Your SlideShare is downloading. ×
0
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Elementar, meu caro doctor
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Elementar, meu caro doctor

296

Published on

Published in: Lifestyle
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total Views
296
On Slideshare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

Report content
Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
No notes for slide

Transcript

  • 1. Centro de Tecnologia da Indústria Química e TêxtilFaculdade SENAI-CETIQTCurso de Bacharelado em Design Habilitação: ModaMaria Carolina Reis“Elementar, Meu caro Doctor.”Desenvolvimento de coleção de moda feminina e masculina voltada para o públicogeek jovem.Luciana Montenegro15 de junho, 2012 - Rio de Janeiro
  • 2. Tema Desenvolvimento de uma coleção de moda feminina e masculina, voltada para o público geek e alternativo, tendo como inspiração o conto “Elementar, meu caro Doctor”, levando em conta as figuras de linguagem pertencentes ao texto e indumentária dos personagens retratados no mesmo. Problema • Quais aspectos da indumentária presentes no conto“Elementar, meu caro Doctor” podem ser considerados para o desenvolvimento da coleção proposta?   • Como transpor as figuras de linguagem expressas no conto em elementos de moda – como estampas,modelagens e aviamentos – que possam ser utilizados no desenvolvimento de tal coleção voltada para o público geek?  
  • 3. Hipótese•Buscar elementos que se destacam no conto (cores, texturas, figurinos, tecidos,figuras de linguagem e até mesmo personalidades dos personagens).•Desconstrução de elementos do texto (figuras de linguagem, cenários e seres) paraelaboração das peças.
  • 4. Objetivo Preencher determinada lacuna no mercado de moda, direcionada para o públicoGeek, atendendo aos seus desejos e que mantenha-se fiel ao tema, às figuras delinguagem e dos personagens utilizados como inspiração para a elaboração da coleção. JustificativaSuprir as necessidades do público geek, quando trata-se de artigos voltados à moda.Coleção com elementos chaves do conto e dos personagens Doctor Who e SherlockHolmes.
  • 5. Metodologia da Pesquisa Tema• Caracterização de Personagens.• Filmes, episódios de série e livros sobre ambas as séries. Público Alvo• Entrevistas.•Ida à encontros de ambas as séries e/ou à eventos destinados ao público geek.• Entender porque esse público alvo necessita diferenciar-se dos demais.
  • 6. Desenvolvimento de coleção• Pesquisa de coleções que remetam aos personagens das séries.• Desconstrução de elementos do conto “Elementar, meu caro Doctor” paraadequação às peças.•Estudo de texturas, formas e materiais. Concorrentes• Marcas mais citadas pelo público (dados retirados das entrevistas feitas). Sendoestas, as que utilizam e as que desejariam utilizar.• Possíveis marcas, fora desse grupo citado acima, que poderiam se tornarconcorrentes.
  • 7. Sumário1. Introdução2. Sobre o Conto.3. Tardis rumo a Baskerville (Outras produções midiáticas sobre os personagensDoctor Who e Sherlock Holmes.4. Público Alvo.5. Concorrentes.6. Desenvolvimento de coleção.7. Coleção.8. Conclusão.9. Referências.10. Anexos. 10.1. O conto “Elementar, meu caro Doctor.”
  • 8. apresentar em um slide cronograma
  • 9. Pesquisa Preliminar Doctor Who• É a mais antiga série de ficção científica existente, produzida pela BBC. Criada em1963.• Sua maior característica são os efeitos especiais baratos, a trama que prende a atençãodo espectador de imediato, histórias inusitadas e pelo uso pioneiro de música eletrônicaem séries de TV.• Doctor Who também deu origens há algumas séries e micro-séries, também produzidase transmitidas pela BBC.
  • 10. Sherlock Holmes• Personagem clássico da literatura britânica, Sherlock Holmes foi criado por Sir. ArthurConan Doyle em 1887 e teve a sua primeira aparição no conto “Um Estudo emVermelho.”.• É conhecido mundialmente por ser um “detetive consultor”profissão que o mesmocriara.• Mantendo a base das trama inicial, BBC, criadora de Doctor Who, criou uma sériedenominada, apenas, Sherlock. O diferencial da mesma é explícito a partir do momentoem que as histórias tão famosas de Sherlock Holmes são retratadas na atualidade.
  • 11. 2. Sobre o Conto Breve introdução sobre o que o capítulo se refere e seus sub-capítulos.2.1. “Elementar, meu caro Doctor.” – Resumo2.2. Inspiração Séries britânicas Sherlock e Doctor Who, criadas pelocanal de TV BBC.
  • 12. 2.3. Personagens2.4. Aliens
  • 13. 2.5 - Cenários
  • 14. 2.5 - Cenários
  • 15. 2.5 - Cenários
  • 16. Público AlvoO que é Geek?Estilo que engloba aqueles que são obcecados por jogos eletrônicos e de tabuleiro, artigoseletrônicos, além de filmes com temática de ficção-científica e séries do mesmo gênero.O Público de “Elementar, meu caro Doctor”.Voltada para jovens e adultos entre 15 anos e 30 anos de idade, que passam boa parte do tempoconectados a internet e divertindo-se com seus vídeo-games, “Elementar, meu caro Doctor”,vem trazer um pouquinho da Inglaterra de Sherlock Holmes e Doctor Who para os amantes deambas as séries. São grupos de pessoas que, na maioria das vezes, ainda vivem com os pais,embora possuam algum emprego ou bico no fim de semana, cujo dinheiro é destinado para osartigos únicos e tecnológicos que colecionam. Viciados em café e séries, são jovens que estãosempre “conectados” ao mundo. A seguir, um breve fichamento feito através de pesquisa emmídias sociais e breve levantamento entre amigos que possuem determinado estilo, de garotas egarotas que denominam-se geeks.
  • 17. Painel deConsumo
  • 18. Painel deDesejos
  • 19. PainelMusical
  • 20. Painel deHábitos
  • 21. Painel deEstilo
  • 22. Análise de Concorrentes
  • 23. REFERÊNCIAS[1]. BARNARD, Malcolm. Moda e Comunicação. Editora Rocco, 2003[2]. CADA MINUTO. Artigo: Geek ou Nerd? (Link: http://cadaminuto.com.br/noticia/2011/05/25/geek-ou-nerd-hoje-e-o-dia-dos-apaixonados-por-tecnologia) [3]. I LIKE IT BRITISH. (Link: https://www.facebook.com/IlikeItBritish) [4]. PARK, Orlando. The Sherlock Holmes Encyclopedia: A Complete Guide to the People, Towns,Streets, Estates, Rail. Editora Carol Publishing Corporation, 1994[5]. PORTAL Doctor Who/Tv Cultura. (Link: http://tvcultura.cmais.com.br/doctorwho/)  [6]. Q VIZU. (Facebook: https://www.facebook.com/pages/Qizu/117873014931454#!/pages/Q-Vizu/117873014931454)[7]. RUSSEL, Gary. Doctor Who Encyclopedia, Londres. Editora BBC Books, 2007.[8]. TEE FURY. Loja Virtual. (Link: http://www.teefury.com/)[9]. THINK GEEK. Loja Virtual. (Link: http://www.thinkgeek.com/) 

×