• Like
III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Luciane Gorgulho - Parte 2
Upcoming SlideShare
Loading in...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

III Seminário Banco do Nordeste de Política Cultural - Luciane Gorgulho - Parte 2

  • 309 views
Published

 

Published in Education
  • Full Name Full Name Comment goes here.
    Are you sure you want to
    Your message goes here
    Be the first to comment
    Be the first to like this
No Downloads

Views

Total Views
309
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
0

Actions

Shares
Downloads
0
Comments
0
Likes
0

Embeds 0

No embeds

Report content

Flagged as inappropriate Flag as inappropriate
Flag as inappropriate

Select your reason for flagging this presentation as inappropriate.

Cancel
    No notes for slide

Transcript

  • 1. Fase Patrocínio• Apoio a Projetos de Restauração do Patrimônio Histórico e Arqueológico Brasileiro (Lei Rouanet)• Apoio a Projetos de Preservação de Acervos (recursos próprios)• Apoio ao Cinema Nacional (Lei Audiovisual)• Gestão do Espaço BNDES(recursos próprios) > Música e Artes Visuais
  • 2. Fase Atual: Patrimônio Grupo I Projetos Integrados • revitalização de cidades históricas, centros históricos ou outros perímetros • dinamização econômica a partir de ações de preservação do patrimônio cultural; Grupo II Monumentos Isolados • Restauro de monumentos tombados individualmente pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN); Grupo III Instituições Culturais • Restauro e adaptação de monumentos para abrigar instituições de alta relevância cultural ou histórica Grupo IV Patrimônio Natural • Recuperação da infra-estrutura de sítios considerados patrimônio natural, arqueológico ou geológico
  • 3. Fase Atual : Acervos Grupo I Projetos Âncora • Âncora em Rede • Âncora Aglutinador Grupo II Projetos individuais
  • 4. Fase Atual: Cinema Grupo I Projetos com potencial comercial • Potencial de bilheteria • Distribuição garantida • Foco na produtora: Plano de Negócios Grupo II Projetos com potencial de premiações • Foco em festivais • Potencial de comercialização no mercado externo Grupo III Animação • 3 produções a cada ano Grupo IV Documentários • Não concorre com demais
  • 5. Ações no Setor Audiovisual
  • 6. Orientações Estratégicas Foco na cadeia produtiva Introduzir lógica de mercado no setor (ao invés de patrocínio) Estimular busca por rentabilidade Induzir maior profissionalização, governança
  • 7. O apoio do BNDES ao Audiovisual
  • 8. Edital de Cinema
  • 9. PROCULT - Financiamento
  • 10. PROCULT - Financiamento
  • 11. PROCULT – Financiamento: Operações realizadas (R$ milhões) Em R$ Milhões 12 complexos financiados (72 salas); investimento total de R$ 58,6 milhões Infraestrutura; 17,90 Exibição; 39,02 4 cinema e 3 séries TV (animação) Produção; 19,73 Distribuição; 14,00 Valor Total: R$ 94,25 milhões (incluindo FSA =R$ 3,6 milhões)
  • 12. Programa Cinema Perto de Você (FSA) Apoio a projetos de implantação e ampliação de Complexos de Exibição com no mínimo 3 salas PROCULT1) Modalidade de Financiamento Remuneração Total: 0%, 1% ou 4% fixos Prazo: 10 anos2) Modalidade de Investimento Retornável (FSA) • Participação nos Resultados do Projeto • Retorno esperado: principal corrigido pelo IPCA • Prazo: até 15 anos
  • 13. Procult-Financiamento: produção para TV Associação de apoio não reembolsável (Lei do Audiovisual – Art.1º A ) e empréstimo (PROCULT- Financiamento) Investimentos Apoiáveis: produção de projetos audiovisuais seriados de Ficção, Animação ou Docs para TV Requisitos: • Contrato Internacional de Co-Produção, com participação da empresa brasileira de, no mínimo, 40% • Contrato de Distribuição Internacional • Exibição em canais ou redes de radiodifusão brasileiros
  • 14. Procult-Financiamento: produção para TV Resultados:Peixonauta/Fishtrounaut (TV Pinguim,originalmenteem parceria com Breakthrough)1ª temporada lançada em 2008. 1ª série de animaçãovendida para Discovery Kids Latin America. Vendaspara mais de 65 países. Líder em audiência naDiscovery no Brasil.Escola pra Cachorro/Doggy Day School (Mixer comparceiro canadense City Amérique)1ª temporada lançada em 2008. Financiada também a2ª temporada (em produção)Meu Amigãozão/My Big Big Friend (2DLab comparceiro canadense Breakthrough)Vencedor do Licencing Challenge no MIPCOM Jr. 2007.1ª temporada lançada em julho/2010.
  • 15. FUNCINEsFundo de Financiamento da Ind Cinematográfica Nacional Criados pela MP 2.228/01 de 6/09/2001 e regulamentados pela CVM, Instrução Normativa CVM 398/03 de 28/10/2003 Dedução Fiscal: investidores têm direito a dedução fiscal correspondente a 100% do valor investido, até o limite de 3% do imposto de renda a pagar (pessoa jurídica) e 6% (pessoa física) Instrumento estruturante da cadeia produtiva Gestão profissional (gestor financeiro privado) Processo decisório: Comitê de Investimentos Melhoria da governança, profissionalização e transparência dos projetos e empresas investidas (auditoria, fiscalização CVM) Melhoria da gestão: foco na rentabilidade nos projetos, maior agilidade no investimento
  • 16. FUNCINEsFundo de Financiamento da Ind Cinematográfica Nacional Fundos em Operação Patrimônio Fundo Foco do Fundo Participação BNDES % Comprometido Diversificado: Produção,FUNCINE RB CINEMA I Comercialização, Empresas 15.050 10.000 66% Distribuição (Produção eFUNCINE LACAN DOWNTOWN Comercialização) 14.089 7.920 56% Séries de Animação para TVFUNCINE ANIMA SP 5.700 4.000 70% Diversificado: Produção,FUNCINE INVESTERIO (*) Comercialização, Exibição, 18.000 9.000 50%Total 52.839 30.920 59%(*) desembolsados R$ 3 milhões Fundos em Captação Patrimônio Fundo Foco do Fundo Participação BNDES % Comprometido Diversificado: Produção,FUNCINE INVESTIMAGE Comercialização, Exibição, entre entre R$ 4 e 9 mm 70%Total entre R$ 6 e 12 mm entre R$ 4 e 9 mm Investimentos já realizados: R$ 34,7 milhões produção de 25 filmes (equity, avanço e P&A) capitalização de 2 empresas
  • 17. Programa BNB de Cultura Convênio BNB-BNDES 2009-2010 - R$ 6 milhões 2011-2012 - R$ 8 milhões
  • 18. O apoio do BNDES ao Audiovisual Desembolsos do Sistema BNDES – setor audiovisual (R$ mil) (2005/2010) ANO Valor 2005 15.521 2006 5.285 2007 29.116 2008 35.759 2009 31.301 2010 48.249 TOTAL 165.230 Desembolsos do Sistema BNDES – por produto (R$ mil) (2005/2010) BNDES - Indireto BNDES - DiretoAno/Produto BNDES Total Geral Cartão Total Financia Não Investimento Total Autom Finame Outros BNDES Indireto mento Reemb. /RV Direto ático 2005 2.488 0 203 2.691 3.500 0 9.330 0 12.830 15.521 2006 5.280 5 0 5.285 0 0 0 0 0 5.285 2007 1.080 77 119 1.276 6.970 0 20.870 0 27.840 29.116 2008 84 251 498 833 22.242 1.684 11.000 0 34.926 35.759 2009 1.625 1.226 120 2.971 15.053 2.945 10.332 0 28.330 31.301 2010 2.136 1.929 1.128 5.193 20.159 3.565 7.895 11.437 43.056 48.249TOTAL 12.693 3.488 2.068 18.249 67.924 8.194 59.427 11.437 146.982 165.230
  • 19. Resultados
  • 20. Total do apoio do BNDES à Economia da Cultura (R$ Mil) S e to re s 2005 2006 2007 2008 2009 T o ta l P A T R IM Ô N IO C U L T U R A L 1 3 .0 3 6 1 1 .1 9 1 1 2 .1 3 8 1 8 .0 5 8 2 8 .4 3 0 8 2 .8 5 3 A U D IO V IS U A L 1 5 .5 2 1 5 .2 8 5 2 9 .1 1 6 3 5 .7 5 9 2 2 .6 6 1 1 0 8 .3 4 2 IN D Ú S T R IA F O N O G R Á F IC A 108 - 989 1 .3 2 2 2 .8 3 8 5 .2 5 7 E D IT O R A S E L IV R A R IA S 1 1 .4 9 2 3 3 .0 7 5 9 .0 6 3 5 8 .0 3 6 9 3 .1 5 4 2 0 4 .8 2 0 R Á D IO E T V 423 291 2 .4 2 6 2 4 .7 6 1 2 4 .6 7 7 5 2 .5 7 8 A RTES E ESP ETÁCU LO S 1 .4 5 4 488 2 .3 4 5 1 .2 3 2 1 1 .4 0 8 1 6 .9 2 7 OUTROS 646 7 .0 0 0 2 .3 6 6 8 .6 5 8 2 .7 3 2 2 1 .4 0 2 TO TAL 4 2 .6 8 0 5 7 .3 3 0 5 8 .4 4 3 1 4 7 .8 2 6 1 8 5 .9 0 0 4 9 2 .1 7 9 2009: + R$ 1 bilhão 2012: Renovação do Programa
  • 21. Luciane GorgulhoÁrea IndustrialDepartamento de Cultura, Entretenimento e Turismogorgulho@bndes.gov.br