Bactérias e Vírus

80,855 views
82,683 views

Published on

Breve introdução ao papel de vírus e bactérias na transmissão de doenças

Published in: Education
9 Comments
37 Likes
Statistics
Notes
No Downloads
Views
Total views
80,855
On SlideShare
0
From Embeds
0
Number of Embeds
6
Actions
Shares
0
Downloads
2,417
Comments
9
Likes
37
Embeds 0
No embeds

No notes for slide

Bactérias e Vírus

  1. 1. Vírus e Bactérias Isabel Lopes Alguns slides adaptados de: José Correia , Mariana Batista, Nuno Oliveira e Ruben Sousa Fev .2008
  2. 2. Vírus e Bactérias AR (espirros, tosse) ÁGUA RELAÇÕES ALIMENTOS SEXUAIS FERIDAS IL 2010 2
  3. 3. Vírus e Bactérias AR (espirros, tosse) ÁGUA RELAÇÕES ALIMENTOS SEXUAIS FERIDAS IL 2010 3
  4. 4. Sistema Imunitário No nosso organismo existem células, Linf. T tecidos e órgãos envolvidos na sua defesa contra agentes estranhos. Agentes patogénicos: bactérias, vírus, fungos e protistas causadores de doenças Linf NK Ultrapassar as barreiras do organismo Resistir e multiplicar-se Destruir tecidos do hospedeiro IL 2010 4
  5. 5. Diversidade IL 2010 5
  6. 6. Vamos falar de… Vírus - O que são; - Morfologia; - Algumas Doenças; Bactérias - O que são; - Morfologia, estrutura e tipos de bactérias; - Aspectos positivos e negativos; H1N1 e HIV - Factos; - Tratamentos e Prevenção; IL 2010 6
  7. 7. Vírus – O que são? Seres acelulares que não apresentam nenhuma actividade a não ser que parasitem uma célula hospedeira – parasitas intracelulares obrigatórios; Todos são constituídos por DNA ou RNA que se vai ligar ao DNA ou ao RNA da célula hospedeira, podendo ainda conter enzimas que ajudam nas reacções de “ataque” à célula; Penetram nas células maioritariamente por endocitose; São incapazes de se reproduzir e de realizar o metabolismo de modo autónomo. IL 2010 7
  8. 8. Vírus - Morfologia Envelope Nucleocapsídeo Nucleoproteínas Figura de Mariana Batista 12ºA 2008 Capsídeo Ácido núcleico: DNA ou RNA IL 2010 8
  9. 9. Vírus - Doenças As vacinas constituem as soluções mais eficientes de combate aos vírus! Dengue: Vírus transmitido por mosquito infectado das espécies Aedes aegypti e Aedes albopictus Febres, dores no corpo, manchas na pele e hemorragias Apareceram mosquitos na ilha da Madeira há dois anos mas não estavam infectados Raiva: Vírus transmitido por animais infectados Importância da vacinação animal, o Homem só deve ser vacinado em caso de risco de exposição ao vírus Mortal na maioria dos casos IL 2010 9
  10. 10. Vírus – Doenças (continuação) As vacinas constituem as soluções mais eficientes de combate aos vírus! Rubéola: Vírus transmitido por via respiratória Doença em regra benigna, excepto para mulheres grávidas, pois pode afectar o desenvolvimento embrionário/fetal Vacina constituída por formas atenuadas do vírus, sendo altamente eficaz, no entanto provoca a doença em 15% dos casos Sarampo: Vírus transmitido por via respiratória Vacina eficiente em 95 % dos casos Não existe cura, os tratamentos apenas reduzem os sintomas IL 2010 10
  11. 11. Vírus – Doenças (continuação) As vacinas constituem as soluções mais eficientes de combate aos vírus! Gripe: Vírus transmitido por via respiratória O novo vírus da Gripe A-H1N1, que apareceu recentemente, é um novo subtipo de vírus que afecta os seres humanos. Este novo subtipo contém genes das variantes humana, aviária e suína do vírus da Gripe e apresenta uma combinação nunca antes observada em todo o Mundo. É transmissível entre os seres humanos através de gotículas libertadas quando uma pessoa fala, tosse ou espirra IL 2010 11
  12. 12.  Sintomas: Gripe das  Febre alta; Aves  Dores musculares;  Dificuldades e problemas respiratórios;  Modos de contágio:  Contacto directo com secreções de aves infectadas;  Água, alimentos e roupas contaminadas;  Através do ar; IL 2010 12
  13. 13. Vírus – SIDA HIV= Vírus da Imunodeficiência Humana Família dos Retro-vírus; RNA em cadeia simples; Dois subtipos: HIV-1 e HIV-2; Transmite-se através de fluidos corporais: sangue, fluidos sexuais, etc.; Origina Síndrome da imunodeficiência Humana (SIDA); IL 2010 13
  14. 14. 1 HIV Ligação das proteínas do envelope e da membrana celular 2. Ligação e Fusão da membrana celular e vírica 1. HIV Entrada Libertação de RNA e partículas víricas no citoplasma (RT, integrases e proteases) 3. Entrada de partículas virais no Núcleo 4.Transcrição reversa, integração do DNA viral 6 Transcrição da cadeia de 6. Desenvolvimento do RNA viral a DNA de cadeia novo vírus e maturação dupla Formação do virião Integrase “corta” a cadeia 5. Tradução DNA celular e introduz DNA Protease “corta”e Produção de partículas estrutura as proteínas viral 14 víricas pela maquinaria celular IL 2010
  15. 15. Vírus – SIDA HIV= Vírus da Imunodeficiência Humana Descrita pela primeira vez em 1981, estima-se que tenha tido origem em 1930, na África central; Ataca principalmente linfócitos T , fundamentais para coordenação das defesas do organismo; Quando o número de linfócitos T é reduzido (<200 por ml) há colapso do sistema imunitário e aparecimento de doenças oportunistas e tumores que podem originar a morte do doente; Existem tratamentos para a SIDA, que conferem diminuição da progressão viral; Não existe cura conhecida, sendo que o mais importante é a prevenção; (uso de PRESERVATIVO!) IL 2010 15
  16. 16. Bactérias – O que são?  Descobertas por Anton van Leeuwenhoek em 1683;  São organismos unicelulares, procariontes e pertencem ao reino Monera;  Podem ser encontradas sozinhas ou em colónias;  Podem ser prejudiciais ou úteis para o meio ambiente e para os seres vivos; IL 2010 16
  17. 17. Bactérias Morfologicamente as bactérias podem ser classificadas de acordo com a sua forma e com o grau de agregação Coco – forma esférica ou sub-esférica; Bacilo – forma de bastonete; Vibrião – forma de vírgula; Espirilo – forma espiral/ondulada; Espiroqueta – forma acentuada de espiral; Diplococo – forma esférica ou sub-esférica e agrupadas aos pares; Estreptococos – assemelha-se a um "colar de contas’’; Estafilococos – forma de “cacho de uva”; Sarcina – forma cúbica, formada por 4 ou 8 cocos simetricamente dispostos; IL 2010 17
  18. 18. Bactérias - Estrutura A estrutura de uma bactéria é a mesma das células procarióticas:  Nucleóide;  Plasmídeos  Hialoplasma;  Membrana celular ;  Parede celular bacteriana;  Pili ou Fímbrias;  Flagelo;  Ribossomas  Cápsula bacteriana IL 2010 18
  19. 19. Bactérias Aspectos negativos • As bactérias são responsáveis por muitas das doenças; • Indivíduos podem ser infectados por contacto directo com material infectado, pelo ar, comida, água e por insectos. Aspectos positivos • Muitas bactérias são simbiontes; • Participam na decomposição de compostos; • São usadas pela biotecnologia. IL 2010 19
  20. 20. Reprodução BIPARTIÇÃO CONJUGAÇÃO IL 2010 20
  21. 21. Dúvidas? Exercícios pág. 132 e 136 IL 2010 21

×