiba como uma auditoria eficiente pode contribuir paramelhores resultados financeiros e maior controle dos custos.• Tenha acesso a estudos de caso recentes em relação a novas tecnologias emOPMES e veja novas tendências do uso da medicina baseada em evidência naauditoria de alto custo.• TecnovigilânciaClovis Otávio Miranda Ferreira, Diretor Médico e AdministrativoGREEN LINE SISTEMAS DE SAÚDEEncerramento16h0018h00PORQUE PATROCINAR:Para mais informações sobre Patrocínio, entre em contato comnossa executiva Flávia Vidigal no telefone: (11) 3017-6897, ouencaminhe um e-mail para: flavia.vidigal@ibcbrasil.com.br• Encontre profissionais envolvidos com auditoria e negociaçõescomerciais das principais operadoras de planos de saúde eprestadores de serviços e não perca a oportunidade de construirrelacionamentos.• Potencialize novos negócios por meio da promoção da sua marca,produtos, serviços e tecnologias mais recentes.• Aproveitem oportunidades flexíveis de patrocínio que se adequama seus objetivos.
  • 5. Motivos para comparecer:Sessão Mercado e Regulação Sob a Ótica da Auditoria• Tenha uma visão completa das principais questões em auditoria queenvolvem operadoras de planos de saúde, prestadores de serviços e órgãosregulatórios e se antecipe quanto às mudanças.• Atualize-se quanto às novas técnicas e tratamentos sob a ótica da saúdebaseada em evidência e conheça seus impactos em auditoria.• Conheça estratégias, metodologias e estudos para avaliação de novastecnologias e tenha acesso às medidas mais modernas.• Desvende os principais conflitos de interesse em oncologia e desenvolvauma auditoria mais eficiente em termos de custos e com melhoresresultados em qualidade.• Veja qual o papel do auditor em novos modelos de remuneração eidentifique as mudanças que estão por vir.• Discuta os aspectos bioéticos da auditoria e saiba como impactam nasatividades dos médicos, pacientes, prestadores de serviços e operadoras deplanos de saúde.• Saiba como a auditoria pode contribuir para evitar e responder casos dejudicialização e de NIPs da ANS.Sessões Auditoria de Contas Médicas• Conheça novas estratégias e soluções compartilhadas em termos deauditoria de contas médicas e veja como são resolvidos os principaisconflitos de negociação.• Saiba como superar as divergências em relação ao envio de pacientes parasegunda opinião médica.• Tenha acesso a novas técnicas, procedimentos e tecnologias em cirurgiasde grande porte e encontre soluções práticas que propiciarão uma auditoriamais eficiente.• Descubra a importância da auditoria em fisioterapia e veja por quedevemos dar importância a essa área.• Conheça casos práticos de cirurgias robótica e minimamente invasivas,discuta a superioridade em relação às técnicas convencionais e saiba comopreparar-se para uma auditoria eficiente nesse contexto.Sessões Auditoria de Enfermagem e Farmácia• Entenda conceitos e aplicações de farmacoeconomia na auditoria demedicamentos e saiba como melhorar a eficiência dos gastos no sistema de saúde.• Tenha acesso a estudo de caso de Medicina Baseada em Evidência e deauditoria de medicamentos de alto custo (fitoterápicos e imunobiológicos).• Conheça os desafios da desospitalização e saiba como, por meio daauditoria, gerenciar custos, riscos e qualidade.• Tenha acesso a experiências de sucesso em auditoria presencial e saibacomo superar os desafios em termos de racionalização dos custos eagilização dos processos.Informações:Tel.: 11 3017-6847jackline.conca@ibcbrasil.com.brwww.informagroup.com.br/auditoriaemsaudeConsulte-nos sobre descontosespeciais para grupos
  • 6. E-MAIL:customer.service@ibcbrasil.com.brCONDIÇÕESGERAISDEINSCRIÇÃOABCDEFGHIJKLMNInsiranocampoabaixoocódigoqueseencontranaetiquetadeendereçamentoCódigoCódigodaetiquetaLadosuperiordireitoLocaleDataAssinaturaeCarimbodaEmpresaCargo:DADOSSOBRECOBRANÇANomedocontato:Cargo:E-mailp/enviodeNF-e:Tel.:Fax:Endereço:Cidade:Estado:CEP:Valorespecialparainscriçõesaté12/04/13*Valorespecialparainscriçõesaté22/03/13*Valorparainscriçõesapós22/03/13AuditoriaparaaCadeiadeSaúdeData:Local:4MANEIRASRÁPIDASDEENTRAREMCONTATOCONOSCOTELEFONE:55113017-6888FAX:0800114664BlueTreePaulistaR.FreiCaneca,80SãoPauloConferência:12deJunhode2013Workshop:12e13deJunhode2013ConferênciaR$3.095,00R$3.295,00R$3.695,00EventoCompletoR$4.195,00R$4.395,00R$4.795,00Nome:Cargo:CPF:Depto.:E-mail:RazãoSocial:NomeFantasiadaEmpresa:RamodeAtividade:CCM:CNPJ:Insc.Estadual:EndereçoComercial:CEP:Cidade:Estado:Telefone:()Celular:()Fax:()NºdeFuncionários:[]01-99[]100-199[]200-499[]500-999[]1.000-1.999[]2.000-4.999[]acimade5.000Sup.Imediato:Cargo:Nomep/contato:Área:Autorizooenviodeinformaçõesdaempresaportodososcanaisdecomunicação.Casonãoqueirareceberinformações,favorenviare-mailparacadastro@ibcbrasil.com.brFICHADEINSCRIÇÃO-AuditoriaparaaCadeiadeSaúde-DY0610413SITE:www.informagroup.com.br/auditoriaemsaude9912247475-DR/SPMIIROInformaGroupplcestápresentenoBrasilenaAmericaLatinapelasmarcasIBCeIIR.PlanejamentoeOrganizaçãodoseventosnoBrasil:IIRInformaSemináriosLtda.EconomizeR$600EconomizeR$400Fechamentoautorizado,podeserabertopelaECTRecebamaisinformaçõesdoeventodigitalizandooQRcodecomoseuSmartphone[]BoletoBancário[]CartãodeCrédito*__Amex__Visa__Mastercard__DinersFORMASDEPAGAMENTOEmissãodeboletorestritaaté3diasantesdoevento.Apósestadata,favorcontataraCentraldeAtendimentopelotelefone1130176888oue-mailcustomer.service@ibcbrasil.com.br.Aparticipaçãodoinscritoestarácondicionadaàefetivacomprovaçãodepagamentodainscriçãoantesdarealizaçãodoevento.Tel.p/Informaçãodocartão:______________PessoadeContato:_________________*10diasantesdadataderealizaçãodoevento,entraremosemcontatoportelefoneparaefetuarmosacobrança.Nãoenvieosdadosdecartãodecréditonesteformuláriooupore-mail.Leveestetópicoparasuaempresa.Treinamentoin-company:www.iir-incompany.com.br|incompany@iir.com.br*Descontonãocumulativo,válidosomenteparainscriçãoepagamentoantecipados.(1)ATENÇÃO:Osvaloresacimaincluemosimpostosquedevemserrecolhidospelafontepagadoraemconformidadecomalegislaçãovigente(RegulamentodoISS-Decreto53.151/2012daSecretariaMunicipaldeFinançasdeSãoPauloeoRegulamentodoImpostodeRenda–RIR/99).PedimosagentilezadeentraremcontatocomnossacentraldeatendimentoparadetalhessobreovaloraserpagoparaaIIRInformaSeminários,antesdeefetuaropagamentodainscrição.(2)APARTICIPAÇÃODOINSCRITONOEVENTOSOMENTESERÁPERMITIDAAPÓSACOMPROVAÇÃODEPAGAMENTODAINSCRIÇÃOANTESDAREALIZAÇÃODOEVENTO.PORTANTOMESMOQUEAINSCRIÇÃOTENHASIDOEFETUADAEOPAGAMENTONÃOTENHASIDOREALIZADOENÃOCONSTEPEDIDODECANCELAMENTO,OINSCRITODECLARAESTARCIENTEDACOBRANÇADAINSCRIÇÃO.AinscriçãoseráconfirmadaapósaOrganizadorareceberestafichapreenchida,assinadaecarimbada.CANCELAMENTOSESUBSTITUIÇÕES:Oscancelamentospodemserfeitossemônusouencargosaté10diasantesdoevento.Apósestadata,assubstituiçõespodemserfeitassemônus,masoscancelamentosterãoumataxaadministrativadeR$500,00.Emtodososcasos,solicitamosinformaraOrganizadorasobrequalqueralteraçãoatéàs12hdavésperadoevento.Osinscritosquenãocancelaremsuaparticipaçãosegundoascondiçõesacimadescritas,enãocompareceremaoevento,serãocobradosnovalorintegralacordado.Todasasnotificaçõesdevemserfeitasporescritopelofax,e-mailouendereçoindicadosnestaficha.ALTERAÇÃODEPROGRAMA:Onossocompromissoéforneceradiscussãoeoestudodetemasecasosrelevantesporpalestranteshabilitados.Eventuaisalteraçõesnoprogramaserãodecorrentesdecasofortuitoouforçamaior.Naeventualidadedealgumpalestrantenãocomparecer,envidaremosmaioresesforçospossíveisparasubstituiroexecutivoausenteporoutroaptoapromoveradiscussãodotemaconformeprogramado.Contudo,talempenhonãoimplicaemgarantiadasubstituição.Aoassinarestedocumento,concordocomostermosacimapactuados.OInformaGroupnãoseresponsabilizaporobjetospessoaisdeixadosemsala,taiscomonotebooks,celulares,bolsas,entreoutros.SessãoAuditoriaMédicaSessãoAuditoriadeEnfermagemeFarmácia