DevCommerce Conference 2016: Evolução do legado

133 views

Published on

Daniel Braga, Engenheiro de Software da Braspag, palestrou sobre "Evolução do legado", no DevCommerce Conference 2016.

O DevCommerce Conference 2016 aconteceu nos dias 06 e 07 de junho de 2016, no Hotel Tivoli em São Paulo-SP http://devcommerce2016.imasters.com.br/

Published in: Education
0 Comments
0 Likes
Statistics
Notes
  • Be the first to comment

  • Be the first to like this

No Downloads
Views
Total views
133
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
2
Actions
Shares
0
Downloads
0
Comments
0
Likes
0
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

DevCommerce Conference 2016: Evolução do legado

  1. 1. Daniel Braga dbraga@braspag.com.br Do legado à Black Friday 11 anos de evolução em engenharia e cultura na Braspag
  2. 2. O que é legado
  3. 3. Baixa manutenibilidade
  4. 4. Complicado
  5. 5. Documentação escassa
  6. 6. Métricas escassas
  7. 7. Ok, mas então porque o sistema nasce assim?
  8. 8. Concepção
  9. 9. Pois é, também foi assim conosco
  10. 10. 2005-2012 98% de disponibilidade (em contrato) Grande solução monolítica Projetos sem padrão Sem testes automatizados Deploy grande e manual Indicadores de performance irregulares
  11. 11. 2013: início de uma nova era
  12. 12. Reestruturação de projetos CoreTEF Boleto Crédito Débito Sub- acquirers Mobile Crédito Débito Boleto Mobile Sub-acquirers TEF Plataforma Ecommerce
  13. 13. Como garantir que vai continuar funcionando?
  14. 14. Formação de uma cultura de testes Investimento em treinamentos Prática Tech Talks Primeiros testes integrados
  15. 15. Real Time Logging  Logs: de arquivos texto para base de dados  Interface de consulta em tempo real Request API Transacional Base Transacional Base de Logs Async! Backoffice
  16. 16. 2013-2014
  17. 17. Estratégia de Branches Falta de sincronia com código de produção Código sincronizado durante toda a iteração Risco ao fazer ajustes emergenciais Redução significativa de riscos Retrabalho Garantia do ongoing
  18. 18. Substituição gradual de código por tecnologias “Test Friendly” Antes Depois Jobs (vbs) Windows Services (.NET) ASP Clássico ASP.NET MVC Web Services SOAP API RESTful Injeção de dependência Testes de unidade Métricas de código
  19. 19. Code Review Code CompleteCoding Done Code Review Review Comment Review Complete
  20. 20. Automação de Build e Continuous Integration CheckIn Source Control Build Server Build Testes de unidade Testes de integração Análise estática de código Coleta de métricas de código Validação de arquitetura F e e d b a c k Developer
  21. 21. Redução de 99% no tempo máximo de indisponibilidade contratual
  22. 22. Redução de 85% no tempo de resposta
  23. 23. Monitoria da performance do negócio
  24. 24. Modelo de maturidade Nível 100 Nível 200 Nível 300 Nível 400 Nível 500 Build & Deploy Código Fonte Metodologia Qualidade
  25. 25. Métricas lean em tempo real
  26. 26. Lições aprendidas Disciplina e trabalho em equipe Integração com áreas de negócios Qualidade é/deveria ser inegociável
  27. 27. Resumindo, como é hoje 1 deploy mensal 5 deploys semanais Black Friday Processamento do triplo de um volume habitual Release manual Release automatizada 100% de disponibilidade Tempo de resposta estável
  28. 28. Obrigado! Daniel Braga dbraga@braspag.com.br https://www.facebook.com/braspagdevelopers

×